1. Spirit Fanfics >
  2. Teorema do Coração Partido >
  3. Museu de novidades

História Teorema do Coração Partido - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


OIE OIE, GENTIII
Bom dia, boa tarde, boa noite.
Tivemos um leve atraso em relação ao dia que eu estou postando, mas saibam que a minha última semana foi um inferno de tão corrida. Mas mesmo assim ta aqui o capítulo, não é?
Booom...
Esse cap é um pouco especial então vou os deixar à sós com ele.
Boa leitura e até as notas finais...

Capítulo 4 - Museu de novidades


"Qualquer que seja a aparência da novidade, eu não mudo fácilmente, com medo de perder com a troca" ~Michel de Montaigne

(Petter) 

Notei o exato momento em que o rosto da loira perdeu a forma autoritária e debochada para ganhar uma expressão de "Droga, fiz merda" (tive que me conter para não soltar uma gargalhada), porém tal expressão não durou muito tempo no rosto delicado da novata, logo o ar debochado havia voltado. 

Será difícil lidar com ela... 

- Ah, sim... - ela diz com indiferença e me encara esperando algo. 

Tudo nela grita arrogância. A pose de braços cruzados que se encontra, roupas previamente passadas, os longos cabelos loiros meticulosamente presos em um rabo de cavalo, a face delicada que demonstra suas descendências marcadas em cada traço- desde o nariz arrebitado às sardas levemente desenhadas-, mas a única parte que não demonstra tal sentimento são os olhos. Aqueles olhos castanhos mostram tudo e ao mesmo tempo não mostram nada, eles me parecem tão expressivos. 

Algo dentro de mim me pede com urgência para descobrir cada constraste que aqueles olhos teriam com seus traços. 

Estranho. Sim! É assim que estou agindo. 

- Então...?- a novata pigarreia me tirando do transe. 

Droga. 

Desse jeito vai ser difícil lidar com ela... 

- Vem, vamos começar com algo fácil. 

Então a guio para lhe explicar o planejamento de seu dia. 

><><><

Diferente da primeira impressão que tive de Marlee percebi, ao longo do dia, que ela era a pessoa mais delicada e dedicada com a qual eu já trabalhei.

De acordo com a programação levei a novata para o pré-operatório e- apesar de que nunca irei admitir isso em voz alta- ela é realmente boa no que faz, talvez até o meio do ano ela já esteja dentro de uma sala de cirurgia auxiliando. 

Óbvio que algumas vezes ela cometia um errinho, mais da parte burocrática das coisas, e quando eu a corrigia ela não reclamava nem fazia cara feia, apenas agradecia e tentava melhorar. 

Ao sair do hospital ela já sabia o nome de quatro ou cinco enfermeiros, seis cirurgiões e metade dos recepcionistas e secretários, mesmo assim fez questão de se despedir de todos de forma gentil e educada. 

Apesar de tudo ela ainda me tratava com certa indiferença e desconfiança. E é claro que eu não pude perder nenhuma oportunidade de alfineta-la, era quase um jogo de indiretas e provocações. 

Não posso nem mentir dizendo que não foi divertido, pois sempre era muito engraçado quando ela escondia a risada com algum comentário ácido, sempre. 

Agora, já em casa, percebo que, aceitar essa proposta da faculdade de ficar como babá da novata por um ano, não foi tão ruim assim e, além de ser divertido, está me dando pontos extras para, quem sabe um dia, ser chamado para o hospital em Londres. 

Marlee é a chave para o meu sonho e, pude perceber em seu olhar, eu sou uma das chaves para o seu próprio sonho. Ainda que tudo isso seja uma novidade. 

Assim como ontem, hoje vou dormir com a novata em minha mente, mesmo que de forma diferente, já que ontem ela não havia nome nem aparência e eu tinha medo do que ela poderia fazer com o meu futuro e hoje essa garota ganhou tudo que não tinha, incluíndo um significado do qual eu ainda nem sei desvendar.

Acho que estou ficando louco. 

Não. Não posso me deixar mudar só por conta dessa novidade. 

Remexo-me na cama algumas vezes afastando qualquer pensamento estranho até finalmente conseguir pegar no sono e é claro sonhar com o meu destino em Londres... 


Notas Finais


EAIIII????
O que acharam? O que esperam? Gostaram? Então deixem um comentário, ou sla, não deixem...
Gostaram de conhecer um pouco mais o meu lindíssimo Petter? Huuumm... Marlee mal chegou e já tá mexendo com a cabeça desse Deus grego.
Então... por hoje é só isso, mas espero vocês no próximo cap.
Até logo...
Xoxo
~Mari


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...