História The last breath - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Tags Bts, Jikook, Namjin, Suga, Vhope, Yoomin
Visualizações 7
Palavras 627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Nossa primeira vez


Fanfic / Fanfiction The last breath - Capítulo 7 - Nossa primeira vez

Jimin narrando

Estava na sacada, já era noite, os meninos foram a um bar, resolvi ficar. Aliás, jungkook ficou comigo, finalmente o tenho ao meu lado, essa sensação é incrível, não consigo dizer o quanto amo o meu melhor amigo/namorado, nunca achei que estaríamos aqui.


- No que está pensando? - Ele me abraçou por trás pondo a cabeça no vão do meu pescoço.


- No quanto o destino é imprevisível, só nos meus sonhos estaríamos juntos - falei sorrindo. Ele me virou pra ele.


- Prometa que estaremos juntos pra sempre


- Kookie, você sabe que isto é impossível


- Tudo pode acontecer, prometa que se houver alguma chance de vida, por menor que ela seja, você vai lutar - ele falou já com os olhos marejados - Nunca me deixe - falou antes de me abraçar


- Eu estarei aqui de todo jeito - ficamos abraçados por algum tempo, até que ele me puxou para um beijo


- Ainda não terminamos o que começamos hoje de manhã


- O que? Não consigo lembrar de nada importante - falei sarcástico


- Não? Certeza? - falou voltando a me beijar, caminhamos até a cama sem parar o beijo. Ele tirou minha camisa e logo a dele também, o ajudei com as calças.


Contém hot, (não garanto que esteja bom, mas eu tentei), se na gosta espere para ler o próximo capítulo

Fiz com que Kook deitasse na cama e sentei em seu membro que estava coberto apenas pelo fino tecido de sua cueca, comecei a rebolar devagar, quando sua ereção já estava tão grande quanto a minha, era o momento certo, então tirei seu membro, sem avisos ou demoras comecei a chupa-lo, ele gemeu e inclinou a cabeça para trás, segurou meu cabelo controlando a velocidade


- Minnie - vê-lo gemer meu nome é maravilhoso, quando vi que ele ia gozar parei, ele me virou rapidamente ficando por cima - Não deveria ter feito isto - ele sussurrou em meu ouvido antes de me penetrar, ele fez movimentos lentos, chamei seu nome como se fosse um pedido para que fosse mais rápido, ele atendeu, arranho as costas do mesmo. Ele deu vários chupões em meu pescoço, certeza que vão ficar marcas bem roxas durante no mínimo dois dias, mas ídai? Não ligo. Jungkook usou uma de suas mãos para me masturbar, e caralho, que mãos, gemi e inclinei a cabeça pra trás, cravei minhas unhas em suas costas, não demorou muito para que ele goza-se ainda dentro de mim, gozei logo depois. Ele se deitou ao meu lado e me olhou nos olhos.


- Segundo round? - pergunta com um sorriso malicioso no rosto


- Segundo round - afirmo ficando por cima do mesmo - e agora é a minha vez - falo sem quebrar o contato visual, ele não reclamou então entendi como um consentimento para que eu assim o fizesse.

Fiz uma trilha de chupões partindo de seu pescoço até a cintura, ele curvava a cabeça a cada vez que eu deixava uma marca.


- Se você não aguentar podemos parar, é só avisar - ele assentiu e eu o penetrei, fiquei parado até que ele se acostuma-se, comecei com movimentos lentos e quando vi que a dor estava se transformado em prazer comecei os movimentos mais rápidos. Ele apertou os lençóis, fechou os olhos e soltou um gemido. Testamos algumas outras posições e quando atingimos nosso ápice de novo eu o beijei e deitamos lado a lado.


- Eu te amo


- Eu também te amo - ele respondeu sorrindo, tomamos banho juntos e lá só rolou algumas mãos bobas, ele forrou a cama e deitou, deitei também com a cabeça apoiada no peito dele, senti suas mãos começarem um cafuné e logo dormi.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...