1. Spirit Fanfics >
  2. Tédio? Nunca mais! >
  3. Revelação

História Tédio? Nunca mais! - Capítulo 26


Escrita por:


Notas do Autor


Olá!
Aqui estou com mais um capítulo, espero que gostem.
Boa leitura.

Capítulo 26 - Revelação


Fanfic / Fanfiction Tédio? Nunca mais! - Capítulo 26 - Revelação

[...] Ana estava completando quatro meses de gestação e hoje é o dia de descobrir o sexo do bebê.

Ana estava ansiosa e animada para saber o resultado daquela consulta, então quanto antes descobrisse o sexo do bebê menos ansiosa se sentiria.

Ana convidou Hoseok para acompanhá-la no procedimento e ele aceitou logo de cara. Hoseok, ficou muito feliz pela preferência.

Ana escolheu Hoseok porque ele estava tão ansioso quanto ela para saber o sexo do bebê. [...]

A consulta estava marcada para 11:30AM. Eu já estava pronta a espera de Hoseok, pois ele irá me acompanhar hoje.

Minha barriga estava ficando cada vez mais visível e minha alegria ía aumentando casa vez mais.

- Cheguei! -- Hoseok, grita animado ao abrir a porta.

- Oi Hobi. Tá atrasado!

- Tô não... -- Ele olha para o relógio de pulso. -- São onze horas agora... Vamos logo que eu estou ansioso.

- Eu também. -- Ando até a porta rapidamente.

Saímos de casa e entramos no táxi que estava a nossa espera, seguimos para o hospital que levava mais ou menos 10 minutos de casa.

Ao chegarmos, saimos do carro e fomos direto para a recepção e como tínhamos chegado um pouco mais cedo do horário marcado, logo fomos atendidos.

Já na sala de consulta estava Hoseok sentado ao meu lado e o Doutor a nossa frente.

- Como anda se sentido Ana?

- Eu estou ótima, melhor impossível.

- Quem ótimo... Estão prontos para saber o sexo do bebê?

- Muito. -- Hoseok responde me fazendo soltar uma leve risada pelo seu entusiasmo.

- Então vamos começar. -- O Doutor levanta da cadeira. -- Ana por favor deite ali naquela maca.

O Doutor aponta para o outro lado da sala onde tinham os equipamentos nescessário. Faço o que ele pede e Hoseok me acompanha ficando do meu lado.

O Doutor logo se aproxima e aplica um gel em minha barriga e com a máquina começa a escanear, de um lado para o outro enquanto olhava para uma tela. Hoseok, apertava minha mão e eu o olho para saber como estava sua expressão, ele estava tão animado, acho que até mais do que eu.

- Pronto... -- O Doutor continua olhando para a tela. -- Já estou vendo.

- O que é Doutor? -- Hoseok, não se aguenta e logo pergunta.

- Estão prontos para saber?

- Sim! -- Respondemos juntos, já impacientes com o suspense do Doutor.

[...] O Doutor conta o sexo do bebê. Ana e Hoseok comemoram ao saber. [...]

Quanto saí do consultório depois de mais alguns exames, vi que Hoseok estava na recepção me esperando, ele estava falando ao telefone com alguém. Me aproximo e ele logo encerrar a chamada.

- Estava falando com quem?

- Era com a minha tia. Nada de mais.

- Ah... Vamos pra casa então, quero contar logo aos meninos a novidade. -- Eu estava ansiosa para contar a todos.

- Calma, vai ter o dia todo para contar a eles. Agora, o que acha de só nós dois comemorarmos primeiro? -- Hoseok, deu a ideia. Estranho, mas resolvi não questionar.

- O que sugere?

- Hum... -- Ele olha para cima pensando em algo. -- Uma sorveteria! O que acha?

- Bom... A gente pode comprar sorvete no mercado e comemos lá em casa.

- Não... Eu conheço uma sorveteria aqui perto, lá é bem gostoso. -- Ele insiste, mas eu não estava com vontade.

- A não sei Hobi, quero ir pra casa.

- Por favor. -- Agora ele junta as mãos implorando. Eu não resisto a essa carinha fofa que ele faz.

- Tá bom.

[...] Ana e Hoseok vão até a sorveteria, no intuito de comemorar a nova notícia. Lá os dois ficaram conversando sobre compras de roupinhas e berço.

O local era muito acolhedor, Ana gostou bastante tanto do lugar quando do sorvete que eles serviam.

Quando o relógio marcou 01:00PM eles decidiram finalmente ir para a casa.

Levou 10 minutos para chegarem em casa. Ana e Hoseok saem do taxi e logo entram no quintal, foram ate a porta de entrada e quando Hoseok abre. [...]

- SURPRESA! -- Olho assustada ao ouvir e ver os seis garotos na sala todos reunidos a minha espera.

- Mas... -- Eu não sabia o que falar. Só observei o que eles fizeram naquele local. Tinha uma mesa grande com vários doces perto da parede, que tinha balões azuis e rosas, com um cartas grade no meio escrito "Chá de bebê" tudo tão simples e lindo ao mesmo tempo.

- O que achou Ana? -- Taehyung pergunta e eu me aproximo da mesa.

- Eu Amei... Por isso Hobi não quis me deixa voltar pra casa. -- Eu o cutuquei e ele piscou para mim.

- Nos preparamos tudo isso para comemorar seu quarto mês e também porque sabíamos que hoje sairia o resultado do o sexo do bebê. -- Jin, disse.

- Isso mesmo Ana... -- Jimin, agora fala batendo palminhas. -- Conta logo que eu estou morrendo de curiosidade.

- Já conto mas antes quero agradecer isso tudo que vocês preparam, nunca irei esquecer meu primeiro chá de bebê.

- Você merece. -- Yoongi fala.

- Mas antes de revelar nós preparamos isso aqui. -- Tae vai até a cozinha com jimin e eles trazem dois bolos médios redondo, um rosa e o outro azul, e colocam no meio da mesa.

- O que vão fazer? -- Pergunto curiosa.

- Você vai fazer... -- Agora Jungkook explica. -- Olha, se for menino você irá erguer o bolo azul e se for menina o rosa.

- A entendi... -- Gostei da ideia. Simples mas boa. -- Legal.

- Eu já sei. -- Hoseok, se exibe para os meninos ao ter sido o primeiro a saber.

- Não vale. -- Tae, faz bico. -- Eu queria ser o primeiro.

- Então vamos logo com isso Ana. -- Jin, chama minha atenção.

- Tá bom... -- Os meninos saem de trás da mesa e Hoseok me leva para onde eles estavam.

- Espera, temos que tirar uma foto antes... -- Jungkook fala, vai até o sofá e pega a câmera.

 Entre várias poses e cliques já tínhamos fotos o suficiente para completar um álbum.

- Estão prontos? -- Olho para eles que estavam do outro lado da mesa atentos.

- Sim! -- Todos concordam.

- Aqui vai... --- Olho para os dois bolos a minha frente e pego o que corresponde ao sexo do bebê ou seja azul. -- Menino!

- Aaeeeeehh -- Os meninos batiam palmas e gritavam comemorado o resultado. Uns diziam "Eu sabia" outros me desejavam "parabéns."

- Nós temos um garotão a caminho. -- Jin, me abraça e eu retribuo.

- Você queria menina.

- Não importa... Eu já amo meu afilhado.

- Obrigada, por cuidar de mim.

- Você merece. -- Nos separamos do abraço.

- Agora vamos todos tirar fotos com a Ana... -- Jungkook sugere e todos concordam de imediato. -- Primeiro, um de cada vez e depois todos juntos.

[...] Estavam todos comemorando o resultado do exame, pois um menino estava a caminho e os garotos já estavam até sugerindo os nomes... Durante o chá de bebê, enquanto estavam todos conversando, trocando idéias, Taehyung resolve sair sem falar nada, ele só contou ao Jin que iria sair para comprar um presente para Ana. Jin, gostou da ideia e resolveu ajudar Taehyung falando que distrairia Ana, para que ela não percebe-se o sumisso dele.

...

Depois de 20 minutos Taehyung, retorna com o presente em mãos, ele manda uma mensagem para Jin avisado que já tinha chegado e logo Jin se encarrega de tirar Ana da sala e levá-la para a cozinha afim de distrai-la até Taehyung entrar em casa.

Quando Jin da sinal verde, Taehyung, entra e logo sobe para o quarto de Ana, sem que ninguém o visse e lá ficou a espera da mesma subir para o quarto.

- Jin, por que me trouxe pra cá? -- A garota perguntou não entendo o motivo dele ter afastado a dos meninos.

- É que... -- Jin estava tentando bolar uma desculpa cabível, mas estava difícil ele não era criativo na hora que mais precisava.

- Jin. -- Jimin, chega na cozinha chamando o mais velho que olha imediatamente.

- O que?

- Vem aqui rapidinho que o Namjoon e Yoongi não querem entrar em um consenso. -- Jimin parecia apressado nem notou que Jin estava tentando ter uma conversa com Ana.

- Mas agora? Tô ocupado. -- Jin aponta para Ana a sua frente que não diz nada.

- Vai ser rápido. -- Jimin, pega Jin pelo pulso e o leva para a sala deixando Ana alí plantada.

- Fala sério... -- A garota bufa reclamando da interrupção. Ana vai até a geladeira afim de pegar um copo d'água.

- Ana? Te achei. -- Jungkook aparece na porta da cozinha.

- Que foi?

- Nada... -- Jungkook se aproxima da garota. -- Eu só senti sua falta lá na sala com a gente.

- É que Jin, tinha me chamado aqui para me dizer alguma coisa, mas Jimin veio aqui e levou ele. -- Ana solta uma risada e Jungkook ri junto.

- Parabéns pelo meninão que está a caminho. -- O mais velho coloca a mão na barriga de Ana e acarícia de leve.

- Obrigado... Jungkook, eu lembrei de uma coisa.

- O que?

- Lembra quando eu fui na sua casa e você me apresentou para seus pais como sua namorada.

- Lembro sim.

- Então, como ficou isso depois que paramos de nos falar?

- Eu disse pra eles que tínhamos terminado, minha mãe ficou arrasada. Mas depois de um tempo ela superou.

- Sinto muito pelo que aconteceu.

- Já passou... -- Jungkook começa a se aproximar até ficar bem perto do rosto da garota, dava para sentir o calor de seus corpos de tão próximos que estavam.

- Jungkook, alguém pode aparecer aqui.

- Tem razão. -- Ele olha para os lados. -- Que tal a gente dar uma fugida?

- Não sei. -- Ana sabia que não deveria fazer nada com Jungkook, pois a casa estava cheia, mas a garota tem mente fraca e é fácil fazê-la mudar de ideia.

- Vai ser rápido... Eu prometo. -- Ana olha para a carinha "inocente" de Jungkook e não resiste.

- Tá bom.

Jungkook pega na mão de Ana e os dois sobem as escadas que dava para os quartos rapidamente para que ninguém visse, já que os meninos estavam distraidos demais discutindo sobre alguma coisa com o Jin.

Já Taehyung, estava atrás da porta esperando Ana entra no quarto para fazer uma surpresa e entregar seu presente. O garoto ouve passos se aproximando, então coloca a orelha na porta para tentar ouvir melhor mas oque Taehyung ouve, é a voz de mais alguém além da Ana. Logo Tae, corre para a varanda e se esconde atrás da porta de vidro que continha uma cortina grande tampando. Taehyung se agacha na porta com a caixa de presente em mãos e tenta espionar quem estava com Ana.

- Ana... Eu estava com tanta saudade de você, do seu corpo, seu calor. -- Jungkook falava enquanto distribuía beijos no pescoço de Ana e a arrastava para a cama.

- Vai com calma Jungkook, tá todo mundo aqui em casa. -- Ana avisa.

- Só um pouquinho. -- Jungkook a deita na cama e fica por cima da mesma. Taehyung estava vendo tudo atrás daquela grande cortina e quanto mais Jungkook beijava Ana, mais a raiva e o ciúmes ía crescendo no peito de Taehyung. Cada vez que ele via a mão de Jungkook passear pela cintura e coxas de Ana, a mão de Taehyung fechava apertando o punho se segurando para não sair de trás da cortina e avançar em Jungkook.

Até que Jungkook defere um tapa forte na coxa de Ana, que fez a mesma gemer alto. Isso passou dos limites para Taehyung. [...]

- Geme mais pra mim princesa. -- Jungkook estava sussurrando no meu ouvido e eu estava gostando, mas não podíamos continuar pois os meninos estavam lá embaixo e logo sentiriam nossa falta.

- Desgraçado! -- Ouso um grito e Jungkook é tirado com brutalidade de cima de mim, me assusto e me sento rapidamente na cama. Vejo que é Taehyung e ele avança pra cima de Jungkook que agora estava caído no chão com Tae encima dele deferindo socos em seu rosto.

- Para Taehyung! -- Grito desesperada e Jungkook consegue inverter a posição ficando agora por cima, e começa a dar socos no rosto de Taehyung, que tenta se proteger. "Aquilo estava doendo em mim eu tinha fazer alguma coisa." -- Sai Jungkook! -- Me aproximo para tentar separar os dois.

- Não chega perto Ana! -- Jungkook me empurra com uma certa força quase me fazendo cair, mas consigo me segurar na cama.

- Solta ele Jungkook! -- Eu já estava chorando tendo que assistir aquela cena. Jungkook estava cego de ódio, não parava de tenta ferir o rosto de Tae, que por milagre estava conseguindo se proteger dos golpes do garoto.

- O que está acontecendo Aqui! -- Logo que Namjoon vê a cena, parte para cima de Jungkook tirando o de cima de Taehyung, Hoseok entra e segura Taehyung que tenta bater no Jungkook novamente.

- Ele simplismente me atacou! -- Jungkook gritou enquanto era segurado por Namjoon.

- A culpa foi sua! -- Tae aponta o dedo na cara de Jungkook. -- O que a gente tinha combinado, em? Você esqueceu?

- Eu não fiz nada de mais... -- Jungkook, tenta parecer uma vítima, mas eu vi que Taehyung realmente ficou chateado com oque aconteceu. Parece que eles fizeram algum tipo de promessa.

[...] Taehyung se solta de Hoseok e sai rapidamente do quarto indo embora antes que fizesse algo mais grave.

Ana estava sentada na cama e pensando no que Taehyung tinha falado. Hoseok saiu do quarto na companhia de Jungkook e logo Jimin, Yoongi e Jin entraram no quarto confusos. [...]

- Ana tudo bem? Eles te fizeram alguma coisa? -- Namjoon vem até mim.

- Não... -- Olho para os garotos que pareciam confusos. -- Eu quero ficar sozinha. Por favor.

- Tem certeza? A gente pode conversar se quiser. -- Ele insiste.

- Eu não quero. Pelo menos não agora.

- Tá bom... O que quer então?

- Eu quero que alguém vá atrás do Tae, não quero que aconteça nada com ele... Ele saiu muito nervoso daqui. -- Eu estava sentindo meus olhos úmidos. Eles concordam e logo todos saem do quarto me deixando sozinha.

Me deito e encaro teto "Como assim eles tinham um combinado!" "Será que eles ainda querem me ter como namorada?" Estou ficando confusa novamente.

- O que você acha filho? -- Passo a mão na minha barriga. -- Acha que a mamãe é louca de não saber quem é seu pai né. 

Ri de mim mesma por um instante. Fecho os olhos e fico cantarolando uma música para tentar me acalmar até que cai no sono...


Notas Finais


O que estão achando?
Se estiver gostando deixa seu ❤ que me ajuda muito, obrigada 😘
Até a próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...