História The end or the beginning? - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel
Tags Nalu
Visualizações 102
Palavras 3.848
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá tudo bom ?
Tenho algumas coisas pra dizer :
Estou tendo problemas pra postar minha outra fic "você é o meu anjo" , então se você já leu ou acompanha ela , saiba que não estou postando ela por que o capítulo não está enviando . Acho que é só isso mesmo .


Me desculpem os erros .

Boa leitura !

Capítulo 5 - Capítulo-V- Party



Natsu: Gray , diga logo o quer dessa vez ! - disse já sem paciência. Faz dez minutos que ele me ligou , e continua enrolando pra dizer o motivo . Não sei se agora é uma boa hora para as idiotices do meu pior amigo .

Gray: então ... Será ...que você poderia vir... me buscar ...? - me perguntou entre pausas.

Natsu: Que ? Porque eu deveria ir buscá-lo ? -murmurei confuso - não me diga bebeu e não pode dirigir ?

Gray: que ? não cara ! - o ouvi suspirar - me perdi ... De novo ..- disse a última parte baixo . Parece que isso de certa forma magoa o grande ego que ele possui .

Natsu : haa é ? E como foi que se perdeu dessa vez ? - debochei e o ouvi ranger os dentes.

Gray: ... Eu só queria ir até o mercadinho a duas quadras de casa , tá ! Tinha certeza que havia virado a esquerda ... Eu acho ... Quando percebi já tava... Tava.. , haa sei lá onde eu tô agora ! - resmungou. não tem como não rir com essa comédia chamada Gray .

Natsu : me diga uma coisa , como conseguiu virar professor de física , se nem sabe a diferença entre direita e esquerda ? - posso jurar que ele acabou de revirar os olhos .

Gray : não me venha com essa, tá bom! Eu fui injustiçado e ao mesmo tempo abençoado pelo universo ! - hii , lá vem ele de novo ...- todos tem uma ajuda mística pra saberem se são destros ou canhotos , e se acustumam desde pequeno a diferenciar a direita e a esquerda pela mão que escreve! - blá, blá,blá...- que culpa eu tenho se sei escrever com as duas ? - sempre essa mesma desculpa..

Natsu:Tá certo , tá certo . De qualquer forma eu não posso ir te buscar agora .

Gray : pera , QUE ?

Natsu : tenho compromisso, Gray .foi mal ,mas não posso te ajuda agora .

Gray : NATSU PELO AMOR DE DEUS! VEM ME BUCAR ! NÃO BRINCA COMIGO CARA !- exagerado ele , não é ? Vocês ainda não viram nem a metade .

Natsu: sinto muito . Porque não liga pra Juvia ?

Gray : não tem como ,cara! Juvia tá de plantão hoje é só volta amanhã , e ela sempre desliga o celular quando chega no hospital .- Juvia era enfermeira a especificamente dois anos . Antes de se descidir por enfermagem , a mesma sonhava em ser nadadora profissional . Até chegou as nacionais e tudo mais, mas , resolveu parar pra ajudar a mãe que estava doente- que agora não está mais- é ai enfim, se encantou por enfermagem .- COMPROMISSO? Não acredito que vai deixar de ajudar seu melhor amigo, por uma noite com uma qualquer ! Eu te dei um PlayStation ! UM PLAYSTATION NO SEU ANIVERSÁRIO! - minha nossa! falando assim, ele nem parece ser maior de idade!

Natsu: "uma qualquer" ? Eu adoraria ver minha chefe ouvindo você falando isso .- comentei ironicamente . - Gray se calou .

Gray: sua chefe ?.... Pera ,pera , pera ... Você conseguiu um novo emprego seu miserável ?! - Disse gargalhando com um pingo de maliciosidade - e já está se envolvendo, ainda por cima com sua chefe ? Há você não perde tempo mesmo, em seu pilantra ! - riu histericamente.

Natsu: deixa de ser tarado, o rei das cuecas ! Meu compromisso com minha chefe é profissional .- ta ,talvez nem tanto ..

Gray: então não está saindo com sua chefe ?- pareceu desapontado .

Natsu: não .- pelo menos não dá forma que o meu inconsciente quer...

Gray: hã , e eu achando que você ia sair da seca - debochou e eu apenas bufei.

Natsu : então... Eu preciso ir . Falou! - me despedi.

Gray: Não! - gritou desesperado - você precisa me ajudar !

Natsu : eu já te disse que não vai dar Gray ! - pensei um pouco - há já sei ! Olha ,o Gajeel me mandou uma mensagem mais cedo , e disse que chega ainda hoje . Pois bem, assim que o avião dele chegar às 23:00 horas , você liga pra ele e pede ajuda , certo ?

Gray : 23:00 horas !!! Você é louco ! Como quer que eu espere tanto tempo assim ? Eu não posso ficar aqui ,esperando por 5 horas !

Natsu : para de frescura ! O tempo vai passar voando e você nem vai perceber . Aproveita esse tempo pra ver se aprende a diferença entre a direita para esquerda . Até mais. - e desliguei. Antes que ele podesse dizer mais alguma coisa . E no mesmo instante recebo uma mensagem da loira dizendo que está me esperando do lado de fora . Como descobriu onde eu moro sendo que eu nem mesmo cheguei a lhe passar meu endereço ? Simples , afinal ela é a dona da Heatefilia's . Não acho que seja muito difícil pra ela ter acesso fácil as informações mais pessoais de seus empregados.

Antes de sair sou abordado pelo olhar pidão de Wendy .

_ Natsu - começou manhosa - a Cheila pode dormir aqui em casa hoje? Por favor !- Cheila era a única amiga que Wendy ainda tinha desde o primário . Era comportada , mas parecia ter desenvolvido uma pequena queda por mim . O que é deveras estranho já que ela tem a mesma idade da minha irmã . Mas nunca cheguei a dar a ela algum tipo de esperanças ,por que também a vejo fraternalmente, e não romanticamente .

_ humm , não sei não Wendy , é bem provável que eu vá chegar um pouco tarde hoje . - seus olhos se dilataram como duas bolas de gude - tá bem .- me convenceu . Fazer o que ? Eu não resisto aquela carinha de panda - você é responsável , confio em você . Mas não abra a porta pra ninguém desconhecido ! Você conhece minha sequência de toques , né ?

_ sim , obrigada irmão . - sorriu doce e saiu saltitando feliz até o telefone .

_ thau - me despedi com um beijo em sua testa e saí de casa me deparando com a loira escorada em seu carro - nada humilde- me esperando pacientemente.

Uma visão um tanto quanto encantadora . A Heatefilia usava um longo vestido branco e simples , mas muito belo . Cabelos soltos - o que me surpreendeu , já que até agora eu só tinha a visto com os mesmos presos- é um salto que fato , disfarçaria sua altura .

Eu não muito diferente dela , também estava bastante simples e formal, porém sem os apertos de pequenos detalhes -os "detalhes" sufocantes a que me refiro se chama gravata e claro ,gel de cabelo , meu pior inimigo .

Sou péssimo para detalhar qualquer coisa , mas também não acho que alguém vá conseguir realmente reparar todos os pontos da imagem que os meus olhos vem agora .

_ Boa noite ,senhorita Heatefilia - a comprimentei sorrindo e a mesma me retribuiu um pouco constrangida.

_ Boa noite . Vamos ?

_ claro .

[•••]

Devo dizer que a loira dirigi muito bem -o que também me surpreendeu ,já que ela mencionou ter um motorista . - Lucy percorreu todo o caminho atenta ao caminho enquanto cantarolava baixinho a música que passava no rádio . As bochechas levementes rosadas demostrava um pouco de seu constrangimento - qual eu não sei o motivo .

_Luce - a chamei recebendo um "hum" como resposta - você parece incomodada com algo - fui sugestivo. 

Ela ficou alguns segundos calada antes de me responder .

_ não estou incomodanda. - murmurou  - tá , talvez eu esteja um pouco ,mas eu estou.. - suspirou-... ainda mais estressada . - esclareceu - me desculpe por envolver você nisso . 

_ sem problemas. Não é nada demais .

 _ claro que é demais ! Eu mal o conheço e já estou te pedindo favores . Isso é tão .. Agrr ! - grunhiu frustada . Agora eu realmente acredito que ela confia em mim , mesmo que não se sinta satisfeita com a ideia .

_ não se preocupe . Sou seu assistente não é?  estou a sua disposição .

Ela riu descontraída .

_ de novo essa frase ? Bem , obrigada . 

_ de nada loira .

[•••]


_ Lucy querida !- exclamou uma senhora de meia idade . Alta , cabelos longos e castanhos e rosto longo . - a quanto tempo querida ! 

_ ha claro senhora Nora , aquanto tempo - foi simpática , mas não demonstrou o mesmo entusiasmo . Mal chegamos a 5 minutos a tal festa de aniversário - qual eu imaginei que fosse a festa para uma uma criança de 14 anos , já que está é a idade da aniversariante - e já fomos abordados por mais de 14 pessoas , admiradores , sócios e conhecidos da Heatefilia . Todos em completa bajulação com a loira , coisa que ela parecia estar odiando , e lutando internamente pra não surtar de raiva . Chegava a ser fofo a cena, porque as bochechas ainda coradas , agora estavam infladas com ar  . Porém ninguém mais além de mim  parecia notar o aborrecimento dela , pois continuavam a cercá-la . 

Ela realmente odeia ser bajulada . 

Mas que raio de festa é essa ? Não a ninguém qual eu julgue ter 14 , 15 anos . Parece mais uma conversão de trabalho . Agora eu meio que sinto pena da garota aniversariante . 

A casa - ou melhor , mansão - era exagerada de grande  . Tinha no mínimo umas 100 pessoas espalhadas por todos os lados . A música era calma e baixa pra que todos podessem conversar normalmente .

Sinceramente , eu acabei de chegar mas já quero ir embora . Que festa mais chata ! 

_ Lucy querida , e quem é esse belo rapaz com você ? Não me diga que é seu noivo ? - noivo  ?  Tipo, eu até consideraria se ele disse namorado , mas noivo ? Puxa esse povo é bem antigo nas ideias . 

_ haa - Lucy  começou sem graça - e- ele é meu amigo  senhora haha - riu sem graça , mas eu realmente achei graça nessa reação dela, então acabei rindo junto com ela . Acho que vou me divertir um pouco  . 

_ ainda somos só amigos senhora - ressaltei o 'ainda' na brincadeira . Vi o rosto da minha chefe ficar vermelho talvez de raiva ou por vergonha .. não sei ! Mas com certeza é muito interessante . 

_ho! - ressaltou a mulher - então acho melhor eu não estragar o que vem pela frente com minhas perguntas . Que bela sorte a senhorita tem , Heatefilia . Encontrou alguém que está a altura de sua beleza avassaladora - riu admirada - bem eu já vou indo , não quero atrapalha- lós . - e saiu rebolando com seus quadris ossudos . Olhei para Lucy e ela me encarava , com raiva , vergonha , indignada ? Vai saber.. hehehe . 

_ o que foi? - sorri 

_"Ainda" ?

_ achei que queria se ver livre da tal senhora , pois bem então - meu sorriso cresceu - eu resolvi te ajudar . 

_ não sei porque mas sinto que fez isso só pra se divertir - e não é que ela acertou ?! Nossa ! essa loira também consegue ler pensamentos,  que legal ! - vem  - começou a me puxar por entre as pessoas . 

_ onde vamos agora ? 

_ vamos entregar o presente da aniversariante e sentar em uma das mesas . 

_ tenho certeza de que está vai ser a parte mais divertida da festa - murmurei ironico e a a loira suspirou . 

_ha, com certeza É  a melhor parte ! - revirou os olhos - acredite, eu estou odiando isso tanto quanto você .

_ eu acredito . Faz quanto tempo desde que a gente chegou ? 

_ 10 minutos . 

_ essa noite vai ser longa... - suspiramos juntos . 

Um garota de cabelos negros estava sentada ao lado da mãe com uma grande cara de tédio enquanto era paparicada por vários adultos ao seu redor . Mesmo de longe eu conseguia ver o quanto ela queria sair dali e pra qualquer outro lugar que não fosse essa mansão . Me senti um pouco triste por ela  , deve ser horrível ter uma festa de aniversário mais prós outros do que pra si mesmo  . Por que praticamente aquilo era uma festa de negócios e não pra desejar felicidades a ela . Percebi o mesmo olhar melancólico em Lucy . ela olhava pra menina muito mais expressiva do que eu , como se soubesse exatamente o que ela estava sentindo . Sera que ela realmente sabe ? Ou é apenas coisa da minha cabeça?  Porque é tão difícil saber o que ela pensa ? 

E por esse é outros mistérios que minha chefe se tornou tão interessante  pra mim , então pouco tempo .

_Lucy ! - a menina expressou feliz   ao ver a loira. - você veio ! 

_ sim , eu não podia deixar de vir -  sorriu  .tradução : ela não queria vir , mas veio por obrigação . 

_ que bom que veio ! Isso aqui tá uma chatice ! - disse baixinho a última parte pra mãe ao lado não ouvir . Lucy riu baixinho . 

_ eu trouxe pra você - estendeu o presente que carregava e os olhos da garota brilharam . 

_ sério ? O que é? - perguntou animada pegando o embrulho e abrindo antes mesmo de esperar a resposta - wou ! Lucy você é a única que conhece os meus gostos !  Obrigada !- agradeceu feliz . Eu não cheguei a ver o que tinha dentro da caixa , mas soube exatamente que o presente se tratava de algo muito mais sentimental do que material , já que a garota provavelmente já havia ganhado milhares de presentes mais caros . Mas só reagiu animada daquela forma com o presente da Heatefilia . 

_de nada Lyra .  _ bagunçou seus cabelos negros . A senhora ao lado - mãe da menina - parecia estar envolvida na conversa com um outro senhor . Não chegamos a conversar com ela pois um homem de porte médio e ralos cabelos pretos chegou chamando a atenção de nós quatro- Lucy , a menina ,a mãe ,e eu -  pra ele. 

_ há minha querida  Lucy ! - o senhor disse aquilo muito natural  , mas consegui sentir a malícia no "querida" dele .- como está encantadora  hoje ! -  Lucy se afastou um pouco pra trás enquanto ele se aproximava - que bom que veio ! - parece que eu acabei de encontrar o sujeito .  - é claro que você não faria essa desfeita com nosco - disse entrando em meio a mulher e a filha . - não é ? 

_ não - Lucy respondeu baixinho . Parecia oprimida .. ela estaria incomodada com a presença dele ou .. com medo ? 

_ senhorita Heatefilia - exclamou a mulher ao lado - me desculpe não tinha a visto aqui , como está ? - começou a puxar assunto a loira .

Enquanto  Lucy e a senhora conversavam sobre algum assunto não muito profundo , eu pude Analisar o quanto aquele cara era descarado . Seus olhos transbordavam malícia enquanto viajavam descaradamente  por todo o corpo  da minha chefe . Não demostrava nem um pouco de respeito nem mesmo pela esposa que estava ao lado . Cretino! 

Lucy estava claramente incomodada com os olhares e tentava de uma vez  por todas dar um fim a conversa com a senhora , mas ela simplesmente achava outros assuntos . Até o assunto vir até mim. 

_ ho quem seria se rapaz com a senhorita  ? - perguntou a mulher é só então o velho safado pareceu se dar conta de minha presença . 

Lucy, completamente enraivecida e incomodada . Podia jurar que a qualquer momento ela iria explodir . Até mesmo eu já estava com raiva daquela situação . Estava pronto pra interver por ela , mas ela me surpreendeu antes  que eu podesse dizer qualquer coisa.  

_ ele é o  meu namorado - abraçou meu braço como posse  . Ta , por essa eu não esperava ...  Acho que ninguém esperava , já que até o homem-tarado , se engasgou com o ar . 

 Ele arqueou as sobrancelhas em desgosto e uma raiva contida . 

_ há é ? E a quanto tempo estão namorando ? - perguntou ele . 

_ semana  que  vem ,faz 4 meses , não é amor ? -  se dirigiu a mim . Puta-merda ! Ela mente muito  bem ! 

_ sim , na quarta-feira, não é linda ? - lhe respondi .  Que foi ? Eu também quero me divertir! ..

_ não amor , e na quinta , esqueceu ? Você me pediu em namoro a meia noite , do dia 11 pró dia 12 ! - se fingiu enburrar.  

_ claro que não , eu me lembro claramente de que foi as 23:58  ! Então foi no dia 11 , linda !  -  aproximei meu rosto do da loira e passei meu braço por sua cintura . E QUE CINTURA! . A loira tentou esconder , mas eu vi suas bochechas ganharem um tom muito mais vermelho do que antes . Involuntárianente  meu sorriso se alargou . 

_ que saber ? Agente comemora os dois dias  então ! .-  ela disse .comemorar, é ?hum....Natsu, Natsu ,   não imagine coisa ! Essa loira não é pro seu bico!

Deixamos  um pouco nosso teatro de lado  para olhar para  os  nossos expectadores , e eu adoraria ter uma câmera pra registrar a cara raivosa do velho cara-de-pau. 

[•••]


Depois de nossa perfeita interpretação , Lucy e eu finalmente nós sentamos em uma das mesas . Gargalhamos do que fizemos - uma gargalhada contida , já que não queríamos chamar atenção . 

Um rapaz nos serviu champanhe , CHAMPANHE! NO ANIVERSÁRIO DE UMA MENINA DE 14 ANOS !  Não sei porque ainda me surpreendo ... depois um garoto de mais ou menos 6 anos - a única criança que eu vi nessa festa - veio justamente me pedir ajuda para usar o banheiro . Lucy não se importou de eu ir ajudá-lo - na verdade ela achou fofo - então eu fui . Porém o menino já estava a quase meia hora no mictório ,e eu já estava começando a me preocupar . Será que ele caiu no sanitário e morreu afogado ? 

_ garoto tá tudo contigo ? - bati na porta . 

_ tá sim tio ! - tio?  - tio ,você sabe quanto tempo já se passou ?- perguntou com aquela vozinha infantil . 

_ quase meia hora , porque ? 

_ então eu acho que já posso sair , né ? 

_ ué e porque você só pode sair agora ?- ele  saiu .

_ por que meu tio disse que se eu ficasse com você no banheiro por um tempão , ele ia me dá o maior pedaço do bolo .- disse inocentemente.  

_ seu tio ? - há meu Deus! que não seja quem eu estou pensando . - e quem é seu tio ? 

_ o pai da Lyra , minha plima( prima),  hoje é o aniversário dela sabia? - sorriu . Puta- merda ! 

Deixei o garoto lá e saí correndo a procura de uma cabeceira loira , e adivinhem ? Ela não estava na mesa de antes ! Na verdade ela não estava em lugar nenhum ! Saí louco atrás da Heatefilia e as pessoas realmente deveriam ter me achando louco. Ela me pediu pra não deixa-la sozinha nem por um único instante , e eu a deixei por meia hora ! 

Quando eu finalmente encontrei a loira , não foi exatamente da forma que eu queria . Perto da piscina - deserta - a loira estava sendo prenssada na parede pelo velho ridículo , miserável , covarde ! Há mais isso não vai ficar assim  ! 

O afastei bruscamente com um soco . Ele me olhou assustado e depois mudou a expressão para uma raivosa ! 

_ como se atreve seu ..- ele começou rosnando . Hipócrita ! 

_ como se atreve você , seu covarde ! É melhor você deixar a Luce em paz seu desgraçado ! Lucy pode ter pena de sua esposa e filha , mas eu não ! Da próxima vez que o vir perto dela eu irei lhe mandar para atrás das grades - ele bufou - ou melhor, EU irei para trás das grades , porque você, eu vou mandar direto pro cemitério ! 

A tirei de lá a-puxando pelo braço . Como aquele miserável pode ser tão filho da puta !? Mesmo depois da loira dizer que tinha "namorado" o desgraçado ainda não desistiu !

_ Natsuu's aonde está me levando ? - perguntou a loira  de forma desajeitada e manhosa .  Alguma coisa tá errada .... 

_ embora, é claro !

_ que ? Eu não quero ir embora- ela parou de me acompanhar é ficou parada como se estivesse acabado de empacar . 

_ o que está dizendo Luce ? Você Mesma disse que  estava odiando está festa ! - alguma coisa tá muito errada !

_ eu disse ? Haha - começou a rir como boba . De repente seu corpo começou a bambiar para os lados , desequilibrado dos próprios saltos . E ai ela caiu . Em cima de mim .quase levando nós dois ao chão , se não fosse a parede atrás de mim , teria sido uma queda muito feia .

_ natssu por que o mundo tá girando ?haha  - disse se apoiando nos meus braços - Hou  você é uma parede de músculos hahaha -  passou a mão por meu abdômen . Mas o que ? .

_ Luce o que deu em você ? - só então eu me dei conta da taça que ela ainda segurava em uma das mãos . - há não me diga que está bêbada ? - não ,seria  impossível ! Desde de o momento em que saí da mesa a loira estava tomando devagarzinho , de gole em gole sua bebida . A quantidade certamente não a faria ficar bêbada . 

Tomei a taça de sua mão ,e beberiquei uma gota de seu champanhe . Sabor doce , suave , marcante e no finalzinho se podia sentir Sabor de alguma outra substância . Como se tivessem alterado sua bebida .  Não me resta dúvida de que batizaram a bebida dela - também não tenho dúvida de que foi aquele filho da puta! - Ou seja ...  

 Lucy  foi  drogada ! 

.

.

.

 


Alguém por favor me ajude ! 


Notas Finais


Drogaram a Lucy !

Eu não custumo fazer isso mas ,vou
deixar o link da roupa que a
Lucy esta :
https://www.belaefeliz.biz/vestidos-simples-e-bonitos-veja-os-modelos-ideais/

Depois de uma semana desgastante de provas eu finalmente consegui voltar !
E vcs não sabem o quanto esse capítulo me deu trabalho !

No próximo a Lucy vai tá loucona e vamos descobrir algumas coisas do passado dela hehe , e Talvez tenha um momento Nalu .... Talvez !

Até mais !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...