História Teen Wolf Apenas uma noite - Capítulo 75


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Visualizações 97
Palavras 2.570
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe os erros de ortografia...

Capítulo 75 - Peter Hale o soltou


CAPITULO LXXV- PETER HALE O SOLTOU

Liam deslocou seu peso de um pé a outro, enquanto olhava para aquelas paredes brancas, sem vida. O cheiro de morte era asfixiante. Num suspiro audível deslizou sua mão por seu cabelo ansiosamente, balançando a cabeça fechou os olhos sussurrando seu mantra de costume, tentando assim manter sua mente calma, suas emoções sob controle.

_ Quer aguardar lá fora?_ Scott disse deslizando seus dedos por sua face_ Stiles já deve estar chegando com Alex, se quiser pode esperar por eles na recepção!_ Negou com a cabeça pousando sua face na palma da mão do moreno o encarando num sorriso _ Tudo bem então!_ O Alfa verdadeiro lhe retribuiu o sorriso dando-lhe um beijo na testa_ Mas se ficar demais é só sair, ninguém pensara menos de você por isso!

_ Eu sei!_ Baixou a cabeça_ Prometo não forçar meus limites grande alfa!_ Riu quando o MaCcall o encarou num revirar de olhos_ Palavra de alfa!_ Levantou uma de suas sobrancelhas.

_ Palavra de alfa! Sei, eu..._ Bufou o MaCcall sendo interrompido pelo legista que abrindo a porta num rangido passou por eles encarando-os um a um num sorriso, para pouco depois começar a assobiar uma canção estranha enquanto caminhava lentamente, virando-se mais uma vez para eles antes de dobrar o corredor em direção ao elevador.

_ Isso foi sinistro!­­_ Liam disse olhando na direção que o homem havia sumido_ Vou ter pesadelos com esse cara para o resto da minha vida!

_ Então..._ O xerife disse rindo enquanto examinava o corredor_ Onde está o Stiles?

_ Aqui._ O jovem gritou se aproximando apressado_ Presente!_ Levantou a mão num suspiro cansado tendo todos os olhares sob ele_ O que? Vida de humano é difícil caso os lobos não se lembrem!_ Encostou-se à parede puxando o ar com dificuldade _ Cansamos-nos fácil!

_ Você chegou até aqui de elevador Sty!_ Liam exclamou.

_ Calado!_ Apontou o dedo para o lobo de olhos azuis_ Respeito garoto, sou seu irmão mais velho, minha palavra é lei!

John apenas balançou a cabeça rindo com a interação dos filhos, virando-se segurou a porta aberta sinalizando para que entrassem.

_ Se quer seguir meus passos precisa começar a se exercitar garoto!_ Disse dando um tapa na nuca do seu mais velho, quando este passou por ele._ Cansamos-nos fácil!

_ Ei!_ Gritou Stiles fuzilando-o com o olhar _ Até tu Brutos!_ Esfregou o local atingido.

_ O que temos aqui xerife?_ Derek riu puxando seu companheiro para seus braços_ Porque a urgência em nossa presença!_ Encostou-se seu corpo numa das macas do lugar, pousando seu queixo no ombro do namorado.

_ Bom!_ Os encarou num dar de ombros_ Primeiro de tudo, o corpo de Peter Hale sumiu!_ O homem falou passando a mão por seu cabelo num gesto nervoso_ Simplesmente sumiu!

_ Nós já suspeitavamos disso pai!_ Stiles falou _ O que?_ Encarou os demais com surpresa_ Não suspeitávamos disso?_ Levantou as mãos ao alto indignado_ Pelos céus, se o homem voltou dos mortos para nos assombrar, achavam o que? Que ele ia se locomover por ai num lençol gigante flutuante?_ Revirou os olhos.

_ Como assim voltou dos mortos?_ Questionou o Stilinsk mais velho preferindo ignorar o comentário do filho_ Zumbi? Vampiro?_ Franziu a testa fitando o bando MaCcall com ironia_ Não!_ Balançou a cabeça_ Por favor, não diga que agora temos zumbis andando por Beacon Hills?

_ Zumbi não!_ Liam respondeu mordendo o lábio inferior num dar de ombros.

_ Graças a Deus!_ O homem mais velho suspirou em alivio.

_ Vampiro sim!_ Tornou o lobo de olhos azuis para surpresa do Stilinsk_ Bom, na verdade um stri... Strig alguma coisa!

_ Strigoi!_ Derek o corrigiu num sorriso.

_ Isso ai que o grandão falou!_ Revirou os olhos demonstrando a todos de quem Alex havia herdado as manias_ Mas resumindo toda a coisa, basicamente um vampiro!

_ Vocês estão brincando não é?_ O homem mais velho disse_ Por favor, me diga que isso é uma pegadinha?

_ Infelizmente não pai!_ Stiles respondeu para o desgosto do xerife_ Peter Hale agora é um vampiro!

_ Meu deus, preciso me aposentar!_ O xerife bufou_ O que falta aparecer agora? O gênio da lâmpada?

_ Sobre isso!_ O Dunbar começou a falar.

_ Liam!_ Todos gritaram em uníssono.

Deaton olhou para o djinn esparramado em seu sofá, suas tatuagens negras marcando sua pele nua, seus olhos fechados, havia o conhecido por acaso, num bar no Brasil, Ricardo ainda estava com ele, o jovem humano era bonito, pele morena, cabelos negros, olhos castanhos. Um casal feliz e apaixonado. Quando Pedro ligou contando sobre sua doença, ficou confuso, pois por tudo o que sabia, o djinn havia lhe concedido à imortalidade, sua morte pouco depois o devastou, achou até mesmo que ia perder o amigo para a loucura, mas graças aos céus isso não veio acontecer, um gênio ensandecido não era uma coisa fácil de derrotar.

_ Posso sentir seus olhos sobre mim!_ A voz do escritor o pegou de surpresa_ Sei que sou bonito meu amigo, mas nós dois não daríamos certo!_ Abriu os olhos o encarando_ Você não faz meu tipo!_ Sorriu.

_ Nem você o meu, Pedro!_ Deaton retribuiu seu sorriso_ Sexo errado só para começar!

_ Partiu meu coração!_ O djinn sentou-se enquanto levava sua mão a seu peito teatralmente_ Mas mesmo com todos meus poderes, eu prefiro respeitar a privacidade de meus amigos, então pode me dizer o porquê me olhava fixamente?

_ Nada, só me lembrando do passado!_ Sentou na poltrona ao lado entregando uma garrafa de cerveja a ele, levando a outra em sua boca, tomando um longo gole_ Nada demais.

_ Ricardo?_ Pedro indagou aceitando a bebida de sua mão enquanto o veterinário assentiu em concordância_ Eu penso nele a cada segundo!_ Suspirou_ Ele... Nós fomos felizes Deaton! Eu o amava como nunca pensei amar alguém em toda minha existência!

_ Eu sei meu amigo!_ O veterinário deu um sorriso triste_ Eu sei!

_ Mas..._ Suspirou novamente, levando a garrafa de cerveja a boca_ Mesmo com todo meu poder ele escolheu partir!_ Ficou alguns segundos em silencio_ Teve que partir!_ O encarou_ Há coisas que mesmo eu não posso impedir!

_ Eu sinto muito por isso!

_ Não tanto quanto eu!_ Jogou seu corpo contra o encosto do sofá fechando os olhos_ Não tanto quanto eu!

_ Mas isso não lhe dá o direito de se intrometer entre Scott e Liam, não acha?_ O djinn voltou seu olhar em sua direção e o veterinário arqueou uma de sua sobrancelha_ Posso ser somente um humano sem poder algum, mas tenho uma audição perfeita djinn!_ Olhou para a garrafa em suas mãos_ Ouvi vocês dois conversando no corredor, fora o que disse sobre o Ricardo quando explicou sobre seus poderes, não preciso de super poderes para ler as entrelinhas!_ Tomou um longo gole da cerveja.

_ Foi um momento de fraqueza!_ Pedro respondeu num dar de ombros despreocupado_ Eu... Eu pensei que podia ter o Anima para mim!_ Riu sem humor_ Sua vivacidade é cativante e para um ser que tem a alma escura como a minha chega a ser quase viciante!

_ Ele não é uma coisa Pedro!_ Repreendeu o outro_ Além de ter uma família e um companheiro que o ama! Você não tinha o direito de se colocar na vida dele desse jeito! Liam já teve sua cota de sofrimento o suficiente em sua curta existência, não necessita que acrescente mais a seu prato já transbordando!

_ Já pedi desculpas, como disse foi um momento de fraqueza!_ Tomou mais um gole da cerveja_ Nada aconteceu, sabe muito bem que tudo não passou de uma ilusão! Só dei a ele uma amostra de seus desejos mais profundos!_ Deaton bufou_ Claro que com uma pitada a mais, nem sempre o que desejamos é o melhor para nós!_ Sorriu.

_ Sei!_ O humano tornou num tom acusador._ Conheço muito bem sua forma de agir djinn, da mesma forma que Peter foi à busca dele por sua força vital, duvido que o lobinho de olhos não tenha lhe dado uma boa dose de sua energia!

_ Eu não..._ Balançou a cabeça_ Liam precisava se sentir amado, Scott mergulhado em culpa não conseguia enxergar isso! Então não tenho culpa se seus desejos nos levaram a algo intimo demais!_ Suspirou_ Não era minha intenção chegar a um ponto tão excitante!_ O encarou num riso safado engolindo mais da cerveja_ Não de inicio pelo menos! Mas confesso, foi quase impossível não mantê-lo só para mim! Sabe que podia fazer isso não é?

_ Você não ousaria?

Cris suspirou olhando para o outro lado da janela, era bonito ver a existência daqueles cujas vidas não foram tocadas pelo sobrenatural, correndo de um lado a outro, alheios a tudo, somente se preocupando com seu bem estar e daqueles que amavam, como as invejavam. Talvez se tivesse tido uma oportunidade diferente, estaria ali no meio delas, perdido nos afazeres de um ser humano normal, se ocupando apenas com os próprios problemas e não o peso de milhares de vidas em suas mãos. É, a vida às vezes parecia injusta.

_ Também sente o desejo de abandonar tudo?_ A voz de seu sobrinho cortou o rumo de seus pensamentos o trazendo de volta a realidade_ É como o canto de uma seria não é? Se meu desejo de vingança não tivesse levado o melhor de mim, ainda estaria perdido no meio deles!_ Olhou para as pessoas apressadas na rua_ Vivendo a doce ilusão da ignorância!

_ Às vezes penso que talvez se tivessem me dado à oportunidade da escolha eu não..._ Balançou a cabeça num sorriso triste_ Mas não podemos mudar o destino, podemos?_ Encarou a janela mais uma vez_ O melhor que fazemos e encarar o presente não é? Assumir nossa missão para que eles..._ Apontou para a rua_ Possam continuar vivendo suas vidas em segurança!

_ Pois é!_ Nick riu_ Somos heróis não é?

_ Somos!_ Ele sorriu_ Pode acreditar que somos!_ Encarou o caçador mais jovem_ O que temos ai?_ Apontou para o notebook_ Como acabamos com um strigoi?

_ Você tem certeza sobre isso mesmo?_ O Campbell questionou_ Um strigoi! Não é um pouco fantasioso demais até mesmo para nós!

_ Sabe que toda lenda tem um fundo de verdade Nick!_ Cris tomou um gole de seu café_ Pelo que Deaton disse, mais o sumiço do corpo de Peter Hale, quais outras chances disso ser apenas especulação?

_ Não me importaria se fosse!_ Deu de ombros_ Mas em todo caso, strigoi são almas atormentadas que saem dos túmulos ou até mesmo pessoas vivas com certos poderes mágicos, transformação em animais, invisibilidade e capacidade de escoar a vitalidade das pessoas através da perda de sangue!_ Parou a leitura encarando o tio num longo suspiro_ Bom se as lendas tiverem corretas... Estamos encrencados!

_ Sim, mas nem tudo é verdade!_ Cris suspirou passando a mão pelo rosto_ Espero que não seja, pelo menos!

_ A parte da invisibilidade um pouco talvez!_ Johnny puxou a cadeira sentando ao lado dos dois_ Desculpe a demora!_ Encarou-os_ Estava... Bom estava por aí!_ Alcançou a xícara do irmão caçula tomando um longo gole do café_ Ainda bem que não sou diabético!_ Exclamou numa careta_ Derrubou o pote de açúcar no café, foi?

_ O que você quis dizer com a parte da invisibilidade?_ Indagou Nick tomando a xícara de sua mão numa carranca_ Não vai dizer que o maldito pode ficar invisível?

_ Não exatamente!_ Deu sinal a garçonete fazendo seu pedido assim que a mesma se aproximou_ Um strigoi Mort é o pior tipo do gênero, dado a sua natureza demoníaca!

_ Isso não é nenhuma novidade Johnny!_ Cris riu, calando-se quando a garçonete trouxe o pedido até a mesa, se afastando logo depois_ Isso nós já sabíamos e não muda em nada nosso prognóstico!

_ Continuamos ferrados!_ Nick sorriu sarcástico.

_ Eu sei!_ O Campbell mais velho disse engolindo um pedaço de torta_ Eu sei!_ Tomou um gole do café_ O que eu quero dizer é que dada a sua natureza demoníaca o monstrengo pode se misturar com as trevas!_ Agarrou o guardanapo de papel limpando a boca_ Ou melhor dizendo, se desfaz nas trevas! Desaparece como fumaça!

_ Quer dizer que ele pode sumir?_ O caçula disse_ É isso? Concluindo fica invisível!

_ Não!_ Tornou Johnny recebendo um olhar engraçado do irmão_ Ele só desaparece! Resumindo a coisa pode se transformar em trevas!_ Comeu mais um pedaço da torta_ Mas..._ Engoliu, olhando vitorioso para os outros dois_ Essa característica é usada para fuga, então não é algo que possa ser usado contra nós!

_ Claro! É só um recurso de fuga!_ Nick revirou os olhos_ Nada que nos afete, só o fato de que ainda continuamos na mesma, ou quem sabe podíamos usar um aspirador de pó e...

_ Sei que isso pode parecer nada por agora!_ Tornou o mais velho lançando um olhar mortal para o irmão_ Mas se um monstrengo deste precisa de um recurso assim, só pode significar uma coisa!_ Riu quando teve os dois olhares sobre si_ Que ele não é tão invulnerável quanto achamos que é! Ele deve ter um ponto fraco!_ Tomou mais um gole do café enquanto os outros dois caçadores se olhavam_ Seja o sol, alho, sei lá o que! Mais ele tem uma fraqueza e só precisamos saber qual é!_ Deu de ombros.

Stiles olhou do cadáver para o pai, arqueando uma sobrancelha, olhando para o corpo era difícil de acreditar que ele havia morrido á menos de vinte e quatro horas, sua pele cinza grudada em seus ossos, mais parecia uma múmia do que uma vitima de assassinato.

_ Eu sei o que está pensando!_ O xerife disse o encarando_ E sim ele morreu nesta madrugada!

_ Mas como?_ O jovem Stilinsk indagou chegando mais perto do corpo_ De velhice, porque convenhamos o homem tinha o que? Uns mil anos?

_ Trinta e cinco!_ John disse num suspiro_ Axel Gonzales, procurado por roubo a mão armado, homicídio e por ai vai..._ Alcançou o telefone no bolso, deslizando o dedo sob a tela, entregando ao filho mais velho_ Já ela!_ Apontou para o corpo da mulher_ Helena Mary Adams, vinte e nove anos, dada como desaparecida pela família há três anos, viciada que viu na prostituição o único meio de sobrevivência!

_ Sim, mas se a mesma coisa que matou ele!_ Stiles apontou para o cadáver masculino enquanto passava o aparelho celular aos demais_ Matou ela também!_ O xerife assentiu_ Então porque o corpo dela está intacto e o dele não?

_ Segundo o legista ela teve sua garganta cortada, já ele..._ Continuou o homem mais velho.

_ Não!_ Liam exclamou interrompendo-o_ Não poder ser esse cara!_ Se aproximou do cadáver, mas foi impedido por Scott, que o segurou pela cintura_ Deve ser algum engano!_ Olhou para todos enquanto se livrava do aperto do MaCcall_ Esse cara!_ Balançou a cabeça encarando-os_ Ele... Eu o matei!

_ Liam..._ Scott sussurrou_ Você pode ter se enganado!

_ Não! Eu me lembro perfeitamente, minha boca se fechando em sua garganta, o gosto do sangue, a vida se esvaindo!_ Fechou os olhos_ Meu lobo..._ Suspirou fundo_ Infelizmente eu tenho certeza, eu o matei pouco antes de fugir!_ Balançou a cabeça uma outra vez_ Fugir não, alguém me queria livre!_ Encarou todos ali_ Peter...

_ Peter Hale o soltou!_ Stiles o interrompeu.

 


Notas Finais


Ainda patinando com as idéias...
Prometo, o fim está chegando...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...