História The choice-Red Velvet, BLACKPINK, Got7, (G)-idle, BTS, Twice - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Got7, Red Velvet, TWICE
Personagens BamBam, Irene, Kim Taehyung (V), Mina, Rosé, Wendy, Yuqi
Tags Red Velvet
Visualizações 13
Palavras 738
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense, Violência

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu não tenho muita ideia se vocês gostam da história ou não, se não gostarem de algo por favor me digam que vou tentar ao máximo melhorar

Capítulo 6 - Você não é o rei delas


Fanfic / Fanfiction The choice-Red Velvet, BLACKPINK, Got7, (G)-idle, BTS, Twice - Capítulo 6 - Você não é o rei delas

BamBam On 

Aera- Seu pai está furioso, devemos vê-lo imediatamente

Estávamos saindo do salão porém em uma distância que as princesas não seriam capazes de ouvir nossa conversa 

Irene- As garotas não tem culpa se ele é um ignorante 

Aera- Irene não fale assim de seu pai 

- Por favor mãe, até você sabe que ele passou dos limites agora

Aera- Ele está apenas cansado por causa do trabalho  

Entramos no escritório do rei

Daeshim- FOI UMA PÉSSIMA IDEIA, MANDE TODAS ESSAS DESGRAÇADAS EMBORA AGORA 

Aera- Daeshim não grite, essas garotas podem ajudar o reino e você sabe disso 

Daeshim- Não sabem nem respeitar o rei 

Irene- Você não é o rei delas, é apenas um homem que está oferecendo seu filho como marido, você precisa delas não o contrário então se eu estivesse no seu lugar estaria tratando elas com o maior respeito possível

Ele dá um tapa no rosto de Irene 

Daeshim- Mais respeito comigo menina 

Irene- Só estou falando a verdade, se nomeia rei porém é burro o suficiente para xingar princesas- solta uma risada sarcástica- Graças a Deus um dia você morrerá, espero que até lá não tenho arruinado o reino 

Ele levanta a mão e se prepara para lhe dar um soco porém eu impeço

Daeshim- Nem meus filhos me respeitam mais- me empurra e sai do escritório 

Irene- Deve ser horrível pensar todos os dias que disse sim no altar para este homem 

Aera- JÁ CHEGA, Irene aprenda a respeitar seu pai, eu sei que ele extrapola porém você também o irrita 

Irene solta mais uma risada sarcástica 

- Irene nossa mãe tem razão, é totalmente injusto o que ele faz porém mais do que qualquer um aqui você deveria ter medo dele  

Percebo que ela me olha com ódio, não gostava de falar desse assunto, não gostava de falar como meu pai estragou a única felicidade dela porém ela não podia permanecer com aquele comportamento  

Irene- Medo? Eu sinto ódio mas medo estou bem longe de sentir por ele, se ele quer que eu fique com medo então que o próximo tiro seja na cabeça em vez da perna 

Os guardas a encaram assustados 

Aera- Seu pai já disse que se arrependeu, foi um acidente  

Irene- Nós todos sabemos que não foi um acidente, mas o que adianta se não foi não é mesmo? Ele é o rei, é um homem bom e carinhoso, é o melhor rei que este reino poderia ter, não teria um único motivo para ele ferir um dos seus filhos 

Aera- Acabou com esse seu show? 

Irene- Mamãe não me subestime, quando eu fazer um show será em frente de muitos, agora se me dão licença vou arrumar algo melhor para fazer  

Ela sai do escritório e minha mãe vai atrás

Johyun- Príncipe 

Ela faz uma reverência 

- Sim? 

Johyun- As princesas estão sozinhas no salão, acredito que seria uma boa hora para conhece-las melhor 

- Boa ideia Johyun, irei para lá agora mesmo 

Caminho até o salão até que ouço uma voz familiar

Mina- Ele é o mostro 

Consegui perceber a quem ela estava se referindo pela forma que Rose me olhou

BamBam- Como sempre expressando tudo que pensa princesa Mina, podemos conversar a sós? 

As princesas se encaram, já são amigas pelo visto  

Mina- Claro 

Ela entrelaça seu braço no meu como uma formalidade, andamos até meu escritório, peço para os guardas se retirarem da sala e ficamos a sós

Taehyung On 

Sana- Deve avisar Mina a não enfrentar o rei 

- O que aconteceu? 

Sana- Soube que ele já bateu em várias empregadas do palácio 

Ela se aproxima e de forma baixa susurra em meu ouvido 

Sana- e que já atirou na própria filha 

Ela se afasta novamente e continuo a comer  

- Ela consegue se defender e caso levasse um tiro rei Akiro não deixaria barato, por que não vai você mesma dizer isso a ela? 

Sana- Eles sabem que sou japonesa, diferente de você tenho traços japoneses, trocaram todos meus horários e não tenho mais nenhuma forma de ir ao quarto de Mina 

- São espertos

Termino de comer meus ovos 

- Vou avisá-la, sabe se ela está em seu quarto? 

Sana- Pergunte para Irene, os dois parecem estar bem próximos- lança um olhar malicioso 

- Meu Deus Sana isto é trabalho

Sana- Isso nunca te impediu com a 

- Nem pense em continuar essa frase, sabe que não gosto de falar sobre isso

Me levanto da cadeira 

- Vou falar com Irene 








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...