1. Spirit Fanfics >
  2. The Cycle (TC) - Camren >
  3. Chapter XLIII: Beautiful.

História The Cycle (TC) - Camren - Capítulo 43


Escrita por:


Notas do Autor


Chorosa com esse cap... uma hora cansa, e tudo bem.
ESCUTEM BEAUTIFUL DA CAMILA COM O BAZZI E SINTAM A EMOÇÃO KSKSKSKSKSKSKSK

LAVEM AS MÃOS, BEBAM ÁGUA E BOA LEITURA

NOTAS FINAIS SEMPRE

Capítulo 43 - Chapter XLIII: Beautiful.


Novembro de 2020

Um perto forte passando pela cintura de Camila denunciava quem estava ali, e que ainda não havia acordado. A latina suspirou e olhou em volta, nunca havia prestado muita atenção no quarto da namorada. Ela acabou rindo ao lembrar do que os móveis, a cama e todas as outras coisas presenciaram durante a noite passada. Decerto ninguém teria que falar como a noite anterior foi diferente. Porquê foi. Muito.

Lauren se virou, ainda perdida em seus próprios sonhos e o lençol cobria apenas do cóccix para baixo. Camila, que até então olhava para o teto, não aguentou muito, ela passou a mão na linha da coluna da namorada, de cima para baixo e de baixo para cima.

Hey
Beautiful, beautiful, beautiful, beautiful angel
Love your imperfections, every angle
Tomorrow comes and goes before you know
So I just had to let you know

Ei
Belo, belo, belo, belo anjo
Amo suas imperfeições em todos os ângulos
O amanhã vem e vai antes de você saber
Então eu só queria que você soubesse

Camila decidiu levantar, sequer sabia as horas. Ela prendeu o cabelo em um coque mal feito, indo em direção ao banheiro. Ela despertaria somente com um belo banho.

No chuveiro, a água quente batia em sua nuca e escorria corpo abaixo. Camila estava virada de frente para o registro, com os braços parcialmente cruzados. Estava pensando. Nela, em Lauren. Em como tudo seria a partir dali. Bom? Ruim...? Melhor do que antes? Certamente melhor, mas até que ponto?

Ela amava Lauren e não tinha dúvidas quanto a isso. Mas ela ainda deveria se proteger, certo? Até sentir 100% que Lauren estava de cabeça na relação, e não... Ela afastou os pensamentos. Estava se autossabotando.

Porque... até que ponto as pessoas são legais para ter alguém...?

Lauren fez isso uma vez. Não necessariamente assim, mas ela foi embora depois de conseguir Camila. E Camila por mais que quisesse, não deixaria de considerar isso.

The way that Gucci look on you, amazing
But nothing can compare to when you're naked
Now a backwood and some Henny got you faded
You're saying you're the one for me, I need to face it

A maneira como Gucci veste em você, incrível
Mas nada pode se comparar a quando você está nua
Agora um cigarro e muitas doses de Hennessy conseguiram te desvanecer
Você está dizendo que é única pra mim, preciso encarar isso

Por outro lado, ela sorriu. Era Lauren. Aquela mulher incrível que ela tanto amava. Aquela mulher que talvez não tenha entendido o tamanho do amor de Camila por ela, mas estava no caminho para isso.

Camila jogou um pouco a cabeça para trás, molhando o rosto inteiro, e voltou a encarar o registro; e todas as gotículas que desciam pelo azulejo. Era Lauren. A pessoa na qual Camila evitou pensar por anos para não vacilar no primeiro sorriso, primeiro olhar.

Era Lauren que estava dormindo tranquilamente a passos dali, foi com Lauren que ela teve uma das noites mais significativas de sua vida. Lauren era sua namorada agora. Todas as incertezas estavam indo embora junto com a água pelo ralo sem que Camila notasse.

Era isso. Era Lauren e apenas Lauren.

Camila queria fazer uma surpresa clichê, um café da manhã na cama. Mas seus pensamentos ocuparam tempo. Ela não sabia o tempo de banho, mas foi suficiente para Lauren acordar e logo aparecer ali.

Palavras só atrapalhariam. O olhar era o único meio comunicativo necessário.

Para Lauren não era fácil também.

Era Camila. A pessoa que ela nunca pensou ver novamente. A pessoa que mostrou dor nos olhos quando terminaram mas não falou nada para que Lauren ficasse. E isso doeu. Mas libertou.

Lauren se questionava tanto sobre o que poderia ter acontecido se ela não tivesse terminado naquele dia.

As coisas estariam boas? Ruins? Muito ruins?

Elas poderiam se odiar, mas não.

Embora os humanos sejam racionais, tudo que escolhemos é por uma razão. Ou não, esse pensamento é bem confortável para covardes.

Lauren estava em dúvida, na época, sobre ir ou não. Mas por quê dúvida? Ela sabia que no fundo a escolha estava feita. Porquê se ela estivesse bem, não teria uma segunda opção.

Ela não queria magoar Camila, e todos souberam disso. Inclusive e principalmente Camila.

E terminar não era problema, mas Lauren fez Camila se apaixonar. Ela conseguiu.

Started when we were younger
Swear to God that I loved her
Sorry that your mum found out
Guess that we just really had the thunder
Ain't nobody else that I'd be under

Beautiful, beautiful life right now
Beautiful, beautiful night right now
No, no, no

Começamos quando éramos mais jovens
Juro por Deus que eu a amei
Desculpe-me por sua mãe ter descoberto
Acho que nós realmente tivemos o trovão
Não há mais ninguém com quem eu estaria
Bela, bela vida agora
Bela, bela noite agora
Não, não, não

Errado era pensar que a agente também não sofreu. Quem gosta de saber que fez outra pessoa sofrer? Ainda mais Camila, que não chorava?

E Camila tinha noção de tudo que Lauren sentia sobre. Era isso, afinal. Ela estava lá por Lauren, independente de qualquer coisa. O amor não machuca, não é exaustivo. Os momentos sim, as circunstâncias. Escolhas mal feitas.

Como Camila disse uma vez: tudo foi contra elas. A vida e o destino foram injustos, as pessoas, o momento da vida de cada uma... tudo.

Lauren nunca foi muito boa em mostrar o que sentia sem uma grande discussão. Mas ela tentaria. Encostou as costas sentindo a parede gelada, se arrepiou e desceu, até sentar no chão da banheira, e fechou a saída de água.

Camila entendeu o que ela queria e aceitou. Também acabou sentada ali, em frente a ela. A banheira se enchendo, elas caladas e Lauren vendo aquele olhar a um ponto de se perder.

Camila estava arrependida?

Hey
Beautiful, beautiful, beautiful, beautiful angel
Love your imperfections, every angle
Tomorrow comes and goes before you know
So I just had to let you know

Ei
Belo, belo, belo, belo anjo
Amo suas imperfeições em todos os ângulos
O amanhã vem e vai antes de você saber
Então eu só queria que você soubesse

— Não... sem arrependimentos.— Camila tinha os joelhos contra o peito, queixo apoiado no braço e a voz calma.— É só...

— Você não confia em mim totalmente e tudo bem... você ainda vai acreditar.— Lauren também não parecia alterada.

Felizmente ela entendia que Camila estava na defensiva, não que Lauren também não estivesse.

— Confio. E se você cansar? Porquê você vai cansar, não é um simples "e se". Eu conheço você. Eu sei que não vou ficar chorando pelos cantos que nem uma criança, mas é você. Eu não quero estar disposta a te perder agora ou daqui dois meses.— Camila desviou os olhos imediatamente. Ela não queria mostrar tanto assim que lá no fundo o medo de perder estava ali.

— Você não vai me perder agora.— Lauren conseguiu se aproximar dela, Camila encolhida entre suas pernas e agora sentindo as mãos da namorada em suas costas.— Por quê eu iria embora justo agora que estamos bem? Tudo bem... eu posso cansar, mas você também vai cansar. Não significa que estaremos cansadas uma da outra. Nossos trabalhos são estressantes, você ainda tem um mês em Londres e eu... nós vamos cansar da rotina. Haverão dias que você não vai querer me ver, e eu também. Haverão dias nos quais tudo o que a gente vai querer é ficar em casa, na cama e sozinha. E sabemos que tudo bem porquê não somos adolescentes. Eu vou cansar, e você também.— Lauren virou o rosto de Camila pelo queixo e quase suspirou ao ver a tranquilidade dos castanhos.

— Mas nunca de você...— Camila sorriu de leve.

— Nunca de você.

Mal Camila sabia que Lauren pensava o mesmo.

— Desc...— Camila parou.— Não tem o que desculpar.— ela riu.

— Não. E você jura mesmo que parou com essa mania?— Lauren também sorriu e conseguiu puxar Camila para mais perto.

— É com você, só pode.— Camila deitou a cabeça no ombro dela.— Então, namorada...

— Então, namorada...— Lauren conseguia sentir Camila sorrindo. Mesmo sem vê-la.

Era assim? Ela só sabia. Assim como Camila soube quando elas estavam ao telefone.

Oh my God, where did the time go?
I wished the hours would go slow
How is it 6 AM?
Your touch is heaven-sent
Beautiful, beautiful sight right now
Beautiful, beautiful life right now
Got the angels singing ooh-ah right now like, ooh-ah
And this is why we've got to touch (ah)
Sometimes words are not enough (no)
Painted in your golden kiss
Honey dripping from your lips
I thank God and my lucky stars
Darling, don't you know what you are?
Yeah, baby, you are

Oh meu Deus, como o tempo passou tão depressa?
Queria que as horas pudessem passar lentamente
Como podem ser 6 da manhã?
O seu toque é celestial
É uma bela, bela visão agora
É uma bela, bela vida agora
Os anjos cantam ooh-ah agora, como ooh-ah
E é por isso que precisamos tocar (ah)
Às vezes palavras não são o bastante (não)
Pintado em seu beijo dourado
Mel escorre de seus lábios
Eu agradeço à Deus e às minhas estrelas da sorte
Querido, você não sabe o que é?
Sim, amor, você é

— Está muito cedo ainda?— Camila questionou. Provavelmente elas ficariam ali até a água esfriar.

— Acho que são... sei lá, umas sete?— Lauren estava com uma inquietação seletiva. Queria porquê queria fazer carinho onde pudesse encostar. Camila não reclamaria, claro.

— Eu definitivamente não planejei estar te namorando agora, sabia?— Lauren se afastou um pouco quando ouviu aquilo.— Vai me dizer que não é surreal?— Camila notou a dúvida no olhar da namorada.

— Surreal de bom eu aceito.— Lauren beijou a bochecha dela e Camila voltou a deitar a cabeça onde estava. Lauren era mais confortável que um travesseiro.

— Você é tão engraçadinha, e ainda fala de mim... mas de verdade, deve ser por isso que eu me senti com medo. Eu não esperava te ter novamente.

— Imagina a minha situação agora?— Camila afastou-se minimamente.

— Seus olhos estão mais claros, agente Jauregui.

Lauren sorriu. Mas imediatamente lembrou de algo: Keana.

— Keana deve estar na cidade a essa altura...— elas suspiraram.

Era lógico que aquela bolha perfeita uma hora acabaria. A realidade batia à porta.

A contragosto elas saíram dali.

(...)

Hey (hey, baby)
Beautiful, beautiful, beautiful, beautiful angel (ooh)
Love your imperfections, every angle (baby)
Tomorrow comes and goes before you know (yeah, baby)
So I just had to let you know

Ei (ei, querido)
Belo, belo, belo, belo anjo (ooh)
Amo suas imperfeições em todos os ângulos (amor)
O amanhã vem e vai antes de você saber (sim, amor)
Então eu só queria que você soubesse

— Eu suponho que essa não seja a vestimenta mais adequada, sabe?— Camila queria rir. Tudo bem que ela não tinha muita propriedade para falar.

— Ah... então quer dizer que meu não posso receber Keana de roupão?— Lauren colocou a mão no queixo como se fosse uma dúvida válida.— Sinto em dizer que você também não pode deixar esse apartamento com o irmão gêmeo do que estou vestindo.— ela também queria rir.

— Talvez eu possa sim... ninguém vai desconfiar de uma cientista com os nervos a flor da pele.— Camila se gabou.

Elas estavam na cozinha, cada uma com uma xícara na mão. Lauren tomava café e Camila...

— É, eu não acredito que você ainda toma leite com chocolate de manhã.— Lauren riu.

— Desculpa minha total falta de amadurecimento no paladar. Mas um leitinho com chocolate é tudo.

— Só com chocolate?— Lauren perguntou com um certo... olhar e tom diferente.

Tudo bem, demorou cinco segundos mas Camila entendeu.

— Você é suja desde quanto? Que horas são agora? Oito? Pelo amor de Deus, Lauren.— Camila parecia um tanto corada.

Lauren só conseguia rir. Camila às vezes era tão... quer dizer, não perecia a mesma Camila da noite passada.

The way that Gucci look on you amazing (yeah, yeah)
But nothing can compare to when you're naked (oh)
Tomorrow comes and goes before you know (yeah)
So I just had to let you know (oh-woah yeah)

A maneira como Gucci veste em você, incrível (sim, sim)
Mas nada pode se comparar quando você está nua (oh)
Amanhã vem e vai antes de você saber (sim)
Então eu só queria que você soubesse

— Mas sim, eu adoro leite no geral.— Camila parecia tão inocente falando aquilo, mas pegou Lauren certeiramente.

Ali estava aquela outra Camila.

— E a pervertida sou eu, que coisa!— Lauren desencostou do balcão que havia ali pois escutou o barulho infernal que seu telefone fazia.

Infelizmente nada duraria muito tempo. O celular de Camila tocou. Era Roan. E ela lembrou que disse expressamente para ele ligar apenas se fosse algo com a pesquisa.

I just had to let you know
Swear to God you're beautiful
Yeah

Eu só queria que você soubesse
Juro por Deus, você é bela
Sim

Quando Lauren ouviu "Alô? Roan?" teve uma vontade crescente de fazer algum comentário pejorativo sobre o rapaz, mas ela não queria ser desse jeito. Mas mesmo assim... o que o desesperado quer aquela hora da manhã?

 Não posso ir agora, dê um jeito.— Camila entrou em silêncio.— Sim, sim... irei mais cedo, aguente até a tarde, okay?— silêncio novamente.— Okay. Obrigada. Qualquer coisa me liga.— e finalmente tirou o celular da orelha.

— Problemas no paraíso?— Lauren perguntou. Ela observou que o jeito que Camila suspirou não era normal. Ela estava brava e preocupada.

— Eu sei que disse que iria embora só à noite... mas teve um problema em Londres e bom... saio às cinco.— Camila sentou no sofá.

— Cinco?!

— É, Laur... eu não gosto disso, acredite...— ela suspirou.

— Tudo bem, temos tempo ainda. Posso cancelar com Kea—

— Não! Não precisa cancelar. Até estou com saudade dela... quando ela vem, inclusive?

— Às duas, acho. Ela tem uma pequena reunião aqui perto.

— Tudo bem, você quer que eu esteja aqui?

— Você quer estar aqui?

— Claro... eu literalmente não tenho o que fazer aqui hoje.— Camila sorriu.

— O que deu errado em Londres? Pode me contar?— Lauren sentou ao lado dela.

— Um problema com os registros de controle. Roan não pode resolver sozinho.— Camila suspirou.

— Tudo bem. Você volta logo.

(...)

Camila não estava nervosa por causa de Keana, longe disso. Já Lauren...

— Jauregui!— a mulher parecia sempre feliz perto dela, era incrível.

— Agente Issartel.— Lauren brincou.— Entra.

— É um belo apart— Camila apareceu.— Não! Não! Não!

— Sim! Sim! Sim!— Camila adorava fazer isso.— Vem aqui logo!

— Sua cachorra! Você aparece assim depois de quase oito anos?! E aqui?!— Keana abraçou Camila bem, bem forte.

— Oh, Ke... eu perdi meus contatos, você não morava mais lá quando voltei... desencontros.— Camila sorriu.

— Assim... só por perguntar mesmo, mas o que você está fazendo aqui?— todo mundo sacou que ela se referia ao apartamento de Lauren.

— Eu acho que devo visitar minha namorada, sabe?— Camila brincou.

— Namorada? Meu Deus, ainda bem! Superou aquela desgr—

— Ei! Eu sou a desgraçada.— Lauren cortou Keana e até riu.

— Não tem desgraçada aqui.— Camila repreendeu as duas.— Lauren é ela. E—

— Está brincando?— Keana alternou o olhar entre elas.

— Jamais brincaria com isso.— Camila se pôs ao lado de Lauren.— Algum problema?

— Zero. Fico feliz por vocês, de verdade! Vocês duas são maravilhosas, meu choque foi por causa de tudo... você sabe, Mila.— Keana sorria e sim, estava incomodando Lauren.

— Obrigada... eu preciso arrumar minha mala, mas volto antes de ir.— Camila disse para Lauren. Ela viu como a namorada queria chutar Keana dali.— Ou vou depois?

— Ir?— Keana perguntou.

— Estou trabalhando em Londres por algum tempo. Deveria ir só a noite mas tivemos um problema...

— Pode ir, se quiser. Eu vou com você até o aeroporto de qualquer jeito...— Lauren garantiu.

— Okay... vejo vocês daqui a pouco então.— Camila não tinha para onde correr. Ela odiava malas.

Lauren decidiu acompanhá-la até o corredor e deu um suspiro alto quando fechou a porta.

— Keana exagera, okay? Não surta.— Camila disse sorrindo e colocando alguns fios de cabelo atrás da orelha da namorada.

— Eu sei que ela é bem... energética? Às vezes é desconfortável mas eu aguento.— Lauren sorriu.

— Te vejo mais tarde.— Camila beijou ela delicadamente e se afastou.

Lauren entrou e Keana acabava de sair de uma ligação.

— Devo dizer, Jauregui... você tem bom gosto, mas não vá errar duas vezes.— Keana parecia falar sério.

— Com todo respeito, Keana, isso não faz parte da nossa conversa.— Lauren andou um pouco desconfortável pelo apartamento, mas parou.

— Faz um pouco. Eu conheci ela quando você já não fazia mais parte. Eu só quero que ela fique bem com você do mesmo jeito que ela lutou para ficar bem sem você. Sou amiga dela, é normal que eu queira isso.— Keana tinha coerência mas também audácia. Ela não tinha intimidade alguma com Lauren para isso.

Droga. Sempre haveria alguém para jogar na cara que Lauren não viu Camila crescer?

— Por que você está aqui?— Lauren se virou. Já não estava tão preocupada em esconder seu desconforto.

— Trabalho.— Keana tirou um pen-drive do bolso e o jogou para Lauren.— Preciso saber o que tem aí. Descubra e terá um lugar especial na empresa e no meu coração.— ela também brincava.

— Tem gente querendo trabalhar com você muito mais do que eu quero agora.— Lauren foi sincera.

— Mas escolhi você. Eu preciso disso, Lauren. Você sabe que estamos em meio a uma fraude das grandes. E a empresa está no pen-drive. Em códigos, números binários, sequências e etc. Descubra a empresa, apenas isso. Depois pode ficar com Camila por aí a vontade.— ela seguiu para a porta.— E não conte sobre isso a ela. É confidencial e não, sua namorada não faz parte do nosso time.

Lauren caiu no sofá após a saída dela. Por quê Keana usou aquele tom? Mas tudo bem, ela estava sozinha novamente.

-•-

Camila e Keana foram embora praticamente no mesmo horário: dez da manhã. Lauren olhou para o relógio: duas da tarde.

E durante o tempo que ficou sozinha, Lauren tentou decodificar o arquivo. Mas ele era extenso demais.

A cada 2000 carácteres, somente um fazia sentido; 2000 carácteres por uma letra.

E até o presente momento, ela tinha uma letra: A.

Quatro horas por uma letra A?

Keana estava castigando Lauren por alguma coisa ou realmente precisava daquilo?

Lauren não sabia. Uma coisa que sabia: Camila estava a caminho, e dali ela partiria.


Notas Finais


Próximo capítulo: Past part VIII.

E AÍ? EU SUPER AMEI A LAUREN DESSA VEZ PASSANDO A CONFIANÇA MESMO COM O CU NA MÃO. É EVOLUÇÃO QUE VOCÊS QUEREM?

COMENTEM!!!

AMO VOCÊS, SE CUIDEM! É IMPORTANTE FICAR EM CASA!!!

Volto o mais rápido possível


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...