1. Spirit Fanfics >
  2. Tentativa de Amar - Imagine Jeon Jungkook (BTS) >
  3. Amor Correspondido.

História Tentativa de Amar - Imagine Jeon Jungkook (BTS) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura.
[NÃO REVISADO]

Capítulo 1 - Amor Correspondido.


Fanfic / Fanfiction Tentativa de Amar - Imagine Jeon Jungkook (BTS) - Capítulo 1 - Amor Correspondido.

Point of view

Chou S/N

Seoul, Coréia do Sul.

Eu tinha acabado de acordar de um sono realmente bom, esfreguei com as costas das minhas mãos meus olhos  recém acostumados com a claridade do sol de uma tão sonhada sexta-feira.

Levantei, dei uma leve ajeitada da cama e indo ao meu banheiro fiz tudo que tinha que fazer e saí enrolada a minha toalha, fui ao meu closet onde escolhe as mesmas roupas de sempre, uma calça dois números maior que o número que eu uso com um cinto e um moletom cinza que me deixava parecendo que estava bem gorda, não valorizando nada do meu corpo.

Dei uma rápida ajeitada em meu cabelo e desci as escadas de vidro da minha enorme casa onde só mora apenas eu e minha mãe que mal fica em casa.

Estava perto de me atrasar, então apenas iria pegar uma maçã na cozinha e sairia, entrei no cômodo minha mãe estava olhando para alguns papéis em sua mão, ela estava na mesa sendo servida por Sr.Park que trabalha aqui em casa antes mesmo de mim nascer.

ㅡ Bom dia ㅡ comprimentei as duas e peguei uma maçã na fruteira.

Minha mãe me olhou de solário e colocou os papéis sobre a mesa, tirou os óculos, cruzou as mãos e colocou abaixo do queixo, soltou um suspiro e começou.

~ Queria tanto saber onde errei com você minha filha, eu sou uma estilistas profissional com uma reputação a zelar e tenho uma filha que veste esses trapos ㅡ disse desapontada.

Eu apenas ouvia a mesma coisa todo dias, nem me importava mais em protestar. Minha mãe era muito bonita e desde seu divórcio com meu pai, nunca a vi com nenhum outro homem.

Apenas murmurei um "já vou indo" e saí da cozinha indo até Sérgio ㅡ o motorista da minha casa. ㅡ Entrei no carro e Sérgio não tardou em me deixar em frente a escola.

Entrei sem ser notada ㅡ como sempre ㅡ e me dirigi até Nayeon ㅡ minha melhor amiga ㅡ essa que estava com os lábios avermelhados e sorrindo.

ㅡ Ficou com ele de novo? ㅡ Perguntei ao chegar perto dela me referindo a Namjoon do grupo de populares e vi a menina soltar um suspiro apaixonada e assentir ㅡ Sabia. Da próxima vez diz pra ele dar uma maneirada, sua boca está parecendo que vai sair sangue a qualquer momento ㅡ Brinquei com a coreana em minha frente que revirou os olhos.

Estávamos paradas no corredor conversando quando o grupo de populares passou por nós duas. SeokJin, Hoseok, Yoongi e Namjoon do terceiro ano passaram na frente, Namjoon olhou diretamente pra Nayeon e deu um sorriso sacana, deixando a menina toda derretida. Logo atrás está Taehyung, Jimin e Jungkook do segundo ano, estão na mesma sala que eu e Nayeon. Olhei para Jungkook que me olhou rapidamente e desviou o olhar e logo passou.

Jungkook era tão lindo, mas ele nunca olharia para mim, tinha tantas meninas bonitas e bem arrumadas na escola que ele certamente nem sabia do meu nome.

ㅡ Estou pensando em mudar de estilo, o que você acha? ㅡ Perguntei e Nayeon me olhou surpresa.

~ Não é por causa do Jungkook né? Se for mudar seu jeito por causa dele, nem pense nisso. ㅡ Disse séria cruzando os braços.

ㅡ Não sua boba, eu estava pensando nisso quando estava em casa e não estou me sentindo muito bem com essas vestimentas, então pensei em mudar com a ajuda da minha mãe ㅡ disse e os olhos da menina brilharam.

~ Nossa, se sua mãe te ajudar você vai ficar muito gata ㅡ confessou e eu soltei um riso ㅡ Imagina só, você já é a melhor aluna da escola e ainda vai ficar bonitona, não vai ter pra ninguém.

[...]

Eu já estava em casa, no escritório da minha mãe vendo a mesma anotar coisas em um caderninho animadamente.

~ Nossa filha, ainda não acredito que quer se livrar desses trapos que você chama de roupa ㅡ disse sorridente me fazendo rir pela forma que ela dizia.

[Uma semana depois] 

Uma semana, foi tudo que minha mãe usou, gastando dias em shoppings e em salões de beleza, agora meu cabelo se encontrava em uma tonalidade de castanho escuro, ignorei Nayeon por todos esses dias, não tinha tempo e no meu celular tinha várias mensagens da garota me xingando furiosa, sem contar nas inúmeras chamadas perdidas.

Faltei todos esses dias na escola, mas como amanhã já é segunda-feira, minha mãe me deu cartão verde para começar a ir para a escola novamente.

Agora eu tenho maquiagens, roupas novas, cabelo novo e tudo mais, eu estava feliz com meu novo estilo, me sentia mais bonita e confiante.

~ Deixei uma roupa separada para você ir pra escola amanhã no seu closet ㅡ disse minha mãe entrando no meu quarto sem nem ao menos bater ㅡ Vou fazer uma viagem à trabalho, só volto na quinta-feira e essa semana Sr.Park vai sair mais cedo, quando você chegar da escola não vai encontrá-la. ㅡ Explicou mais algumas coisas sobre a semana e saiu me desejando uma boa noite.

[...]

Já estava de manhã, eu já tinha tomado banho e colocado a roupa que minha mãe havia me dito pra usar, era uma calça jeans preta rasgada nos joelhos e um moletom rosa que ia até o meio da minha barriga, nos pés eu tinha um All star preto.

Acabei por fazer um rabo-de-cavalo com duas mechas soltas na frente, uma maquiagem leve que minha mãe havia me ensinado, apenas um rímel e um batom rosinha já é o suficiente. Me olhei no espelho e estava satisfeita com o que estava vendo.

Desci, tomei café e recebi elogios de Sr.Park e não foi diferente com Sérgio que foi educado e gentil.

Cheguei na escola e pela primeira vez fui alvo de muitos olhares, inclusive de quem eu mais queria ㅡ Jeon Jungkook ㅡ o moreno me olhava intensamente com seus olhos de jabuticaba, ela deu um sorriso ladino e eu sorri desajeitada abaixando a cabeça envergonhada continuando a andar até que sou puxada bruscamente.

~ Você enlouqueceu? Me deixou morta de preocupação ㅡ Disse Nayeon me abraçando, olhei em direção a Jungkook que ria um pouco da cena.

ㅡ Eu estou bem ㅡ disse ajeitando minha mochila nas costas.

~ Tô vendo, você está muito gata, se eu gostasse de mulher e não tivesse namorado eu te pegaria ㅡ falou rindo e eu a olhei surpresa.

ㅡ Namorado? Desde quando? ㅡ Perguntei ㅡ Ainda mais sem a minha autorização ㅡ disse me fazendo de brava.

~ O Namjoon me pediu em namoro, mas você não estava aqui não é mocinha.

ㅡ Eu estava ocupada, desculpe ㅡ expliquei tudo que havia acontecido e pelo menos ela entendeu.

~ Eu já falei que amo a sua mãe? ㅡ brotou um sorriso nos lábios da garota ㅡ você está muito gostosa nessa calça ㅡ confessou ㅡ mas sabe o que é mais gostoso? ㅡ perguntou e eu neguei ㅡ essa aliança linda no meu dedo e o meu namorado ㅡ se gabou me fazendo rir.

ㅡ Ele está vindo pra cá ㅡ disse abaixando a cabeça indo para trás de Nayeon.

Namjoon não estava indo sozinho, mas sim com todos do seu grupo, que obviamente estava Jungkook.

~ Bom dia meninas ㅡ disse Namjoon dando um breve selinho em sua namorada.

Os meninos me olhavam atentamente e eu apenas me encolhia mais ainda atrás de Nayeon.

~ Ela é tímida ㅡ disse Nayeon tentando disfarçar.

Eu iria protestar se não tivesse sido pega pelo braço e puxada para o lado por ninguém menos que, Jeon Jungkook.

~ S/N, não é? ㅡ perguntou e Taehyung riu debochado.

~ Você sabe bem que sim ㅡ Disse Taehyung fazendo Jungkook corar.

~ Então ㅡ ele se agachou um pouco pra ficar na minha altura ㅡ Você… ㅡ coçou a nuca.

~ Ele quer perguntar se você quer sair com ele ㅡ disse Jimin de uma vez.

Eu fiquei parada, não conseguia assimilar muito bem nada, então Nayeon respondeu rapidamente que eu queria sim, deu um rápido beijo nos lábios dos namorado e me puxou rapidamente para longe.

Eu olhava para trás e ele tinha um sorriso bobo nos lábios, enquanto Jimin e Taehyung lançavam socos não muito fortes contra ele dando pequenos berros de animação.

ㅡ Foi isso mesmo ou eu ouvi errado? ㅡ Perguntei assim que eu e Nayeon entramos na sala de aula.

~ Foi isso mesmo que ouviu, você tem um encontro com o Jungkook, mas não sabemos o horário e onde vai ser, por que se eu não tivesse te tirado de lá, era capaz de você fazer xixi nas suas calças jeans, de tão nervosa que você estava na hora ㅡ Nayeon debochou sentando em sua mesa e eu fiz o mesmo.

[...]

As aulas tinham sido tranquilas ㅡ pelo menos pra mim.

Nayeon já tinha ido embora na minha frente, segundo ela, iria sair com o seu príncipe encantado.

Todos da sala já tinham saído, menos Jungkook e Jimin que estão terminando de escrever a atividade que o professor escreveu no quadro.

Arrumei minha coisas e joguei a mochila nas costas, dei uma última olhada para trás e Jungkook estava concentrado no que escrevia ㅡ Tão sexy.

Saí de lá e fui até o meu armário, colocando tudo que era necessário.

Já no portão da escola estava tudo escuro, uma chuva forte havia se iniciado ㅡ Bufei. Nem ao menos um guarda-chuva eu tinha pego antes de sair de casa, fiquei em pé esperando ao menos Sérgio aparecer na frente da escola, mas ele estava demorando, então peguei meu celular entrando no chat e lá já tinha uma mensagem dele.

[Mensagens]

Senhorita S/N, não poderei ir buscar você.

O carro deu problema e agora estou em um mecânico.

Me desculpa, pega um táxi ou pede para algum amigo levá-la até em casa. 

Sem problemas Sérgio.

Obrigada por avisar.

[Mensagens off]

ㅡ Ótimo, como vou pra casa agora? ㅡ Perguntei para mim mesma, não poderia ir andando, moro longe.

Sinto mãos sobre meu olhos e dou um salto pra trás fazendo minha bunda dar um empinada e encostar no corpo atrás.

~ Falando sozinha? ㅡ Era Jungkook, ele retirou suas mãos dos meus olhos ficando na minha frente, acenando para Jimin que já ia embora correndo até seu carro por conta da chuva.

ㅡ Eu vou tentar ligar para algum táxi vim me buscar para me levar em casa ㅡ Disse ligando o celular de novo. ㅡ Houve alguma coisa com o carro da minha casa.

Eu estava tentando sumir o assunto, mas Jungkook olhava fixamente para mim.

 ㅡ O'que foi? Tem algo no meu rosto? ㅡ Me desesperei limpando alguma coisa que eu nem ao menos sabia se tinha.

~ Não, você está linda ㅡ Colocou a mão no bolso ㅡ Não tem problema, eu te levo em casa.

ㅡ E por que eu confiaria em um adolescente de 17 anos que começou a falar comigo hoje? ㅡ Disse cruzando os braços com um sorriso de lado.

~ Talvez por que esse adolescente de 17 anos estava tentando falar com você a muito tempo, mas teve vergonha - coçou a nuca e eu fiquei calada ㅡ Vem.

Me puxou pela chuva até seu carro abrindo a porta do passageiro para mim entrar, não tardei. Ele deu a volta e se sentou no motorista, rimos do nosso estados e então nos encaramos.

Fomos chegando cada vez mais perto, ele colocou uma das suas mãos no volante e sem querer acabou apertando a buzina, me fazendo sair do transe e me concertar no banco.

Ele ficou tímido e não trocamos nenhuma palavra durante o caminho inteiro, apenas fui mostrando o caminho pra minha casa e ele fez até estacionar em frente a mesma.

ㅡ Obrigada ㅡ Disse de cabeça baixa e iria abrir a porta do carro de  carro se ele não tivesse me impedido.

~ Espera ㅡ Ele me olhou, e que olhar, céus eu estava anestesiada.

Minha mochila que estava em meus pés eu não podia mais senti-las, pois Jungkook tinha me puxado para seu colo, o olhei um pouco assustada, mas ele continuava a me olhar fixamente.

Eu já tinha beijado várias vezes. Com 14 anos passei uma temporada em Miami, o que resultou em vários beijos e duas transas, em questão a beijo eu era bem experiente, havia transado apenas duas vezes na vida, então não poderia me considerar uma guru do sexo.

Não aguentei tanta enrolação e o puxei uma um beijo calmo.

Dei uma leve levantada para que ele colocasse suas mãos grandes embaixo na minha bunda. Jungkook não tardou em dar uma apertada muito bem segura que me fez arfar.

Agora nossas línguas já se chocavam ferozmente e sem piedade alguma, eu rebolado em cima do seu pau simulando quicadas sem um pingo de dó.

ㅡ Eu não vou transar em um carro gatinho, vem. ㅡ Saí de seu colo e do carro, ele ficou lá parado. ㅡ Você não vem? ㅡ Perguntei e ele parece que saiu de um transe, veio até mim travando o carro e então destranquei a porta de casa, entrei e logo ele entrou.

~ Filha! Que bom que chegou, já estou de saída e Sr.Park já foi, Sérgio não voltará hoje e você vai ficar sozinha, você não se importa né? ㅡ  Dizia minha mãe sem nem olhar em minha direção, até que eu fingi uma tosse e ela me olhou parando os olhos em Jungkook. ㅡ Olá menino bonito, seu nome é…?

~ Jungkook. Jeon Jungkook ㅡ Disse apertando a mão que minha mãe havia estendido.

ㅡ Ok mãe, já pode ir.

~ Você vai ficar aqui Jungkook? Fique com S/N, ela é doidinha mais garanto que será uma ótima companhia, se cuidem crianças, tem comida na geladeira caso sintam fome mais tarde. ㅡ E enfim saiu dando um beijo em minha testa.

ㅡ Minha mãe é louca não liga. ㅡ Ri fraco, tirando o casaco molhado ㅡ Aqui não tem nenhuma roupa pra você vestir, irá ficar resfriado se continuar com essas ㅡ Disse sem malícia tirando meus sapatos.

~ Na verdade eu iria dormir na casa do Jimin, então na minha mochila tem umas trocas de roupas ㅡ Disse calmo tirando o casaco.

ㅡ Está no carro? ㅡ Ele assentiu ㅡ Vai lá buscar, estarei na cozinha ㅡ Dei um selinho rápido nele um pouco envergonhada e iria sair correndo em disparada, mas ela segurou meu pulso.

~ Você pensa que pode me beijar e sair correndo? ㅡ Perguntou sério e eu olhei em seus olhos de jabuticaba ㅡ Você não irá sair ilesa, Chou S/N.

E então ele me prendeu na parede e iniciou um beijo sedento e feroz.

Eu poderia beijar seus lábios até não aguentar mais.

Tirei minha blusa e meus seios fardos pularam para fora, os olhos do Jeon brilharam.

ㅡ Acho bom você ir logo lá antes que a chuva fique forte de novo, gatinho ㅡ Soltei um sorriso sapeca e peguei minha blusa no chão deixando um Jungkook desnorteado pra trás, que soltou um riso gostoso e saiu.

[...]

Estamos assistindo um filme qualquer na TV do meu quarto, já secos e bem aquecidos, Jungkook estava deitado encostado na cabeceira da cama e eu estava entre suas pernas.

Quem chegasse aqui iria imaginar que nós conhecemos a muitos anos, mas na realidade começamos a conversar hoje, é tão estranho, mas eu me sinto tão bem ao lado dele.

Mas nada tirava da minha cabeça que ele queria me chamar pra chamar antes mesmo de hoje, essa parte eu realmente não havia entendido e estava curiosa.

ㅡ Jungkook? ㅡ Chamei.

~ O'que foi? 

ㅡ Hoje mais cedo, você disse que queria falar comigo a muito tempo, mas tinha vergonha ㅡ Falei levantando e me virando para olhar pra ele.

~ Eu meio que já queria te chamar pra sair a muito tempo ㅡ Falou tímido ㅡ Mas eu sempre tive vergonha de ser rejeitado, eu sempre te achei muito bonita.

ㅡ Eu usava umas roupas tão esquisitas ㅡ Fiz uma careta.

~ Mas por que eu te julgaria pelas duas roupas? ㅡ Deu de ombros comendo a pipoca ㅡ Não ligo para essas coisas, mas por que você se vestia daquele jeito?

ㅡ Não sei, acho que insegurança, eu me achava muito feia, mas minha mãe me ajudou a superar isso aos poucos ㅜ Ri fraco o olhando.

~ Você era linda com aquelas roupas, é bonita com essas e deve ser muito gostosa pelada ㅡ Sorriu sacana e eu dei uma tapa em seu braço envergonhada ㅡ Seus tapas dói sabia? ㅡ Acariciou o braço com um bico fofo que acabei dando um selinho.

ㅡ Vai lavar essas mãos antes que você encoste em algum dos lençóis, eu vou levar as vasilhas lá pra baixo ㅡ Me levantei e ele assentiu indo até o banheiro do quarto.

Ele estava com uma calça moletom cinza e uma camiseta preta, enquanto eu estava do mesmo jeito, porém a minha blusa ia até o meio da minha barriga e meu cabelo estava em um rabo de cabelo sem as mechas na frente. O quarto estava frio por conta do ar condicionado.

Quando voltei ele estava sentado na cama mexendo no celular, nem ao menos viu quando eu entrei no quarto.

ㅡ Está tudo bem? ㅡ Perguntei indo desligar a luz do banheiro que ele tinha deixado acessa.

~ Sim, apenas estou dizendo para minha mãe onde estou, antes que ele ligue para a polícia dizendo que eu desapareci. ㅡ Levantou da cama e veio até mim me dando um abraço, beijando o topo da minha cabeça. ㅡ Vem, vamos tirar uma foto.

Fomos para frente do meu espelho, e ficamos abraçados e Jungkook tirou uma foto nossa, depois fizemos uma cara zoada e mais uma foto foi tirada.

ㅡ Me manda as fotos, por favor ㅡ Disse indo até o meu celular, onde as fotos já haviam sido enviadas.

Coloquei a foto zoada como foto de bloqueio e a outra na tela inicial.

Mais alguma coisa me chamou atenção ㅡ Uma notificação do Instagram ㅡ Jungkook havia me marcado em uma publicação.

Gelei no mesmo momento em que abri a notificação que me direcionou até a publicação recente de Jungkook, onde ele havia postado nossas duas fotos.

"Eu estou tão viciado em você"

A legenda me fez sorrir boba e olhar pra ele, que estava concentrado no celular em pé ao lado da cama, coloquei o celular na cômoda e fui até ele, entrelaçando meus braços no pescoço do mais velho.

ㅡ Então quer dizer que você está viciado em mim, Jeon Jungkook? ㅡ Ele me olhou e jogou o celular na cama que acendeu e logo vi a nossa foto como tela de bloqueio, sorri mais uma vez boba.

~ É o que parece, não? ㅡ Suas mãos foram pra minha cintura onde ele apertou e me puxou bruscamente para si.

Encarei seus lábios e não ele os meus, logo começamos um ósculo cheio de segundas intenções, minhas mãos seguravam os poucos fios de cabelo que tinha em sua nuca.

Uma de suas mãos se encontravam na minha bunda e a outra na cintura, onde ele me puxava cada vez mais para perto de si.

Me empurrou para a cama onde eu caí deitada, ele tirou a camiseta exibindo seus gominhos e seu peitoral muito bem trabalhado, indo para cima de mim e rasgando minhas camiseta fazendo meus seios pularem para fora, já que eu estava sem sutiã.

~ Facilitando meu trabalho, Chou S/N? ㅡ Sorriu debochado beijando meu pescoço sem nenhum pudor.

Descendo até meu seio esquerdo chupando meu mamilo como se fosse a coisa mais gostosa do mundo, com sua mão ele massageava o direito e eu estava anestesiada, somente sabia soltar suspiros altos o suficiente para fazer Jungkook se divertir com o meu "sofrimento", logo ele passou para o outro seio.

Antes de descer mais um pouco,  ele me beijou.

Separando o ósculo não tardou em tirar uma calça e minha calcinha no mesmo momento, logo tirando a sua própria calça e ficando apenas de box, e porra, ele é tão grande.

~ Você é linda ㅡ Elogiou com uma voz rouca e suave me fazendo sorrir.

Ficou entre minhas pernas e assoprou minha intimidade molhada.

ㅡ Jeon… ㅡ Gemi arqueando uma pouco as costas e apertando os lençóis.

Jungkook passou sua língua pela minha intimidade me fazendo soltar um gemido longo, abriu mais minhas pernas e logo começou seu "trabalho" me chupando como se eu fosse seu sorvete favorito, é tão gostoso!

Eu iria chegar minhas pernas para gozar, mas Jungkook só as abriu ainda mais e deu uma sugada tão gostosa que me fez revirar os olhos e me desfazer em sua boca. 

ㅡ Filho da puta ㅡ Disse cansada pondo a mão na testa tentando amenizar minha respiração.

Ele se encontrou na cabeceira da cama e eu fui até ele, tirando sua cueca vendo seu pau saltar pra fora, suas veias saltadas denunciavam o quanto Jungkook queria aquilo.

Passei minha língua por todo o seu comprimento fazendo o moreno suspirar.

Chupei seu pau como se fosse o meu sabor preferido de pirulito, dando sugadas fortes fazendo o moreno gemer sem frescura.

~ Porra S/N ㅡ Jogou a cabeça pra trás se desfazendo na minha boca, engoli tudo.

Sentei eu seu colo e comecei a rebolar, começamos um beijo calmo e saboroso misturando os nossos sabores.

Entre o beijo levantei um pouco colocando o pau de Jungkook em minha entrada molhada e nescessitada por ele.

Seu comprimento entrou em mim devagarinho e escorregando me fazendo soltar um gemido alto.

As mãos de Jungkook estão em minhas costas molhadas pelo suor e as minhas se encontram em seus ombros arranhando e apartando a cada sentada que eu dava no moreno.

E foi assim a noite toda, trocamos de posições algumas vezes e eu não poderia pedir uma foda melhor que essa, Jungkook é maravilhoso e me fez gozar como jamais havia gozado antes.

Deitamos e eu fiquei com a cabeça em seu peito, ouvindo seu coração acelerado até que eu caí em mim novamente e sentei na cama rapidamente.

ㅡ Jungkook, não usamos camisinha ㅡ Falei desesperada por o moreno havia gozado dentro.

~ Relaxa, amanhã eu compro um remédio pra você, tá bom? ㅡ Me deu um selinho. ㅡ Eu sei que está cedo e tal ㅡ Coçou a nuca ㅡ Mas você quer namorar comigo?

Sorri boba e o abracei.

ㅡ É claro que eu quero. ㅡ Sorri dando lhe vários beijinhos por todo rosto.

FIM!


Notas Finais


Espero que tenham gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...