História The Hidden Hope - Jhope (BTS) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jung Hoseok (J-Hope), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys, Boxer, Bts, Hoseok, Jhope, Luta
Visualizações 481
Palavras 882
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Pra quem ja leu alguma história minha, sabe que gosto de coisas perigosas e essa não vai ser diferente :3 vai ter muita ação e muita paixão também.
⚠AVISOS⚠ :

A fanfic será atualizada 1 Vez por semana, todos os sábados ou domingos. Durante a tarde ou anoite.

Boa leitura :3

Capítulo 1 - O Começo de Tudo


Fanfic / Fanfiction The Hidden Hope - Jhope (BTS) - Capítulo 1 - O Começo de Tudo

- S/n, Pelo amor de Deus para quieta.

- Estou Animada mamãe. Papai jaja vai chegar eu quero ver ele

- Eu sei que quer querida. Afinal, esta fazendo finalmente 9 Aninhos. Ja é uma linda mocinha! - Eu sorri, Como disse minha mãe. Eu ja era uma linda mocinha. Meu pai chegaria qualquer minuto, qualquer um, ele entraria pela porta e me daria meus parabéns. Eu estava simplesmente Eufórica. Minha mãe tinha arrumado a mesa e a decoração, ela andava pela sala de um lado para o outro, aquela noite prometia.

Um pouco mais tarde naquela mesma noite, eu e mamãe ja nos encontravamos desanimadas. Papai não havia chegado e ja era tarde. Vi ela se levantar do sofá e ir ate o telefone o puxando do gancho da parede. Silêncio.

~ Alô? Takashi? Sou eu Mel, estou ligando para saber de Phelps. Ele saiu de casa para uma luta e não chegou ate agora - Silêncio - Entendi. Obrigado Takashi.

Mamãe desligou e olhou pra mim preocupada. Seu semblante era de confusão. Meu pai era um homem grande e forte, nao era atoa que ele tinha virado um lutador de Boxer. Não existia muitos motivos para ficarmos preocupados com ele. Mas ele não apareceu, no meu aniversário ele simplesmente não apareceu. Adormeci, no colo de minha mãe esperando meu pai. Soque.....ele...não....apareceu....

{10 ANOS DEPOIS}

- Eu to saindo mãe!

- Espere seu irmão S/n.

- Anda logo Gray!!

- Caramba mas você é chata viu. - Revirei meus olhos remetentes a ele. Meu irmão não morava conosco, na verdade ele nunca morou! Ele vivia com minha avó mas de uns tempos pra cá ele realmente ficou próximo de nós.

Eu sei. 19 anos é muito tarde para ainda esta na escola, mas fazer oque? As pessoas repetem sabia? E alem do mais eu ja estava no último ano.

Não existia nada que me desgostasse mais doque passar em frente aquele ringue de Boxer que tinham colocado no meio da Praça. So fazia eu lembrar do..... eu odiava aquele esporte, e eu sabia de quem era a culpa. Mas infelizmente morava em um dos bairros com maior atividade desse esporte. Passei olhando para os homens ali em volta e meus olhos foram parar no pescoço de um deles. Era um colar de corrente fina, provavelmente Ouro Branco. Tinha um pingente que era uma chave, eu não consegui disfarçar minha admiração. Era mesmo muito lindo, mas antes que eu podesse olhar para o rosto do homem que o estava usando, Levei um susto com alguém gritando e me virando eu vi uma bicicleta desgovernada na minha frente!

Nós colidimos e eu desacordei. A última lembrança na minha mente, foi aquele pingente do homem que eu não consegui nem mesmo ver o Rosto!

Acordei no colo do meu irmão, estavamos na calçada e eu tinha um grande ematoma na perna bem roxo, provavelmente eu não iria conseguir andar.

- Eu vou te levar pra casa - Meu irmão me levantou no colo mas eu me soltei

- ME SOLTA GRAY, eu não sou uma invalida eu consigo andar sabia?

- Claro, se tentar andar com a perna assim ela vai acabar caindo!!

- Ai que exagero - Fiquei em Pé me apoiando a ele mas assim que toquei a perna no chão ela doeu insuportávelmente e eu cai

- VIU SO?

- PARA DE GRITAR. E VOCÊ NAO VAI ME LEVAR NO COLO NEM QUE EU TENHA QUE IR PULANDO IGUAL SACI

Um homem de meia idade se aproximou vendo nossa discussão.

- Eu posso me oferecer para levar vocês ate o hopistal de carro - Observei ele por um momento e olhei seu pescoço, não tinha nada ali. Percebi que os outros homens que eu tinha visto antes Não estavam mais la.

- Claro...obrigado - Meu irmão disse e bom....eu realmente precisava cuidar daquela perna. Nós ate pensamos que ele era um maluco assassino ou qualquer coisa do tipo, mas eu não tava nem ai se era e vi que muito menos meu irmão.

- Somos jovens imprudentes - Olhei pro meu irmão e nós dois rimos. O homem entendeu a referência.

- Calma, eu realmente so quero ajudar. Trabalho com um esporte onde as pessoas estão o tempo todo se machucando e sei oque pode acontecer com uma contusão não cuidada.

- trabalha com boxer? - Perguntei curiosa.

- Sim a mais de 15 Anos - Agora eu entendia oque ele estava fazendo perto daquele ringue de Boxer. Me subiu uma vontade enorme de perguntar o nome do homen que estava usando aquele colar, mas eu nem mesmo sabia porque estava tão interessada.

- Senhor...

- Yamashita

- Am? - Perguntei confusa

- Meu nome é Yamashita. - Fiz um "Aah"

- Sabe...tinha um homem la, com um colar muito bonito. Eu realmente gostei, queria saber o nome dele pra poder perguntar onde ele comprou eu quero um igual - Inventei qualquer coisa pra que ele me desse pelo menos uma pista. Mas me assustei quando vi o olhar dele pelo retrovisor, eu não tive coragem de falar mais nada...

Chegamos no Hospital, ele nós deixou la e foi embora. Eu não tive nenhuma resposta e não sabia se iria ve-lo denovo. Oque restava era desistir....Ou não.... anotei o número da placa dele. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Me sigam para ler minhas outras fanfics :3 ❤ Bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...