História Teen Heroes - Universo Arrow - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Arrow, Legends of Tomorrow, Supergirl, The Flash
Personagens Alex Danvers, Barry Allen (Flash), Cisco Ramon (Vibro), Dra. Caitlin Snow (Nevasca / Killer Frost), Felicity Smoak, Kara Zor-El (Supergirl), Lena Luthor, Oliver Queen (Arqueiro Verde), Sara Lance (Canário Branco)
Tags Arrow, Arrowverse, Legends Of Tomorrow, Supergirl, The Flash
Visualizações 47
Palavras 1.818
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heey, sei que fiquei um bom tempo sem atualizar essa fic aqui! Peço desculpas desde já. Eu fiquei um tempinho sem internet e também estava com um bloqueio criativo imenso para essa fic aqui! Mas bom, passou e aqui estamos bwvsvsg

*Tradução do nome do capítulo; Bebidas e Drogas - Parte 1
Boa leitura! <3

Capítulo 11 - Drinks and Drugs - Part I


Capítulo narrado por: Lena, Sara, Oliver, Barry

Point Of View - Lena Luthor

Hoje eu havia combinado com a maioria das meninas de fazer uma festa do pijama, mas transformei essa "noite das garotas" em uma das minhas grandes festas. Convidei a escola toda e mais algumas pessoas, além de contratar DJ, garçom e tudo o que vocês podem imaginar de irado numa festa. Essa sim, será a festa do ano!

Claro que sempre que dou minhas festas, todo mundo aparece. São as grandes festas da Luthor, baby. Bom, pelo menos em alguma coisa esse sobrenome tinha que me dar de lucro. As pessoas costumam me elogiar por eu ser bonita, inteligente e entusiasmada. Mas quando abro a boca para dizer meu sobrenome, todo mundo vira a cara. Eu nunca fiz mal a ninguém! Minha mãe e Lex já se meteram em algumas paradas, mas eu não. Eu não mereço ser julgada por carregar um sobrenome que eu não pedi.

Agora são 22h da noite e estão todos terminando os preparativos na minha casa para a festa que começará as 23h. Essa. Festa. Promete.

Ouço meu celular tocar me tirando dos meus pensamentos, vejo que é meu irmão, Lex. Não somos muito próximos, mas pode se dizer que mantemos uma união consideravel entre irmãos. Quando digo união, quero dizer, ele não conta as merdas que eu faço para minha mãe e eu não conto o que ele faz. No final não faz muita diferença para ele já que a Lillian Luthor, minha mãe, sempre acha que o filho prodígio esta certo.

[Lena] ─ Hey, mano! Você nunca mais ligou, já estava com saudades! ─ falo assim que atendo o telefone.

[Lex] ─ Qual é a boa aí? Você tá bem?

A ligação travava um pouco, mas dava para escutar sua voz, ou algumas palavras que me faziam juntar a frase.

Minha mãe e Lex estão numa viagem a meses, não sei quando voltam, mas também não dou a mínima, por mim podem ficar bastante tempo fora, isso significa mais festas para mim.

[Lena] ─ Aham. Quando vocês vão voltar de viagem?

[Lex] ─ Semana que vem.

Droga!

[Lena] ─ Ah, legal.

Ouço sua risada no outro lado da linha, me fazendo rir também mesmo não sabendo o real motivo, talvez eu esteja apenas nervosa.

[Lex] ─ O que andou aprontando, hein?

[Lena] ─ Nada demais. Só algumas festas iradas, drogas, bebidas e sabe? Coisas simples.

[Lex] ─ Deixa só a mamãe saber! ─ ele brinca.

[Lena] ─ Você é o filho prodígio que ela ama, esqueceu? Eu sou apenas a Lena, não merecedora do sobrenome Luthor ─ cito uma frase que minha própria mãe já disse uma vez para mim ─ De qualquer maneira, ela não vai descobrir, porque meu lindo irmãozinho não vai contar e eu já tenho tudo sobre controle.

[Lex] ─ Ok, ok… ─ ele ri ─ Hey, te ligo amanhã ok? Tenho que resolver algumas coisas aqui.

Sem me dar chances de responder, o mesmo desliga. Estranho essa sua atitude por um momento, mas não deve ser nada. Bom, eu fico feliz por ele ter ligado, de verdade.. pelo menos alguém da minha família ainda não esqueceu da minha miserável existência.

Point Of View - Sara Lance

Hoje terá a festa da Luthor e é claro que eu vou. As festas dela sempre bombam demais, durante a noite toda, praticamente. Sem contar que quem me chamou para acompanha-la, foi a Danvers. Sim, Alex Danvers.

Eu não posso negar que a Alex é atraente. Eu com certeza ficaria com ela, mas desde quando nos conhecemos ela nunca deu um sinal de que quer. Ela nunca demonstrou nada além de amizade, ou talvez eu que não esteja prestando atenção. De qualquer maneira, mesmo assim nos tornamos grandes amigas e eu gosto dessa amizade.

─ Vai ir na festa da Luthor? ─ minha irmã pergunta me olhando atentamente enquanto me maqueio. ─ Fui convidada também, mas não sei se quero ir. Não conheço ninguém da escola de vocês.

─ Eu vou. E você deveria ir. ─ me viro para ela ─ As festas da Luthor são iradas! Você sabe. E o Queen vai estar lá... ─ falo para provoca-la.

Minha irmã, Laurel, já teve um lance com o Queen a um tempo atrás. Ela diz que não se arrependeu mas não suporta mas saber dele.

─ Você é patética! ─ ela joga o travesseiro na meu rosto, rindo. ─ Mas você me convenceu! Não pelo Queen, mas porque você tem razão, as festas da Luthor são iradas eu não posso perder!

─ Mas pelo Queen também né? ─ falo uma última vez a provocando logo depois caio na gargalhada com a cara que ela faz. ─ Vai se arrumar, a festa começa às 23h, mas da para a gente chegar lá para umas 00:00.

Ela assentiu com a cabeça saindo do meu quarto. Aproveito para pegar o celular e mandar uma mensagem para Alex.

[12/07 22:43] Sara ─ Eu estou tão gata que quando você me ver vai se encantar automaticamente :/ meu super poder é esse!

[12/07 22:44] Alex ─ Humm, intrigante. Mas quer saber qual é o meu super poder?

[12/07 22:44] Sara ─ Poder de ter a bunda bonita?

[12/07 22:45] Alex ─ Tão pervertida, Lance. \o/, mas meu poder é esse e outro que faço questão de te mostrar na hora da festa.

Leio a mensagem com um sorriso bobo nos lábios e logo guardo o celular indo terminar de me arrumar. Eu estou muito ansiosa.

[…]

Point Of View ─ Oliver Queen

─ Snow? Tipo, a Caitlin Snow? ─ pergunto, surpreso pelo o que eu acabei de ouvir ─ Ela parece ser uma garota legal, mas é que sempre a vi quieta no canto dela, sendo, apenas...nerd.

─ Mas é bonita. ─ Cisco comenta

─ A gente é só amigo ─ Barry se explica ─ Eu acho

─ Qual é, Allen? Ela é o tipo de garota inalcançável super perfeitinha. Melhor não se meter com ela, vai estragar a garota ─ falo ironicamente pegando finalmente minha bebida que eu havia pedido.

Estamos todos na festa da Luthor, agora já deve ser 1h e pouco da madrugada e é nessa hora que tudo começa a ferver. Nunca fui muito chegado em festas, mas confesso que essa está bem, bem irada!

Não vi Felicity desde quando cheguei. Ela não é muito chegada em festas, eu sei, mas eu esperava que ela viesse. Pego meu celular ignorando os dois que estavam ao meu lado e resolvo mandar uma mensagem para ela.

[13/07 01:26] Oliver ─ Você vem para a festa da Luthor?

Passa alguns minutos mas logo recebo a resposta.

[13/07 01:28] Felicity ─ Bem no seu nariz.

Eu não tinha entendido a resposta. Reli ela pelo menos 3 vezes seguidas, mas logo quando eu olhei para frente lá estava ela. A mesma estava olhando para cá. Felicity sempre com seu visual punk e incrivelmente bonita.

─ Fecha a boca, Queen. ─ senti as mãos de Cisco irem em direção a meu rosto como se fossem para "fechar minha boca" mas eu retiro sua mão antes de chegar ao destino, o que o faz rir muito ─ Qual delas você tá secando? Felicity… Kara… ou, quem é aquela?

Ela estava ao lado da Kara Danvers e de outra garota que eu não conheço, mas obviamente eu estava olhando para a Felicity. Quando vejo as mesmas se aproximarem eu tento me manter no famoso "agindo naturalmente".

─ Tão curtindo a festa? ─ Kara da um grito estridente com uma bebida na mão, ela abraça o Barry depois a mim e o Cisco nos comprimentando. ─ Olha esse sooom!

─ Kara, você tá bem? ─ a garota de cabelos castanhos que eu ainda não conheço pergunta, olhando para a amiga.

─ Eu tô ótima! Vem dançar comigo, Sam!

Kara acaba puxando a garota dali, que possivelmente se chama Sam e as duas somem no meio da galera tirando risos de nós 4 que estávamos aqui.

─ Quem é aquela? ─ Cisco pergunta se virando para Felicity.

─ Samantha Arias ─ ela da de ombros ─ Uma amiga da Luthor.

─ Hey, viu a Cait? Sabe se ela veio? ─ agora foi a vez de Barry questionar a moça dos cabelos negros em nossa frente.

─ Aham, ela veio. Deve estar por aí... A última vez que vi ela foi lá perto do DJ.

─ Valeu! ─ o mesmo se levanta indo provavelmente atrás de Caitlin.

─ É, ele com certeza tá a fim dela ─ Cisco comenta rindo o que também me faz rir.

─ Aquele ali curte mais umas relações perigosas sabe? Que incluem pegar a própria irmã. ─ Felicity diz se sentando ao meu lado que antes quem estava era o Allen.

─ Iris? Eles não são irmãos de verdade.

Ela da uma risada pegando a bebida de minha mão e bebendo.

─ Queen, se você tivesse uma mãe adotiva, você teria coragem de ficar com ela?

─ Não! Isso soa meio errado ─ rio.

─ Exatamente.

─ É faz sentido, mas mesmo assim, ainda não é algo errado. De qualquer maneira, nesse momento eu não dou a mínima para a vida amorosa de Allen. Só quero curtir a festa. ─ falo pegando em sua mão e a levantando ─ Vamo lá dançar comigo!

─ O que? ─ ela levanta dando risada ─ Sou um desastre dançando.

─ Eu também. ─ a levo mesmo assim para a pista de dança para dançarmos. Eu preciso de mais momentos assim!

Point Of View - Barry Allen

Procurei a Caitlin por toda a festa, fui nos DJs, na parte externa da casa, fui no barzinho, vi pela pista, olhei até mesmo no segundo andar e nada! Nada dela. Eu já deixei várias mensagens para ela, mas nenhuma respondida. Quando perguntei para mais pessoas se tinham visto ela, todos responderam que sim. Isso quer dizer que ela veio, mas sumiu? Será que ela já foi embora? Talvez eu esteja me preocupando atoa.

Sinto uma mão em meu ombro, me viro dando de cara com o Queen. Ele parecia tenso também.

─ Cara, você viu a Felicity por aí? ─ ele pergunta.

─ Ela também sumiu?

─ Como assim "também"?

─ Eu simplesmente não acho Caitlin em lugar nenhum! E me disseram que ela veio.

─ Eu e Felicity estávamos dançando, ela disse que precisava ir ao banheiro mas não voltou mais. Eu já procurei por toda parte, inclusive pedi para uma das meninas ver se ela estava no banheiro. Mas não está. Ela não responde minha mensagens.. ─ ele diz com seu celular na mão.

─ Isso tudo é estranho! Mas talvez estamos nos preocupando sem necessidade… ─ tento amenizar a situação.

Sinto novamente uma nova mão sobre meu ombro, era a Kara. Seu rosto estava pálido e ela parecia ter visto um fantasma.

─ Temos um grande, grande problema.

Continua...


Notas Finais


Não me matem por esse final! Hahaha, o capítulo estava ficando muito grande então resolvi dividi-lo em duas partes. Vocês terão que aguardar só mais um pouquinho para saber o que aconteceu com a Cait e nossa Felicity. E qual será esse problema que a Kara citou?

hmm, aguardem o próximo capítulo e não se esqueçam de comentar! 🖤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...