História Te Odiando e Aprendendo a Te Amar - Park Chanyeol (Long Fic) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Personagens Originais
Tags Chany, Chanyeol Policial, Long Fic Chanyeol, Park Chanyeol, Spoiler Temporada 2
Visualizações 17
Palavras 784
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Literatura Feminina, Luta, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura
Dumbaaas 🇯🇵
💋💐💋💐💋💐

Capítulo 2 - 2 - 1


Fanfic / Fanfiction Te Odiando e Aprendendo a Te Amar - Park Chanyeol (Long Fic) - Capítulo 2 - 2 - 1

Meu pai tinha problema de ansiedade, então pra acalma-lo eu tinha que conversar com ele, e o grande pé no saco era que ele nunca mudava de assusto sempre falando sobre o Cácete da empresa, e quando ele ficava indeciso (outra crise de ansiedade) sobre alguma coisa no seu trabalho, eu ajudava ele com os meus palpites e sobre os lados ruins de cada opção, então ele sempre me envolvia nos negócios dizendo que fui eu que ajudei nas suas grandes decisões que levaram a empresa ao grande sucesso, cada jurídico me venerava por ser filha do chefão, ser bonita e esforçada. Tanto que meu pai me avisou que quando eu completar 23 eu vou me casar com alguém que além de tão responsável como eu, seja filho do chefe de uma das empresas que encorajaram meu pai a entrar no mundo do comércio, espero que esse filho do chefão dos sonhos do meu pai tenha menos de 30 anos, por que se for mais Velho, vou fazer ele esperar plantado por mim no altar, mas quando meus pais se divorciaram, minha mãe se recusou a deixar meu pai me envolver nos negócios dele, assim me obrigou a ficar na empresa do meu padrasto, minha mãe mesmo sabendo que aquilo não era pra la de chique aceitou isso pra não me envolver na imagem do meu pai e sim na imagem dela. Meu padrasto Guide é o presidente da CIA, O carinho dele por mim era tudo que eu queria do meu pai, interrompendo qualquer coisa envolvida no trabalho pra me dar a atenção que meu pai não me deu, eu contei literalmente todos os meus segredos pra ele e o mesmo me consolou e me apoiou mesmo estando errada.

 queria ir pra onde meus descendentes nasceram... Brasil... aaaa... Brasil, o país tão bonito, pena que a política uma bosta, não tem em quem confiar naquela budega... como eles falam... kkkk... Eu aprendi a falar português com minha avò, ela é tão linda, uma morena com um corpo de deixar até um adolescente excitado, meu vô era coreano de DNA forte como veneno de cobra, que resultou a uma mãe coreana com um irmão com cara de brasileiro maloqueiro, eu puxei minha vò em tudo, o corpo principalmente, a diferença é que meus seios são incrivelmente grandes, minha pele impecável (pelos meus cuidados) e minha bunda compatível com minhas coxas grossas, e meus olhos meio puxados, tipo "quasee e eroooou", meus lábios são marcantes e vermelhos, sou branca e morena... tipooo... amarela, (cor normal de coreano) meus olhos?... mmmm... não seu explicar; (SQN) meus olhos são um mais claro que o outro, e eu sou obrigada a usar lente de contato no meu olho esquerdo (o mais claro) pra não correr risco de ficar cega e fazer outra cirurgia; eu tenho doença regenaritiva que se impregnar um olho o outro globo ocular também vai ser consumido, e vou ter que usar olho de vidro nos dois olhos (pesadããão), como eu não fiz o tratamento corretamente eu tive que fazer uma cirurgia no olho esquerdo pra não ter o risco de perder os dois olhos. Juro pra você que minha mãe não se importou por ver eu chorando sangue no meio da sala com o olho vermelho quase que pulando pra fora, eu agradeço tanto por meu pai se preocupar com migo, por que se não eu seria um ciborgue.

Bom, atualmente eu sou uma das agentes da CIA com mais casos concluídos, muitos dizem que é por que eu sou filha do chefe, mas não é por que eu sou esforçada (porra) e por que não gosto de criminosos (Cácete),não vejo mais meus avós por estar sempre ocupada, meu pai só puxa assunto com migo quando quer ajuda ou quando precisa em um jantar com alguns jurídicos importantes pra dizer que a empresa no futuro estará em minhas mãos, que é a Lee's Colom, umas das melhores, lembre-se "UMAS" das melhores não a melhor. eu conheço os presidentes das empresas Park's, Byun's, Jeon's, Kim's, e sou bem ligada neles, o único que conheci o filho foi o presudente da empresa Byun, o nome dele é Byun Baekhyun, que está acompanhado com uma garota nos jantares recentemente, e tenho amizade com ela, ela além de bonita tem o sobrenome lindo, "Mota", ela é igual a ele só que mais carismatica ainda (se é que é possível).o que não me levou a aproximar de Byun Baekhyun foi eu mesma, nunca quis nada com ele e nem quero, meu pai sempre insistia a me casar com ele, mais eu sei que ele tem uma queda por Mota, e admiro muito os dois, e quero ver os dois juntos.

Continua 


Notas Finais


Espero que gostem!!!
Tô fazendo o próximo jaaaa!!!
Amo mucho vcs!!!
💋💐💋💐💋💐


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...