História The Divisions - Capítulo 2


Postado
Categorias Supernatural
Personagens Bobby Singer, Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Crowley, Dean Winchester, Gabriel, John Winchester, Mary Winchester, Meg Masters, Personagens Originais, Ruby, Sam Winchester
Tags Magia, Originais, Romance, Sobrenatural
Visualizações 10
Palavras 1.036
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, FemmeSlash, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Orange, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Slash, Sobrenatural, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii, eu demorei mas voltei com um capitulo novinho em folha. Espero que estejam gostando
nos vemos nas notas finais.

Boa leitura

Capítulo 2 - Eu sou Dean Winchester


Fanfic / Fanfiction The Divisions - Capítulo 2 - Eu sou Dean Winchester


22 anos depois...
Os seus olhos verdes percorriam cada arvore que ali existia, esperando prever o local em que ele o atacaria . Naquela floresta a unica coisa possivel de identificar, era o vulto negro,  que se movia rapidamente entre as árvores .
- Ha ha ha ha... O que há com você Dean ?- A voz  ecoava entre as árvores como se estivesse vindo de todas as direções .- tome cuidado ou vou acabar com voce mais rapido do que o previsto - A voz do seu irmão sempre o acalmava ,mas nao quando estavam treinando . "DÊ SEU PRIMEIRO PASSO , SAMMY". Baixando a cabeça ele tentou esconder o sorriso que se formou . Das árvores,  Sam surgiu atacando-o gerando um corte no seu ombro e retornando novamente para o refugio da floresta .
- O primeiro ja foi... so faltam mais dois- Sam falou.
 -Dois-Uma adaga foi lançada. Ela  atingiu Dean  de raspão na bochecha direita gerando um fino corte. Sam saltou de cima de uma arvore atacando Dean por cima . Da cintura Dean puxou uma adaga que usou para bloquear o ataque do seu irmão. Com os pés no chão, Sam sacou das costas sua segunda espada atacando as pernas de Dean que mesmo defendendo a outra desviou saltando para traz.Sam com repetidos golpes das suas espadas levava dean cada vez mais contra as árvores. Ele investia com ainda mais violencia e no meio dessa tempestade de faiscas ele não percebeu quando uma mão emergiu da terra e segurou seu calcanhar o enterrando até o pescoço.
-Ha ha ha  eu o chamo de sepultamento , não acredito que você caiu nesse truque velho, Sammy-.
- Eu não cai.- Dean se assustou com a voz que falou no seu ouvido e caiu no chão -trés- afastando a espada do pescoço de Dean,  Sam   sentou-se ao seu lado .
-Você esta bem ,Dean?-questionou Sam enquanto observava o corte que ainda vertia sangue .
 -Sim ,eu estou.-sua voz saiu mais rouca que o normal.
-Não fica assim Dean,quem sabe na proxima ?.- Sam sabia que seu irmão estava frustrado com algo, e  isso o preocupava.
-São os seus sonhos ,não são?-Sam sabia que aquele tema era uma ferida aberta, mas ele estava preocupado e não havia outro jeito se não toca-lo.
-Eu estou bem, Sam.Não é um pesadelozinho qualquer que vai me tirar de combate-A sua voz saiu distante e amarga.
-Eu sei que não esta, Dean. você...você  tem tido sonhos estranhos com pessoas que você nunca viu .você acha isso normal?-.Dean escutou a indagação do seu irmão mais velho,  mas ainda assim não queria falar dos seus sonhos .
- Não,Sam.Isso não é normal! Mas se você não percebeu EU não sou normal- Ao terminar de falar Dean correu em direção a aldeia, enquanto seu irmão o via sumir entre as arvores.
___________________________________________________________________________
Dean adentrou a ferraria , e andando num dos cantos tentou passar despercebido pelos olhos do homem atráz do balcão, que despachando um cliente olhou para o lado e disse:
 -Como foi o treino com seu irmão, Dean ?-olhando o rapaz a sua frente Bobby reparou nos olhos vermelhos e levemente inchados do mesmo.
- Òtimo, o Sam sempre e perfeito em tudo o que faz- ele deu um sorriso afetado.-Pai, eu vou visitar o castiel; suas asas ainda não se curaram.- A voz do Dean estava cansada e arrastada.
-Vem ca garoto, senta aqui-Bobby falou enquanto batia de leve em uma cadeira que havia ao seu lado .Dean aproximou-se e sentou-se.
-Dean, são os pesadelos de novo, não são?.-Preocupação. Bobby sempre demostrava esse sentimento em relação a filho mais velho. dando um longo suspiro, Dean respondeu que "sim". -Eles estão cada vez piores Bobby,ver todas aquelas pessoas gritando , gemendo sendo consumidas pelo fogo como se estivessem no inferno...é horrivel - mesmo com as lágrimas banhando sua face Dean lutava para segura-las.Enchugando-as, ele se levantou e falou :
-Eu vou andando... o senhor quer que eu faça algo antes ?- Bobby sabia que estava exigindo de mais do menor por isso o deixou ir.
-Sim,eu quero que você vá na loja de poções e leve esse saltador ; o dela quebrou-se enquanto fazia algumas entregas .-Vendo o sorriso de canto do seu pai ,Dean pegou o animal mecânico e foi em direção da loja .
___________________________________________________________________________
Ao parar na frente da loja Dean, observou o enorme letreiro onde estava escrito "Enchantment and potions". Adentrando o lugar , ele escutou o sininho e respirou fundo, sentindo todas as misturas de cheiros que são caracteristicos do lugar .Ele olhou envolta e continuou andando e observando as prateleiras.Ao chegar perto do balcão ele olhou em volta e constatou que não havia ninguém ali mas mesmo assim chamou :
-Ruiva?- Tocando o sininho, ele observou uma bruxinha afobada se aproximar e com um sorriso responder:
-Bem-vindo a Enchantment and potions .O que você deseja, Dean ?- ele analizava a jovem  de cima abaixo.
- Então loirinho? você vai ficar admirando minha beleza ou vai dizer o que quer?-Dean deu um sorriso de canto .
-Eu vim entregar o seu  saltador, Charlie.-A bruxinha sorriu ainda mais quando viu seu novo organizador de poções na mão do loiro.
-Santa poção ! como eu senti falta desse'' robozinho'' !.- Dean lembrou-se que ainda tinha que visitar o Castiel e ajuda-lo com suas asas.
-Charlie, você tem alguma poção de cura?É que eu tenho um amigo que machucou as asas e...-Dean não pode terminar de falar pois teve sua boca tapada.
-Você esta sentindo esse cheiro?- Ele respirou e notando um cheiro meio azedo no ar ele respondeu um ''Sim'' e observou a jovem se afastar ,voltando com certa urgência para a entrada após o balcão.Passado certo tempo, ele já  estava cogitando pular o balcão e ver se estava tudo bem.Charlie surgiu da porta com um sorriso encabulado e uma poção nas mãos.
-Desculpe a demora , eu estava fazendo uma poção quando você chegou . Essa é uma poção que minha avó fazia para curar seres alados que se feriam enquanto aprendiam a voar , espero ajude seu amigo.-Estendendo as mãos Dean pegou a poção e se despedindo da Charlie foi em direção da Saida .


Notas Finais


Só esclarecendo algumas coisas sobre a historia:
O Sam é mais velho do que o Dean.
O Bobby é pai dos meninos .
A Chalie e os demais personagens da serie estao com as personalidades alteradas .
Qualquer duvida é so nos perguntar<3<3<3<3<3
Deixando um espoiler um moreno de olhos azuis vai aparecer no proximo capitulo.
vocês estão gostando? Querem que eu mude algo ? deixe um comentario.
ate o proximo capitulo <3<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...