1. Spirit Fanfics >
  2. The identity imagine rosé (blackpink) >
  3. Perdendo a cabeça

História The identity imagine rosé (blackpink) - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


Opa blz ?
Boa sorte kk

Capítulo 18 - Perdendo a cabeça


Fanfic / Fanfiction The identity imagine rosé (blackpink) - Capítulo 18 - Perdendo a cabeça

S/n narrando 

Por que???? Era tudo que eu pensava....por que ela agiu assim do nada???? Por que ela foi tão grossa??? Por que mesmo depois de tudo isso eu ainda a amo??? -aut: por que és burra- 

S/n: ahhhhh eu sou uma idiota -me levanto com tudo passando minhas mãos em meus fios de cabelo-

Vou na direção da cozinha pegar um copo de água até ver uma garrafa de Whisky em cima da geladeira e pensar....por que não???,pego a garrafa na minha mão...mais beber sozinha é muito chato -fico por um tempo pensando enquanto olhava a garrafa até lembrar de alguém-

S/n: jay - estralo meus dedos e pego meu celular ligando pra ele-

Ligação On

Jay: s/n ??? Quanto tempo gatinha

You: oi jay,é,faz muito tempo mesmo

Jay: a que devo a honra desta ligação?

You: besta,eu tava afim de me divertir um pouco

Jay: decepção amorosa né?

You: o-oque? Não c-claro que não

Jay: nem venha s/n eu te conheço,mais já que você ta querendo esquecer isso e tals...não vou fazer nem uma pergunta,por enquanto

You: hum,blz então

Jay: tem uma festa na casa do rei,partiu??? Ele vai ficar muito feliz em te ver denovo

You: jackson não me decepciona nunca -risos- também to com saudades dequele retardado,partiu vou me arrumar

Jay: fecho então,te pego daqui duas horas

You: hum de que jeito???

Jay: do jeito que você quiser princesa

You: ah besta,não sabe nem brincar -risos-

Jay: -risos- deu mole é vapo

You: nossa depois dessa vou até me arruma,beijos

Jay: beijos até daqui a pouco

You: até

Ligação Off 

Hora de me arrumar

Q.D.T

Depois de tomar banho pego uma roupa simples já que não é nem uma festa chique nem nada resolvi ir bem casual...sem dizer que eu já conheço praticamente todo mundo lá, então optei por um short "curto" coladinho,um cropped da mesma cor uma jaquetinha de couro básica uma bota....resumindo ? Tudo preto (link nas notas finais)

S/n: daqui a pouco o jay vai chegar -assim que termino minha frase minha campainha toca-

Vou na direção da porta e a abro,era o jay e ele estava com uma blusa moletom e por cima dela uma blusa jeans e uma calça langa cinza (link nas notas finais)

S/n: aonde vai com tanto frio ?

Jay: -risos- idiota isso é estilo

S/n: misericórdia,acho melhor eu ficar quieta

Ele me entrega o capacete então subimos em sua moto indo na direção da casa do jack

Q.D.T

Farra,curtição gente se pegando,e muita,muita bebida essas são as palavras chaves dessa festa

Estava dançando na pista até chegar um homem e começar a me encoxar,mais como eu tava doidona apenas liguei o foda-se e fiz a mesma coisa

Jay: ai mané -falou pro cara que eu estava me esfregando- sai de perto dela

Cara: vai -soluço- fazer oque se eu não sair ?

Jay chega perto dele e pega forte em sua camiseta

Jay: vou te arrebenta de porrada filho da puta -disse sério olhando no fundo dos olhos dele-

Jack: opa opa opa pessoal -chega do nada- isso aqui é uma festa não o mma

-Jay tira a mão do rapaz-

Jay: fique longe dela -aponta o dedo pra ele e me segura um pouco forte me tirando dali-

S/n: ah jay porra

Jay: s/n você ta muito chapada sério mesmo acho melhor eu te levar pra casa

S/n: e que tal a gente ir pra sua? -passo meus braços ao redor de seu pescoço-

Jay: o-okay s/n você não tá bem mesmo...

S/n: porque daddy ?

Jay: S/N!!!! PARA DE FOGO NO CÚ -ele me repreende tentando tirar meus braços de seu pescoço-

S/n: por que não acaba com ele então hum ???

Jay: você ta bêbada s/n eu não vou fazer isso

S/n: eu -soluço- estou bem consciente ta legal garanhão

Jay: puta merda,primeiro quem fala garanhão hoje em dia??? Segundo você ta bêbada sim,por que se não estivesse não estaria querendo tranza comigo

S/n: e por que não???

Jay: a não sei....talvez seja por que VOCÊ É SAPATÃO??? -no momento em que ele falou isso a musica acaba e todo mundo olha pra nois dois então do nada começa a vir muitas garotas na minha direção-

Garota: iae gostosa bora dá uns pega ?

Garota 1: não bb vem comigo

Garota 2: não quer ver meu showzinho particular hum?

Todas elas estavam falando ao mesmo tempo até que do nada tudo fica escuro.

____________________________________

Acordo com uma baita dor de cabeça olho para frente e percebo que estou na minha casa especificamente no sofá da minha sala

Yeji: você não tem jeito né s/n -fico sentada-

S/n: oque exatamente eu fiz ?

Yeji: só por que tevê uma briguinha com a Rosé resolvel ligar o foda-se e beber novamente??? 

S/n: ..........como sabe que eu briguei com a Rosé???

Yeji: a-ah b-bom....i-isso não interessa ok??? Não vem mudar de assunto

S/n: ai yeri -soluço- por que não para de falar e me come logo ???

Yeji: assim do nada s/n ??? Você sabe que não fica bêbada se não quiser né ????

S/n: e quem disse que eu não quero??? -soluço- A sensação de estar bêbada é tão boa

-Yeji passa sua mão direta em seu rosto e respira fundo-

Yeji: eu tenho que ter paciência com uns povo desse -coloca as mãos na cintura-

Vou até ela sem falar nada pego suas mãos e coloco ao redor da minha cintura e passo meus braços ao redor de seu pescoço

S/n: por que não perde a cabeça comigo hum??? -roço meus lábios nos lábios da maior-

Yeji: s-s/n para -solta suas mãos da minha cintura-

S/n: eu sei que você quer yeji

Yeji: você ta bêbada e só vai me usar pra esquecer a ro...- a interrompo-

S/n: NÃO,fala esse nome -apento meus punhos- você me tirou da festa e não quer transar comigo

Yeji: não é que eu não queira...

S/n: ah quer saber ? Eu vou beber que eu ganho mais,aish -me viro de costas indo na direção da cozinha- passiva -ama pra que eu fui fala isso...quando me dei conta tava no meu quarto olhando pro teto NUA até senti um ventinho a mais lá em baixo me dando conta que já estava de pernas abertas,olhei pra frente ta satanás  me encarando com uma algema na mão e um sorriso pervertido no rosto.-

Yeji: você vai ver que é a passiva de verdade -vai para o lado da cama-

Por "impulso" me sento e entrego meus polsos para ela me prender

S/n: mais oque??? -eu não estava tendo controle dos meus movimentos-

Yeji: boa garota -me prende indo para meu pescoço o cheirando e chegando no meu ouvido falando-

Yeji: eu vou te fuder todinha -falou rouca fazendo um arrepio percorrer meu corpo-

Sou um ser humano gente...também tenho minhas fraquezas

Aut: é...mais ou menos né

Ah você me entendeu

Aut: ninguém mandou cutucar a onça com Vara curta

Mais a história não é sua ?

Aut: quer que eu faça oque??? Me fantasie e dance a hula???? Meus leitores são safados meu anjo

Yeji: não sei se perceberam,mais eu estou prestes a punir a s/n então...

Aut: ata verdade...foi mal,continuado

S/n: NÃO EU QUERO MEUS ADVOGADOS E -yeji estrala os dedos então um pano aparece na boca de s/n-

S/n: filha da puta -fala com dificuldade por causa do pano em sua boca-

☆Autora narrando☆

Yeji Então da um tapa na coxa de s/n a fazendo Gemer por impulso

S/n: yeji...só me fode logo -fala ofegante ainda com o pano em sua boca-

Yeji Então tira o pano da boca de s/n

Yeji: quero que você gema meu nome bem gostosinho -prende as mãos de s/n que já estavam presas na cabeceira da cama e então sem preliminares começa a chupar como um bebê faminto os seios fardos da menor-

S/n dava pequenos gemidos enquanto sentia seus seios sendo chupados com vontade pela mais velha que parecia estar se divertindo com a situação

S/n: y-yeji me chupa vai -a mais nova fala com um certo desespero por estar exitada- 

Yeji apenas ri e fala

Yeji: não se esqueça que isso é uma punição -bate novamente na coxa da menor ouvindo a mesma soltar um gemidinho- babygirl

Yeji desce seus beijos até a barriga de s/n a deixando marcada sem esquecer nem um cantinho da mesma, finalmente chegando onde queria,a mesma vê  a intimidade da menor totalmente molhada fazendo uma pontada invadir seu útero

Yeji: já molhadinha hum -passa seus dedos nos lábios vaginais da menor fazendo uma lave pressão ali vendo a mesma se contorcer por estar um pouco sensível-

S/n: para de me torturar mommy e me fode logo -dito isso yeji literalmente cai de boca na perigosa sugando o clitóris de s/n com vontade-

S/n: own porra...hum me awn caralho -começa a falar palavras desconexas por causa do prazer que a mesma sentia-

Yeji Então enfia dois de seus dedos dentro da entrada de s/n a estocando sem dó (afinal aquilo ainda era uma punição) não demorou muito até  mesma sentir seus dedos sendo esmagados pela intimidade de s/n deixando claro que a mesma gozaria logo,então ela tira seus dedos do interior da mesma enquanto recebia um gemido de reprovação

S/n: eu..ia...goza -fala ofegante tentando normalizar sua respiração-

Yeji: esqueceu que isso é uma punição ???

S/n: amas você não vai me deixa sem goza né ???

Yeji: não sei...

S/n: por favorzinho yeri,sério por favor

Yeji: deixa eu me divertir mais um pouquinho então -ela estrala os dedos fazendo os olhos de s/n se arregalarem por ver oque tinha na mão da mesma-

S/n: não não não -fecha suas pernas mais yeji tem magia...então a usa para  abrir as pernas de s/n denovo-

Yeji: sim sim sim -enfia o vibrador no interior da garota e o liga no máximo o deixando ali vendo a menor se contorcer-

S/n: anw yeri humm a-ah s-sua filha d-da puta humm own caralho -ela respirava ofegante enquanto yeji apenas ria da situação-

Depois de um tempo yeji tira o vibrador de dentro de s/n e a penetra não muito forte e começa a chupar enquanto continuava a penetrando

S/n: own y-yeji e-eu hum -pucha ar entre os dentes- v-vou gozar - falado isso a mesma goza nos dedos de yeji que faz questão de chupalos e "limpar" a bucetinha de s/n que ainda se encontrava com um pouco de orgasmo-

Yeji Então tira as algemas de s/n e a beija com vontade e desejo,depois de um tempo se beijando s/n inverte as posições das duas ficando por cima

S/n: agora é minha vez 

Q.D.T 

Pela manhã 

S/n narrando 

Acordo com o sol batendo em meu rosto me levanto e faço minha higienes,logo depois indo pra cozinha tomar um café,yeji saio hoje mais cedo pra algum lugar falando que teria que resolver alguns assuntos pendentes e antes de sair a mesma me roubou um selinho

Depois de fazer tudo que tinha pra fazer resolvo meditar, afinal yeji me disse que meditar flutuando ajuda a me concentrar mais,melhorando no desenvolvimento dos meus poderes


Já fazia mais ou menos uns 15 minutos que estava meditando até ver a porta da sala sendo aberta

Pai: olha só quem ta de...s/n ???? -o mesmo olhava pra mim assustado-

S/n: p-pai ?

Mãe: s-s/n v-você ta flutuando???

S/n: to não -paro de flutuar-

Pai: BRUXA -pega sua arma apontando para mim e atirando-

Mãe: NÃOOOO

Fecho meus olhos com força esperando a dor vir então sinto braços rodeando meu corpo e uma luz forte que mesmo de olhos fechados conseguia ver,e quando os abro denovo percebo que estava...estava voando???

XXX: denada -uma voz conhecida se pronuncia e quando eu olho pra cima....-








Suspense hehe




                         

























Desce mais






















Mais um pouco 

































Só mais um pouquinho 


























Parei kk















                    JISOO ?????


Notas Finais


Roupa s/n: https://pin.it/3YKMwHf

Roupa jay: https://pin.it/2NUzA0W

Interajam comigo genteeee,e se quiserem,podem fazer perguntas para os personagens responderem👍

Até o próximo capítulo 😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...