História The change you made in me - Capítulo 16


Escrita por: e HiroCypher

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Félix, Gabriel Agreste, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Visualizações 129
Palavras 2.027
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oieeen. Olha, eu tô postando antes do horário. ALELUIA NE KSKSMSM
Boa leitura, bbs ! Leiam com atenção !

Capítulo 16 - Chapitre seize- Finalmente Descobri a verdade


Fanfic / Fanfiction The change you made in me - Capítulo 16 - Chapitre seize- Finalmente Descobri a verdade


 Continuando..



Eu subi no palco e segurei o microfone, pensando em como fazer. Olhei para todos da plateia e abri minha boca, tomando coragem para começar:

- Eu segui meu coração dentro do fogo
Se queimou, foi quebrado pelo desejo
Eu tentei, eu tentei, mas a fumaça nos meus olhos
Deixou-me borrada, desfocada e cega
Peguei todas as peças caídas no chão
Eu sujei os meus dedos, mas já passou
Tem a cola em minhas mãos e coladas no plano
Colada no plano que diz: Eu posso

-Fazer qualquer coisa
Eu posso fazer qualquer coisa

Todos me olhavam atentos.


-Este é o meu beijo de despedida -começaram á berrar- Você pode ficar sozinho e me ver voar
Porque nada está me mantendo para baixo
Vou jogar tudo fora
Venha e diga agora, agora, agora mesmo
Este é meu grande Olá
Porque eu estou aqui, e nunca deixando ir
Posso finalmente ver, não é apenas um sonho
Quando você deixa tudo livre, tudo livre. Liberte tudo. Eu era uma menina preso sob o polegar

Mas minha estrela vai brilhar mais do que o seu sol
E agora eu chego tão alto e atiro tão longe
Vou bater, vou bater, bater cada obstáculo

Fazer valer a pena desta vez
Eu vou fazer valer a pena desta vez


[Adrien On]


Ela cantava de um forma linda, e todos que estavam sentados se levantaram animados. 


-Este é o meu beijo de despedida
Você pode ficar sozinho e me ver voar
Porque nada está me mantendo para baixo
Vou jogar tudo fora
Venha e diga agora, agora, agora mesmo
Este é meu grande Olá
Porque eu estou aqui, e nunca deixando ir
Posso finalmente ver, não é apenas um sonho
Quando você deixa tudo livre, tudo livre

Eu sabia que ela cantava bem, mas não sabia que era tanto.


-Liberte tudo
Liberte tudo
Liberte tudo
Liberte tudo

Enquanto a ouvia cantar, fiquei me perguntando o porquê de estar tão fascinado por ela desde que a conheci.


-Este é o meu beijo de despedida
Você pode ficar sozinho e me ver voar
Porque nada está me mantendo para baixo
Vou jogar tudo fora
Venha e diga agora, agora, agora mesmo

Fiquei me perguntando porque meu coração batia tão acelerado quando ela estava perto.



-Este é meu grande Olá
Porque eu estou aqui, e nunca deixando ir
Posso finalmente ver, não é apenas um sonho
Quando você deixa tudo livre, tudo livre

E me perguntei o porquê de tudo que sinto.

-Liberte tudo
Liberte tudo
Liberte tudo
Liberte tudo
Liberte tudo.

Mas acho que já percebi.


-Liberte tudooooo. - ela enfim abaixou o microfone

Eu me apaixonei por ela.


-Uhul ! - a mesma levanta o microfone, ofegante 

E assim ela acabou, com todos batendo palmas pra ela. Ela desceu do palco com um largo sorriso e o rosto corado. Muitos a parabenizaram, enquanto outros foram comer ou se perderam na música que começará a tocar, e quando ela chegou até nós..

-Amiga ! - Alya se jogou nela- Você foi demais!

-Marinette, você canta muito ! -diz Nino

- Ah, nem tanto .. - ela diz envergonhada

-Ele tem razão, você foi ótima ! - Plagg brota Do nada, com Tikki

-Ué, Tikki não tinha te matado? - ela pergunta

- Ah, só foi um arranhãozinho.. -A menor responde

-ARRANHÃOZINHO ? - Plagg se exalta, fazendo todos forem

Marinette vem até minha direção rindo, e então, comecei á entrar em pânico internamente

- Oi..  - ela sorri- O que achou ?

-E-eu.. -coro- E-eu amei. -sorri

-Que bom - ela sorri de forma fofa

Jesus, me segura se não eu caio .

-Parabéns, Marinette. -ouvimos uma voz atrás da gente

Vi Marinette tremer ao ver quem era : Mark.

-O-obrigada. - ela olha diretamente em seus olhos, sem um pingo de medo

- Bem, isso é um adeus. - Ele põe a mão na nuca- Eu vou embora.

Graças á Deus ! Vaza ! Fica longe dela !

-Hum, Adeus.. -ela o olha indo embora

- Tudo bem? -pergunto, segurando seus ombros

-T-tudo.. - ela cora levemente, olhando em meus olhos

Nesse momento eu me perdi em sua boca. Levantei seu queixo com uma mão, logo aproximando meu rosto do seu. Quando iria beija -la alguém nos interrompe.

- Mari ! -essa voz eu reconheço

- Félix ! - ela ri- Você veio mesmo!

Félix ?? O que esse poha tá fazendo aqui ?

- Claro, você tá me devendo uma noite. - Ele se aproxima dela, sorrindo

-Não fale assim, vão pensar errado, idiota ! - ela dá um tapa em seu ombro, o fazendo rir

Que intimidade é essa que eu não sabia que eles tinham ?

-O que você está fazendo aqui ? -me intrometo já conversa, sério

-Ora, irmãozinho, não precisa ficar com ciumes. É que a Marinette tá me devendo uma, então pedi pra que me deixasse vir. - Ele sorri pra ela, mordendo o lábio

Mas é o que ?

Olho pra ele e depois pra ela. Pra ele e depois pra ele.

O que aconteceu entre eles ? Agora sim estou com ciúmes!

- Bem, só estou deixando você ficar aqui porque estou te devendo uma. - ela faz uma cara de brava, que saiu fofa- Então já que as apresentações acabaram e estão todos comendo e dançando, quer vir ? - ela estende a mão pra ele

Mas é o que? Comasim ?

- Claro. - ele pegou a mão dela e foram dançar junto com os outros

E eu? Fiquei alí vegetando, vendo a garota que eu gosto, dançar com o meu irmão. Então fui me sentar com Plakki, já que Alyno estava dançando junto.

-Vai deixar, Adrien ? - Plagg pergunta

-Cala a boca.. -apoio minha cabeça nas mãos

- Você está com ciúmes ? -Tikki me olha nos olhos

-Talvez.. -continuo emburrado

- Ah, você está morrendo de ciúmes ! - ela bateu palmas- Tudo bem, ela nunca ficaria com seu irmão.

-Como tem certeza? - olho pra ela, ainda empurrado

-Porque Ela gos.. - Plagg tampa sua boca

-Por nada não ! - Plagg diz, rindo

-Hum.. - Olho para Marinette, que dançava

Porque eu não a convidei para dançar primeiro? Perdi a oportunidade, e meu irmão a aproveitou. Eu não sei qual seu interesse em Marinette. E agora que descobri meus verdadeiros sentimentos, preciso estar alerta a ele.

Depois de algum tempo dançando, eles voltaram. Ela se sentou ofegante, enquanto bebia água, e enquanto ele ria.

-Meu Deus, você dança muito mal ! - ele diz

-Cala a boca, foi difícil sair de lá, tinha tanto garoto dando em cima de mim. - Ela diz, tirando os sapatos- Meus pés estão me matando. - enfim ela me nota- Adrien, porque está emburrado?

-Por nada.. -desvio o olhar

-Vamos dançar, Plagg! -Tikki o puxa

Ficamos só eu, Mari e Félix na mesa, com um ar estranho. Vi Félix olhar pra mim e depois pra Marinette, sorrindo.

-Marinette, você é virgem?

Marinette CUSPIU a água toda na minha cara.

-M-Me desculpe, Adrien. - ela cora

- Félix, que pergunta foi essa ? - Olho com raiva pra ele, enquanto limpava meu rosto

- Ué, quero saber. - ele se vira pra ela- Então?

-Pra sua informação, não. - ela continua a beber água

Ele olha surpreso pra ela, calado.

-O gato comeu sua língua? - ela sorri maliciosa pra ele- Ou fui eu ?

E pela primeira vez na vida, vi Félix corar.

-E você, Félix ? - ela ri, ao ve-lo corar

-É claro que não, eu já tenho 20 anos. - ele fala serio- Daqui a pouco termino a faculdade.

-Seilá, você tem carinha de virgem. - ela apoia a cabeça nas mãos, com um sorriso sarcástico

- Ah é? - ele aproxima seu rosto do dela, claramente mostrando toda sua rivalidade- Quer provar pra ver ?

-Qualquer dia desses, quem sabe. - ela diz, maliciosa

-Mas que porra é essa ? -Me levanto- Sai de perto dela ! -empurro o rosto dele, a abraçando


Ficaram em silencio.

-Adrien.. - Félix aponta pra baixo- Olha onde sua mão está.

-Hã? -sinto algo macio, ao apertar

-A-Ah.. -olho pra Marinette, que estava com o rosto completamente corado

E então aí, depois de apertar o peito dela umas cinco vezes, notei o que havia feito.

-Ahh, d-desculpa !! - Olho pra minha própria mao


Meu Deus, minha mão é sagrada.

-T-Tudo bem.. -ela esconde os seios com os braços

-É impressão minha ou eu ouvi um gemido de Marinette ? -Felix diz

-E-eu não gemi ! - ela diz mais corada ainda

-Gemeu sim.

-M-me desculpe, Marinette ! Não foi minha intenção.

-Tudo bem.. - ela desvia o olhar corada

Meu Deus, agora a sensação não sai da minha mão. Não consigo tirar esses pensamentos impróprios de minha mente.

- Mari, que tal amanhã você ir na nossa casa depois da aula ? -Félix pergunta

-Pra quê ? - ela pergunta desconfiada

-Pra agente se conhecer ora. - ele diz na lata. Mas ele é muito piranho ein

-Hum.. - ela olhou pra mim e pareceu pensar um pouco- Quero.

-Embora eu saiba o porquê de você aceitar, tudo bem. - ele ri irônico, logo se levantando- Nos vemos amanhã. -e vai embora, nos deixando sozinhos

Ficamos em silêncio.

-Desculpe por tocar no seu peito.. - faço bico

- Tudo bem, Adrien, foi sem querer. - ela ri com vergonha

-Posso fazer de novo ? - Olho irônico pra ela

-O-oque ?

-A Tikki também faz isso.

-Mas a Tikki é garota, né Adrien ! - ela cora

Droga, se tivéssemos em casa eu faria..

- Ok, eu tava brincando.

Só que não.

- Eu preciso ir, já está tarde. - ela se levanta

-E-eu te acompanho ! -me levanto rapidamente

-Minha casa é aqui do lado - ela ri

-Por favor.

-Ok, vou avisar as meninas.

Ela falou com Alya, Tikki, Plagg e Nino, se despedindo.

-Vamos, Adrien. - Ela me dá a mão

-Ok. -coro, apertando sua mão

(Park: Tô triste, minha amiga saiu na hora que a gente ía começar o hot, no rpg ;-;)


Saímos da escola e atravessamos a rua, parando em frente a sua casa.

- Bem, até amanhã.. - ela sorri, balançando nossas mãos - Ah, eu não queria te deixar ainda.. - Ela faz bico

E nesse momento, eu quase tive um ataque de fofura.

-E-eu também não. - Olho para o chão

- Você.. - ela se aproxima, me olhando de baixo- Quer dormir comigo hoje ?

(Park: OI MOÇA ?)

Coro, tendo pensamentos impuros.

-P-posso ?

-Pode ! - ela abre a porta com a chave que tirou da bolsinha e entramos

-Shh, não faça barulho.

Subimos as escadas e entramos no quarto dela.

- Bem, você já veio aqui, então não é nenhuma novidade. - ela tira seus sapatos

-É, verdade. -me jogo na cama dela

Ela pega uma roupa na gaveta e entra no banheiro por alguns minutos, logo saindo com seu pijama. Era um pijama muito fofo e curto. Ele continha uma blusa de lilás de mangá preta e um short preto, com pintinhas lilás, porém, realmente muito curto.

- Quer alguma outra roupa mais confortável ?

-Se tiver aceito.

Ele pega uma roupa no guarda-roupa dela e me entrega.

-É um moletom preto e uma calça cinza, também de moletom. Meu primo deixa aqui ás vezes. Pode vestir. - Ela pega seu celular e se deita na cama

Entro no banheiro e me troco, deixando meus sapatos e minha roupa na pia. Sai do banheiro e a vi ainda no celular, dando uma ótima vista a sua bunda, já que estava de barriga pra baixo.

-Deita comigo, bobo. - Ela ri- Não precisa ter vergonha.

Me deitei ao lado dela e ela apagou a luz do abajur, nos cobrindo com a coberta.

Eu não conseguia ficar calmo, ela estava muito perto de mim.

-Ei.. - ela fica de frente pra mim

- Sim?

- Boa noite, Adrien.. - ela me olha sonolenta e encosta sua cabeça em meu peito

- Boa noite.. -A abraço e beijo sua testa




































Notas Finais


Hshauhsuahdushusdh pensei MT se fazia ou n um hentai aki, mas tá cedo ainda pra eles ;u;
Espero que tenham gostado, me digam nos comentários oq acharam.

Bjs, nos vemos na proxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...