1. Spirit Fanfics >
  2. The good teacher - Camren >
  3. Living Proof

História The good teacher - Camren - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Living Proof


Camila POV

Hoje eu queria muito chegar mais cedo em casa, estou morrendo de cansaço, fiquei estudando até mais tarde a matéria de Lauren – que diga-se de passagem, não é nada fácil – mas Vero pediu pra eu estender o expediente, e apesar de querer dizer não, não consegui, apesar de não fazer tanta diferente o dinheiro de mais um expediente, não consegui negar.

Sou péssima em negar as coisas, não sei como consegui negar a carona da Lauren, mas sei que foi o melhor a se fazer naquela situação. Mas continuando, por ainda ser os primeiros dias de trabalho para Vero, fiquei com medo de negar, sabe-se lá o que pode acontecer depois, sei que pode ser só nervosismo, mas temo pelo meu trabalho, preciso dele.

- Vero falou que hoje iria lotar – Shawn comentou. Shawn é uns dos meninos que trabalham aqui, ele é super gentil e simpático, também é bem bonito, não posso mentir

- É verdade, por isso que estou aqui – falei com cara de tédio

- Vamos, animação! – ele tentou me animar – Chegou cliente, você quer atender ou prefere que eu atenda?

- Eu posso ir – fui em direção da mesa que a cliente chegou

- Oi, boa noite – cumprimentei a cliente, acho que conheço essa menina, acho que ela é da minha sala – O que deseja?

- Oi! Acho que você é da minha sala, né? – ela falou sorrindo – Sou a Demi, prazer

- Oi! Achei seu rosto familiar mesmo, sabia que não estava louca – ri fraco e ela também – Sou a Camila – falei e ela concordou com a cabeça

- Vocês têm misto quente aqui, né? – perguntou

- Temos sim

- Certo, vou querer um misto quente e um café médio, pode ser?

- Tudo certo, daqui a pouco vem – anotei o pedido e saí da mesa em direção a cozinha e deixei o papel no local que deixa os pedidos

- Acho que os convidados estão chegando – Shawn apontou para várias pessoas chegando em conjunto com sacolas de presente

- Quem é a aniversariante? – perguntei enquanto ainda olhávamos os convidados entrarem

- Dinah, ela ainda não chegou. Ela é uma amiga de longa de data da Vero e da Lauren – Shawn explicou – Você conheceu a Lauren, né? – ele perguntou

- Conheci sim – só de pensar na possibilidade de Lauren vir hoje, fico nervosa. Não estava preparada para isso, pensei que não veria mais ela essa semana.

É muito complicado ter um leve crush na professora. Quais são as chances de isso dar certo? Ao menos um beijo? 1%?

- Fica aí no caixa, vou ajudar elas a guardarem os presentes – Shawn pediu e eu assenti

Após alguns minutos, a porta se abre, e lá está ela.

Lauren.

Acompanhada de Vero e de outra mulher ao lado dela, provavelmente Dinah? Não sei, tem cabelos longos, meio loira, muito bonita.

Meu Deus, esse povo aqui é tudo bonito? Ainda não vi uma pessoa feia, socorro.

Por alguns segundos o meu olhar e de Lauren se cruzam e ela vem em minha direção. O que ela quer comigo? Tento arrumar meu cabelo rapidamente passando a mão, ficar mais aceitável.

- Oi, Camila – Lauren falou ao chegar no caixa – Tenho a impressão que nos encontramos em todos os cantos, está me perseguindo? – ela brincou

- Eu trabalho aqui, e você que veio, né? Então talvez seja você que esteja me perseguindo – ri

- Faz sentido, mas não estou a perseguindo – ela sorriu de canto. Está tentando me seduzir? Se tiver, está conseguindo – Vim pro aniversário da minha amiga, Dinah, aquela ali – apontou para a mulher que chegou junto com ela, além de Vero

- Então vocês são um trio? Você, Vero e Dinah – perguntei puxando conversa

- Digamos que sim, nos conhecemos há um tempão e não nos largamos nunca mais – ela explicou com um sorriso – É bom ter boas amizades – ela falou e eu concordei – Mas enfim, não foi por isso que eu vim até aqui – foi pra me chamar pra sair? – Quero uma garrafinha de água – ok, não foi pra me chamar pra sair

- Certo – fui me virar e pegar a garrafinha de água – Aqui – a entreguei

- Aqui está o dinheiro, obrigada – ela agradeceu e saiu

Posso dizer que hoje ela estava mais bonita que o normal, acho que havia feito algumas ondulações em seu cabelo, passou uma maquiagem básica e estava com uma calça preta e uma blusa do The 1975.

Essa mulher está me deixando louca, o que é impressionante, porque só a conheço há 3 dias. Mas qual é o problema, né? O interesse surge rápido

- Prepara-se para servir, já pediram uns 20 pratos – Shawn suspirou cansado e eu arquei as sobrancelhas

- Amém que daqui a pouco eu posso ir embora – comemorei

Vi que Vero me chamou da mesa e fui em sua direção.

- Oi, chefe

- Camila, você pode ficar até a cafeteria fechar? Por favor, é mais fácil de lidar com os clientes.

Alegria de pobre dura pouco.

Gente, que tipo de trabalho escravo é esse? Sei que tô sendo paga, mas já estou morta de cansaço. Além de ser super perigoso voltar sozinha para casa uma hora dessas

- Claro, posso sim – tentei fingir meu melhor sorriso

Realmente preciso treinar minha habilidade de dizer não quando não quero. Vai dar tudo certo, são apenas só mais 2 horas, eu consigo. Mas irei mandar uma mensagem para meus pais, não quero que eles fiquem preocupados com a demora.

Mama, hoje o trabalho vai até um pouco mais tarde. Não se preocupe. Avise ao papai. Amo vocês <3.

. . .

Finalmente meu eterno expediente acabou, já estou arrumando minhas coisas para não dar tempo Vero pedir que eu durma na cafeteria, não estou duvidando mais de nada.

- Camila? – tomo um susto com a voz da Lauren que veio de repente – Eu vim perguntar se você não quer uma carona, as ruas de Miami são bem estranhas nesse horário.

Eu realmente quero aceitar, sei que é perigoso mesmo, mas estou morrendo de vergonha.

- Não precisa, tá tudo bem – menti

- Você pode aceitar, não tem nenhum problema. Não tem ninguém da Universidade aqui – ela insistiu

- Ok, você me convenceu. Está perigoso mesmo – me deu por vencida

- Vamos – Lauren foi me guiando até aonde estava o carro dela no estacionamento

O clima entre nós no carro estava indo estranho, beirando o constrangimento. Me pergunto se isso é tesão reprimido da parte dela, porque da minha é. Eu mal sei como agir.

De repente, Lauren foi parando o carro lentamente e estacionando.

- Você também está sentindo isso? – Lauren perguntou – Esse clima entre nós – tentava explicar – Desculpa falar isso, eu não sou boa em guardar as coisas para mim mesma – ela me olhava atentamente e eu não conseguia decifrar o que ela estava pensando

Não sei exatamente o que aconteceu nesse segundo, mas eu a beijei. Eu não deveria ter feito isso, eu sabia que não deveria ter aceitado a carona que ela me ofereceu. Mas o inesperado aconteceu – ao menos para mim – Ela retribuiu o beijo, está pedindo passagem com a sua língua lentamente e pôs a mão na minha cintura firmemente.

Eu ainda não consigo entender toda a situação, mas eu preciso de mais.

Na pior das hipóteses, eu recebo um não. Até agora, foi tudo lucro. Eu não esperava por nada disso.

- Você quer parar? – perguntou quando nos faltou ar para continuar o beijo

- Podemos ir pra sua casa? – perguntei com um sorriso de canto de boca

- Parece uma ótima ideia – ela concordou rapidamente, ajeitou o cabelo e voltou a dirigir

 Agora eu tinha que avisar novamente aos meus pais, meu Deus... tomara que não reclamem, para diminuir as chances de ser descoberta, vou falar que irei pra casa da Mani.

Mama: Oi mãe, Mani me chamou para dormir lá hoje. Noite das meninas. Vejo vocês amanhã, tudo bem?

Acho que ela estava esperando alguma mensagem minha, pós logo após respondeu

Tudo bem, mi hija. Só tenha cuidado, beijos.

. . .

- É um apartamento bem bonito – falei impressionada

- Que bom que gostou – sorriu – Ainda não conheceu o quarto – Lauren segurou minhas mãos e foi subindo as escadas comigo, me levando até seu quarto

- Chegamos – ela abriu a porta – Vem – me segurou pela a cintura e me deitou na cama, enquanto beijava lentamente meu pescoço e ia tirando meu short e calcinha, enquanto eu puxava minha blusa para cima.

Após tirar minha roupa, fui puxando seu short e calcinha e ela terminou de tira-los. Tirei meu sutiã, e em um piscar de olhos, ela começou a massageá-los, o que me fez gemer baixinho em seu ouvido.

Cansei do joguinho dela, empurrei ela que estava em cima de mim para o outro lado da cama, ficando por cima e comecei a rebolar. O que a fez gemer alto, segurou minha bunda a fim de controlar os movimentos e talvez aumentar a pressão.

- Assim, Camila, não para – a obedeci e não parei por alguns momentos.

Quando vi que ela estava perto, parei. Eu também estava perto, então não foi fácil, mas iria valer a pena

- Porque você parou? – ela esbravejou e eu apenas ri – Para de rir, tô falando sério, Camila! – apenas fui descendo minha boca até chegar na sua vagina e começar a chupar – ela soltou um longo gemido e eu quase gozei com isso.

A noite não acabou por aí, foi muito longa, se posso dizer, acho que gozamos umas cinco vezes. Foi uma das melhores de sexo da minha vida.

Só não foi uma decisão muito prudente, pois amanhã tenho aula logo de manhã e estarei morta de cansada.

São 3 horas da madrugada, daqui a 3 horas tenho que me arrumar para sair.

E além do mais, não posso esquecer que Lauren é minha professora e isso não pode acontecer, ela pode sair prejudicada. Eu nunca seria capaz de prejudica-la, mas existe muitas pessoas que querem prejudicar alguém por razão nenhuma, e se alguém de má índole descobrir isso... Eu não quero nem pensar no que pode acontecer.

Mas enfim, vou deixar pra me preocupar mais tarde, preciso descansar.

- Foi maravilhoso, meu Deus – Lauren suspirou cansada do meu lado

- Foi mesmo – falei sem acreditar no que estava acontecendo

- Vamos dormir, amanhã pensamos racionalmente sobre isso – ela falou e eu concordei – Boa noite, Camila

- Boa noite, Lauren


Notas Finais


to voltando rapido hein kkkkkkkkkjj
gente, to super feliz com os fav!!! seriao <3 mt obg.
por favor comentem oq tao achando, motiva muuuuuuito.
falem se estao gostando do ritmo da historia, essas coisas.. :D

mas mudando de assunto, cuidem nessa quarentena viu. todo mundo lavando as maozinhas e usando alcool em gel. tentem não sair de casa! todo amor e positividade do mundo pra vcs :))


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...