História The Heart Of Ice - Noragami - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Noragami
Personagens Bishamonten, Daikoku, Iki Hiyori, Kofuku, Nora, Personagens Originais, Yato, Yukine
Tags Drama, Hiyori, Iki Hiyori, Kim Cute Yu, Noragami, Noragami Aragoto, Romance, Yaboku, Yato, Yukine
Visualizações 8
Palavras 907
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello, caramelos!
Estou de volta com um novo capítulo totalmente revisado, e que, eu acho que esteja sem erro nenhum.
Mas é totalmente impossível um capítulo não conter erros de digitação, português e ortográficos.
Bem, boa leitura.

Capítulo 3 - A lembrança do passado e o encontro.


Fanfic / Fanfiction The Heart Of Ice - Noragami - Capítulo 3 - A lembrança do passado e o encontro.


Hiyori P.O.V's



É, finalmente um amigo, que ao menos  eu acho que posso confiar.

O bom é que ele estudará na mesma escola que eu,  por estamos num novo ano, um ano totalmente diferente do ano anterior.

Vale destacar algo sobre a escola que eu estudo, a Aragoto School, ela é como um internato, há diversos alas de dormitórios, que, em cada um deles há três camas, uma para cada pessoa.


Ano passado eu fiquei no mesmo dormitório que duas garotas, uma chamada  Miyu, e a outra garota se chamava Akami, esta era a que mais me humilhava, espalhava maus rumores de mim e me agredida verbalmente. Foi um azar e tanto ter ficado com ela como colega de quarto, o pouco de sorte que eu tive,  por pouco tempo, foi ter ficado no dormitório de uma garota inicialmente gentil e amigável, que era a Miyu, que após um tempo passou a fazer o mesmo de Miyu, fazendo as mesmas coisas. 

Claro que deve haver um motivo para todo esse ódio vindo das duas, mas conheço apenas o lado de Miyu:



Quando nós éramos crianças estudávamos na mesma escola, ela era uma pessoa legal comigo, mas então chegou um menino novato na nossa turma e ela começou a gostar desse garoto. Só que, este começou a gostar de mim diretamente, e eu não tive culpa alguma, eu nem sequer falava com este menino!


Até que se passaram alguns dias e ela continuava mais apaixonada.  E com isso, parou de falar comigo e começou a agir friamente comigo, e isso apenas porque ele não gostava dela.

E então, chegou um dia que ela me chamou para conversar, e nesse dia, ela estava bastante séria:


Flashback


—  Hiyori… — Começou, e eu sentia sua irritação em sua expressão. Senti um arrepio correr meu corpo. — Sabe aquele garoto,o 9garoto novo? — Franzi o cenho, por falar nesse assunto, sendo que eu nem me interessava. 

Apesar de este garoto não ser mais um novato na nossa escola, ela continua o chamando  assim por não saber seu nome.


— O que tem? — A respondi receosa, com outra pergunta. Um rosto sem expressão era o dela naquele momento. Dava pra perceber sua raiva, era aparente.



— Eu quero que você se afaste dele. Se afaste completamente! — Gritou irritada. E eu fiquei meio confusa pelo que havia dito, afinal, eu nem sequer sou próxima ao garoto. Mesmo não estando com medo eu estava bastante nervosa, todos sabem do que ela é capaz. 


Aquelas pequenas mãos carregam o fardo de um quase assassinato, de sua melhor amiga, e isso, recentemente veio de acontecer. 

Ela realmente estava irritada. Eu já sei o que tenho de fazer, pois não quero nenhuma confusão, e de qualquer forma, não tenho culpa alguma se o garoto não expressa interesse nela.

Apenas assenti, aceitando sua proposta. Depois disso, ela caminhou, indo embora, e antes de sumir completamente, me olhou e Sorriu debochando.

 Depois de todo esse acontecido, meus pais adotivos me tiraram daquela escola, e foi assim que vim parar na Aragoto School.


Flashback Off



Só viemos nos reencontrar no ano passado, quando nós ficamos nos mesmos dormitórios. 

Espero que eu não fique novamente no mesmo que ela, seria novamente o mesmo pesadelo, ou, que ela simplesmente tenha saído desta escola.



Pensando bem, totalmente impossível ela sair. Ela com certeza, definitivamente, não vai querer sair, porque eu fiquei sabendo que esse garoto de muito tempo irá estudar na mesma escola que a nossa, ao menos foi o que eu ouvim 

Eu não sei se isso será bom ou ruim, porem, eu não tenho com o que me preocupar, mesmo que ela continue me irritando esse ano todo.

Pelo menos, eu não serei idiota como antes,  irei ter coragem e enfrentar tudo o que vier pela frente, agora, eu pelo menos acho que tenho alguém para confiar.


E falando nisso...


Naquele dia, viramos bastante amigos  e agora, mantemos contato a todo momento.



[...]




Faltam exatamente três dias para a volta às aulas e eu me sinto totalmente confiante e ansiosa, serei uma pessoa diferente e mais confiante. Se passou uma semana desde que conheci Yato, e realmente posso ter certeza que ele é meu amigo, depois de me ajudar bastante esses dias.


A cada dia que passou dessa semana, eu fui me tornando mais amiga dele, e fui ficando mais feliz, de fato, a presença dele me faz feliz.

...



Eu estou deitada na cama refletindo sobre esses dias, quando uma mensagem chega no meu celular, seguida por uma leve vibração, que me fez assustar.



"O que acha de vir a um lugar comigo? quero que você conheça um amigo meu de infância."


 Rapidamente o respondi com um:

                                                                                                                                                                                                                         "claro"


Obviamente, aceitei seu convite, e sorri após ler novamente sua proposta.


Iriamos à uma sorveteria às 4hrs da tarde, é ainda eram 2:12 de mesmo turno, está muito cedo. 


— Se eu dormir um pouco…

Coloquei o telefone celular para alarmar antes do horário que eu deveria ir ao lugar marcado.


[...]



Acordei com um barulho vindo de meu celular, ela o alarme que eu havia colocado.

Finalmente decido abrir os olhos para dar uma olhada no horário.

Eram exatamente 3:49 hrs da tarde, essa não…


— Eu vou me atrasar, droga!! — Saltei da cama e corri em direção ao banheiro. Mas, lembro que tenho que arrumar a cama e volto, arrumo-a e volto dando pulos, por finalmente perceber o quanto o chão está frio.

Continua...

           

                                                                                                                                                            


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
Essa lembrança...
Até o próximo, e obrigada por lerem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...