História Temptation - Capítulo 12


Escrita por: e Qiel

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Army, Bangtan Boys, Bts, Fanfic, Hétera, Hobi, Hot, J-hope, Jin, Jung Hoseok, Jungkook, Namjoon, Rap Mon, Rap Monster, Romance, Suga, Taehyung, Yoongi
Visualizações 52
Palavras 547
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AMÉM, agora postei de maneira correta KKKKKK desculpa, sério. ~Qiel

Capítulo 12 - Até que...


Jinnie: — Por que vocês estão rindo? - bocejei com os olhos entreabertos.

Não obtive resposta.

Já sem paciência puxei Hoseok pela gola o encarando, que logo o fez parar de rir.

Jinnie: — Eu vou perguntar só mais uma vez. - perguntei pausadamente.

Hoseok: — É melhor se-se-se olhar no espelho.

Fiquei confusa, peguei rapidamente o espelho, e só restou fumacinhas saírem por meu nariz.

Todos voltaram a rir e a minha irritação aumentavam cada vez mais.

Respira... 1...2...3

Tentei conter minha raiva, mas foi em vão, logo dei um soco naquele cavalo que só sabia rir.

Jinnie: — Quem mais quer rir? - dei um sorriso psicopata assustando todos.

Todos, exceto Jinnie e Namjoon retiraram do quarto vagarosamente, e num piscar de olhos fecharam a porta e simplesmente correram.

Namjoon: — Por que bateu só em mim? - perguntou indignado.

Jinnie: — Por que você me irrita, aish. - respirei fundo indo em direção ao banheiro.

Fiz minhas higienes, penteei minhas buchas mais conhecidas como cabelo e retornei para o quarto.

E esse troço ainda se contorcendo de dor.

Namjoon: — Ou Jinnie. - me chamou.

Jinnie: — O que foi? - perguntei sem interesse.

Namjoon: — Lembra que você é minha escrava por um mês?

NÃO, tô lembrada não, magina.

Jinnie: — Sim, estou lembrada.

Namjoon: — Que bom, eu quero que você peça desculpa por ter batido no Namzinho.

Namzinho? Que porra é isso?

Jinnie: — Tá, seja lá quem esse Namzinho for, desculpa.

Namjoon negou com a cabeça cruzando os braços. Buguei legal agora, se eu pedi desculpas, ué.

Namjoon: — O Namzinho é o meu pau, e pra você pedir desculpa, tem que ser diretamente.

Jinnie: — QUE?

Ele só pode estar de brincadeira, respira fundo Jinnie.

Namjoon: — Faça carinho nele, talvez ele aceite suas desculpas. - sorriu perverso.

Jinnie: — Ok-ok. - gaguejei.

O que deu em você garota? Jinnie, hellou, filha, acorda.

Tentei criar coragem, afinal, eu nunca havia feito isso, minha cabeça rodeava em pensamentos enquanto Namjoon aguardava já sem paciência. Até então, o empurro fazendo sentar na cama e abrir as pernas em um ''V'', fiquei entre elas apenas o olhando. O que eu estou fazendo da minha vida?

Se estou nervosa? Não, magina, só irei pegar no pau dele e não é nada demais. Respirei fundo pela última vez, abri vagarosamente seu zíper, e logo em seguinte retirei a cueca, CARALHO ISSO É ENORME! Ai calma, não surta.

Finalmente com mãos acima de seu pênis, iniciei meus movimentos lentos de vai e vem, vi o mesmo jogar a cabeça pra trás gemendo baixo, aos poucos seus gemidos enalteciam ficando cada vez mais altos de acordo minha velocidade.

Namjoon: — Oh...Mais rápido Jinnie.

Seu corpo se contorcia a cada instante, fiz como mandado, aumentei a velocidade percebendo seu ápice chegar. Enquanto Namjoon suspirava dentre gemidos, meus movimentos se tornaram circulares, até que um determinado momento ele solta um gemido rouco espirrando gozo sobre minha mão, e finalizamos.

Me levanto e direciono-me até ao banheiro para me limpar.

Jinnie: — Você é burra, aish. - puxei meus cabelos falando comigo mesma.

Após me limpar, retornei para o quarto colocando meus fones.

Namjoon: — Está desculpada. - sorriu.

Mas que cretino.

Estive tão envergonhada que nem o respondi, apenas o ignorei aumentando o som.

Na tentativa de esquecer, fiquei um longo tempo deitada ouvindo música, até que...


Notas Finais


Opinem o que acharam, reparem só: esse é o nosso primeiro conteúdo safadenho, portanto, não possuo tanta experiência em escrever algo assim. ^^ KKKKK ~Qiel


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...