História The Gangsta Again - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber, Selena Gomez
Personagens Justin Bieber, Personagens Originais, Selena Gomez
Tags Again, Jelena, Segundatemporada, Thegangsta
Visualizações 19
Palavras 580
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤️

Capítulo 2 - Soileau


É a oportunidade perfeita, pegar Liam e Justin de uma só vez. Vai ser o meu melhor trabalho, a minha melhor atuação. 

Por sorte, ambos são idiotas demais para desconfiarem, Bieber roubou uma carga de Liam e neste exato momento, os dois devem estar em um porão, prestes à serem pegos por mim, definitivamente a melhor agente do FBI existente. 

Geoffrey me encara com seus lábios curvados em um sorriso largo, infelizmente, vários dos seguranças de Liam estão jogados no chão ensanguentados, digamos que nós temos um ótimo serviço de limpeza. 

Abro um sorriso largo ao encarar os dois homens presos de joelhos, na porta à nossos guardas devidamente armados. 

— O-O que você faz aqui? — Liam pergunta pasmo fazendo-me negar. 

— Olha, vocês me surpreendem com a burrice de vocês. Não é óbvio? Eu peguei os dois de uma vez só. Agora, vocês são do FBI. — Pisco para ambos erguendo minha mão e suspirando baixo. 

— Você é uma filha da puta. — Justin comenta baixo, me encarando com certa fúria. 

— Costumo cumprir com meus objetivos, fui designada a pegar você, lembra-se Justin? Demorou mas consegui. — Pisco para o loiro me virando de costas para o mesmo. 

Jack, um de nossos guardas se aproxima dos homens e os pega com firmeza os guiando para os carros blindados. Não mentirei, grande parte do meu cérebro implora para armar algo e tirar Bieber dali, mas sei que ele cometeu erros terríveis e cada erro tem sua consequência. 

Geoff me abraça afagando meus fios de cabelo, abaixo minha cabeça respirando fundo e logo nego me afastando ao escutar os carros se afastarem. Ao lado de Geoffrey, saímos do grande galpão nos aproximando de nossos carros. 

Em uma fração de segundo nossos corpos são jogados no chão após um grande estrondo e calor intenso nos atingirem, ergo minha mão até minha cabeça sentindo algo molhado na mesma. Sangue. Me sento com dificuldade tentando concentrar em minha audição, me viro encarando o Geoffrey ainda deitado. Minha visão fica turva, e logo tudo se escurece novamente. 

(…) 

Puxo todo o ar de meus pulmões tentando de alguma maneira expulsar toda a dor de meu corpo, à uma forte luz acima de mim o que impossibilita que meus olhos se abram adequadamente. 

— O que houve? — Pergunto baixo virando minha cabeça e assim conseguindo abrir meus olhos. 

—  Bradley Soileau. Ele é um louco psicótico que tem uma gangue de psicopatas e está atacando agentes do FBI e bases por todo o mundo. — Geoffrey responde sério sentado ao meu lado. 

— É meu? — Pergunto me sentando na maca. 

— Eu estava conversando com os chefões e Soileau é um peixe grande. Ele conseguiu acabar com milhares de agentes. Você sozinha não vai conseguir. — O mesmo nega. 

A careta em meu rosto é inegável, já deveriam confiar em mim. Eu peguei Justin Drew Bieber e Liam James Payne de uma só vez. 

— E com quem eu irei trabalhar? — Pergunto arqueando minha sobrancelha.

Geoffrey coça sua garganta voltando sua atenção para seus sapatos, cruzo meus braços o encarando e logo arqueio minha sobrancelha esperando por sua resposta. 

— Um criminoso desse porte só pode ser pego com outro criminoso. Você vai trabalhar com Bieber. — O mesmo comenta sério. 

— Geoffrey, nós não estamos no esquadrão suicida. Ele nunca vai aceitar. — Afirmo convicta. 

— Ele já aceitou. Iremos reduzir a pena dele. — O mesmo responde com seriedade. 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...