História Teenagers - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescentes, Amizade, Bebidas, Colegial, Família, Festas, Romance, Sexo
Visualizações 14
Palavras 705
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpe-me pelos erros de ortografia

Capítulo 27 - Capítulo 26


Fanfic / Fanfiction Teenagers - Capítulo 27 - Capítulo 26

❥P.O.V Aurora Hudson



{❧Danger}



[terça feira ao anoitecer]

coloco a xícara de chá sobre a mesa de centro e levanto


–Bom vovó, foi incrível passar essa tarde com você, mas eu preciso ir! _Coloco minha mochila na costa


Mara:Obrigada pela visita querida! Vem, vou te levar até a porta! _Diz sorrindo e se levantando também


Caminho com ela até a porta


Mara:Vai com cuidado querida! _Dar um beijo em minha testa


–Pode deixar! _Digo saindo_–Boa noite! _Sorrio largo, em seguida me viro e saio andando


[...]


Paro em frente a um prédio, abro minha mochila e a reviro, em busca de minha touca, pois estava muito frio. Assim que acho, coloco rapidamente em minha cabeça, em seguida ponho minhas mãos no bolso de meu casaco e Caminho até a beirada da calçada, olho para os dois lado e travesso correndo.


[...]


Chego em uma rua, que aparentemente estava completamente vazia! Dou passos largos para passar por ela rapidamente ruas assim me dão medo. Já estava chegando no fim da rua, quando avisto um grupinho de meninos na esquina, paro e engulo em seco.


–Droga! _Sussurro


Não podia mais voltar, agora único jeito era encarar. ajeito minha toca e aprofundo minhas mãos em meu bolso, olho para o chão e começo a andar indo na direção deles.


Assim que chego mais perto, consigo ouvir várias coisas estúpidas


Xxxxx:Olha aí que bonitinha!


Xxxxx:Passa seu número aí gatinha


Xxxxx:olha pra cá gostosinha


Vejo um deles se aproximar; nesse momento o certo a se fazer é Correr, correr o mais rápido possível! mas fico paralisada, minhas pernas ficam parecendo chumbo


Eu estou tão ferrada!


Ele leva uma das suas mãos até meu rosto e fica acariciando minhas bochechas, com a outra ele segura em meu braço. Lágrimas involuntariamente começam a descer pela extensão de meu rosto


Xxxx: Loirinha! Aí, Tira suas mãos nojetas dela! fica longe! _Grita


O cara olha por cima do meu ombro e começa a rir


Xxxxx:O que você vai fazer? _Pergunta virando a cabeça para trás_–Galera, o Playboyzinho está afim de apanhar! _Diz rindo


Meu coração começa a bater forte, parecendo querer sair de meu peito! Viro minha cabeça para olhar para trás, pra saber  de quem é a voz... É de Kev.


Respiro fundo, puxo meu braço e rapidamente corro em direção a ele, que não estava muito longe. Me posiciono atrás dele


Aurora:Você não vai brigar né? Por favor, não! _digo baixo


Kev:Não, mas por você! _Responde abafado_–No três você corre para aquele carro ali no canto, eu vou estar bem atrás!  


–Ok _digo apertando o braço dele


Kev:Um, dois, três!


Saio correndo em direção ao carro. Entro no mesmo e fecho a porta, logo Kev entra e rapidamente dar partida


Coloco uma mão sobre meu rosto e respiro e inspiro fundo várias vezes seguidas


Kev:É meio que perigoso andar sozinha na rua, principalmente pela noite e por esse bairro! _Diz sem tirar os olhos da estrada


–Eu sei! _Respondo baixo


Kev:Bom... pra onde está indo? _Pergunta me olhando pelo canto do olho


–Para minha casa! _Digo virando a cabeça para olhá-lo


Kev:Eu vou levar você até lá!


–Obrigada! _Sorrio amarelo


Kev:Não precisa agradecer! _Sorrir largo


[...]


Já estávamos quase chegando em minha casa. É até agora, a únicas coisa que se ouvia dentro do carro era a música cigarette daydreams que toca na rádio. Eu estava adorando isso! Não por que eu não goste dele, mas sim por medo de falar coisas sem sentido!


[...]


Kev:Chegamos Loirinha! _Diz parando o carro em frente a minha casa


–Obrigada novamente! _Sorrio largo; tiro o cinto e olho para ele_–Por tudo! _Abro a porta do carro e me preparo para sair l


Kev:Espera! _Diz segurando em meu braço


Me viro para olhá-lo novamente. Ele se aproxima vagarosamente; a palma de uma de suas mãos pousa em minha nuca e seus lábios  quentes colam nos meus; meus olhos se arregalam e meu coração começa a bater rápido e forte! fico paralisada por alguns segundos ou até um minuto, mas logo começo a retribuir meio sem pratica. Depois de alguns  segundos ele encerra o beijo e me olha sorrindo... Minhas bochechas começam a arder, com certeza estou parecendo um tomate! pulo para fora do carro involuntariamente, dou uma última olhada para trás e saio correndo para dentro de casa parecendo uma louca que nunca beijou antes, pera! Mas é isso que eu sou!


Notas Finais


🍃


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...