História The dreams I didn't dream are thoughts we share - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 5
Palavras 419
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


agora sim é um final

foi muito importante essa história pra mim, traz momentos bem emocionantes e que eu praticamente chorei em todos os capítulos kkkkk
sim, até os autores se emocionam ao ler suas obras completas kkkkk

espero que isso ensine a vocês uma lição muito importante - entre muitas outras - que é: se você tem alguém assim, ajude-o, dê amor. e se o relacionamento (qualquer um tipo de seja) acabar, lembre-se e deseje o bem estar dessa pessoa.

Capítulo 7 - Chapter Six: The Last Gilmore Girls Episode


Acabou onde começou.

 

Sua série preferida termina com um bom café e lágrimas de companhia. Não estava sendo fácil.

 

Olha o relógio e vê que são pouco mais de cinco da manhã. Analisando bem as circunstâncias, decide levantar-se e dar uma pequena caminhada. A calça escura de moletom mais a pantufa continuam em seu traje esportivo, a não ser pelo casaco cinza que vai por cima da regata preta iria caminhar como foi dormir. 

 

Do lado de fora é bem frio, mas continua as passadas lentas pela praça da frente,  dando a volta nela. Ao completar a primeira, observa o balanço sozinho no meio da pracinha e vai até lá, aproveitando a pausa. 

 

Os olhos sorriem junto a boca ao lembrar dos momentos vividos ali com ele, ao passar a mão pelas correntes não confiáveis de ferro, ao olhar as flores plantadinhas em seus lugares. 

 

- Não achei que estivesse aqui a essas horas. - Ela disse ao sentir o movimento ao lado. 

 

- Nem eu, isso é raro. - Ele respondeu, hesitante.

 

- É bonito, e bem refrescante. 

 

- Sim... Olha, eu preciso me desculpar pelo que houve. Pelo que eu disse, por tudo. Pus uma pressão muito grande e reconheço isso. - Ele começa. - Não é nenhuma mentira, eu realmente te amo, acho que nem sequer me apaixonei antes. Mas exigir de você foi errado. Sinto muito por isso.

 

- Reconhecer é um passo. E você já está desculpado, não se preocupe. - Deu um grande sorriso, que logo foi retribuído. 

 

- Eu vou me esforçar em ser digno do teu amor, te esperarei até estar pronta, e ficar pronto também. 

 

Ela contou sobre o final de Gilmore Girls, chorosa. Ele acabou soltando algumas lágrimas também e abriram uma discussão sobre o melhor namorado para Rory. 

 

Ele decidiu que iria acompanhá-la até em casa e se despediu com o típico beijo na testa, enquanto ela puxou seu queixo para baixo o dando um beijo tímido nos lábios. Disse que iria ajudá-lo a ser quem quisesse e que daria tudo certo. 

 

Tamanha seja a felicidade, ela jogou todos os remédios de ansiedade no lixo e ligou a música, pegando um livro e se pondo a lê-lo.

 

Ele voltou para casa e arrumou ela, pois morava sozinho. Deitou na cama após isso e riu. Dentro de segundos, recebeu uma ligação dela.

 

- Eu consegui! Cochilei na poltrona, lendo e sonhei! Obrigada por ser minha inspiração, acho que vou virar uma sonhadora poeta! 

 

"Meus sonhos viraram os teus, amor"


Notas Finais


gold night, good night.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...