História Teste - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Teste 3


 Assim que cheguei na sala, avistei Jimin trocando carícias com Yoongi.

-primeiramente: vao para um quarto e segundamente: Jimin sabe aquela carta que você mandou eu fazer?

-Sei, você fez?

-Fiz e paguei o Jaemin do primeiro ano para entregar ao Taehyung

-Parabéns teve coragem uma vez na vida

- Haha muito engraçado mas enfim, eu acordei atrasado hoje ne-

- A gente nem percebeu

- Cala a boca e me deixa falar

Contei o que aconteceu a Jimin e ele fez uma cara que eu teria fotografado se eu nao estivesse com o coração na mão.

- Será que ele vai falar com o Jaemin?

- Mesmo que ele tente, nao vai conseguir nenhuma informação minha porque eu ameacei o Jaemin, ele matou umas aulas para ir pegar o Jeno e eu disse que se ele falasse qualquer coisa eu contaria para a mae dele.

- E qual será a ideia que ele teve?

- Não sei

Nao continuamos a conversa porque a professora entrou na sala.



[...]


Assim que a hora do intervalo chegou, Jimin saiu com Yoongi e me proibiu de ir junto porque segundo ele iam fazer coisas indecentes, ou seja, vão comprar algo gostoso para comer e ficar se beijando. Acho que o Jimin só nao quer dividir comigo mas nao é como se eu quisesse dar um pouco do meu lanche para ele.

Fui andando em direção à uma mesa um pouco afastada no refeitório, geralmente só eu sento ali, parece solitario mas é extremamente confortável pois nao tenho que dividir com ninguém e não tem ninguem enchendo meu saco com conversas sobre o quão bonita a Sana do terceiro ano é.

Sentei e comecei a comer um pudim que eu tinha trago. Quando acabei de comer, mais ou menos 10 minutos depois porque eu enrolei mexendo no celular, eu percebi alguém se aproximando. Virei e vi o Jaemin vindo.

-Oi Jungkook

-Eai Jaemin? O que te traz a minha mesa no meio do intervalo?

-Mandaram entregar isso para você

Ele me estendeu a mão e nela ele segurava uma carta. Meu queixo quase tocou o chão. Não podia ser o que eu estava pensando, podia?

- Q- quem mandou isso?

-Kim Taehyung e diferente de você, ele fez questão que eu falasse que ele que escreveu isso

- É sério isso? se você estiver me zoando eu conto tudo pra sua mae

-Vai se foder Jungkook, eu nao gastaria meu tempo fazendo isso. Tenho que ir o Jeno ta me esperando.

Não o respondi mas vi ele revirar os olhos e se afastar.

Olhei bem a carta, não parecia que ele tinha tido muito tempo para escreve-la, e em seguida a abri.

"Querido admirador secreto, obrigado por gostar de mim, fico feliz de saber isso. Obrigado também por me achar bonito.

Você disse que queria descobrir coisas a meu respeito certo? Vou te contar algumas coisas.

Eu amo basquete, minha vida é resumida a isso basicamente, eu adoro filmes romanticos mas ninguém sabe disso porque eu tenho vergonha de admitir. Eu tenho um cachorro chamado Yeontan que eu cuido como se fosse meu filho (foto do Yeontan), tenho mania de comer muito quando estou nervoso ou triste e eu fiquei tão surpreso quando li sua carta que bati minha cabeça na porta do armário do Hoseok, que é meu melhor amigo.

Por favor diga seu nome, eu quero muito saber de quem eu arranco suspiros :)

Com amor, Kim Taehyung"

se eu dissesse que nao surtei e quase derrubei a mesa eu estaria mentindo. KIM TAEHYUNG ME MANDOU UMA CARTA. eu to tão feliz que mal consigo respirar.

Achei super fofa a parte do cachorro, ai gente achamos meus dois pontos fracos: Kim Taehyung e o seu cachorro.

Levantei da cadeira e fui correndo atrás do Jimin, ele precisava saber disso



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...