História The depressive girl - Stray Kids-(Imagine com Jeongin) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Bang Chan, Han Ji-sung, Hwang Hyun-jin, Kim Seung-min, Kim Woo-jin, Lee Felix, Lee Min-ho, Seo Chang-bin, Yang Jeong-in
Tags 3 Da Madrugada, Amor, Apanhar, Bater, Bts, Estrupo, Fotos, Imagine, Internet, Jeongin, Kpop, Lgbt, Melhor Fanfic, Melhor Fanfic De Kpop, Membros Stray Kids, Musica, Onlyandressa, Stray Kids, Super
Visualizações 139
Palavras 332
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Ficção Adolescente, LGBT, Policial, Romance e Novela, Survival, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiie, gente desculpa a fanfic tá chata, mais daqui a pouco vai tá muito boa!

Capítulo 2 - Balada Pesada


Aceitei o convite de Jeongin, mas eu estava tremendo de medo, imagina a merda que iria acontecer se minha mãe descobrisse :-:

Jeongin: Você está bem?

S/n: Ah… claro né .

Jeongin: Vamos ter que pular a janela já que você não quer ir pela porta.

S/n: Obviamente pela janela.

Pulamos a janela de meu quarto, já estava com meu celular na mão para tirar aquela foto com Jeongin, minhas amigas iriam ficar com muita inveja ao ver a foto, mas para a foto ficar super, eu fiz edição. Ao chegar a balada a moça da do Bar…

Moça do Bar: O que vocês querem?

S/n: A melhor merda que você tem aí.

Jeongin: o melhor também.

Moça do Bar: Toma, depois vocês se acertam comigo.

S/n: Tá..

Que moça com cara de bunda, eu pensei que minha tia tinha a pior cara de bunda, mas errei. Bebemos muito, muito, muito mesmo, certamente estavamos bêbados. A balada começou , tinha DJ, muita gente, e muita puta. Estava bebada, logo as pessoas poderiam fazer o que quisessem comigo. Um garoto me enfiou em uma sala fechada, tirou minhas calças , e fez sexo. Eu de alguma forma, não estava gostando daquela merda…

S/n: *bêbada* Caralhoooo, para.

Desconhecido: Cala a boca, se não eu te mato *me deu um tapa*

S/n: Filho da Putaaa.

Do nada alguém entra, era Jeongin, ele estava normal…

Jeongin: Solta ela seu Puto!

Desconhecido: *Soltando* a próxima vez vai ser você! Cusão!

Jeongin: Meu Deus! S/n vem comigo!

S/n: Meu! Me leva para casa!

Jeongin: Claro! Não fale nada para a sua mãe!

Jeongin me levou para casa, minha mãe estava chorando…

Mãe: Onde ela taaaa?!

Entrei de fininho, fui deitar no sofá, fingindo estar dormindo...

S/n: Mãe… casete, tu me acordou.

Mãe: Filha? Você estava aqui o tempo todo?

S/n: Sim, não entendi.

Mãe: Esquece, eu achei que você fugiu como eu fiz com seu pai…

Meu pai ficou com uma vagabunda, puta, chinelo, e largou minha mãe quando ele avia descobrido que ela estava grávida... Minha mãe o ama até hoje, preciso fazer alguma coisa para fazer eles se juntarem…



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...