1. Spirit Fanfics >
  2. The green eyes >
  3. Você é incrível

História The green eyes - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Genteeee to morreni de sono kkkkk
O capítulo de hoje tá pequeno mas foi de coração viu? Espero que gostem

Capítulo 5 - Você é incrível


Fanfic / Fanfiction The green eyes - Capítulo 5 - Você é incrível

Ao estacionarem na frente da casa de Lena, as duas desceram do carro rapidamente e adentraram a casa. Ao chegarem na sala Liam estava com roupas de frio e enrolado em uma coberta, e Sam estava ao lado dele lhe fazendo carinho. 

  -Lee- disse Sam se levantando e indo abraçá-lá- ele começou a me dizer que estava com muita dor na barriga, eu pensei que pudesse ser só gases ou algo assim mas um tempo depois ele começou a me dizer que estava com muito frio e eu arrisco dizer que ele está com febre.- foi lhe explicando- entao eu fui procurar um remédio para abaixar a temperatura dele mas não encontrei, quando eu ia te mandar mensagem pra perguntar aonde o remédio estava minha mãe me ligou e me avisou sobre meu pai. Me desculpem por acabar com o encontro de vocês mas eu preciso mesmo ir- terminou Sam exalando preocupação e culpa na voz.

  -Não precisa se desculpar Sammy, não foi culpa sua. Obrigado por ter cuidado do Liam, e cuide do tio Cal por mim.- respondeu Lena dando um abraço na amiga que logo depois saiu em disparado para a porta.-Ei filhinho... a mamãe voltou, oq vc tem?- perguntou Lena com uma voz doce e acolhedora, se esquecendo completamente que Kara estava lhe observando. 

  -A minha baliga tá dodói mamãe- choramingou Liam levantando e indo se sentar no colo de Lena, que ao pega-lo se deu conta do quão quente o menino estava.

  -Meu Deus, vc tá fervendo!- exclamou Lena com preocupação na voz.

  -Quer que eu faça alguma coisa? Pegue algum remédio ou algo assim?- Falou Kara, se fazendo presente pela primeira vez na sala atraindo a atenção dos dois pares de olhos verdes.

  -Oi tia bonita, o Liam tá dodói- Falou o menino, com os olhinhos cheios de lágrimas e uma voz trêmula. Lena não sabia se ficava surpresa com o jeito que o garoto falou com Kara, ou se chorava junto com ele, ela odiava vê-lo assim.

  -Não se preocupe amiguinho, sua mãe vai cuidar de vc e eu sei que o Liam é bem forte e vai ficar bom já já- Disse A Danvers, se sentado do lado de Lena e Liam no sofá, o menino apenas concordou e deitou com a cabeça no Ombro de Lena- Vc quer que eu pegue algum remédio enquanto vc fica aqui com ele?- perguntou a loira em tom baixo, na tentativa de não chamar tanta a atenção do garoto, somente de Lena.

  -No armário da cozinha que fica em cima do microondas  tem varias caixinhas e potinhos de remédio, do lado direito tem uma caixinha com dipirona dentro, pode pegar ela pra mim?-questinou Lena olhando nos olhos de Kara, que prontamente balançou a cabeça em sinal de positivo e foi se levantando-Aaa e na gaveta em baixo do Microondas tem talheres, pode pegar uma colher pequena também.- completou a morena um pouco mais alto para que a loira escutasse.
  Instantes depois ela volta da cozinha com o remédio, a colher e um copo d’água.

  -Liam,filho.- chamou Lena tirando o menino que descansava a cabeça no seu ombro e o sentando no sofá- vamos tomar remedinho pra vc melhorar né?- perguntou a morena com a voz doce e infantil que estava deixando a Danvers encantada.
  Ele então tomou o remédio todo e logo depois bebeu água, devolveu o copo para Lena e se encolheu no sofá se enrolando na coberta. 
  Quando Lena ia se virar para a loira pra se despedir e agradecer pelo encontro e ajuda, o menino vomitou em todo o sofá, colocando pra fora toda sua janta e consequente todo o remédio que acabara de tomar. Ao perceber que tinha vomitado e estava todo sujo e com dores, o pequeno começou a chorar. 

  -Aí Deus, não chora filho já passou- disse Lena fazendo carinho nas costas do menino e esperando que ele vomitasse mais caso precisasse- pronto? Ou ainda tem mais coisa na sua barrinha?- perguntou carinhosamente, tentando tranquilizar o menino.

  -A-acho que não- respondeu o menino soluçando com uma voz tristonha que partiu o coração da loira em milhões de pedaços.

  -vamos tomar um banho rapidinho então - disse Lena carinhosamente pegando o menino todo sujo no colo- Obrigado por ter me ajudado Kah, e pelo encontro também.- Falou Lena,pensando que quando saísse do banheiro a loira já teria ido embora.

  -Não precisa agradecer, voce quer ajuda com algo? No banho ou pra pegar a roupa dele?- se ofereceu Kara, mas a morena rejeitou e a tranquilizou dizendo que conseguiria e foi para o banheiro, perdendo a loira de vista.
  Após dar banho nele, troca-lo e deixá-lo na cama, Lena foi para a sala pra limpar o sofá e encontrou uma linda loira dormindo feito um anjinho sentada em uma das poltronas da sala, o sofá estava todo limpo e o copo d’água e remédio não estavam mais na sala. A única reação que a morena conseguiu ter foi sorrir, Kara Danvers realmente não podia ser real.

  -Kah, eii Kara- chamou a morena agachada na frente da Danvers e a fazendo despertar.

  -Oi Lena, como ele tá? Ele conseguiu dormir? A febre dele diminui?- questinou em um fôlego só fazendo a mais baixa abrir um sorriso ainda maior, Kara se importava com Liam e nem o conhecia direito- Ele ainda está com dor? Se vc quiser eu posso levar vcs pro hospital né? Até por que vai que seja algo serio e...-foi interrompida de suas milhões de perguntas e preocupações por um beijo, que começou com um breve selinho mas assim que se deu conta que Lena estava lhe beijando a loira logo pediu passagem para a língua, que foi completamente concedida pela morena. O beijo foi doce, carinhoso e muito...surreal? Exato! surreal! 
  A velocidade foi diminuindo lentamente até o beijo se transformar em varios selinhos carinhosos. Quando elas abriram os olhos e os olhos azuis se encontraram com os verdes, foi como se o tempo parasse completamente, elas ficaram se encarando e sorrindo como duas adolescentes apaixonadas.

  -Promete que toda vez que eu falar demais vc vai me calar assim?- sussurrou a loira em um tom brincalhão, fazendo Lena sorrir ainda mais.

  -Será um enorme prazer- entrou na brincadeira a Luthor- Obrigado- disse Lena em um sussurro, a loira sorriu e levou uma de suas mãos a mandíbula da morena, deixando um leve carinho com o polegar ali- Vc é incrível. - Falou a morena encarando os lábios avermelhados de Kara e a beijando logo depois.


Notas Finais


Bom pexoas é isso! Me digam oq querem no próximo cap que eu vou claramente considerar a vontade de vcs! Espero que tenham goxtado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...