História The arrival of a love - Finn Wolfhard - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Finn Wolfhard, Romance, Stranger Things
Visualizações 292
Palavras 1.661
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


OII MEUS WAFFLEZINHOS
obrigadaaaa pelos 18 favas gente, lovinhussss
Mais um cap frexxxxxxquinho
de vdd to em love com esse é o último cap
espero que vcs gostem

Capítulo 8 - He looks beautiful like this


Fanfic / Fanfiction The arrival of a love - Finn Wolfhard - Capítulo 8 - He looks beautiful like this


Melanie POV's
14/09/2017
6:10 a.m.

Finalmente, meu primeiro dia de aula, acho que eu vou ter um infarto de tanta ansiedade que eu to.
Eu e a Sophie tínhamos combinado de irmos juntas e andando para a escola no primeiro dia de aula , e é lógico que no caminho eu iria contar tudo pra ela do que tinha acontecido na noite passada.
Fiz minhas higienes, passei um rímel e um blush, primeiro dia de aula né gente, tem que estar apresentável.
Desci, peguei uma maçã e sai, a sophi já estava me esperando do lado de fora da casa dela.
 
Fomos andando até a escola, eu comecei a contar para ela.
Mel- lembra do finn? aquele lá que eu tinha te falado outro dia?
Sophie- lembro, o que é que tem ele?- ela fala meio intrigada 
Mel- a gente quase se beijou ontem
Sophie- QUE? NÃO ACREDITO, AAAAA MEU DEUS- ela fala toda eufórica 
Mel- menina calma, eu disse quase- falo tentando acalmar ela
Sophie- posso saber porque vocês não saíram do quase?
Mel- por que a minha mãe me gritou bem na hora que estávamos quase nos finalmentes.
Sophie- mas ele foi na sua casa assim do nada e tentou te beijar?
Mel- lógico que não, eu fiquei fazendo companhia pra ele naquele balanço a uma quadra daqui sabe?
Sophie- sei sei, me conta, como foi?
Mel- nós ficamos de mãos dadas e conversamos sobre tudo, foi incrível
Sophie- já tá apaixonadaaaa
Mel- é ruim em, eu só acho ele bonito e fofo, acalma o coração aí.
Sophie- aham sei, você acha que eu nasci ontem né dona collins.
Mel- mas eu to falando a verdade menina louca.
Sophie- me engana que eu gosto mel.
Chegamos na escola bem na hora que terminamos o assunto.
Entramos na escola, encontramos nossos armários que por sorte ficavam do lado do outro, guardamos os matérias que não usaríamos hoje e começamos a procurar a sala de música que seria nossa primeira aula.
[…] 
Depois de ficarmos 12 minutos rodando igual baratas tontas achamos a sala de música e quando entramos, eu não acreditei no que eu estava vendo, finn wolfhard estuda na minha turma, deus é top gente.
Quando eu entrei na sala ele abriu um sorriso espontâneo e surpreso e fez sinal para eu sentar do lado dele, eu fui, a sophi sentou na minha frente.
Finn- to achando que agora a stalker é você, tá até me perseguindo no meu colégio.
Mel- ah nem vem wolfhard, o stalker aqui é você- demos risada juntos.
 
Estávamos conversando muito, tipo muito mesmo.
Sophie- oh casalzinho, para de conversar um pouco, to tentando prestar atenção na aula.
respondemos em uníssono.
Mel-casalzinho? 
Finn- casalzinho?
Sophie- vocês entenderam né- ela fala com os olhos cerrados para nós dois 
Demos risada dela e paramos de conversar 
[…]
A próxima aula era de física e digamos que eu era péssima, tipo MUITO MESMO, sorte que a é muito inteligente nessa matéria e se sentou comigo pra me ajudar a fazer todos aqueles exercício impossível.
Incrível, ela falava de física como se fosse artes, pra mim ela estava falando grego, acho que eu entenderia mais grego que isso, certeza!
[…]

Deu a hora do intervalo e eu ia comprar meu lanche com a sophie, mas do nada ela subiu correndo pra se escrever no time de handebol, tive que descer sozinha.
Eu estava descendo as escadas para ir pra cantina, quando do nada sinto um braço passando pelo meu pescoço.
Finn- eaee garota do sorriso bonito, como tá sendo seu primeiro dia de aula?- ele me pergunta todo empolgado 
Mel- ah, tá sendo bem legal, eu gosto de estar aqui com você e com a Sophie- falo sem pensar no que eu disse.
Finn- então quer dizer que você gosta de estar aqui comigo?- ele pergunta com um sorrisinho de canto.
Mel- você entendeu o que eu quis dizer, para de ser besta stalker- respondo tentando arrumar o que eu disse.
Finn- eu entendi que você ama a minha presença senhorita collins.
Mel- não mesmo senhor wolfhard.
Finn- nossa- ele faz uma carinha de cachorrinho sem dono.
Mel- é brincadeira meu stalkerzinho favorito- espontaneamente dou um beijo na bochecha dele, e na hora ele fica todo corado e ele me fez corar também.
Acho engraçado que não passamos de amigos, mas toda vez que estamos juntos rola uma ceninha melosa kkkkk.
Depois disso descemos e ficamos sentado na parte externa da escola, especificamente no jardim que tinha lá.
Eu não sei por que, mas eu sempre gostei de ficar vendo os aspirantes a esporte, e sempre me pego olhando pra qualquer que estava praticando tal coisa.
O finn me olhava sem nenhuma reação, ele só me olhava, e toda vez que eu olhava pra ele, ele olhava para baixo e coçava a nunca em sinal de timidez, eu achava tão bonitinho quando ele ficava com vergonha, ele tinha que ter meus olhos pra ver como ele fica lindo assim.
Melanie POV's
14/09/2017
6:10 a.m.
Finalmente, meu primeiro dia de aula, acho que eu vou ter um infarto de tanta ansiedade que eu to.
Eu e a Sophie tínhamos combinado de irmos juntas e andando no primeiro dia de aula , e é lógico que no caminho eu iria contar tudo pra ela do que tinha acontecido na noite passada.
Fiz minhas higienes, passei um rímel e um blush, primeiro dia de aula né gente, tem que estar apresentável.
Desci, peguei uma maçã e sai, a sophi já estava me esperando do lado de fora da casa dela.
 
Fomos andando até a escola, eu comecei a contar para ela.
Mel- lembra do finn? aquele lá que eu tinha te falado outro dia?
Sophie- lembro, o que é que tem ele?- ela fala meio intrigada 
Mel- a gente quase se beijou ontem
Sophie- QUE? NÃO ACREDITO, AAAAA MEU DEUS- ela fala toda eufórica 
Mel- menina calma, eu disse quase- falo tentando acalmar ela
Sophie- posso saber porque vocês não saíram do quase?
Mel- por que a minha mãe me gritou bem na hora que estávamos quase nos finalmentes.
Sophie- mas ele foi na sua casa assim do nada e tentou te beijar?
Mel- lógico que não, eu fiquei fazendo companhia pra ele naquele balanço a uma quadra daqui sabe?
Sophie- sei sei, me conta, como foi?
Mel- nós ficamos de mãos dadas e conversamos sobre tudo, foi incrível
Sophie- já tá apaixonadaaaa
Mel- é ruim em, eu só acho ele bonito e fofo, acalma o coração aí.
Sophie- aham sei, você acha que eu nasci ontem né dona collins.
Mel- mas eu to falando a verdade menina louca.
Sophie- me engana que eu gosto mel.
Chegamos na escola bem na hora que terminamos o assunto.
Entramos na escola, encontramos nossos armários que por sorte ficavam do lado do outro, guardamos os matérias que não usaríamos hoje e começamos a procurar a sala de música que seria nossa primeira aula.
[…] 
Depois de ficarmos 12 minutos rodando igual baratas tontas achamos a sala de música e quando entramos, eu não acreditei no que eu estava vendo, finn wolfhard estuda na minha turma, deus é top gente.
Quando eu entrei na sala ele abriu um sorriso espontâneo e surpreso e fez sinal para eu sentar do lado dele, eu fui, a sophi sentou na minha frente.
Finn- to achando que agora a stalker é você, tá até me perseguindo no meu colégio.
Mel- ah nem vem wolfhard, o stalker aqui é você- demos risada juntos.
 
Estávamos conversando muito, tipo muito mesmo.
Sophie- oh casalzinho, para de conversar um pouco, to tentando prestar atenção na aula.
respondemos em uníssono.
Mel-casalzinho? 
Finn- casalzinho?
Sophie- vocês entenderam né- ela fala com os olhos cerrados para nós dois 
Demos risada dela e paramos de conversar 
[…]
A próxima aula era de física e digamos que eu era péssima, tipo MUITO MESMO, sorte que a é muito inteligente nessa matéria e se sentou comigo pra me ajudar a fazer todos aqueles exercício impossível.
Incrível, ela falava de física como se fosse artes, pra mim ela estava falando grego, acho que eu entenderia mais grego que isso, certeza!
[…]

Deu a hora do intervalo e eu ia comprar meu lanche com a sophie, mas do nada ela subiu correndo pra se escrever no time de handebol, tive que descer sozinha.
Eu estava descendo as escadas para ir pra cantina, quando do nada sinto um braço passando pelo meu pescoço.
Finn- eaee garota do sorriso bonito, como tá sendo seu primeiro dia de aula?- ele me pergunta todo empolgado 
Mel- ah, tá sendo bem legal, eu gosto de estar aqui com você e com a Sophie- falo sem pensar no que eu disse.
Finn- então quer dizer que você gosta de estar aqui comigo?- ele pergunta com um sorrisinho de canto.
Mel- você entendeu o que eu quis dizer, para de ser besta stalker- respondo tentando arrumar o que eu disse.
Finn- eu entendi que você ama a minha presença senhorita collins.
Mel- não mesmo senhor wolfhard.
Finn- nossa- ele faz uma carinha de cachorrinho sem dono.
Mel- é brincadeira meu stalkerzinho favorito- espontaneamente dou um beijo na bochecha dele, e na hora ele fica todo corado e ele me fez corar também.
Acho engraçado que não passamos de amigos, mas toda vez que estamos juntos rola uma ceninha melosa kkkkk.
Depois disso descemos e ficamos sentado na parte externa da escola, especificamente no jardim que tinha lá.
Eu não sei por que, mas eu sempre gostei de ficar vendo os aspirantes a esporte, e sempre me pego olhando pra qualquer que estava praticando tal coisa.
O finn me olhava sem nenhuma reação, ele só me olhava, e toda vez que eu olhava pra ele, ele olhava para baixo e coçava a nunca em sinal de timidez, eu achava tão bonitinho quando ele ficava com vergonha, ele tinha que ter meus olhos pra ver como ele fica lindo assim.
 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


shippo tanto finnie que acho que vou morre
comentem aqui embaixo o que vcs estão achando por favor genteeee
xoxo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...