1. Spirit Fanfics >
  2. Tecido em dourado >
  3. Toda a tua beleza

História Tecido em dourado - Capítulo 1


Escrita por: e Nekolua


Notas do Autor


Pequenininho e simples, mas cheio de amor
Aproveitem esse giomis que eu tanto gostei de escrever ^^

Capítulo 1 - Toda a tua beleza


Algumas coisas na vida às vezes não faziam sentido quando você parava para pensar nelas. Não eram exatamente erradas, mas simplesmente não pareciam se encaixar. Uma dessas coisas era Mista e Giorno, ou melhor, as roupas que eles usavam.

Mista nunca havia realmente notado essa diferença no início, estava focado demais na maneira com que aquele terno do Giorno acentuava suas curvas e nas partes estrategicamente definidas que mostravam sua pele para prestar atenção em qualquer outra coisa — se um dia Mista havia duvidado da sua atração por homens, aquele garoto, com seus cabelos que pareciam feitos do próprio ouro, o fizera ter a certeza absoluta.

Porém agora, após alguns meses com os dois já juntos naquele relacionamento louco e maravilhoso, a atenção de Mista era atraída por algo além de como as roupas de Giorno se definiam tão bem naquele corpo. Não, agora ele pensava em como exatamente alguém que se vestia com toda a graciosidade de um deus, estava com alguém que mal abria os olhos para pôr as próprias roupas de manhã.

Então, Mista na verdade não era muito exigente quanto se tratava de moda, ele só queria mesmo duas coisas: conforto e cores alegres e ousadas — além, é claro, dos seus indispensáveis chapéus — tirando isso, qualquer coisa funcionava. Por outro lado, Giorno era alguém que você olhava rapidamente e de primeira já notava que aquele garoto só vestia o melhor. As roupas dele eram sempre alinhadas e cuidadosamente escolhidas, provavelmente separadas a dedo todo dia de manhã; ele gostava de usar cores mais suaves e padrões mais sutis, sempre elegante e refinado. Basicamente o total oposto de Mista.

E céus, se aquele Giovanna não ficava bem naquelas roupas! De alguma maneira, que Mista não tinha a mínima ideia como, Giorno conseguia simplesmente ficar bem em tudo, mais do que bem na verdade, ele ficava divino. Desde o seu típico terno rosa que tanto marcava sua cintura fina e expunha seu peitoral macio, às camisetas folgadas e longas que ele usava para dormir, até os vestidos que às vezes gostava de usar.

Sinceramente, Mista nunca achou que um homem pudesse ficar tão bem e se encaixar tão perfeitamente em roupas femininas, mas aí aquele bendito loiro apareceu. Claro que Bruno e Abbacchio usavam diversos produtos direcionados às mulheres, desde sempre na verdade, mas eles sempre conseguiam dar àquilo uma aparência meio masculina; e sim, Narancia ia e vinha da seção feminina sem nem se incomodar, mas ele era uma criança caótica que estava acima da definição de gênero. Mas Giorno, ó céus, Giorno, ele tinha um dom. Ele aparecia com roupas femininas e era como se tivessem sido feitas especificamente para ele, porque não tinha como algo assim se encaixar de maneira tão perfeita. Mista se lembrava da vez em que ele apareceu em sua frente com um longo vestido branco, completamente liso, com mangas compridas, um enorme decote nas costas e um tecido quase transparente cobrindo as suas não tão cobertas pernas. Mista quase desmaiou. A beleza que ele carregara naquele momento tinha sido celestial. Ele parecera um anjo, puro e sagrado, alguém que não pertencia à este mundo tão profano.

Outras vezes, no entanto, Mista apenas estaria deitado na cama e Giorno entraria no quarto com uma blusa longa e folgada e nada mais, com os cabelos soltos em longos cachos dourados que derramavam-se sobre seus ombros. Era a visão do paraíso.

Giorno era, sinceramente, a criatura mais bela que já havia tocado esta Terra, não havia como contestar. Se os gregos da antiguidade tivessem visto tal ser, teriam se deleitado em harmonia, pois Giorno era um deus. Giorno era a mais pura beleza ideal que os gregos tanto sonharam alcançar.

E aquele bendito loiro sabia disso. Ele sabia de como cada roupa que ele usava afetava Mista de maneira anormal, de como cada peça diferente fazia seus joelhos fraquejarem e sua mente parar de funcionar, ele sabia, ou então não se vestiria sempre com roupas tão elegantes e graciosas que fariam o loiro parecer o filho dos próprios céus, muito menos lhe daria aqueles sorrisos presunçosos e suas piscadas não tão sutis sempre que pegasse Mista a encará-lo.

E por causa disso, sinceramente, Mista não conseguia entender como, neste mundo, alguém tão angelical e magnífico como Giorno, com suas roupas tão formosas e alinhadas, se encaixava com um garoto tão desleixado como ele próprio.

Mas Mista não reclamava. Ah, definitivamente não. Mista apenas agradecia por aquilo, porque, mesmo com todas as diferenças entre os dois, Giorno era, sem dúvida nenhuma, a peça tão perfeita que faltava em sua vida.


Notas Finais


Giorno é lindo demais gente, não aguento, o Mista ali em cima sou eu vendo a parte 5 e todas as fanarts akjzjajkza

Deixa eu agradecer logo a ajuda do povo lindo com a betagem de @strummerzz e essa capa de tirar o fôlego de @snobbism
Amo vcs 💞
Enfim, obrigado por lerem e não esquecem de checar as outras fics desse projeto incrível 💕💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...