1. Spirit Fanfics >
  2. The Adms 2.0 >
  3. Prólogo

História The Adms 2.0 - Capítulo 1


Escrita por: e AnimeRKun


Notas do Autor


Heeeeeey.
Quem ja viu The Addams Family?
Então esta história é uma ficção sobre a vida da Wednesday (Wandinha).
Sem mais delongas
Os senhores: Aluado, Rabicho, Almofadinhas e Pontas lhes apresentam o Mapa do Maroto.
Eu juro solenemente não fazer nada de bom.
Boa leitura safadenhos.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction The Adms 2.0 - Capítulo 1 - Prólogo

Mais uma vez Wednesday Addams ( ou no Brasil Wandinha) vaga  seu olhar pela janela de seu morto quarto, observando suas bonecas decapitadas, e vendo um lugar tedioso que faltaria muito ao seu local de morte.

Morticia Addams estava na cozinha junto com Frankenstein, observando as preparações para o café da manhã, enquanto alimentava sua planta carnivora favorita.

-- Morticia meu amor.-- Gomez Addams entra na sala.-- Creio que Wandinha está bem entediada.-- Falando em seu típico sotaque espanhol.

-- Ora meu caro amor, Wandinha está apenas apreciando seu local de estada.-- A esguia mulher levanta seus olhos e encara seu marido.-- Creio que logo isto passará.

-- Mamãe eu quero sair.-- Wandinha aparece subitamente nas escadas.

-- Oh meu pequeno horror, deseja ir aonde? Dar um agradável passeio?-- Morticia põe as mãos nos ombros da filha.

-- Quero um caderno. Quero escrever.

-- Claro Wandinha, podemos ir comprar, primeiro temos de ir tomar café, acordar o Feioso, depois ajudar a mamãe nos cuidados do jardim e falar com a vovó depois podemos ir as compras, quer chamar a Parker?-- Morticia abre um sorriso meio apagado.-- Ela poderia dormir aqui...

-- Não será preciso, Parker está visitando seu pai.-- Wandinha tira as mãos da mãe.-- Por tanto, eu acho que será necessário acordar os Feioso.

-- Sim, Mãozinha acorde o Feioso.

O cotoco de mão apenas sai da sala em direção ao quarto do garoto qur dormia tranquilamente, enquanto o resto da família se sentava a mesa para tomar café.

Logo Sócrates sobe no ombro da pálida garota, que por mais séria que fosse abre um sorriso ao ver seu polvo subir ao seu ombro.

Logo Gomez é alvejado por várias facas em diferentes direções, mas por sua perícia, desvia de todas sem a menor dificuldade.

-- Está ficando bom nisso, filho!

Feioso Addams entra na sala com a cara ligeiramente com um aspecto de sono, toma seu lugar ao lado da irmã, e calado toma seu café.

-- Então Feioso, quer falar com a vovó?-- Morticia pergunta engolindo um pedaço de pão.

-- Claro mãe! Vai ser show de bola!-- Feioso era tão expressivo como seu pai, então ele sorri facilmente.

Café tomado era hora de Morticia e Wandinha começarem a cuidar do jardim da casa, para logo após, as dez horas da manhã irem ter uma sessão espírita para se conectar com os seus antepassados.

Wandinha segurava as ferrametas para a sua mãe, enquanto Morticia apenas se abaixava para reparar um galho quebrado.

-- Está vendo querida? Está planta está ferida.-- Morticia aponta para uma pequena mordida.-- Indica que há algumas traças por aqui.

-- Pobre plantinha, vamos corta-la?-- Wandinha segura a tesoura.

-- Vamos sim.

Com um corte rápido e limpo Morticia corta o caule da planta e Wandinha termina o serviço com a planta jogando-a em um vaso qualquer para depois jogarem fora.

Após o serviço, os vestidos de Morticia e Wandinha estavam sujos de areia, obrigando as duas a se trocarem e a convocarem Feioso e Gomez.

-- Nós aceitamos a chamada....

-- Morticia minha filha! Minha vampirinha! A mamãe sente saudades!

-- Oi mãe, estamos todos aqui.

-- Onde está minha pequena Wandinha?

-- Estou aqui, e não sou mais tão pequena.

-- Morticia é você!?

-- Sim papai sou eu.-- Com a voz carregada de tédio Morticia responde.

-- Ora, quando eu morri?

-- Fazem vinte anos seu velho caduco!

Após uma conturbada sessão, os Addams vão até a cidade comprar o caderno de Wandinha  e  a coleira que Feioso pediu.

Sentada em sua janela Wandinha começava escrever.

"Caro caderno;

    Este dia tedioso chega ao seu fim, mas foi produtivo, o consegui, e consegui observar o quanto a vida é tediosa.

    O dia que se segue após esse será amanhã, então amanhã eu continuo.

Espero que morra e pegue fogo;

   Wednesday Addams."

Logo que foi se deitar entre sua cama e sua guilhotina, Morticia e Gomez tinham uma conversa.

-- Para que acha que ela quer o caderno minha monstrinha?-- Gomez dá um beijo na bochecha da mulher.

-- Para escrever suas ideias, uma mulher tem que ter algo para colocar seu ódio, sua frustração, seu tédio, e é isso que ela quer.-- Morticia faz uma súbita pausa.-- Ela está crescendo, e isso é o que se nota, e está crescendo mais depressa do que queremos 



Notas Finais


YOOOOO
Acabou
Até o próximo capitulo
Até mais.
Malfeito, feito.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...