1. Spirit Fanfics >
  2. The Dream - Tododeku >
  3. "Discovery"

História The Dream - Tododeku - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


desculpa a demora gente de verdade :(, é um monte de dever de escola e do inglês e afins mas tô aqui de volta. Eu realmente queria escrever mais nesse capítulo porém já estava demorando muito então tá aqui

Capítulo 8 - "Discovery"


Shouto tentava falar para Izuku mas ele hesitava e pensava se ele realmente queria fazer isso, no final ele suspirou e tentou contar.

ㅡ Izuku ㅡ Shouto viu Midoriya olhando para ele esperando uma resposta, Todoroki estava com as mãos suadas ㅡ Eu posso ser a sua soulmate. ㅡ

ㅡ Finalmente você me contou ㅡ Sorriu.

ㅡ É finalmente ㅡ Riu mas logo percebeu ㅡ Como você já sabia?!

ㅡ Momo me contou ㅡ Pegou uma cadeira e se sentou ao lado de Todoroki.

ㅡ Quando?

ㅡ Vou te contar tudo.

• Sexta-feira, 1 de fevereiro de 3099 ás 15 horas.

• Midoriya Izuku.

Estava no trabalho que era em uma sorveteria, não tinha ninguém no estabelecimento então Midoriya foi beber água mas logo ouviu o sino da porta da frente tocando e correu para lá.

ㅡ Bem-vindo ㅡ Olhou para a mulher e viu que era Momo ㅡ Oi Momo!

ㅡ Midoriya? Você trabalha aqui? ㅡ Se senta em uma mesa.

ㅡ Sim, trabalho ㅡ Sorriu ㅡ Qual é o seu pedido?

ㅡ Um milkshake de café, por favor.

ㅡ 5 minutinhos ㅡ Sorriu e foi fazer o milkshake.

Foi na máquina e fez o milkshake de Momo, assim indo até sua mesa e entregando para a garota.

ㅡ Agora eu voltar para o balcão ㅡ Se curvou.

ㅡ Espera Midoriya! ㅡ Izuku parou e virou para Yaoyorozu ㅡ O que foi Momo?

ㅡ Senta aqui comigo, vamos conversar ㅡ Sorriu.

ㅡ Só não conte para meu chefe ㅡ Se sentou na frente dela.

ㅡ Seu segredo está guardado comigo ㅡ Fez um "x" com os dedos na frente da boca.

ㅡ Então tudo bem ㅡ Sorriu.

• Yaoyorozu Momo.

Enquanto Momo conversava com Midoriya pensava em um plano para fazer Todoroki se revelar logo para Izuku.

ㅡ Izuku.

ㅡ O que foi Momo?

ㅡ O Shouto usa lentes sabia? ㅡ Viu Izuku negando com a cabeça ㅡ Ele tem heterocromia.

ㅡ Sério?! ㅡ Arregalou os olhos ㅡ Você tem fotos dele sem lentes?

ㅡ Tenho, olha aqui ㅡ Pegou o celular e mostrou algumas fotos de Todoroki sem lentes.

ㅡ M-Momo o Todoroki-kun é meu s-soulmate ㅡ Falou chocado.

ㅡ Então agora sim está confirmado ㅡ Sorriu ㅡ O Shouto já tinha certeza que era você mas eu ainda tinha minhas dúvidas.

ㅡ Eu estou muito chocado para conseguir falar algo.

ㅡ Então ouve meu plano aqui para fazer o Shouto parar de cú doce e se revelar logo ㅡ Izuku murmurou um sim ㅡ Eu vou chamar o Shouto para vir aqui amanhã, eu vou fingir que não sabia que você trabalha aqui e então a gente vai fazer os pedidos e eu vou tentar fazer o Shouto te levar para casa ㅡ Parou um pouco para respirar ㅡ Já que você me falou que seu turno acaba ás quatro, então entra a sua parte você vai pedir para ele ir dormir na sua casa e como o Shouto é idiota as vezes ele nem vai se lembrar que tem que trocar as lentes, e é aí que ele se revela pois provavelmente ele vai inventar uma desculpa para cobrir o olho mas logo ele irá te contar, acredite em mim ㅡ Sorriu.

ㅡ Parece um bom plano, vou tentar meu máximo para dar certo! ㅡ Sorriu e viu um cliente entrando ㅡ O trabalho me chama, Tchau Momo

ㅡ Tchau Midoriya, até amanhã.

Colocou o dinheiro na mesa e saiu de lá.

• Domingo, 3 de fevereiro de 3099.

• Todoroki Shouto.

ㅡ E foi assim que aconteceu ㅡ Riu.

ㅡ Tinha que ser a Momo ㅡ Bufou ㅡ Mas você não está decepcionada não é?

ㅡ Claro que não! ㅡ Cruzou os braços.

ㅡ Que bom, porque eu também não ㅡ Sorriu mas logo virou o rosto e espirrou.

ㅡ Saúde.

ㅡ Obrigado.

Se olharam por alguns minutos.

ㅡ Izuku no próximo fim de semana você ㅡ Engoliu seco ㅡ quer sair comigo?

ㅡ Claro Todoroki-kun! ㅡ Sorriu.

ㅡ Pode ser sábado ás 14 horas?

ㅡ Pode sim ㅡ Se levantou e colocou os útensilios sujos na pia.

ㅡ Acho melhor eu ir para casa, se não minha mãe vai ficar doida.

ㅡ Relamente ㅡ Colocou as mãos na cintura ㅡ Quer que eu te leve?

ㅡ Não precisa Izuku ㅡ Se levantou ㅡ Eu consigo ir sozinho.

ㅡ Eu vou te levar do mesmo jeito ㅡ Foi para o quarto e trouxe as coisas de Shouto ㅡ Pronto, vamos.

ㅡ Mas essa é sua roupa.

ㅡ Eu pego contigo depois ㅡ Entregou uma sacola com as coisas de Todoroki.

ㅡ Ta bom.

Saíram de casa, esperou Izuku pegar a bicicleta para levá-lo para casa assim que pegou foram indo para a casa de Shouto.

O caminho foi silêncioso mas não desconfortável, Todoroki tentava arrumar seus fios de cabelos que caíam sobre seu olho por causa do vento.

Sem Shouto perceber já estavam na frente de sua casa.

ㅡ Entregue ㅡ Parou a bicicleta.

ㅡ Já? Podia ter ido mais devagar ㅡ Bufou.

ㅡ Mas sua mãe deve estar querendo te ver Todoroki-kun.

ㅡ Tá bom, tá bom ㅡ Levantou da bicicleta com os braços cruzados.

ㅡ Não fica assim, amanhã a gente vai se ver de novo ㅡ Sorriu e bagunçou alguns fios de cabelo do bicolor.

ㅡ Amanhã a gente se vê então ㅡ Sorriu.

Midoriya que já estava quase indo embora se assusta com Shouto deixando um beijo em sua testa.

ㅡ Agora sim, Tchau Izuku.

Saiu dali para entrar em casa, deixando um Midoriya envergonhado para trás logo que entrou viu sua mãe e sua irmã Fuyumi em frente a porta.

ㅡ Todoroki Shouto ㅡ Sua mãe disse e colocou a mão na cintura ㅡ Quem era a pessoa que estava com você?

ㅡ Meu a-amigo ㅡ Disse nervoso, quando sua mãe o chama pelo seu nome inteiro nem o inferno é mais sombrio.

ㅡ Qual era o nome dele? ㅡ Desta vez Fuyumi se pronunciou.

ㅡ M-Midoriya Izuku! ㅡ Olhou para o chão tenso.

ㅡ Você ficou na casa dele? ㅡ Rei o olhou de cima a baixo.

ㅡ Sim senhora! ㅡ Disse alto.

ㅡ Snete no sofá, agora ㅡ Apontou para o sofá.

ㅡ Sim mãe! ㅡ Rei o fuzilou com o olhar ㅡ D-digo senhora! ㅡ Se sentou no sofá e viu sua irmã e sua mãe na frente dele.

ㅡ Nos mostre uma foto dele ㅡ Fuyumi ordenou.

ㅡ Eu vou procurar! ㅡ Pegou o celular com suas mãos trêmulas e colocou na foto que tirou de Izuku dormindo ㅡ A-aqui ㅡ Mostrou a foto para as duas mulheres na sua frente.

ㅡ Ele é tão fofo! ㅡ Fuyumi e Rei disseram juntas e pegaram o seu celular.

ㅡ Quantos anos ele tem? ㅡ Rei entregou o celular de volta para o filho

ㅡ 15 ainda, vai fazer 16 dia 15 de julho ㅡ Shouto disse olhando a foto mais uma vez e depois guardando o celular.

ㅡ Ele parece ter 5 aninhos ㅡ Fuyumi ainda estava com o rostinho de Midoriya em sua mente.

ㅡ Filho! ㅡ Rei quase gritou ㅡ Ele é o seu soulmate?! ㅡ Disse animada.

ㅡ S-sim ㅡ Olhou para baixo esperando alguma pergunta mas nada conteceu.

Shouto ainda de cabeça baixa esperando sua mãe lhe fazer quinhentas perguntas, levantou a cabeça achando estranho sua mãe ainda não as ter feito.

Olhou para elas e viu sua mãe agradecendo tudo que existe na terra e sua irmã fazendo uma dança esquisita.

ㅡ Filho qualquer dia trás ele aqui ㅡ Rei sorriu. ㅡ Espera aí.

ㅡ Que foi? ㅡ Shouto se levantou do sofá.

ㅡ Essas roupas são dele? ㅡ Rei e Fuyumi estavam com os olhos brilhando.

ㅡ S-sim, por que? ㅡ Olhou as roupas.

ㅡ Quando você for tomar banho, me dá elas que eu vou lavar para ele ㅡ Sorriu ㅡ Pode ir pro seu quarto agora, está liberado.

Foi para seu quarto, chegando lá se jogou na cama pensando em tudo o que aconteceu á algumas horas atrás na casa de Midoriya.

Algumas horas se passaram assim já sendo noite, não queria ir tomar banho pois teria que tirar a blusa que tinha o cheiro de Izuku mas no final teve que ir tomar banho.

Shouto já tomado banho e novamente jogado em sua cama esperando sua mãe o chamar para jantar, resolveu mandar uma mensagem para Midoriya já que conseguiu seu número na noite passada.

• Mensagens.

Izuku sobre sábado, que tal fazermos um piquenique no parque?

ㅡ Shouto.

Claro! Eu nunca fui a um piquenique antes!

ㅡ Izuku.

Ok então, te vejo amanhã boa noite e dorme bem.

ㅡ Shouto.

Igualmente, sonha comigo :p

ㅡ Izuku.

• Todoroki Shouto.

Desligou o celular e saiu de seu quarto indo para a cozinha ver o que sua mãe estava fazendo, mas chegando lá não achou sua mãe então foi para a sala onde a mesma estava sentada com sua irmã.

ㅡ Mãe e o jantar? Eu tô com fome ㅡ Se senta do lado dela.

ㅡ A Fuyumi pediu pizza agorinha, pode esperar um pouquinho? ㅡ Olhou Todoroki.

ㅡ Posso ㅡ Deitou no sofá com as pernas em cima da coxa de Rei.

ㅡ Ih menino tira essas pernas de cima ㅡ Empurrou as pernas dele.

ㅡ Que horror mãe, nem deixa seu filho deitar em cima de você ㅡ Colocou sua cabeça nas coxas dela ㅡ Melhor?

ㅡ Aham ㅡ Bagunçou o cabelo dele.

ㅡ Shouto você estava falando Midoriya por acaso? ㅡ Fuyumi, que estava olhando a televisão agora olhava o menino com uma sombrancelha arqueada.

ㅡ Como você sabe?! ㅡ Levantou do colo da mãe.

ㅡ Eu vi você sorrindo que nem um idiota para o celular quando fui te avisar que a gente ia pedir pizza ㅡ Sorriu ㅡ Então vão sair quando?

ㅡ Como você sabe que a gente vai sair?! ㅡ Shouto foi um pouco para trás.

ㅡ Intuição, eu acho ㅡ Deu de ombros.

ㅡ Fuyumi eu tenho medo de você ás vezes ㅡ Olhou espantado ㅡ Mas a gente vai sair sábado ás duas da tarde.

ㅡ Trate de ficar bonito, tem que dar boa impressão ㅡ Rei disse sem tirar os olhos da televisão ㅡ Vê se chama ele para jantar aqui viu.

ㅡ Tá bom mãe.

Os três estavam vendo um filme qualquer que estava passando na televisão enquanto esperavam a pizza chegar.

Uma hora depois a pizza já tinha chegado e em questão de minutos não tinha mais nenhum pedaço de pizza ali.

Shouto, com sono, deu boa noite para sua irmã e sua mãe e foi em direção ao seu quarto, chegando lá se jogou na sua cama e dormiu.

• No outro dia.

Todoroki acordou na força do ódio, foi para o banheiro e enquanto tomava banho quase dormiu dentro do chuveiro.

Agora arrumado pegou suas coisas e desceu para a cozinha onde sua mãe se encontrava dormindo em cima da mesa, Shouto tomou o café que estava ali na frente de Rei assim que o terminou saiu de casa indo para a U.A.

No meio do caminho viu Midoriya e correu atrás dele.

ㅡ Oi Izuku ㅡ Bagunçou alguns fios de cabelo do esverdiado.

ㅡ Oi Todoroki-kun ㅡ Sorriu ㅡ Dormiu bem?

ㅡ Dormi sim.

Andaram até á U.A conversando sobre assuntos diversos, quando chegaram andaram juntos até a sala e foram aos seus lugares.

ㅡ Então você falou para o Midoriya ㅡ Yaoyorozu sorriu ao ver o amigo sem as lentes.

ㅡ Você que falou né ㅡ Mostrou o dedo do meio.

ㅡ Izuku tá vendo? Eu ajudo ele a chegar no boy e ele ainda me trata assim ㅡ finge choro.

ㅡ Ô buceta cala a boca ㅡ Coloca a mão na boca dela mas logo tira.

• Midoriya Izuku

Olhava eles brigando, fazia algum tempo que não via uma "briga" de amigos pois sua única amiga era sua vizinha mas quando ele estava no oitavo ano ela se mudou.

Ficava rindo enquanto os dois da sua frente argumentavam alguns apelidos para definirem um ao outro, ouviu a porta abrir quase sendo arrombada e viu Katsuki Bakugou um antigo "amigo" seu.

Tentou se esconder com o livro mas Bakugou foi mais rápido e o percebeu e foi andando até Izuku que tremia de medo.

ㅡ Deku de merda! O que caralho você tá fazendo aqui?! ㅡ Falou alto chamando atenção dos dois amigos que estavam atrás de Midoriya.

ㅡ K-Kacchan ㅡ Olhou para suas mãos.

ㅡ Olha para mim porra! ㅡ Gritou e bateu na mesa de Izuku.

ㅡ Quer fazer o favor de ir ficar na merda do seu canto ㅡ Shouto se levantoue ficou do lado de Midoriya.

ㅡ Desculpa, desculpa ele é assim mesmo só ignora ㅡ Um menino de cabelo vermelho apareceu e logo puxou bakugou ㅡ Ah! Oi Midoriya ㅡ Sorriu e saiu nem dando tempo de Izuku responder

ㅡ Não gostei desse cara ㅡ Sentou-se na cadeira ㅡ Izuku como você conheceu ele?

ㅡ Eu conheci ele quando era criança o nome dele é Katsuki Bakugou, ele sempre foi assim desse jeito puto mesmo até ele conhecer o Kirishima, o de cabelo vermelho que apareceu aqui sabe? Então eles são soulmates e depois disso a gente se afastou mas eu soube que eles estão juntos.

ㅡ Entendi, mas ainda não gosto dele ㅡ Deu de ombros.

Conversaram mais um pouco até o professor entrar e começar a dar sua aula.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...