1. Spirit Fanfics >
  2. Te peguei , amor >
  3. Sua máscara vai cair

História Te peguei , amor - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Leiam as notas finais🚔❤!

Me perdoe por qualquer erro.

Capítulo 1 - Sua máscara vai cair


Fanfic / Fanfiction Te peguei , amor - Capítulo 1 - Sua máscara vai cair

 - PARADO , POLÍCIA!!! Mãos na cabeça e vire-se para que eu possa vê-lo - Jungkook grita , ofegante e sozinho com o mafioso no alto naquele prédio.

O castanho foi se virando com um sorriso cafajeste e machucado para o policial , que se encontrava espantado.

-Mas que porra... ?! O quê ?

-Oi , amor - O mafioso mordeu os lábios  em um sorriso sacana.

Dois dias antes

[Departamento de policia de seul ]

-Chefe, Consegui esse registro da câmera de segurança do prédio antes dele ser roubado. - O homem informou , colocando um pendrive no computador.

Jungkook se levantou da cadeira e largou sua xícara de café rapidamente para ver os registros.

-Parece que ele finalmente havia dado as caras antes do ocorrido - Mostrou as filmagens em que o mafioso estava no bar do prédio.

-De que horas são esses registros? - Jungkook pergunta, analisando as filmagens do mafioso e tentando o reconhecer a todo custo.

-Uma hora antes , senhor - O Homem respondeu , ajeitando seus ôculos no rosto.

jungkook bufa.

- Não dá pra ver o rosto dele! Também , o que você imaginaria , Jeon jungkook ? Que no dia em que o mafioso resolve dar as caras sem mandar aqueles seus capangas imprestáveis , ele iria arriscar deixar alguma pista de quem ele seja? Estaria fácil demais. não acha? - O policial falava direcionado a si mesmo antes de virar bruscamente , assustando o homem de ôculos redondos, que teve o impulso de ir minimamente com seu corpo para trás.

Jungkook inspirava fundo , colocando as mãos na cabeça e fechando seus olhos enquanto tinha várias preocupações em mente.

Esse caso já tem anos e ele nunca consegue prender esse mafioso. O mesmo queria mais que tudo ver esse que vem causando problemas atrás das grandes grades de ferro. Ele havia hackeado os projetos de empresas e roubado todo o dinheiro delas. E isso é só uma amostra de tudo que ele fez. Seus homens já haviam matado muito de seus agentes e pessoas - não tão inocentes - mas que ninguém havia conseguido provas concretas que podiam os incriminar por algo. Jungkook realmente criou um ódio inexplicável pelo sujeito, e com razão. O homem conhecia Jungkook quase como a palma de sua mão, desafiando-o sempre com mensagens anônimas como : "Você acha que consegue descobrir quem eu sou? desista ,você fracassou nesse caso , Jeon jungkook" Jungkook odiava ser testado. Principalmente , por aquele ladrão de merda que se achava o tal. Jurou que mataria ele , nem que fosse a última coisa que fizesse. Não importaria quem fosse a pessoa por trás daquilo tudo.

Muitas vezes ele pensou se valeria a pena sofrer algumas consequências por matar aquele idiota, mesmo sabendo que talvez não chegaria a ser preso por atirar em alguém como ele, mas não iria arriscar uma confusão maior na sua vida , que já era bem corrida. O Policial pensava bastante no seu marido no meio disso tudo que , mesmo que fossem como dois completos estranhos dentro de casa, pois eles quase não se encontram naquele enorme lugar que dividiam , só se viam quando iam dormir na mesma cama para começa tudo de novo no outro dia, ele se sentia preocupado com o que vinha acontecendo afetar o homem , que estava passando metade da sua vida junto. Ele se sentia na obrigação de protegê-lo por ser seu marido, alguém que prometeu cuidar assim que passara por aqueles portões enormes da igreja. O mafioso o conhecia de alguma forma e , provavelmente, conhecia Taehyung , podendo tentar fazer alguma coisa com ele. E ver ele machucado , sem ele não ter nada a ver com a situação , apenas por ser marido de um policial, faz jungkook ficar mais irritado com essa história toda com esse homem misteriosos e problemático , que se escondia atrás de chamadas de vídeos curtas e máscaras de várias estéticas diferentes.

Durante muito tempo , o moreno se pegava pensado sobre sua relação com Taehyung. Não era mais a mesma. Pensava que talvez eles nem se amassem mais, só estavam ali para dividir as despesas da casa. Mesmo casados a oito anos , eles não se conhecem. Ele não conhece Taehyung e nem Taehyung o conhece. Nem se lembra a última vez que tiveram uma noite juntos com algum tipo de contato físico, ou da última vez que sentaram para conversar sobre os dois. Eram jovens quando se conheceram em um cassino, estavam muito bêbados, tão bêbados que quando acordaram no outro dia estavam "casados". Os padrinhos do casamento foram dois dançarinos do cassino e o garoto do bar que os "casaram". Foi uma cerimônia bem agitada com várias coisas aleatórias que tiveram direito até desconto com bebidas. Eles riram de tudo no outro dia , mas depois disso sairam juntos e se apaixonaram um pelo outro.

Bom , era o que parecia.

Eles se casaram de verdade , no papel. Mas parece que isso enfraqueceu mais a ligação que já não estava tão forte entre eles. Jungkook trabalha como policial e nunca tem tempo para Taehyung . Taehyung trabalhava em uma empresa de moda intima masculina, na qual Jungkook nunca tinha visto ou ouvido falar sobre , mas não se importou muito com isso já que não era uma pessoa que sabia muito sobre marcas.

E era essa a vida deles.

- Chefe , Ele está solicitando uma chamada de vídeo - um dos policiais falou e jungkook foi imediatamente para frente da grande tela , que foi aceita a solitação.

Estava escuro e o homem usava máscara e moletom cobrindo todo seu tronco e cabeça. A única coisa que podiam ver era suas mãos grandes brincando com uma aliança no seu dedo do meio, o que jungkook não deu muita importância.

- E ae, Chefia! conseguiu descobrir quem eu sou pelas filmagens da câmera de segurança? - o homem falou , mas o som saiu meio robótico.

Esperto - Jungkook pensou.

-Ainda não, mas falta pouco para essa sua máscara cair, e se eu tiver a oportunidade de te fazer parar de respirar depois disso, eu ficaria feliz - jungkook falou sério e o homem na chamada de video riu , puxando as mangas do moletom até deixar só a metade dos seus dedos aparecendo.

- Pra que isso tudo , chefia? Sabe , se isso acontecer , me dê pelo menos um beijinho de despedida antes - O homem falou provocativo, vendo jungkook mandar o dedo do meio para ele logo depois do comentário ousado.

-Espera sentado , desgraçado ! ou melhor, no caixão. - Jungkook falou irritado.

- Tá bom , chefia, Mas agora quero deixar bem claro que estou muito chateado com seus cachorrinhos que fazem o que você manda. Eles acertaram um dos meu capangas e isso não se faz. Nunca fiz nada para vocês ,poxa... - A voz robótica saiu em um tom debochado, também.

-Esse tiro nele não é nada comparado as pessoas que vocês mataram e todas as merdas que você andou fazendo por dinheiro. - Jungkook falou apontando o dedo para a tela.

-Ah , mas foi em legítima defesa , ou uns servicinhos que me pagaram para fazer. - Ele falou e jungkook faltou saltar na enorme tela , como se pudessem depositar um soco no mafioso através daquilo - Tenho que ir ,chefia.

A chamada foi cancelada.

-Vocês conseguiram rastrear ? De onde vinha a chamada ? - Jungkook perguntou para o grupo de agentes ali no computador.

-Não , senhor. - um deles fazendo o policial bater na mesa , irritado.

-Como "Não" ?

- Os códigos vem todos como se a chamada tivesse sido transmitida daqui. Ele deve ter hackeado nosso sinal ou alguma coisa do tipo. Não sabemos exatamente como ele fez isso. - Os policiais falavam com a expressão de medo ao ver Jungkook com o sangue fervendo bem na sua frente , como se fosse explodir a qualquer momento.

-Okay , vocês podem ir. - Jungkook falou com os olhos fechados, tentando manter a calma.

-E o senhor ?

- Eu também já estou indo , só vou fazer umas coisas - Jungkook falou e os agentes pegaram suas coisas , saindo rapidamente como se tivesse uma bomba dentro daquela sala.

O policial se sentou na cadeira rolante e começou a rodar nela tentando não ter um surto de raiva ali mesmo. Pegou seu telefone e discou uns números, depois de ser atendido de imediato.

-"Oi , amor " - A voz de Taehyung soou pelo celular de forma dócil.

- Oi , tudo bem ? - jungkook perguntou com a voz baixa e cansada.

-"Sim, estou. Mas você está com um tom de quem está cansado "- Taehyung comentou , fazendo o Moreno fechar os olhos pesados.

- Estou bem , só com um pouco de dor de cabeça. Só liguei para avisar para não me esperar para o jantar. Preciso resolver umas coisas aqui e talvez seja tarde quando eu chegar.

Taehyung demora um pouco para responder.

-"Tá bom, então tchau. Você tem que trabalhar... "

- Tchau... - Jungkook se despediu , permanecendo na linha assim como Taehyung . Ele não desligou e nem Taehyung ,podendo ouvir a respiração do castanho contra o celular até resolver desligar.

_________________________________________


Notas Finais


Como acredito que tenham lido na sinopse , o relacionamento dos taekook de " Te peguei , amor!" é inspirado nos dos personagens Sr. e Sra. Smith, então, para quem já viu o filme , já tem uma ideia de como vai ser hahaha

Vão encontrar várias referências ao filme também ;)

⚠️Agora algo muito importante⚠️

Não sei como vai ser as atualizações dessa Fanfic aqui , pois ela ainda está em andamento em outra plataforma e estou corrigindo os erros de cada capítulo atrasado aos poucos para postar aqui , o que vai ficar bem cansativo já que estou passando ao mesmo tempo que "Primos", que também está no meu perfil. Ao contrário dessa, ela já está finalizada no wattpad, mas tenho que corrigir (Ou tentar) mais vinte e um capítulos para passar para o spirit. Tirando isso tudo , tenho que me manter ativa lá no wattpad também, pois além de " Te peguei, amor!" , eu escrevo uma outra fanfic em andamento junto com outra autora.

Resumindo: eu adoro me dá mais trabalho kkkk

Estava planejando colocar "Te peguei, amor" só depois de terminar de passar " Primos" mas isso ia demorar um pouquinho, e eu queria muito passar ela pra cá logo.

Como eu disse e repito , não sei qual vai ser o nível de atualização dela aqui. Pode ser que seja uma vez na semana ou duas , quem sabe... mas eu peço que adicionem ela na lista de leitura de vocês e dêem o retorno , pois isso me motiva muito a continuar e vou me certificar de não demorar tanto para atualizar.

Bom, acho que é isso. Sejam muito bem vindos a " Te peguei , amor" e espero de coração que vocês gostem dessa aventura com os Taekook e outros personagens que vocês vão conhecer.

Beijão e até o próximo capítulo.

🐰🐯🚔


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...