História The Future Is Now - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Tags Jikook, Kookmin
Visualizações 4
Palavras 715
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, LGBT, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Violet e Noah


Jungkook estava muito assustado, como nunca estivera antes em sua vida, e loucamente como num impulso o seu primeiro pensamento foi se cobrir, já que ele não estava preparado para expor seu corpo dessa maneira e nessa situação para um completo estranho.

Ele estava se sentindo sobrecarregado para fazer mais alguma coisa, mas ainda sim se esforçou, olhando rapidamente para o chão remexendo as roupas que estavam jogadas pelo piso até encontrar um longo par de jeans skinny pretos, com o cheiro um cheiro forte de perfume ainda presente e que pareciam se encaixar nesse corpo estranho e magro que ele estava. Suas mãos estavam suando mais do que o habitual e pareciam estar trêmulas, Jungkook lutou um pouco para fechar os dois botões que haviam, mas que mais pareciam um quebra cabeça de 5 mil peças, no momento em que ele estava terminando de subir o zíper a porta do quarto fora aberta.

— Você está apenas se vestindo? – a pessoa do outro lado disse, encostando-se na moldura da porta e parecendo divertida. — Não é do seu feitio ser preguiçoso, Jungkook.

Era um homem, com cabelos escuros como o de Jungkook se encontrava no momento, estava meio arrepiado sem ter um formato definido mas sua franja estava um pouco a amostra, e ele também possuia tatuagens aleatórias decorando seu corpo decididamente curvilíneo. Seus olhos eram escuros e não paravam nem um segundo de ter contado direto com os de Jungkook, como se ele o conhecesse, tudo bem, Jungkook tinha que admitir que o homem era definitivamente atraente, porém, ele dormiu com 16 anos, mentalmente ele ainda tem 16 anos, seus hormônios adolescentes não estavam perdoando nada. E por mais que tentasse forçar sua mente a lembrar de algo, ele nunca tinha conhecido a pessoa em sua frente antes em sua vida.

— Uhm. – ele disse, eloqüente como sempre. O homem moreno revirou os olhos e cruzou os braços sobre o peito nu, descaradamente dando a Jungkook uma vez. — Vamos, Kookie, é a sua vez de ajudar Violet hoje. – Jeon apenas o olhou, perguntando-se por que ele estava em uma casa estranha em um corpo desconhecido com um completo estranho tratando-o dessa maneira, o chamando por um apelido que ninguém o chamava, afinal eles não se conheciam. Sua mente estava quase explodindo, faltava muito pouco para isso acontecer.

— Violet? – ele finalmente conseguiu falar algo, depois de uma longa batalha interna. O homem revirou os olhos novamente, com um exasperado sorriso nos lábios.

— Sim, Violet. – ele disse com uma risada. — Nossa filha? Lembra? Jesus, Jungkook, você está bêbado ou algo assim?

— F-Filha? – Jungkook repetiu incredulamente, quase se engasgando com as letras, sua voz ficou um pouco alta e soando além do normal. Ele balançou a cabeça, afastando-se do homem na porta e sentando-se pesadamente na cama. Sentia-se um pouco tonto, porque ele não poderia simplesmente ter entrado na casa dessa pessoa no meio da noite, não sendo suficiente aparentemente ele havia entrada da casa de um louco. Qual a possibilidade de eles se conhecerem e aparentemente terem uma filha juntos?

— Jungkook? – o homem disse, com a testa franzida de preocupação. Ele atravessou a sala, ficando de frente a frente com o maior, estendendo a mão para pressionar sua testa. — Você está bem?

Jungkook se afastou do toque automaticamente, olhando para o homem de olhos arregalados. Não, ele não estava bem. Ele não sabia o que diabos estava acontecendo e naquele momento ele meio que queria desesperadamente sua mãe ou seu irmão.

— Quem é você? – ele se sentiu sufocado, a sensação de estar quase tendo uma crise de pânico era agonizante. O homem parecia surpreso, e ele realmente recuou um pouco antes de sua expressão mudar, uma espécie de meio com medo meio zangado que não combinava com suas feições.

— Jungkook. – ele disse avisando. — Isso não é engraçado. Eu deixei Violet lá embaixo com o Noah e eu preciso voltar antes que algum deles acabe se machucando.

— Olha. – Jungkook disse, respirando pelo nariz e lutando contra a vontade de chorar de frustração, porque como é que essa pessoa sabe mesmo o nome dele? — Eu não sei quem você é ou quem é a Violet ou o Noah e eu realmente preciso ligar para a minha mãe, por favor.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...