História TEMP. 2- RINxLEN - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Vocaloid
Personagens Len Kagamine
Tags Len Kagamine, Rin Kagamine, Rinxlen, Romance, Shoujo, Vocaloid
Visualizações 17
Palavras 812
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


AAIN MINNA!
PQ É QUE EU N CONSIGO POSTAR NO DIA? ;-;
desculpa pra quem está acompanhando n era minha intenção atrasar sempre...

Capítulo 11 - CAPÍTULO 0.11-x


Fanfic / Fanfiction TEMP. 2- RINxLEN - Capítulo 11 - CAPÍTULO 0.11-x


???: Perdão por não me apresentar, eu sou Gakupoid.
Kaito: Mas todos o chamam de Gakupo.
Gakupo: Isto mesmo!
Len: Prazer, senhor Gakupo, sou Len, melhor amigo de Miku e namorado da melhor amiga dela.
O cumprimentei e sorri, de repente, Miku despertou.
Miku: Ai... Minha cabeça... Onde eu es---
Miku foi interrompida por um abraço de Kaito, ela corou muito e perguntou.
Miku: Kaito?... É você... mesmo?
Kaito: Sim, Miku.
Miku fez uma carinha de emburrada e falou com voz de mandona.
Miku: Por que... Que quando você ligou... Queria falar só com a Rin... Em mocinho?
Ela cruzou os braços, fez cara de triste e virou o rosto.
Miku: Por acaso, quer mais ela do que me qu--
Kaito: Miku! Não queria falar com você, porque...
Kaito se arrumou sentado, corou e cruzou os dedos das mãos.
Kaito: Porque sei que se eu ouvisse sua voz, eu certamente voltaria correndo para te ver...
Miku começou a chorar e pulou nos braços de Kaito.
Miku: É bom saber que você realmente me ama!
Miku beijou Kaito, ele corou e correspondeu. Então cochichei para o pai dele.
Len: (cochicho) Aprendeu comigo.
Gakupo: (cochicho) Eu sei, ele não é de falar desse jeito.
Len: MÃE!
Yuzuki: O que foi?
Len: Cadê Ren e Meiko?
Yuzuki: Ren ficou mal e começou a sair sangue da boca dele, a gente levou ele para o hospital e Meiko está lá com ele, ela vai ficar lá até a gente ir lá buscar.
Len: Então vamos, temos que fazer Ren e Rin se fundirem novamente!
Kaito: Então vamos todos nós!
Gakupo: Claro!
Saímos de lá, eu e Miku fomos voando e Yuzuki, Kaito e Gakupo foram de carro. Eu e Miku chegamos primeiro e Ren havia recebido alta, mas deveria permanecer dormindo. Então ele foi com Gakupo, e Meiko foi nas costas de Miku. Chegamos no hospital onde havíamos deixado Rin e assim que eu entrei...
Oliver: LEN, LEN! VENHA JÁ! RÁPIDO!
Len: O que foi?
Oliver: Rin se recusa a abrir os olhos, acho que tem algo errado.
Corri para dentro, entrei no quarto de Rin, me ajoelhei ao lado da cama e perguntei.
Len: Rin, está tudo bem?
Rin estava sentada e disse.
Rin: É você, príncipe?
Len: Sim, sou eu!
Rin aos poucos abriu os olhos e quando me viu, me deu a mão.
Len: Por que se recusou à abrir os olhos?
Rin: Você não queria ser o primeiro que eu iria ver ao acordar? Não queria ser o primeiro a me ver abrir os olhos? Você me prometeu que seria!
Len: Você ouviu?
Rin: Não conseguia me mexer e nem abrir os olhos, muito menos falar, mas ouvir? Sim, isso eu conseguia! E ouvi cada palavra sua, senti suas lágrimas molharem minhas mãos, senti seu calor, mas eu queria ter ouvido mais uma coisinha...
Len: O que, Rin?
Rin: (cochicho) Um "eu te amo"...
Rin se aproximou de mim, e eu dela, senti os lábios que, há pouco tempo, eu achava que jamais sentiria, senti o calor do seu corpo, vi a sua cor normal, não era mais a menina de pouco tempo atrás, que parecia morta, não! Ela tinha vida! Uma vida que poderá me acompanhar por mais tempo do que eu imaginava! Uma pessoa... Que jamais partirá enquanto eu estiver vivo.
Ren: Rin?...
Ren entrou no quarto quase dormindo e disse.
Ren: Volta... Ao normal!
Rin: Claro! REN, VOLTE!
Rin e Ren se fundiram novamente. Rin adormeceu na hora, eu a segurei e a deitei. Oliver chegou correndo e perguntou.
Oliver: Len, cadê Ren?
Len: Se fundiu à Rin.
Oliver: Então vai ter que esperar um dia para Rin acordar!
Len: UM DIA?!
Oliver: Não grita Len!
Miku: O que... Está acontecendo... Aqui?
Len: Terei de esperar Rin acordar! VAI DEMORAR UM DIA!
Miku e IA: UM DIA?!
Oliver: Sim! Ren havia tomado uma anestesia forte, ele teria de ficar um dia adormecido, mas ele não conseguiu ficar longe de Rin.
Len: Mas é claro que não né! Eles dependem da mesma energia, e assim que Ren percebeu que Rin tinha mais energia que ele, quis se recuperar!
Oliver: Mas... Se é assim, Rin vai acordar...
Rin: O que houve?
Todos: RIN!
Rin: O que foi?
Abracei Rin e ela retribuiu, confusa.
Rin: Ainda não entendi! O que houve, príncipe?
Soltei Rin e respondi.
Len: Rin, você estava bem, Ren voltou para você e, como ele estava anestesiado, ele te adormeceu!
Rin: Ah, entendi! Mas... Por quê?
Len: "Por quê" o que?
Rin: Por que se preocupou tanto assim?
Len: Oras, você é a minha princesa, a coisa mais importante para mim! Se ficares mal, e eu não puder te ajudar, eu sofro, e muito...
Rin sorriu, mamãe riu, Miku e Oliver foram limpar o sangue do nariz, Gakupo saiu do quarto e Kaito ficou com um pouco de raiva.


Notas Finais


gente, é vcs que decidem, eu termino aqui e deixo os outros que escrevi pra terceira temporada ou posto o resto neste mesmo?
(lembrando que a terceira temporada vai sair no mesmo ritmo que esse)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...