1. Spirit Fanfics >
  2. The Father Of My Son - Imagine Jimin. Temporada 2. >
  3. Foi tudo culpa sua!.

História The Father Of My Son - Imagine Jimin. Temporada 2. - Capítulo 58


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 58 - Foi tudo culpa sua!.


Jimin:- Então você achou que eu queria ter um filho com ela só por… Não acredito nisso


(S/N):- por isso também sai pra beber com os meninos. Queria saber se eu fizesse o mesmo que você iria trair, mas eu tinha certeza que não por isso apostei alto…


Jimin:- tudo poderia ter sido diferente se tivesse me contado antes. Talvez eu nunca tivesse descoberto que ela…


(S/N):- que ela?


Jimin:- …


(S/N):- que ela o que?





Jimin:- nada


(S/N):-afinal! Como descobriu??


Jimin:- eu fui conversar com ela a pouco e ela me falou a verdade…


(S/N):- você foi atrás dela?


Jimin:- fui despejar toda a minha raiva nela e por pressão ela contou tudo


(S/N):- hum..! Pelo menos agora está tudo esclarecido. Rosé não tá grávida, não tem porque nos perturbar, nós não vamos mais brigar. Agora está tudo bem


Jimin:- não! Você devia ter me contando a verdade desde o início, isso tudo foi culpa sua


(S/N):- tá, eu assumo que errei. Desculpa, mas também não vamos mais ficar brigando por causa disso, acabou!


Jimin:- não, não te desculpo. Tudo podia ter sido diferente. Tudo! [ sai da cama/vai até a porta ]. Sai por favor! [ abre a porta ]


(S/N):- que?


Jimin:- quero ficar sozinho! 


(S/N):- … [ confusa ] 



A mesma saiu da cama e do quarto e voltei a fechar a porta. 


Foi sim, culpa da (S/N), ela deveria ter me falado tudo desde o início, nunca teria descoberto que tinha sido abusado e não passaria essa vergonha que estou passando agora, essa dor dentro de mim não existiria.


Mas e agora? O que vou fazer? Não vou poder me esconder aqui por muito tempo! Ou posso? Não, posso sim! Ficar deitadinho, quietinho e fingir que o mundo não existe.



Jimin:- é, isso que eu vou fazer [ deitando na cama ] vou me embrulhar e não sair nunca mais daqui [ começa a chorar ]



Por que isso tinha que acontecer comigo? Por que tudo tem que acontecer comigo? Vim aqui só pra sofrer, foi isso?

Agora só quero morrer!

Quero morrer!

Quero morrer!




(S/N)




Será que o que eu fiz foi tão grave assim? Assumo que errei, fui paranóica sim, tive um ciúmes infantil, omiti. Dessa vez foi eu quem pisou na bola. Mas não esperava essa reação dele… 


Olhei o relógio e acho melhor começar a fazer o almoço. 

Não muito tempo depois…


Preparei tudo e fui chamá-los pra comer, as minhas princesinhas desceram correndo pra comer, já Jimin… tentei bater e o mesmo não respondeu e também não queria que eu entrasse pois a porta estava trancada de novo.


(S/N):- Jimin você não vai comer?


~estou sem fome! E por favor não insista


(S/N):- … tudo bem…



Voltando para a cozinha.



(f/1):- cadê o appa?


(S/N):- está sem fome


(f/2):- sem fome? Será que está triste por nós termos brigado com ele?


(S/N):- não, ele está triste por uma coisa que eu fiz… 


(f/1):- a senhora?


(S/N):- sim. Eu omiti uma coisa importante


(f/2):- vocês não vão separar não, né?


(S/N):- … Vamos comer, meus amores! Vocês tem escola hoje.



Agora quem está com medo de divórcio sou eu! Não, mas ele não faria só por causa disso. Prefiro acreditar que essa raiva logo passará.



Continua…




Notas Finais


Obrigada por ler

Até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...