1. Spirit Fanfics >
  2. Teen things >
  3. Marionete

História Teen things - Capítulo 22


Escrita por: e Dressa_Byers


Notas do Autor


Mais um capítulo!!
Como eu disse antes eu fiquei com uns probleminhas pra escrever, por isso eu ainda tô me ajustando, mas acho que agora vou postar capítulos na segunda e na sexta.
Boa leitura ^^

NAS NOTAS FINAIS EU VOU FALAR ALGO QUE EU ACABEI ME ESQUECENDO, ENTÃO LEIAM LÁ!

Capítulo 22 - Marionete


Fanfic / Fanfiction Teen things - Capítulo 22 - Marionete

Passou-se algumas semanas, Maxine continuou falando com Guzmán por telefone e algumas trocas de olhares na escola, foi ele que convenceu Max não arranjar briga com a Cayetana, se o histórico de briga de Max aumentasse ela correria risco de ser expulsa, e com o tempo as foram esquecendo daquilo, mesmo que tenha deixado uma marca de vergonha e frustação em Max. Veronica continua sem saber o que Jughead tanto esconde. El e Archie agora sabem todos os detalhes da investigação, até que Hermione e FP foram as últimas pessoas a verem Hiram ainda vivo. Archie e Mary já se mudaram para o centro, mas o ruivo ainda continua a investigação com Eleven. Enquanto Jim, Jonathan e Nancy ainda tentam incriminar Hermione, mesmo sabendo onde FP está eles não podem fazer nada, eles precisam de uma confissão, algo que nem Hermione nem FP fariam. A única coisa que está em comum entre todos os jovens que estudam nas Las Encinas é que as provas estavam se aproximando, iriam começar na próxima aula.

Plena manhã e todos com uma cara desgastada, provavelmente passaram a noite revisando o conteúdo, Cheryl continuava com sua postura estável, dessa vez ninguém ia se aproveitar dela. Calados e quietos os alunos entraram em classe, as provas foram entregues, quando chegou nas mãos de Lucrecia, Cheryl reparou em seus olhos, principalmente nas enormes olheiras, resultado de passar a noite revisando tudo, Cheryl chegou a soltar uma risada sádica. O tempo foi passando e eles começaram a responder, todos tinham estudado e era certeza que naquelas primeiras provas iriam se dar bem, não demorou e o intervalo chegou, Archie foi conversar com Jug enquanto os outros estavam no refeitório.

_Jug, você falou com a polícia?

_Por que continua com essa história? Minha família e eu vamos resolver tudo isso.

Enquanto eles conversavam, Veronica viu eles e se escondeu um pouco perto deles para saber do que a conversa se tratava.

_Jug isso é muito arriscado, e se sua mãe estiver sendo ameaçada?

_Archie eu não quero falar sobre isso!

E assim foi o último comentário de Jug, ele saiu de onde estava e foi procurar pela Veronica, essa que resolveu tirar satisfação com Archie.

_Ei! Archie!

Esse que estava estava meio distraído depois da conversa com Jug mas logo reparou na menina.

_Oi Veronica.

_Archie me diz o que tá acontecendo.

_Não sei do que tá falando...

_Eu sei que você sabe!

Archie suspira e olha para um lado e outro atrás de respostas.

_Isso tem haver com sua mãe.

_Se tiver falando da Hermione saiba que ela não é minha mãe.

_Como assim?!

_Mãe é quem cuida e a única mulher que cuidou de mim foi a Abuelita.

_Espera tá, eu vou chamar uma pessoa pra me ajudar a explicar.

Archie então foi no refeitório atrás de El, essa que estava junta com Will e Max.

_El pode vim aqui?

_Claro, depois falo com vocês_ Ela então foi até ele e eles foram andando enquanto ele explicava pra ela sobre a Veronica.

_Ei tu tem visto a Cheryl nos intervalos? Só vejo ela na sala_ Max pergunta pra Will.

_Verdade, nem na saida eu vejo ela.

_Bora atrás dela_ Max fala indo com Will explorar a escola atrás da amiga.

Após Archie explicar pra Eleven eles concordam em contar pra Veronica, mas escondendo alguns detalhes.

_Oi Veronica_ Eleven fala chegando perto dela com o Archie_ Nós vamos te contar mas não pode falar pra ninguém! Só vamos falar porque você merece saber a verdade.

Após explicar tudo, até mesmo a conspiração dos Lodge e Nunier. Veronica ficou pasmada e antes que pudesse comentar algo chegou a hora de voltar pra classe. Então todos voltaram para a sala de aula, eles entraram e logo chegou Cheryl que foi fuzilada de perguntas de Will e Max para a saber onde estava. Na última aula não teve prova, Archie e Eleven ficaram aliviados, pois Veronica não parecia estar bem para mais uma prova. Não demorou muito e a aula acabou, Veronica novamente foi atrás de Archie e El.

_Isso não explica porque o Jughead tá estranho_ Veronica fala sem rodeios.

Então Archie e El falam o que Jug e Will viram no dia do casamento. Veronica fica com os olhos arregalados.

_Só tenho mais uma pergunta...

_Pode falar, responderemos_ El fala.

_Vocês sabem onde FP está?

El encara Archie querendo saber a opinião dele sobre isso, mas ela acaba falando.

_Na pousada do Samuel...

Veronica demora um pouco para responder.

_Eu quero participar disso...

_Como assim?_ Archie pergunta confuso.

_Eu vou ajudar vocês, quem matou meu pai merece ser punido!

Antes que eles respondessem Jug chegou procurando Veronica, o carro deles tinham chegado.

_Falem comigo pela internet_ Ela responde indo junto com Jughead para um carro que estava esperando eles na rua da escola.

Enquanto isso Will e Max ainda estavam atrás de Cheryl, essa que sumiu novamente na hora da saída.

_Ela sumiu de novo?_ Will pergunta procurando entre os outros alunos que estavam lá.

Max, que também procurava por ela, viu muitos alunos até Guzmán, ela chega a soltar um sorriso mas o garoto estava com uma expressão séria e até triste. Max não se distraiu muito e viu uma garota de cabelos ruivos saindo de perto da escola.

_Ela tá ali!_ Max fala apontando_ O caminho da casa dela não é ali.

Eles então vão atrás dela, ela estava indo para um lugar um pouco longe da escola, Will e Max tomaram cuidado para não serem descobertos, até que ela chega em um beco.

_Será que ela tá fumando?_ Will pergunta.

Por surpresa quando eles olham o beco se deparam com Betty, a maior surpresa é ver elas se beijando. Eles ficam olhando descaradamente até que as garotas percebem.

_O que vocês tão fazendo aqui?!_ Cheryl pergunta ruborizada.

Eles então vão até ela.

_Então o que você tanto esconde é que tá ficando com a Betty?_ Eles perguntam vendo Betty com vergonha.

Cheryl engole em seco.

_Sim...

_Por que não nos disse?_ Max pergunta.

_Por que eu tenho medo! Tenho medo dos meus pais descobrirem...

_Cheryl nós nunca íamos falar_ Will a tranquiliza.

_É fácil pra você falar, já é assumido, sua mãe te apoia...

Will estremece, a verdade é que ele ainda não tinha contado.

_Vamos indo, Will, podem aproveitar, depois nós vamos conversar mocinha_ Max chama Will e eles vão voltando pra escola.

_Tchau, Max, depois conversamos, vou tentar ligar pra Eleven ela deve tá preucopada.

Na realidade Eleven na euforia de saber que Veronica ia ajudar acabou se esquecendo de avisar ao Will que ia na delegacia, ela e o Archie iam passar a novidade para Jim.

_Pai!_ Eleven fala entrando na sala de Jim e se deparando também com Jonathan e Nancy_ Temos novidades.

_O que descobriram?!_ Jonathan pergunta fechando a porta da sala, assim deixando a conversa mais privada dos outros oficiais.

_Veronica falou que quer nos ajudar!_ Eleven fala entusiasmada.

_Vocês falaram pra ela?!_ Jim pergunta com uma cara assustada.

_Ela merecia saber o que estava acontecendo com a família_ El continua.

_El talvez ela não nos ajude em nada..._ Jonathan fala tentando conformar a mais nova.

_Ou talvez ajude!_ Nancy fala com uma expressão de ideia no rosto_ Ela ainda é filha dela, pode tentar descobrir com quem a mãe fala as escondidas.

Archie já havia revelado sobre o que Jughead falou pra ele.

_Mesmo que ela fale com a mãe dela, isso não prova nada, tem que ter gravado uma confissão de Hermione_ Jonathan completa o pensamento de Nancy.

_Como o que exatamente?_ Hopper pergunta.

_Uma escuta!_ Archie fala com animação.

Não era uma má ideia e antes que pudesse fechar os detalhes o celular de El toca, por surpresa não era Will e sim a própria Veronica. Ela atende.

_Veronica?

_Eleven, oi, é porque eu quero saber se tem como eu ajudar vocês.

_Já estamos planejando isso Veronica, aconteceu alguma coisa?

_Na verdade sim, El... Era verdade o que a Lucrecia disse, eu fui tentar com a Hermione sobre o assassinato do meu pai, mas ela acabou mudando o assunto, ela falou que eu vou ter que sair com o Guzmán, hoje...

_Veronica você não precisa! Você é dona de si mesma, nós vamos te ajudar, eu vou aí!

_Eleven... Obrigada.

El desliga o telefone.

_Como vamos fazer isso?

_Bom, temos que colocar uma escuta nela para podermos escutar tudo que Hermione falar_ Hopper explica como basicamente será o plano.

_Eu vou levar a escuta_ Eleven fala decidida.

_Não acho que Hermione vai achar uma boa ideia, mas se eu for lá apenas como desculpa de ver a Abuelita talvez consiga_ Nancy fala aproveitando a confiança que Abuelita tem nela.

_Também acho, pois também vai ser mais fácil ensinar como colocar a escuta, vem aqui_ Jim fala a chamando para ensinar como ela deveria fazer.

Eleven não ficou satisfeita mas acabou aceitando, realmente era o melhor. Enquanto isso Will já havia chegado em casa, avisou por mensagem para El que já tinha chegado, essa que respondeu que estava na delegacia com Jim. Só estava Will e Joyce em casa, após trocar a farda por uma roupa mais confortável eles foram assistir televisão na sala.

_Faz tempo que não temos um momento assim_ Joyce fala comendo pipoca e oferecendo para Will, esse que estava pensativo mas não recusa a pipoca.

_Mãe... Quero aproveitar esse momento em que só tem nós dois aqui_ Will responde ainda pensativo.

_Claro filho, o que foi?

Will suspira.

_Mãe... Acho que a senhora já sabia ou desconfiava, mas...

Joyce deixa de prestar atenção no filme e fica atenta as palavras do filho.

_Eu gosto de... Quer dizer eu não gosto de..._ Will tenta falar se atrapalhando com as palavras.

_Shh_ Joyce bota o dedo na boca indicando que o bairro se silenciasse, ela sorre enquanto pedia silêncio ao filho_ Filho, não se preucopa com isso, eu sempre vou te amar, independente de tudo! Aliás, sim, no fundo eu sempre soube.

Aquelas palavras foram suficiente para deixar Will de olhos marejados, logo um abraço confortável entre mãe e filho, aquele era um momento em que Will não esqueceria,
realmente tinha a melhor mãe do mundo. Enquanto isso Nancy já estava chegando na casa dos Lodge, e assim aconteceu, não demorou muito e Nancy chegou lá batendo na porta, sendo atendida pela própria Hermione.

_Olá senhora, eu vim conversar com a Abuelita_ Nancy fala engolindo em seco.

_Espera aí, você é a garota que mentiu pra mim! Falou que trabalhava na escola mas veio aqui com aquele delegado, não sei o que você quer, mas é melhor sair daqui...

Antes que pudesse terminar o discurso, Hermione foi interrompida pela própria Abuelita.

_Pode deixar ela entrar, Hermione.

Hermione ficou com um olhar furioso.

_Mas os Nunier já estão chegando_ela responde com um sorriso forçado.

_Não importa, venha entre_ Abuelita continua, fazendo sinal para Nancy entrar.

Hermione deixa as duas conversando na sala e vai para a cozinha.

_Abuelita eu tenho algo urgente para fazer, é sobre a investigação.

_O que exatamente, minha filha?

_Tenho que falar com Veronica, ela já deve saber, mas o importante é que Hermione não me veja com ela.

_Vocês descobriram alguma coisa?

_Abuelita eu sinto muito por não atualiza-la sobre o caso, mas Veronica faz isso mais tarde, pode despistar Hermione enquanto faço isso? Afinal de contas onde ela está?

_Certo eu vou manter Hermione na cozinha, Veronica está no quarto, ela estava se arrumando para um encontro.

_Abuelita... Isso é não é um encontro, Veronica não quer isso.

Abuelita fica surpresa mas não tinha tempo para isso, ela vai até a cozinha distrair Hemione, enquanto Nancy entra no quarto e se depara com Veronica sentada na cama vestida com um vestido brilhoso e preto.

_Veronica, eu vim colocar a escuta em você, você já sabe o que fazer, né?

_Sim, tenho que convencer a Hermione a falar sobre a pessoa que sempre fala com ela pelo telefone_ Veronica responde com uma voz fraca e desanimada.

Nancy ficou nas costas da garota começando a colocar a escuta.

_Aconteceu alguma coisa?_ Nancy pergunta ainda ajeitando a escuta.

_Ter que sair com Guzmán... Tudo bem que um encontro é legal, mas eu sei que isso é só o começo, depois vem mais jantares, depois vamos posar para as fotos, até que os jornais anuncie o nosso casamento...

_Veronica você não precisa passar por tudo isso, pode apenas enfrentar sua mãe, quem decide o que fazer na sua vida é você, não pode deixar sua mãe te controlar desse jeito.

Veronica fica pensativa e Nancy enfim termina de arrumar tudo.

_Veronica agora eu já tenho que ir, mas pensa no que eu te disse.

Elas se despedem e Nancy volta para a cozinha, lá ela vê Abuelita conversando com Hermione.

_Abuelita eu já tenho que ir, depois nos falamos.

_Adeus querida.

Nancy então foi indo, quando chegou perto da porta escutou uma última voz.

_Tchau, Nancy_ Jughead fala se sentando no sofá da sala, ele devia estar em outro local da casa quando Nancy chegou.

_Tchau.

Nancy não perdeu mais tempo e saiu logo da casa, quando chegou na calçada admirou o céu que já estava escurecendo, ela então seguiu caminho até a delegacia, quando chegou lá ficou na sala de Jim junto com os outros escutando tudo, na realidade Veronica ficou mais no quarto dela pensando e esperando Guzmán chegar, isso que não demora muito, o som que eles escutam é de Hermione chamando a filha para a recepção dos Nunier, na porta da casa estava os pais de Guzmán e, obviamente, o rapaz junto com eles.

_Aqui está ela_ Hermione fala se referindo à filha que estava indo na direção da porta_ Ela está super animada, não é filha? E enquanto eles passeiam nós podemos tratar negócios_ Hermione continuou falando com o Sr. Nunier.

Jughead estava calado, ele estava na sala acompanhando tudo ao lado da vó, Abuelita não discutiu nada pois não sabia bem do que Nancy tinha falado, já Jug não falava nada pois não tinha coragem de desafiar sua mãe.

_Então você já pode ir, filha, pode acompanhar Guzmán_ Hermione continuava com um sorriso exagerado.

Veronica responde apenas com um sussurro quase inaudível.

_Não...

Hermione se espanta mas continua com um sorriso estampado.

_O que disse, filha?

Veronica suspira criando coragem, então ela encara Hermione com um olhar penetrante.

_Não! Eu não vou ser sua marionete, Hermione! Se você quiser se prostituir faça você mesmo!

Veronica então passa pela porta recebendo uma fuzilada de olhares do Sr. Nunier, ela chega a encarar Guzmán, era como se seu olhar dissesse "Esperava mais de você". A única coisa que ela pegou a tempo foi seu celular, ela sai da casa empurrando os convidados e deixando Hermione falar sozinha, essa que já estava desesperada mandando a filha voltar. Jug estava absimado, foi uma surpresa ver Veronica daquele jeito. Enquanto isso na delegacia El e Nancy também estavam espantadas, mas o sentimento de alegria pela amiga era maior.

_Essa é minha garota.

Veronica pediu um táxi que não demorou muito para chegar. Quando o táxi chegou Veronica foi seguindo caminho, na delegacia eles estavam apenas escutando o rádio do carro, até chegar em seu destino e pagar a viagem.

_Mas aonde ela está?_ Archie se questionava junto com os outros.

Eles só chegam a escutar batidas em uma porta e o som dessa se abrindo.

_O que você quer, Veronica?

_Espera! Eu acho que conheço essa voz_ Eleven fala tentando lembrar.

_É eu também_ Archie complementa.

_Estou atrás de um hóspede_ Veronica responde.

Nesse momento Eleven e Archie se entreolham assustado.

_Ela tá na pousada do Samuel!_ El fala explicando o mistério.

_Qual hóspede?_ Samuel continua com as perguntas.

_Espera aí, mas nós descobrimos quem está nessa pousada_ Jim fala relembrando o que Archie e El descobriram.

Veronica responde Samuel com um olhar de seriedade.

_FP Jones.


Notas Finais


Verônica na investigação hehee 🧐

Eu acabei me esquecendo de falar isso nos capítulos iniciais, é apenas um detalhe, nas Las Encinas eles têm farda como qualquer escola, mas muitos alunos vão com roupa normal, então vai ter vários pontos em que os alunos irão com roupas normais para a escola, já em outros eles vão de farda, como por exemplo quando o Will chega em casa "após trocar a farda por uma roupa confortável". Era apenas isso mesmo kkkk só um pequeno detalhe.

Até o próximo capítulo fan.f........

Ps. Estou gostando de ver seus comentários!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...