1. Spirit Fanfics >
  2. Teacher Pet - Min Yoongi >
  3. Why am I a secret?

História Teacher Pet - Min Yoongi - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Why am I a secret?




-Professor. - a garota deu um breve aceno de cabeça.

- senhorita Noway. - O mais velho correspondeu com o mesmo aceno e um sorriso ladino quase imperceptível.


Ambos seguiram para lados contrários.




Beverly Noway, estudante de botânica. Aluna de Min Yoongi, formado em botânica e artes cênicas.


O que interliga ambos? As aulas, claro.


Mas isso não é a única coisa, realmente não é.






A garota seguiu para os armários enquanto o professor seguiu para a sua sala compartilhada.




- Professor Min! Um belo dia, não acha? - Alary sorriu aberto para o maior ali.


Alary e Min já tiveram uma noite, desde então a já mulher não larga dos pés do professor. Eu a entendo, Min Yoongi é tudo de bom na cama ou fora dela.


- Bom dia, Alary. - o professor sorriu mínimo.


Ele gostava da alegria da professora e do seu sexo casual, mas não passava disso. O professor tinha outros planos com outras pessoas envolvidas.


- Podemos conversar em particular? - a mulher perguntou esperançosa, queria por fim, falar sobre seus sentimentos.


- Me desculpe, estou muito atarefado no momento. - Yoongi já sabia das intenções da mulher e não estava afim.


- Oh, Claro que está. Entendo. Quer almoçar comigo? Um jantar talvez?


- Vou corrigir alguns trabalhos dos alunos durante o almoço e a noite irei revisar um conteúdo. - Min criou desculpas, bem esfarrapadas por sinal.


O homem caminhou até a sua divisória que era ao lado da do professor Marley. Min riu internamente pelo nome de cachorro do seu companheiro de trabalho e voltou a pegar sua apostila com o conteúdo da matéria que iria dar aula hoje.


A mulher presente na sala estava calada. Ela sabia que o professor estava apenas criando desculpas para não sair com a mesma. Ela também sabia muito bem que figurinha repetida não cola no álbum do mesmo.


Só que existia uma na qual ele fazia questão de colar sempre que possível.

- Bom, estou de saída. Nos vemos por aí Alary.

O homem saiu da sala sem esperar uma resposta.

Adentrou os corredores, atraindo olhares femininos e masculinos. Ora paixão, ora inveja. Isso era o que fazia aumentar o ego do professor.

- Bom dia. - saldou simplista.

- Bom dia! - um coro de vozes -algumas até atrasadas- foi ouvido.

Beverly que estava sentada na primeira fileira de cadeiras, cruzou as pernas e levou a sua caneta rosa bebê até sua boca.

A garota trajava uma saia rosa pastel de comprimento até um palmo acima do joelho e uma camisa social na cor rosa claro quase transparente com os primeiros três botões estavam aberto dando visão a regata branca que a mesma usava sem sutiã algum. Seus cabelos num tom castanho claro que refletiam na luz que adentrava pela janela e seus sapatos brancos terminavam o look.

Rosa era sua cor preferida.

Min olhou pra ela, imaginando se a mesma usava alguma lingerie rosa como de costume.

Na visão da garota, Min usava um terno azul como a noite no céu e uma camisa social branca por dentro, seguido de um par de sapatos sociais pretos. Apenas o habitual, nenhuma novidade.

Mas Beverly não precisava de novidade naquele homem, seu tesão vinha dos mínimos detalhes vistos nele.

Os olhos do Min passearam descaradamente pelas pernas da garota, fazendo o mesmo imaginar suas mãos pecorrendo as mesmas.

- Vou precisar que façamos juntos uma pequena leitura. Depois quero que me tragam exemplos de plantas com tecidos meristemáticose e tecidos permanentes.

O homem se sentou na cadeira de sua mesa, vez ou outra olhando descaradamente para Beverly que respondia os olhares intensos com mordidas de lábios.

_________


Após 90 minutos de aula com direito a olhares e pensamentos impuros, o fim chegou para a alegria de Beverly e do Min.

A garota arrumou vagarosamente suas coisas enquanto observava todos saírem da sala. Ela desejava ficar a sós com o homem.

- Beverly, você vem? - Ayla perguntou, parando ao lado da sua amiga.

- Vá na frente, vou tirar alguma dúvidad com o professor.

- Tudo bem. A gente se vê. - Ayla arrumou sua bolsa em seu ombro e saiu, deixando apenas duas pessoas na sala.

O Min e a Noway.

A garota caminhou calmamente até a porta, pegando a cópia da chave que tinha conseguido e trancando a mesma. Parou da frente do Min, que estava esconstado na mesa com os braços cruzados.

- Olá, Min Yoongi.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...