História Testemunha do amor - Capítulo 68


Escrita por:

Postado
Categorias Supernatural
Tags Padackles, Romance
Visualizações 26
Palavras 1.475
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Slash
Avisos: Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


olha mais um capitulo aqui...boa leitura.

Capítulo 68 - Me perdoe


Fanfic / Fanfiction Testemunha do amor - Capítulo 68 - Me perdoe

jensen acordou sentindo algo gelado no traseiro.tentou se mexe mais foi empedido por uma mao bem enorme

-shhiii!deixa eu cuida de voce.disse jared

-jay isso nao é nada sex.disse rindo.-voce sabe que eu gosto quando voce me acorda de outro jeito.disse virando pra cima.-nao que eu esteja reclamando quando acordo eter um morenao  abrindo seu traseiro para

-passar uma pomada.disse amostrando a pomada

-que tal larga essa pomada ai e vim me acordar decetemente.

-eu acho que nao é uma boa ideia.disse levantando.

-porque nao é uma boa ideia?

-porque precisamos de um banho.disse indo pro chuveiro e trancando com a chave.

jensen percebeu que tinha algo errado,mais sabia que quando jared estivesse pronto falaria.levantou com cuidado e foi procurar suas roupas.vestiu apenas a boxer e foi fazer um cafe.

jared entrou no box ligou o chuveiro sentiu a agua pecorrer todo seu corpo assim como as suas lagrimas.jared estava se senindo culpado pelo que fez com jensen.

lino e justin chegaram e encontar jensen na mini cozinha.

-uau!o jared nao é fraco nao.brincou lino

-ele ta subindo no meu conceito.disse justin

-nao precisa ficar vermelho jensen.disse lino.

-eu nao to vermelho.

-cara é  impressionante!

-o que lino?

-justin o jensen é o mesmo cara que tava gemendo alguns horas  atras e agora ta vermelho que nem tomante.disse rindo

-vo..voces ouviram?

-claro que sim.disse jistin rindo.-voce é o jp sao bens escandalosos.

-desculpa eu nao...

-relaxa cara o justin nao é tumulo.disse rindo

-eu vou pro quarto.disse saindo.

-vai fundo loirao!gritou justin

jensen voltou pro quarto e sentou se na cama,ficou olhando pra porta do banheiro fechada.

jared terminou o banho e ficou se olhando no espelho respirou fundo e saiu estava apenas enrolado numa toalha branca.

assim que saiu do banheiro se deparou com jensen,sentado na cama o  olhando de um jeito bem sensual.

-vo..voce quer tomar banho?

-sim!mais nao agora.disse estandendo a mao pra jared que pegou e se sentou ao seu lado com as maos entrelançadas.-quer falar primeiro?

-acho melhor voce começa.

-tudo bem.primeiro tenho que sabe que isso nao foi por causa do momento?porque eu realmente te quero de volta jay.segundo:foi maravilhoso dormir e acordar com voce di  novo.disse olhando nos olhos de jared.-por que trancou a porta do banheiro?eu realmente pensei que estivesse tudo bem entre nos.disse passando a mao no rosto de jared.-acho que é so isso por enquanto.agora sua vez.

-nao foi coisa do momento jen,eu tambem te quero de volta.disse se levantando.-foi maravilhoso ter voce nos meus braços dormir e acorda ao seu lado.mais quando eu vir que voce estava meio roxo na sua partes intimas eu me lembrei de como fui rudi com voce.disse limpando as lagrimas que teimava em cair.-fui tomar banho sozinho porque nao tive coragem de ti olha nos olhos.

jensen se levantou e pegou as mao de jared olho bem no seus olhos.limpou as lagrimas que cairam.

-voce nao me machucou jay.

-como nao eu

-ta roxo porque foi rapido demais.

-voce me perdoa?

-eu pensei que tinha te perdoado ontem.disse rindo.

-te amo tanto jen.disse e o abraçou logo estavam aos beijos

- Jay.ofegou.-Aqui não disse Jensen se afastando tentando se controlar

-por que?

-justin e lino.disse corado

-eles nao sao mais criança.

Pararam apenas enquanto Jared buscava as chaves para fecha a porta. Jensen mal teve tempo de se recompor. foi prensado na porta, agora fechada. Jared o beijava com ferocidade, pedindo passagem em sua boca para uma língua ávida de desejo. Gemeu quando o moreno colocou uma de suas pernas entre as suas, tocando em seu membro, o prensando ainda mais.

-Ah Jay.gemeu entre os beijos

-Eu te quero ofegou Jared

Continuaram beijando-se, tocando-se mutuamente. Jared foi mais rápido tirando a boxer do loiro, ajudado pelo mesmo.

-Segura em mim "sussurrou Jared ao segurá-lo pelas nádegas"

Jensen obedeceu envolvendo o quadril do moreno com suas pernas. Ainda aos beijos Jared o carregou para a cama .Afoitos, despiram-se aos beijos. Jensen, ainda sentado na cama, tinha o moreno entre suas pernas. Gemia agarrado aos seus cabelos, enquanto o moreno beijava seu tórax sugando seus mamilos, massageando sua ereção sob a toalha.

 Jared afastou-se buscando a camisinha e o gel lubrificante no bolso da calça jogada ao lado. Sorriu ao encarar novamente o loirinho que ofegava, com os olhos escuros de desejos em cima da cama

voltando a beijá-lo, ajudando-o a livrar-se de sua toalha.

Após despi-lo de sua peça , Jered deitou-o na cama. vestiu a camisinha lubrificando-a. Jensen salivava de desejo ao ver seu moreno nu diante de si, preparando-se para possuí-lo. Seu peito subia e descia em batidas rápidas tamanha sua excitação.

-Vem Jay... 

Jared, quase não agüentando mais de tanto tesão, debruçou-se sobre o menor. Tomou seus lábios furiosamente, enquanto lubrificava sua entrada com os dedos, preparando-o para recebê-lo.

-Jay...

-Calma amor...

 jared o penetrou devagar

-Ohh Jen...

Gemeu ainda sem movimentar-se, esperando que o loiro se acostumasse com a invasão. Jensen gemeu sentindo o desconforto inicial, mas não durou muito e logo se movimentou indicando que o moreno deveria continuar.

Debruçado sobre o loiro, Jared deslizou suas mãos pelos braços do loirinho até alcançar suas mãos. Entrelaçaram os dedos, unindo-se num só corpo aos primeiros movimentos do mais velho. Totalmente entregue, Jensen envolveu o moreno com suas pernas aumentando a penetração. A cada estocada sentia-se mais completo e feliz

-Ohhhh...ahhhhhh

-Mais Jay...Mais forte...

Jared estocava com ferocidade, entorpecido pelo prazer, aumentava a velocidade das estocadas a cada gemido do loiro. Sincronizando os movimentos passou a masturbá-lo querendo lhe proporcionar prazer.

Ambos ofegavam, emitindo sons e gemidos. Jensen, não conseguindo mais se controlar derramou-se nas mãos do moreno.

- Ohhh Jaayyy...Ohhhhh "gemeu"

Jared ainda segurou-se por mais alguns instantes, saboreando as contrações do loirinho em seu membro. Queria prolongar a sensação de torpor que sentia ao possuir o garoto, nem que fosse por mais alguns segundos.

-Ahhhh...Jeeennnnnn...Jeennnnn

Estocou mais fundo e mais forte, explodindo dentro do loiro, gritando de prazer, desabando sobre o loiro.

Com os corpos suados, respiração dificultada e batidas aceleradas foram se acalmando. Jared voltou a beijá-lo, saindo de seu interior, sentindo seu cheiro e seu gosto .

- Eu te amo.falou Jared entre beijos-Adoro esse seu cheiro, quando faz amor comigo...Adoro o seu gosto beijou seu pescoço

-Adoro ter você dentro de mim arrepiou-se sentindo os beijos em sua nuca, cravando suas unhas nas costas do moreno

Em minutos, já estavam excitados novamente. Trocavam carícias, sentiam e conheciam o corpo um do outro, amavam-se e queriam sentir, provar cada pedacinho do outro.

Em minutos estavam aos beijos novamente, esfregando-se. Sem roupas podiam sentir a excitação um do outro.

Jensen deixou-se levar. Abraçou o moreno correndo suas mãos pelo torso do namorado. Estava cada vez mais excitado. Jared segurando ambos os membros masturbava-os aumentando o desejo dos dois. Esticando-se até o criado mudo, buscou o lubrificante e a camisinha.

jensen colocou a camisinha no membro de jared, lubrificando-o. Ergueu-se se posicionando sua entrada sobre o membro de jared, descendo lentamente.

-Ahh Jen...Você é tão quente...ahhh...tão apertado...

Ainda sem movimentar-se, Jensen puxou o moreno para o seu peito fazendo-o sentar-se. Assim podia sentir toda a extensão do pênis de Jared dentro de si.

-E você é enorme "sussurrou jensen abraçando-o"

Ficaram entrelaçados, por alguns minutos. jensen no colo do moreno, beijando-o acostumando-se a invasão. Logo Jensen começou a movimentar-se, cavalgando, ajudado por Jared que o segurava pelo quadril.

-Ahhh Jaaayyyy...Jaaayyyyyy

-Jeennnnn...Ohhhhh...Ohhhhhhh

Os movimentos eram fortes e precisos. Jensen, ditando os ritmos das estocadas, aumentando a velocidade. Moviam-se em sincronia, gemendo e gritando.

-Issoooo...Jennnn...Maisssss...Ohhhhh Jennnnn...

-Eu vou...Ahhhhhhh...Jaaaaaayyyyyyyyyy

-te quero...pra sempre...sou teu...

-eu tambem....jay...eu...tambem...sou todo seu...por tuda...eternidade

Jared foi o primeiro a derramar-se, explodindo em prazer. Gozou forte como nunca antes havia feito. jensn se deliciando-se com as expressões de prazer do moren não se conteve e liberou fortes, lambuzando o abdômen de ambos.

Exaustos deixaram-se cair na cama, arfantes.

-nossa!

-uau!por que ontem voce nao foi embora quando pedir?

-por que voce é importante pra mim jay.nao sei explica o que sinto quando estou ao seu lado, mais sei que nao quero que isso acabe.disse e beijou jared com vontade.-sabe quando te olho me lembro uma musica que ouvir quando fui ao brasil.

-canta pra mim.

-jay eu nao sei cantar.

-sabe sim.e eu tenho um violao.disse soltando de jensen e pegando o violao.-eu sei que voce sabe tocar.disse entregando o violao para jensen.-canta pra mim amor.disse dando sorriso de corvinhas.

-vou cantar uma que diz muito o que sinto por voce girafa.disse beijando jared e ajeitando as cordas do violao.-esta pronto pra mim?

-sempre 

-Eu não sei

De onde vem

Essa força que me leva pra você

Eu só sei, que faz bem

Mas confesso que no fundo eu duvidei

Tive medo, e em segredo

Guardei o sentimento e me sufoquei

Mas agora é a hora

Eu vou gritar pra todo mundo de uma vez

 

 

 

 

 


Notas Finais


a musica que o jen cantou no final do capitulo para o jared
cantor Luan Santana...amar nao e pecado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...