História The Good Agents - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Agentes, Amizade, Aventura, Romance, Secreto, Suspense
Visualizações 0
Palavras 526
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Policial, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 24 - Viagem pra floresta


O dispositivo funciona maravilhosamente dando a eles a localização exata das amostras roubadas, que estão em uma floresta ao extremo norte.

- Quem levaria amostras de vírus pra uma floresta? Pergunta André

- Alguém que queria fazer planos do mal sem ser interrompido. Responde Peter

- Ok crianças, ouçam agora o meu plano. Diz Alex, fechando a porta da sala e explicando com detalhes o que seria feito aos amigos.

Eles reúnem a equipe e partem para floresta. Todos vão em uma van própria do DSE, e atrás deles outra van com soldados pronto para dar cobertura e se necessário entrar em ação.

Eles passam chegam a floresta após algumas horas e seguem para o exato local apontado pelo dispositivo. Chegando lá, eles se deparam com um grande galpão abandonado no meio da mata. Eles resolvem se separar, metade dos soldados vão pela direita com André e Alex… a outra metade vai pela esquerda com Tori e Peter, enquanto Danny fica na van monitorando qualquer movimento suspeito do lado de fora.

Todos eles tem pontos e microfones ligados a seus uniformes, o que possibilita eles se comunicarem o tempo todo. A turma da direita se depara com tanques gigantes cheios de água e se perguntando o que os tanques estariam fazendo ali. Pela esquerda, eles andam um pouco mais e se deparam com um laboratório enorme com diversas máquinas e instrumentos. Eles começam a examinar tudo, a procura das amostras.

Danny de dentro da van, guia a equipe da esquerda a ir até o final do laboratório… onde encontraram as caixas da amostra, e é onde eles a acham.

Peter então dá o comando aos soldados.

- Façam cuidadosamente a remoção das caixas e levem para as vans. Qualquer contato com seres humanos pode ser letal!

- Sim, devem ter cuidado com isso. Onde pensam que vão com meus brinquedos novos? Diz uma voz masculina vinda de trás deles.

Nesse momento todos se viram e se deparam com um homem de jaleco, provavelmente uns 50 anos, óculos e uma prancheta nas mãos. Todos os soldado sacam as armas, incluindo Peter, que diz

- Parado! DSE! Deite-se no chão!

- Mas quanta agressividade! Agentes… permitam que me apresente! Sou o Doutor Rogers!

- Espera, eu ja li sobre você! Você era do DSE há anos atrás! Até que foi expulso por práticas ilegais. Disse Tori em tom de espanto

- Isso foi bem injusto, mas sim… esse sou eu! Disse Rogers

- Porque está roubando as amostras, Rogers? Entendo ter se virado contra a DSE, mas ameaçar pessoas com um vírus? Isso é demais até pra você. Continua Peter

- Ameaçar? Ora… apenas se não tiverem dinheiro! Diz ele gargalhando

Peter e Tori se entre olham e Rogers volta a falar

- Roubei as amostras porque estava cansado de ficar por baixo! Perdi tudo quando fui expulso da DSE… então, roubei as amostras… mas não pra machucar ninguém, é apenas um blefe!

Tori então ouve Alex falando com ela pelos pontos, ela diz terem se deparado com os tanques cheios de água e não acharam mais nada. Ela diz que não faz sentido nenhum toda aquela água ali. Assim que ela termina, Tori imediatamente decifra o caso!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...