História The Fraternity - Capítulo 29


Escrita por: e CeifadorBoss

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Acnologia, Aquarius, Bacchus Groh, Bisca Connell, Brandish μ, Cana Alberona, Capricórnio, Carla (Charle), Elfman Strauss, Erza Scarlet, Freed Justine, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Irene Belserion, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Metalicana, Mirajane Strauss, Nashi Dragneel, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Personagens Originais, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Sting Eucliffe, Ultear Milkovich, Wendy Marvell, Zeref
Tags Fairy Tail
Visualizações 36
Palavras 591
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 29 - Hangover


Fanfic / Fanfiction The Fraternity - Capítulo 29 - Hangover

Mavis 

Acordei sentindo minha cabeça doer , meu corpo parecia que tinha corrido uma maratona e minha boca tinha um gosto forte .

Mavis: Que porra eu fiz ... - Passei as mãos pelo cabelo e sentei na cama percebendo que graças a Deus eu estava no meu quarto , a coisa mais difícil aqui é acordar e estar no próprio quarto e vestido . Segui para o banheiro prendendo os cabelos em um coque , colocando um moletom qualquer e descendo para a sala .

A sala estava DESERTA e eu estava com fome e de ressaca , se fosse tentar cozinha alguma coisa provavelmente eu tacaria fogo na casa e a Taiga juntamente com metade da casa 6 tacariam fogo no meu corpo , porém a fome fala mais alto e decido ir até a cozinha , já no corredor sinto o cheiro do café forte e das torradas possivelmente queimadas e mesmo não querendo .... Eu sabia que tava cozinhando .

Mavis: Zeref ? Pq tá sozinho aqui ? Me apoiei no batente da porta da cozinha olhando o garoto que estava com suas típicas roupas escuras , o óculos embaçado pelo vapor do café e os cabelos bagunçados.

Zeref: saíram pro clube , e vc sabe que eu não curto sol e piscina ...

Mavis: Deixem eles aproveitarem o dia de sol - Me sentei na mesa com certa dificuldade , minha cabeça parecia que ia explodir , o rapaz colocou uma xícara cheia de café na minha frente e uma cartela de comprimidos.

Zeref: eu sei que virou a noite bebendo naquela festa da faculdade ... Eu tava lá , agora bebe isso antes que caia em um canto qualquer da casa - O rapaz esticou a xícara e destacou um comprimido da cartela que surpresamente era pra ele.

Mavis: Você também bebeu não é ?

Zeref: Sou humano - Zeref sempre tinha seu jeito caladão e estranho de ser , quase sempre respondia as coisas com respostas curtas , sinceras e retas.

Mavis: você tá estranho Zeref ... Mais que o normal ...

Zeref: Estou apenas tomando meu café - Ele pegou uma torrada queimada e sua xícara de café e se sentou na cadeira a minha frente.

Mavis: Certeza que tá bem ?

Zeref: Sim senhorita ...

Mavis: Quem me trouxe pra casa ontem ?

Zeref: Você não lembra de nada mesmo em - O garoto deu uma risada sinica e me olhou com um sorriso de lado que mata qualquer uma - Uma hora você lembra - Ele se levantou da mesa , colocou a xícara sob a pia e tirou a camisa de frio preta , na hora meu queixo caiu .

Mavis: Z-zeref ? Oq isso significa - As costas do garoto estavam todas arranhadas , alguns arranhados chegavam a ser tão fundos que tinha marcas de sangue , seu pescoço também tinha dois chupões e seu abdômen estava no mesmo estado , o garoto colocou a camisa novamente e saiu em direção a porta , parou me encarou firme e sorrio de lado novamente.

Zeref: Isso é oq a bebida faz com alguém Mavis ... 

Fiquei estassiada na mesa e talvez a ressaca tenha me lerdado um pouco , fui até o banheiro do andar de baixo e tirei meu moletom.

Mavis: Como não vi isso antes ? - Passei as mãos pelas manchas roxas pelo meu corpo , pelas marcas de mordidas e alguns arranhados - Impossível .....

Peguei meu celular e disquei o número da única pessoa que eu lembrava da festa.

Mira: Alô Mavis ?

Mavis: quanto eu bebi Mira !!???!! Quanto eu bebi ??


Notas Finais


Oq será que rolou em 😏


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...