1. Spirit Fanfics >
  2. Terra. >
  3. Uma nova era!

História Terra. - Capítulo 41


Escrita por:


Capítulo 41 - Uma nova era!


Reunião dos novos seis ministros.

Rafael: Cara, foi uma loucura derrotar todos aqueles apoiadores dos filhos da liberdade. -Segundo Ministro

Cadu: Não seria tão louco assim se você tivesse usado magia. Derrotar cem pessoas sem usar uma gota de magia? Você é louco mesmo. -Terceiro Ministro.

Jhuly: O bom é que agora esse país está nos eixos. Agradecemos por você ter se voluntariado pra ter ido derrotar todos aqueles apoiadores. -Quarta Ministra.

Marcela: Acho que foi culpa minha. Fiquei sentada sem fazer nada e deixei ele com toda diversão -Quinta Ministra

Marina: E eu ainda não sei oque faço aqui. -Sexta Ministra.

Ismael: Estamos tendo grandes progressos, todos os Estados estão se restaurando. O rastro de destruição já sumiu e isso é excelente. -Primeiro Ministro. 

Rafael: Emílio já dividiu os grupos que vão aos países das potências não é?

Ismael: Sim, ele me passou a lista hoje cedo e agora irei passar a vocês. Lembrando que cada ministro vai partir acompanhado de outro ministro e um representante de relações internacionais que se candidataram diretamente com Emílio, fora os acompanhantes que os ministros tem direito de levar.

Cadu: Diga logo Ismael, quero saber pra onde vamos.

Ismael: Grupo um: Ministros Rafael e Marcela, seus respectivos acompanhantes são: Yris e Emanuele, o representante de relações internacionais que irá com vocês será Geovanna. Destino: Alemanha.

Rafael: Já prevejo que essas meninas só vão querer fazer compras.

Marcela: Já estou de saco cheio de fazer par com você. O que Emílio acha que sou?

Ismael: Grupo dois: Cadu. Cadu solicitou que não fosse acompanhado de nenhum ministro, ao invés disso chamou um membro da Tríade perfeita nova geração, Rayssa, para acompanhá-lo. Os dois tem o destino dos Estados Unidos. Lembrando que Rayssa também fará o papel de representante de relações internacionais

Cadu: Las Vegas aí vou eu.

Rafael: Filho da puta sortudo.

Ismael: Grupo três: consiste em mim fazendo par com Eliza, assim como Cadu, eu também solicitei que ela fosse minha acompanhante, nossa representante e acompanhante será Isabelle, muito de vocês já devem conhecê-lá por sua magia de ferro. Nosso destino será o Reino Unido.

Rafael: Aí Ismael, é pra trabalhar e não ficar dando escapadas com sua namorada.

Ismael: Você tinha vocação para ser humorista sabia. O grupo quatro consiste em Marina, Aurora, Jhuly e Nath, essas quatro vão ao Japão tentar convencer o Imperador Japonês que nosso plano de contenção aos filhos da liberdade pode dar certo, e também nos convencer a substituir a Grécia nas cinco potências.

Marina: Certo!

Jhuly: Sim!

Ismael: Nossa missão é conseguir todas as quatro assinaturas e ingressar o Brasil nas cinco potências.

Rafael: Vamos!


Sala do Presidente, três meses atrás

Conferência das cinco potências.

Emílio: Tudo isso que falei pra vocês é a mais pura verdade. Tenho em posse uma das marcas do doze filhos da liberdade e sei o nome de todos eles.

Nico: Por que devemos acreditar em você? Você não tomou o país a força e deu um golpe presidencial?

Maggie: Eu acredito nele.

Kazuki: Você acredita muito nele. Maggie, por quê?

Maggie: Emílio derrubou dois presidentes que faziam parte dos filhos da liberdade e está disposto a nós ajudar.

Scott: Os filhos da liberdade podem ser a maior população mundial. Se eles quiserem uma guerra, vão nos vencer.

Emílio: Tem mais uma coisa, dois filhos da liberdade estão inativos, mas eu acho que eles mudam, pessoas morrem mas a marca fica. Filhos da liberdade são substituídos.

Maggie: Inativos?

Emílio: Como eu disse, Ricardo está preso, foi derrotado. Retirei sua marca. Outra filha da liberdade está morta. Ela também era brasileira e morreu por ter traído os filhos da liberdade e ter lutado ao meu lado.

Nico: Ainda não sei se é motivo para o Brasil substituir a Grécia nas cinco potências.

Emílio: Se quiserem, posso mandar meus seis ministros para cada um de seus países, pra eles serem meus representantes e conversarem com vocês.

Maggie: A minha assinatura você já tem Emílio, mas será um prazer receber seus representantes.

Kazuki: Está tudo bem. Eu aceito.

Scott: Também aceito uma visita.

Nico: Se todos eles aceitam, quem sou eu para negar.

Emílio: Daqui há três meses, enviarei meus representantes para cada um de seus países, espero que sejam bem recebidos. Desde já agradeço.

Maggie: Até uma próxima, Emílio. (Desliga sua vídeoconferência)

Kazuki: Até breve! (Desliga sua videoconferência)

Scott: Espero que sejam pessoas interessantes que irei receber. (Desliga seu vídeo conferência)

Nico: Agora que estamos a sós. O que queria falar comigo, Emílio?

Emílio: Ricardo era um nazista. Pelas atitudes dele, deu a entender que ele não trabalhava sozinho.

Nico: Acha que eu tenho algo haver com isso?

Emílio: Eu só ia perguntar se tinha alguma comoção neonazista por ai. Sei que o nazismo ainda não morreu no coração de alguns alemães.

Nico: Posso te garantir que se tivesse alguma comoção neonazista, todos estariam mortos.

Emílio: Tudo bem. Se eu arrancar mais alguma coisa de Ricardo, falarei com você. Não podemos deixar esses adoradores de Hitler soltos por aí, já temos problemas demais com os filhos da liberdade.

Nico: (Desliga sua videoconferência)

Emílio: Hum.


Dias atuais...

Rafael: Que saco essa reunião. Ser um ministro é tão chaaaaato...

Cadu: Agora que você tem uma responsabilidade em mãos vai ficar reclamando. Nós somos um símbolo nacional.

Rayssa: Cadu, vamos sair?

Rafael: Ah! Oi Ray.

Rayssa: Oizinho pra você.

Rafael: Então, vamos pra onde?

Cadu: É que é uma coisa meio a dois?

Rafael: Coisa meio a dois? Pera! Um encontro?!

Rayssa: É isso aí.

Rafael: Nem fudendo. Desde quando isso está acontecendo? Desde quando acordou para as garotas, Cadu?

Cadu: Haha! Muito engraçadinho você. 

Rayssa: Você tem que arranjar alguém. Está na hora de desencalhar meu amigo.

Cadu: Estamos de saída. (Sai andando com Rayssa).

Rafael: Até mais. (Acenando com a mão). O que diabos está acontecendo?

Marina: Rafael!

Rafael: Marina? 

Marina: Você viu Emanuele por aí?

Rafael: Ela deve estar na sala do presidente, com Emílio.

Marina: Ok! Obrigada.

Marcela: (de longe observando Rafael).

Nath: Pare de ficar observando, vai lá falar com ele.

Marcela: (toma um susto). Nath? Que susto me deu.

Nath: Você estava perdida olhando pra ele não é.

Marcela: Eu não fico observando ele.

Nath: E eu sou uma girafa.

Marcela: Tá. Eu fico observando ele, mas é só pra vigiar se aquele cabeça oca não vai fazer nenhuma besteira.

Nath: É tão lindo a forma que você tenta negar seus sentimentos por ele.

Marcela: Eu não tenho sentimentos por ele. Eu só.. só achei legal a forma que ele me tratou, deixando de fazer missões até mesmo com você e me levando junto, apenas pra me conhecer melhor. Quando eu fui integrada a esse grupo e vista como um símbolo nacional por ter participação na vitória sobre Ricardo, eu me desesperei e ele me tranquilizou. Só não sei como vou agradecer a ele por tudo.

Nath: Olha. Eu fui a primeira amiga dele. Rafael sempre esteve só. Era visto como uma ameaça por todos ao redor dele na época do jardim de infância, por ter já despertado sua magia e por ser filho de um governante. Ele fez com você a mesma coisa que fiz com ele.

Marcela: O que?

Nath: Fez você se sentir a vontade e se sentir adorado pelas pessoas ao seu redor, mesmo que na época dele, apenas eu estive ao lado dele.

Marcela: Entendo. Mas não tem nada haver ainda. Eu não gosto dele!

Nath: Se você insiste. Quem sou eu pra julgar.

No dia seguinte. (08:00)

Mansão dos ministros. (Brasília)

Sala de treinamento...

Marina: Presa do Falcão predador!

Eliza: (cria uma barreira de gelo)

Uma forte ventania cortante saía de Marina e acertava Eliza, mesmo com sua barreira, ela não suportava os ataques do modo armadura de Marina e caía.

Eliza: Chega de treinamento! 

Marina: Você amoleceu, senhorita Eliza.

Eliza: Marina, você está mesmo bastante poderosa. O título de ministra não é de graça.

Marina: Sua cabeça está longe. Do jeito que está, posso acabar com você com uma mão amarrada nas costas.

Eliza: Eu só estou preocupada com Ismael. Nos últimos dias, Ismael tem saído do quarto de madrugada e voltando horas depois encharcado de sangue.

Marina: Nas reuniões eu não percebo nada de diferente nele. Mas você é a namorada, então não posso dizer nada.

Madrugada...

Ismael: (se levantava da cama, colocava uma roupa de atleta e saia do quarto).

Eliza: De novo? (Se levantava também e saia pela porta do quarto, acabou dando de cara com uma pessoa no corredor).

Rafael: Pode descansar, Eliza. Você não é a única que observa as saídas noturnas de Ismael. Irei atrás dele.

Eliza: Eu vou com você!

Rafael: Não, você não vai.

Eliza: Irá mesmo me impedir de ir?

Rafael: Eu só não quero que você veja oque ele está fazendo e fique com medo dele.

Eliza: Você sabe o que é?

Rafael: Tenho uma idéia do que seja.

Eliza: Certo! Deixo em suas mãos. (Voltando para dentro do quarto)

Prisão de segurança máxima(30 minutos depois).

Ismael: Você destruiu minha vida, destruiu a vida de muita gente nesse país. Nossa família teve uma chance de recomeçar e você destruiu tudo seu maldito. Voltarei todas as noites e continuarei (Ismael socava Ricardo a cada palavra que saía de sua boca)

Rafael: Então é aqui que você vem toda noite, Ismael?

Ismael: Rafael?

Rafael: Você é o primeiro ministro, devia agir como tal. Socar um homem que não quer lutar pra saciar sua raiva?

Ismael: Você não entende.

Rafael: Essa é uma prisão de segurança máxima. Lydia, Henrique, Rodrigo, Hian, todos ouvem os seus socos todas as noites e nem sequer fazem nada. Ricardo fudeu com tudo? Sim. Mas se quiser continuar a socar Ricardo até ele não aguentar mais ficar de olhos abertos, não irei deixar.

Ismael: Eu ainda não saciei minha raiva.

Rafael: Então tente saciar sua raiva comigo.

Ismael: Foi você que pediu.

Emílio: Já chega! 

Rafael: Emílio?

Emílio: Ismael se apresente na minha sala agora! 

Rafael: Sendo assim, não tenho mais utilidades aqui.

Rafael sai de cena e Emílio assume.

No dia seguinte... (Quarto de Nath e Rayssa).

Nath: Tá chegando o aniversário de Marcela.

Rayssa: Emílio pediu a todos nós que ela seja bem recebida.

Nath: Você acha que Rafael está apaixonado por ela?

Rayssa: Rafael sempre se deu mal com relacionamentos, sempre foi rejeitado por todas que passaram na vida dele. Marcela é legal e uma mulher forte. Só espero que se ele realmente sentir algo por ela, seja recíproco, ele merece. O amor pode deixar ele mais forte.

Nath: Por que você e Cadu não forjam um encontro para os dois?

Rayssa: Como assim?

Nath: Ah! Você sabe. Chame Marcela pra sair com você e fale pra Cadu fazer o mesmo com Rafael, no mesmo local e no mesmo horário.

Rayssa: Você é perversa!

Nath: Eu sei (gargalha)


Em outro lugar...

Ander: Vamos pôr em prática o nosso plano de tomar as cinco potências. Está na hora de salvarmos esse mundo.


The End...









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...