História The Best Months of My Life - Bang Chan - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Ele gosta de você


Fanfic / Fanfiction The Best Months of My Life - Bang Chan - Capítulo 4 - Ele gosta de você


-Ele não é um bom exemplo pra você!

-Eu não preciso de exemplos, já sou grandinha o suficiente pra saber o que é bom pra mim.

-Mas não está parecendo.

-Christopher a gente só perdeu a noção do tempo, isso pode acontecer com qualquer um que fique lá fora, não dá pra ouvir o sinal de lá.

-Então passe o intervalo na parte de dentro da escola.

-Não! Para de tentar me controlar.

-Eu não estou te controlando.

-Tá sim.

-Eu tô tentando te proteger.

-Me proteger de ter uma vida social? Você tá sendo possessivo!

-Não é nenhuma possessão, eu só não quero que você fique com esse tipo de gente.

-Esse tipo de gente?

-Ele te fez perder metade das aulas.

-A culpa também foi minha!

-Eu não acredito nisso.

-Mas vai ter que acreditar.

-Não quero acreditar, e não quero mais que você ande com ele.

-O que? Não pode me impedir de falar com ele.

-Mas posso te impedir de sair com ele no sábado.

-Não pode fazer isso.

-Posso sim, agora que minha família está cuidando de você, eu também sou seu responsável.

-... Você é a pessoa mais detestável que eu já conheci!- subo as escadas indo direto para o meu quarto, ele tentou me chamar mas tudo o que eu quero agora é ficar longe dele.


...


Já anoiteceu e eu estou evitando Christopher o dia todo.

Hannah conversou comigo, ela acha que eu estou exagerando, mas ela não entende que eu aceitar isso vai acabar comigo, e com Felix também...

Eu não desci pra jantar, talvez eu esteja sendo um pouco dramática, mas estou chateada de verdade.

Um tempo depois ouço alguém subindo as escadas, é Christopher, mas não quero assunto com ele.

Ele se senta ao meu lado na cama e começa

-Eu sei que você está chateada comigo, mas sabe como eu me sentiria se acontecesse alguma coisa com você? Eu não me perdoaria, eu tenho medo, e esse medo me faz querer proteger você a todo custo.

-Muita proteção pode sufocar Christopher.- rebato.

-Eu sei, você tem uma vida.

-Só percebeu isso agora?

-Você devia entender meu lado. Eu quero te proteger e pego você com aquele cara matando aula, o que faria no meu lugar?

-Eu com certeza o mataria.

-Ta vendo?

-Mas Felix não é assim.

-Me ouviria se eu te falasse isso?-...não.

-Então...- respiro fundo.

-Tudo bem, eu te entendo. Mas só dessa vez, não vou deixar você ficar controlando minha vida.- ele sorri.

-Como desculpas eu vou deixar você ir ao cinema, só que só comigo.

-Por que só com você?

-Porque você queria muito ir ao cinema, e já que não pode ir com ele eu posso te levar.

-Eu não sei se é uma boa ideia...

-Por que não? Não gosta da minha companhia?

-Eu gosto mas...- ele faz uma carinha fofa- tudo bem, eu vou com você.- ele sorri animado.


~Dia Seguinte~



-Ele o que?- Felix estava furioso.

-Me desculpa Felix, mas eu não posso fazer nada.

-Como ele pode te proibir de sair comigo? Ele é seu pai por acaso?

-Não Felix, mas ele manda em mim.

-Isso é ridículo S/n, eu não vou aceitar isso.

-Vai ter que aceitar.

-Nao mesmo.- Felix sai andando em direção a sua sala, tomara que ele não apronte nada...

-O que foi isso?!

Tomo um susto com Hannah atrás de mim.

-É o efeito Christopher.

-Você perdoou ele?

-Sim, mas não foi tão fácil pro Felix.

-Ele supera amiga.

-Ele não parece estar com cara de quem vai superar essa história tão cedo...


É, eu estava certa. Não tão cedo.

Foi só o sinal pra irmos embora tocar pra Felix ir em direção ao carro de Chris pra tirar satisfação com ele. Isso com certeza vai dar muito errado.

Tento segurar ele mas Felix parece incontrolável, então só assisto tudo acontecer.

Mas aí uma luz no fim do túnel, quem sai de dentro do carro é Jisung, não Chris. Felix para na hora.

Jisung logo me vê e acena. Vou até ele.

-Oi Jisung.

-Oi S/n, vim te buscar hoje.- ele olha atrás de mim.- Você deve ser o Felix, o Chris falou de você.

-Ele falou?...

-Vamos embora logo Jisung? A Hannah foi com um amigo.

-Claro, tchau Felix.

-Tchau...- ele diz meio sem jeito.

Entro no carro e seguimos pra casa.
Pergunto por Chris e Jisung diz que ele teve que resolver algumas coisas.


_Mais Tarde_



Hannah e eu estamos nos preparando pra dormir, mas eu estou inquieta.

-O que foi S/n.

-Nada, eu só estava pensando comigo mesma aqui...

-Sobre o Chris?

-O que? Por que eu pensaria sobre o Chris?

-Eu não sei, ele vive pensando em você, eu achei que era assim com você também.

-Por que ele vive pensando em mim?

-Nao é óbvio? Por que ele gosta de você.

O quê?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...