História The Falcon Queen - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias As Crônicas De Gelo e Fogo (Game of Thrones)
Personagens Arya Stark, Brandon "Bran" Stark, Catelyn Stark, Cersei Lannister, Eddard Stark, Hodor, Jaime Lannister, Jeyne Poole, Joffrey Baratheon, Jon Snow, Lysa Arryn, Myrcella Baratheon, Osha, Personagens Originais, Rickon Stark, Robb Stark, Robin Arryn, Sansa Stark, Theon Greyjoy, Tommen Baratheon, Tyrion Lannister, Ygritte
Tags Maya Arryn, Robb Stark, Robb Starkxoc
Visualizações 41
Palavras 608
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Primeiro capítulo,exceto o prólogo, que não é da Maya - não sei se estou feliz ou triste por causa disso, porque os capítulos da Maya são mais fáceis para mim.

Capítulo 6 - Lady Arryn


Robb 

As trombetas anunciavam a chegada da Comitiva Real de um jeito, na opinião de Robb Stark, desesperador.

Robb era provavelmente a única pessoa em Winterfell que não estava ansioso para a chegada da Família Real e metade da Corte. Mas o Stark tinha bons motivos para isso.

O primeiro e principal motivo tinha nome,Maya Arryn. A sua prometida era um completo mistério, ele não o sabia se ela era bonita, inteligente, se ela gostava de cavalgar,se os dois tivessem algo em comum ou se poderiam se suportar. Ele temia que a resposta de todos os pensamentos isso fosse não.

O segundo era que provavelmente o Rei pediria para que seu pai se tornasse Mão do Rei em Porto Real e ele aceitaria. Então Robb teria de governar Winterfell precocemente, sem metade das pessoas que conhecem e casado com alguém que ele nem sabia se o toleraria. 

O terceiro era simples e menos complicado, sem contar que acabaria mais rápido do que os outros dois, ele teria de suportar por tempo indeterminado príncipes provavelmente metidos e nariz em pé, além dos sulistas com seus hábitos e pensamentos sulistas.

Tirando-o de seus costumeiro devaneios, a voz de um homem gordo de cabelos escuros, olhos azuis e de una barba expessa e grosseira, este era o Rei. Robb assim que percebeu se ajoelhou, assim como todos em Winterfell.

Robert fez um gesto, sinalizando que eles deviam se levantar. Ele cumprimentou os Stark e apresentou brevemente o resto da Família Real.

Em seguida, ele viu duas garotas saindo de uma carruagem, a última estendeu a mão para a outra que ficou na carruagem. A garota, mais bonita do que as outras duas, exitou antes de pegar a mão da outra que sorriu-lhe, os olhos cor de amêndoa demonstravam um sentimento fraternal.

Rapidamente as três estavam em frente ao Stark se apresentando.

A primeira garota a sair se chamava Selyse, era uma bastarda. Tinha cabelos ruivos e com cachos selvagens. Tinha olhos azuis doces e bochechas coradas.

A outra era Jeyne Royce, vinha de uma casa importante e poderosa no Vale. Tinha cabelos lisos e castanhos, olhos cor de amêndoa e era magra, mas não muito alta.

A última era o principal motivo de não se animar que a Comitiva Real estava chegando, Maya Arryn. A sua noiva tinha cabelos negros e cacheados, mas diferente da aia, os seus cachos eram domados e se restringiam as pontas de seu cabelo. O rosto era em formato de coração e seus lábios eram vermelhos e carnudos, perfeitamente beijáveis,o Stark pensou; seu nariz era pequeno e levemente empinado. Os olhos eram espetaculares e demonstravam as suas raízes valirianas.

Robb perdeu o fluxo da conversa enquanto devaneava, então ele apenas percebeu o que acontecia quando sua mãe comentou que ela mostraria a eles o castelo.

Assim Robb se juntou a Theon e os dois foram em direção ao quarto do Stark.

-O que achaste de sua futura esposa, Stark? - Theon questionou-o, o costumeiro e zombateiro sorriso do Greyjoy em seu rosto.

-Ela é muito bela, mas não posso formar uma opinião sobre ela se nem troquei cinco palavras com ela.

-E não é isso que uma esposa tem que ser, bela e sem opinião alguma?

-Não acho que conseguiria suportar uma esposa assim. - O Stark respondeu.

-Eu conseguiria facilmente me casar com uma mulher belíssima, que apenas abra as pernas para mim e me dê prazer, faria isto com gosto. - Theon disse com verdade.

-Se Lady Arryn for assim,pode ficar com ela, meu caro amigo. -Theon apenas riu em resposta, em seguida os dois conversaram sobre qualquer coisa banal que viesse em suas cabeças.


Notas Finais


O que acharam da opinião/falta de opinião de Robb com Maya?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...