História The Dark Tigress - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Boruto Uzumaki, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Itachi Uchiha, Konohamaru, Mitsuki, Naruto Uzumaki, Personagens Originais, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasuke Uchiha
Visualizações 6
Palavras 1.333
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Uma missão e uma surpresa


Fanfic / Fanfiction The Dark Tigress - Capítulo 1 - Uma missão e uma surpresa

Sarada conferiu sua imagem no espelho uma última vez antes de sair. A roupa estava impecável como sempre, sem qualquer mancha ou amassado, as kunais e shurikens guardadas na bolsa, a bandana livre de arranhões, os óculos de armação vermelha, os cabelos negros, agora mais longos. De fato seu corpo estava mudando, ela estava com quase quinze anos, o que a irritava por chamar a atenção dos garotos, inclusive de seu irritante companheiro loiro de time. Boruto... por que esse baka não saía de seus pensamentos? Ela afastou os devaneios e saiu de casa, antes que a mãe acordasse, ostentava no rosto o clássico sorriso dos Uchiha. Surpreendentemente, nela havia calmaria apesar da ansiedade, sabia que seu pai estava vindo à aldeia, então queria concluir a missão o mais rápido possível. Uzumaki Boruto estava atrasado novamente, ela constatou após chegar ao ponto de encontro e ver apenas Mitsuki e seu Sensei. Tão previsível...

 

Boruto disparou escada abaixo, colidindo acidentalmente com a irmã mais nova.

- Gomen nasai Onee-chan. - se desculpou e sorriu para Himawari, que agora já era uma genin.

- Você tem tanta pontualidade quanto o Kakashi-sensei, filho. - seu pai riu da cozinha. - Boa sorte na missão. 

- Tome cuidado! - ouviu sua mãe dizer enquanto ele atravessava a porta e corria para o ponto de encontro. Por kami-sama... Sarada iria matá-lo!

- Atrasado de novo! - a morena reclamou e lhe deu um forte tapa na cabeça. 

- Isso doeu.

- Essa foi a intenção - ela disse o encarando. 

Ambos encararam por um certo tempo, até que Mitsuki pigarreou, fazendo com que os dois se afastassem com os rostos vermelhos. A missão. Foco na missão. Como Konohamaru explicou, teriam de lidar com ladrões e assassinos, que se aproximavam dos territórios da vila. As habilidades do inimigo eram desconhecidas, então todo cuidado era pouco. O time 7 adentrou na mata, rastreando seus oponentes pelo chakra, dividiram-se em dois grupos: Mitsuki seguiu com o Sarutobi pela direita, e Boruto seguiu com Sarada pela esquerda, os quatro mantinham a comunicação pelas escutas.

- Aparentemente aqui está limpo. - a morena falou observando ao redor com seu sharingan ativado.

- Sarada, por que você cora? - ele indagou enquanto se esgueirava entre as árvores com a garota. Os olhos da Uchiha se arregalaram por um instante.

- Que droga de pergunta é essa? - ela franziu o cenho se fazendo de desentendida. - Ora, eu fico vermelha porque você fica me encarando! É constrangedor. 

- Sei... Então você é tímida Sarada-chan? - ele riu.

- Cala a boca.

- Você deveria ser um pouco mais paciente.

- Cala. A porra. Da boca. - falou pausadamente. - Ouvi alguma coisa. - ela analisou o ambiente mais uma vez com o kekkei genkai. - E estou vendo também. - ela tirou as shurikens da bolsa e as arremessou metodicamente, apenas ouvindo o som de um Kage Bunshin se desfazendo.

Como se isso fosse um sinal, os homens se revelaram, saindo das sombras. Eram seis no total, cada qual com pelo menos dez clones. Boruto e Sarada se ajeitaram em posição de combate, um de costas para o outro.

- Achamos eles. - o Uzumaki sussurrou no microfone.

- Pronto, Boruto-kun? - ela sorriu de canto.

- Nasci pronto, Sarada-chan. 

Então o embate começou, os chunin estavam em menor número, mas eram habilodosos, Boruto tinha bons jutsus e mesmo sem o Byakugan, dominava o Punho Gentil, e Sarada, podia prever os ataques do adversário e copiar seus jutsus com o uso do Sharingan. Logo acabaram com os clones. Os seis homens os cercaram.

-Pensaram que seria fácil assim? - um deles falou enquanto se aproximavam 

Três atacaram Boruto e os outros três atacaram Sarada, o loiro travava uma intensa luta de basicamente taijutsu, já que os homens o golpeavam para que não tivesse tempo de fazer selos, a garota conseguia se desviar dos golpes com mais facilidade e já havia derrotado um dos homens com um soco carregado de chakra. Boruto havia paralisado um dos adversários com o Punho Gentil e pôde ouvir a morena gritar Shannaro pela segunda vez. Porém antes que o sharingan da garota pudesse prever, um dos oponentes de Boruto fora para trás dela e posicionava a espada, se preparava para atingí-la enquanto a garota atacava o inimigo à frente com um Chidori, o loiro não pensou duas vezes antes de preparar o Rasengan para atacar o homem, porém o mesmo foi mais rápido e lançou o garoto longe. 

 

- BORUTO! - Sarada gritou ao ver o Uzumaki bater a cabeça e apagar.

- Seu namoradinho já era, mocinha de Konoha.

Os dois homens restantes a cercaram, e inexplicávelmente ela não conseguia se mover, o medo a estava paralisando, sentiu um aperto no peito e pediu internamente para que o baka estivesse vivo. Então ela apenas viu um vulto se aproximar rapidamente, por um instante pensou que pudesse ser seu pai, por conta da capa negra que usava, mas a figura era mais esguia e se escondia com um capuz. A pessoa desembainhou uma katana e deu cabo dos homens antes que Sarada pudesse executar qualquer movimento. Com o vento e os movimentos, o capuz caiu e Sarada pôde ver que era uma mulher, mas não conseguiu ver o rosto de sua salvadora, apenas uma cabeleira escura presa em um rabo de cavalo. O vento soprou mais forte, afastando um pouco a capa e exibindo as costas do vestido de sua salvadora e os olhos da Uchiha se arregalaram ao ver que ali estava estampado o símbolo de seu clã.

- Quem é você? - perguntou, mas ela desapareceu antes de responder a pergunta.

- Sarada! Boruto! - Mitsuki falou, anunciando a chegada do restante do time.

- Você está bem, Sarada-chan? O que aconteceu com o Boruto? - Konohamaru perguntou 

- Eu estou bem, Boruto bateu a cabeça, eu trato dos ferimentos dele. - disse indo até o loiro e começando a utilizar o ninjutsu médico que aprendera com sua mãe, enquanto isso os demais tratavam do relatório. 

- Minha cabeça tá doendo... - o Uzumaki reclamou, recobrando a consciência. 

- Você apagou! Achei que estivesse morto baka! - ela gritou terminando de curá-lo. - Eu poderia ter sido morta!

- Feitos um para o outro. - Mitsuki comentou com o sensei.

- Calado Mit! - falaram em uníssono. - Mas você acabou com eles, né Sarada? - o loiro retomou o assunto.

- É... acabei sim... - ela achou melhor não comentar sobre sua salvadora misteriosa. 

 

Quando retornaram à Konoha, os integrantes do time 7 se dirigiram ao escritório do Nanadaime Hokage para entregar o relatório da missão bem sucedida. Sarada estava quieta e pensativa sobre o ocorrido que mantivera em segredo, talvez falasse com seu pai mais tarde. 

- Finalmente chegaram! Estávamos esperando por vocês. - Naruto esboçou um sorriso quando os quatro adentraram no escritório. Sarada sorriu largamente ao ver quem o acompanhava.

- Papa! - ela correu para abraçar Sasuke, Boruto fez o mesmo com o mestre.

- E eu? Não recebo nem um pouco de atenção? - o Uzumaki mais velho fingiu indignação, em troca, recebeu tapinhas nos ombros de Konohamaru e Mitsuki.

- A vez é do Sasuke. - o mais jovem falou com a calma de sempre.

- Bom, como foi a missão? - o Hokage perguntou. 

- Perfeitamente cumprida Nanadaime-sama. - o Sarutobi respondeu, entregando o relatório. 

- Ótimo, sabia que conseguiriam. - ele sorriu. - Agora precisamos tratar de assuntos mais sérios. - se comunicou com Sasuke através de olhares.

- Primeiro, queremos que conheçam alguém. - o Uchiha se pronunciou pela primeira vez.

Uma figura saiu das sombras do fundo da sala, uma garota de uns vinte anos, com a pele pálida e olhos e cabelos negros presos em um rabo de cavalo, usava uma capa parecida com a de Sasuke, mas com capuz. O moreno prosseguiu com a fala.

- Esta é Uchiha Yura, filha de Uchiha Itachi.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...