História The Affair - Fillie - Capítulo 2


Escrita por:

Visualizações 71
Palavras 495
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, FemmeSlash, Ficção, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Seinen, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - The Room


Era difícil chegar até ali de dia sem ser notada mas Millie conseguiu. Afastou as cortinas de plástico que separavam a parte em reforma e se embrenhou pela porta semi aberta da sala que eles usavam para guardar alguns materiais, carteiras e cadeiras, um sofá velho, uma mesa grande e um monte de caixas que ela nunca quis saber o que tinha dentro. 

No sofá ela se jogou e desejou ter uma almofada para abraçar e sufocar as lágrimas. Lembrar de quantas vezes esteve ali com Finn era difícil, ele era muito especial, seu primeiro namorado. Sempre tinha confiado tanto nele, então quer dizer que ele também saía com elas e não só os meninos? Aquilo era demais pra ela. Tentou se recompor mas estava se sentindo deprimida, traída e arrasada. Queria tanto poder perguntar pra ele que história era aquela, mas tinha que esperar até a noite. Se virou no sofá para abafar o grito e, que cheiro era aquele? Parecia baunilha, de onde ela conhecia? ‘Ah, não…’ sua voz foi mais alta do que ela pensava, Finn não só tinha saído com Sadie mas tinha levado ela até ali, até o quarto. Ela não podia deixar barato, tinha que confrontá-lo mas ao mesmo tempo tinha muito medo. Ele podia ser agressivo quando queria e mesmo que nunca tivesse sido agressivo com ela, vai que por ela bater de frente com ele por conta disso, ele partisse pra cima dela? Não, ela precisava pensar. 

Andando de um lado para o outro no tapete gasto da sala sem janelas, ela passava as mãos pelo rosto e pelo cabelo tentando manter o foco e pensar em algo. Ela ia ter um plano, ela ia se vingar. Só precisava saber como. 

Escondido ali na gaveta da mesa velha, ela pegou o batom que deixava para sempre quando se encontrava com o garoto, antes ou depois. Ele gostava que ela usasse batom e ela gostava de estar bonita para ele e também tinha que sair de lá do mesmo jeito que entrou, arrumada, pra ninguém desconfiar. Passou pelos lábios se encarando no espelhinho pequeno da tampa, vendo suas lágrimas ainda escorrerem. Ela sentia vontade de matar Finn e matar Sadie, mas ao mesmo tempo sentia uma vontade absurda de só ficar ali na sala pra sempre, esperando Finn procurá-la… mas e se Sadie viesse com ele? E se os três se encontrassem ali? O que ela faria? 

Precisava ir atrás de Maddie porque ela ia saber o que fazer. 

Encarou o sofá antes de sair pela porta, pensando em todas as vezes que Finn e ela estiveram ali, juntos, ocupados demais pra pensar em qualquer coisa, ela o sentindo dentro de si, ele dizendo que ninguém o fazia ficar daquele jeito, só ela… e agora ela sabia que Sadie tinha estado ali também, será que ele dizia as mesmas coisas pra ela? Ela fechou a porta e não olhou pra trás, um plano estava surgindo na sua mente. 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...