História Tempestade - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Liga da Justiça, Mulher Gato, Os Vingadores (The Avengers), Pantera Negra, Saga Crepúsculo, X-Men
Personagens Alec, Alice Cullen, Anna Marie (Vampira), Anthony "Tony" Stark, Aro Volturi, Arthur Curry (Aquaman), Barry Allen (Flash), Bella Swan, Billy Black, Bruce Wayne (Batman), Caius Volturi, Carlisle Cullen, Carter Hall (Gavião Negro), Clark Kent (Superman), Demetri Volturi, Diana Prince (Mulher Maravilha), Dr. Bruce Banner (Hulk), Edward Cullen, Embry Call, Emmett Cullen, Erik Lehnsherr (Magneto), Esme Cullen, Jacob Black, James "Logan" Howlett (Wolverine), Jane, Jared Cameron, Jasper Hale, John Henry Irons (Aço), Kurt Wagner (Noturno), Leah Clearwater, Marcus Volturi, Oliver Queen (Arqueiro Verde), Ororo Monroe (Tempestade), Pantera Negra (T'Challa), Paul Lahote, Personagens Originais, Professor Charles Xavier, Quil Ateara, Raven Darkhölme (Mística), Rosalie Hale, Sam Uley, Seth Clearwater, Sue Clearwater
Tags Abertura, Ação, Drama, Luta, Magia, Saga
Visualizações 28
Palavras 1.702
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Descontrole


Fanfic / Fanfiction Tempestade - Capítulo 4 - Descontrole

Ororo: Você tem certeza que está bem Melissa? 

Milissa: Sim e você? - perguntou preocupada.

Ororo: Sim ainda bem que não aconteceu nada com você e que história é essa de irmã? 

Melissa: Bom.. e que eu sou filha única e você parece uma irmã mais velha para mim se você não gostou que eu chamei você assim desculpa. -  falou de cabeça baixa.

Ororo: Não precisa pedir desculpa Eu até que gostei já que eu também não tiver uma irmã mais nova - falei sorrindo quando falei isso ela ficou mais alegre.

Melissa: Bom já vou para casa minha mãe ainda vai demorar!

Ororo: Já que sua mãe ainda vai demorar que tal você ficar na minha casa até ela chegar assim você não fica sozinha?

Melissa: eu não vou incomodar você?

Ororo: é claro que não vem entrar!

Milissa: sua casa é bem bonita!

Ororo: obrigada sinta-se em casa pode comer o que quaser eu vou tomar uma banho e já venho Ok?

Milissa: Ok!

Vou para o quarto, entro no banheiro, ligo o chuveiro e tiro o fedor de suor e do cheiro do hospital desligo e me enrolou, na toalha e saio do banheiro visto uma calça moletom e uma blusa de manga, comprida e desço olho para sala Milissa estão sentada comendo pipoca e assisto televisão, rindo me lembro que eu não tiver uma vida normal saio desses pensamentos, e vou me sento do lado dela.

Melissa: eu fiz pipoca para assistimos um filme.

Ororo: tudo bem!

         ...Quebra de tempo...

Eu e a Melissa rimos muito assistindo o filme esqueci até meus problemas mais alguém bate na porta.

Ororo: eu acho que já é a sua mãe já são 22:10 - falei me espantado de como o tempo passou rápido.

Milissa: O tempo passou muito rápido.

Fomos até a porta era mãe dela sorrindo o bom dessas pessoas ela já mais para de sorri mesmo se tiver triste.

Ororo: Boa noite senhora!

Senhora: Boa noite querida pode me chamar de Marta e só esquerdo que a Melissa não tenha dado muito trabalho?

Ororo: ela não dei trabalho nenhum foi bom muita dela ela e a irmã mais nova eu já mais tiver.

Marta: é você querida e a filha mais velha também que eu já mais tiver e obrigada por cuida da Melissa Boa noite querida.

Ororo: Boa noite Marta e tchau Melissa!

Melissa: tchau irmã!

Feixei a porta e desliquei a TV e subir pro quarto e me joguei na cama e peguei no sono.

No outro dia.

Acordei com o sol batendo, no meu rosto era 6:15 me levantei fui para o banheiro fiz minhas higiene e sair me vestir uma calça, jeans e uma blusa de manga até o cotovelo, peguei o meu celular e coloquei no meu bolso e fui para cozinha fiz uma café com toradas e Mantega quando terminei era 7:20 fui para ela e liguei a TV e fiquei assistindo filme de terror 

          ...Quebra de tempo...

Já era de tarde e ainda estava assistindo filmes não estava sentido forme por que e difícil eu me alimentar não tinha nada para fazer, e continue assim e foi passando o tempo até quera umas 3:30 desliguei a TV resolvi e passear um pouco na floresta deixei a meu celular não para não perde e sair fui caminhando, para dentro da floresta e escutei os passaros as árvores balançando, e foi assim até eu avista uma penhasco foi quando tudo do nada ficou quieto os pássaros para de cantar, ficou um silêncio, eu sabia que tinha alguma coisa errada e fiquei com os meu sentindo ligados, então passou um vulto perto de mim e de novo então saio um homem Pálido de olhos vermelhos de trás de uma árvore. 

Desconhecido: olha o que temos aqui parece está perdida!

E sério que ele vai quere da uma de predador e eu de caça por acaso eu estou parecendo perdida acho que não idiota ele continuo me olhando parecia que íamos ficar assim, a tarde todinha me virei e continue andando ele me seguindo. 

Desconhecido: garota eu estou falando com você.

Nem olhei para ele e continuei, andado então ele segurou meu braço me falando vira para ele quando ele ia falar um grupo de garotos apareceu de um falando e do outro lado apareceu também um grupo pessoas pálidas.

Desconhecido: olhao o que temos aqui parece que a diversão vai se muito boa.

Então um garoto dos pálidos falar.

Desconhecido: O que você quer?

Desconhecido: eu quero só me diverti um pouco.

Eles ficam se encarando eles só vai ficar assim isso já está me aperriando, como Niguém vai fazer nada aqui eu resolver deixa eles se resolver me virei para onde ficar o penhasco e foi andando só alguém segurou meu braço de novo era a mesma pessoa.

Desconhecido: para onde você pensar que vai? - todos voltar sua atenção para mim acho que não tinha me visto antes.

Ororo: eu não pensor eu vou! 

E lá vamos outra vez dessa vez ele segura meu braço com força.

Desconhecido: você não vai alugar Nenhum.

Desconhecido: deixa ela ir embora!

Desconhecido: até parecer.

Ororo: Chega dessa palhaçada, eu vou para o lugar que eu quiser e você não vai me impedir tá ouvindo, bem se vocês querem resolver as suas diferenças resolvo me deixe fora disso eu estou no Meu, canto tentando manter a paciência por mais que eu tente controlar o meu temperamento, que nem um dos melhores sempre chega o idiota para me tirar do sério e eu perco meu controle, Então deixe em paz Será que é tão difícil uma pessoa entender, que não é não - tento falar com a maior calma possível só que um idiota não quer entender então me resolveu eu tirar do sério.

Desconhecido: garota não me faça perder a paciência com você.

Ele me joga com tudo só que eu paro quaser perto de cair do penhasco, me levanto já com raiva. Cara eu sei que eu vou perder meu controle de novo. 

Desconhecido: você só e uma pessoa frágil!

Ele veio para cima de mim me batendo, me jogando e eu tentando fazer não perder a paciência com ele me mantém, defesa, os outros tentaram atacar ele os garotos, se transformar em Lobo só que ele não tava conseguindo e eu já tava puta da vida resolvi acabar com a brincadeira.

Ororo: chega de palhaçada - falei já me transformando meus olhos mudaram de cor para branco começou a dar trovões e raios que saíam de mim e ventos fortes. E olhei para ele e os outros que me olharam assustado e deu um sorriso.

Ororo: Vamos ver quem é frágil?

Quando falei isso ele me olhou com raiva e veio para cima de mim, me atacado eu só me esquivava dois ataque dele, eu só estava brincando, até ele me dá chute e comei a flutua e jóquei o raio para, cima dele se levantou e joguei de novo e continuei, assim até que vir que ele estava morto, que começou a pega fogo, só que tinha um problema eu estava descontrolada. então lembrei das palavras do noturno, e fui me acalmando, e olhei para frente os cara pálidas e os garotos lobos estava me olhando, como eu não queria fala nada só me virei e dei as Costa. 

Ororo of.

Paul on.

Acordei tomei banho me vestir e fui para casa da Emily quando eu cheguei lá todos estava lá só o Jacob que não dever está atrás daquela garota.

Embry: Eai cara?

Paul: Oi!

Jared: tá de mau humor cara?

Paul: Não enche Jared! Cadê o Jacob?

Seth: foi ver a Bella!

Paul: como sempre.

Estamos lá de boa quando sentimos um cheiro diferente vampiro.

Sam: Vamos 

Saímos correndo e nós transformamos.

Correndo com toda velocidade parece que ficar na linha do tratado. Quando chegamos lá os Cullem também parecer e o Edward falar:

Edward: O que você quer? - falar para outro sanguessuga conhecido.

Sanguessuga: eu só quero me divertir um pouco! 

Então eles ficam se encarando assim pelo um bom tempo até que o sanguessuga se vira para uma garota que não tinha nem visto antes ali.

Sanguessuga: para onde você pensa que vai? - todos viram atenção para a garo.. quer dizer já para uma mulher.

Ela não fala nada ela tenta embora mas o sanguessuga segura o braço dela com mais força

Edward: deixa ela ir embora!

Sanguessuga: Até parece!

Então a garota mulher fala 

Desconhecida: Chega dessa palhaçada eu vou para o lugar que eu quiser e você não vai me impedir tá ouvindo bem se vocês querem resolver Sua Indiferença, Resolva me deixe fora disso eu estou no meu canto tentando manter a paciência, porque eu tento controlar meu temperamento, que n,em um dos melhores sempre chegam, um idiota para me tirar do sério eu perco meu controle então. deixa me deixa em paz será que é tão difícil a pessoa entender que não e não.

"Embry: parece que a garota é igual o Paul todos rir."

"Paul: cala a boca!"

Então ela e o sanguessuga, ficou discutindo quando ele ataca ela jogando ela para perto do penhasco, quase ela cai todos atacam ele até os Cullem  por mais que esteja meus na linha do tratado, mais temos que manter a vida da garota salva. Aceitamos, vários golpe nele só que não dá certo então a garota se levanta e fala.

Desconhecida: chega de palhaçada!

 então a começa acontecer, umas coisas estranha com ela a cor dos olhos dela mudam para branco, começa a dar trovões, muito fortes assim como raios que saem dela eventos claro que todos estávamos. assustado com que tava acontecendo, com ela ela olhou para o sanguessuga e dá um sorriso.

Desconhecida: vamos ver quem é?

Quando ela falou isso o sanguessuga ,ficou com raiva e Partiu para cima dela só que ela se esquivava dos ataque, dele até que ele dá um chute nela parece que ela ficou com raiva e do nada ela começa a flutuar, e começa a atacar ele com raios e quando. ele tenta se levantar ela joga de novo, em cima dele vai continuando, até que ela percebe que ele está morto então Ela fechou os olhos dela e parece que ela se concentra, em alguma coisa então ela volta ao normal e olha para gente e das costas e vai embora.

Seth: o que acabou de acontecer aqui pessoal?

Edward: não sabemos ainda Seth  Mas vamos descobrir. 

Sam: bom agora que isso acabou vamos dar um jeito de descobrir o que ela Então vamos voltar.






Notas Finais


Espero que vocês tenha gostado e qual parceiro é vocês querem para ela o Logan, noturno ou Paul?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...