História The last flowers - Chanbaek - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7, TWICE
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Dahyun, Jackson, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, Min Yoongi (Suga), Momo, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin, Yugyeom
Tags Chanbaek, Dahmo, Flores, Hanahaki, Hanahaki Byou, Hunhan, Jikook, Kaisoo, Kristao, Markson, Namjin, Sulay, Vkook, Xiuchen, Yoonseok
Visualizações 93
Palavras 1.191
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Lemon, LGBT, Sobrenatural, Survival, Suspense, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Two


Fanfic / Fanfiction The last flowers - Chanbaek - Capítulo 4 - Two

🌹 movie theater 🌹

Sábado

Baekhyun estava ansioso para encontrar Chanyeol. Jimin os atrapalharia, com certeza. Mas não era culpa do garoto...

Chanyeol esperava Baekhyun e Jimin em frente ao colégio, pois não sabia onde ficava a casa de ambos. Estava ficando impaciente, mas logo Jimin apareceu.

— Cheguei! — O menor pulou em cima de Chanyeol.

— Yaa, que susto! — Disse Chanyeol, rindo e o abraçando.

— Oi.— Chegou Baekhyun, vindo de outra direção.

— Oi! — Chanyeol sorriu, junto do outro Park.

— Oi! — Jimin sorriu.

— Atrapalho? — Baekhyun suspirou, os encarando.

— Não.— Disse o menor.— Vamos? — apontou para o carro.

— Vamos.— Baek deu de ombros, os acompanhando.

Os três entraram no carro, e Baekhyun encarou Hirai Momo, que o observava atentamente. Chanyeol estava na frente com a moça, enquanto Baekhyun e Jimin tiveram que sentar atrás.

— Que filme vamos assistir? — Baekhyun perguntou, disfarçando o incomodo.

— Um de ação.— Chanyeol sorriu.

— Adoro filmes de ação, principalmente aqueles com explosão.— Baek disse.— aqueles que a gente esmaga a pessoa, filmes baseados em Yandere, já viram? Então.

— Wow, qual gênero vocês gostam? — Chanyeol perguntou.

— Qualquer um, menos terror. — Baekhyun suspirou.

— Eu gosto um pouquinho de todos! — Jimin sorriu.

— Eu adoro filmes de terror.— Chanyeol comentou.— é uma pena que você não goste, parece que vou ter que convidar só o Jimin para assistir filmes de terror comigo.

— Mancada! — Baekhyun deu risada.— É só alguém dormir comigo depois.

— Dormimos nós três.— Jimin sugeriu, sem noção do que acabara de falar.

Baekhyun corou e Chanyeol sorriu.

— Desculpem.— Park se tocou do que havia dito.

— Sem problemas, você não pensou no que o Baek pensou, na hora de falar.— Disse o maior, dando risada.

— Ei! Eu não pensei nada... — Baekhyun olhou para a janela.

— No que pensaste? — Jimin perguntou, encarando o rapaz.

Baek tampou a cara com as duas mãos, com o rosto totalmente vermelho.

— Meu Deus como você é poluído! — Jimin entendeu tudo.— Gente, eu nem pensei nisso...

— Eu não disse nada! — Baekhyun tentou se salvar.

— Mas pensou! — Chanyeol riu.

Os três caíram na gargalhada, enquanto Momo revirava os olhos, observando a estrada.

— Se comam logo os três.— Pensava a moça.

— Chegamos! — Hirai procurou uma vaga.

— Ali uma vaga.— Baekhyun apontou.

— Você é um garoto lindíssimo e inteligente igual a sua irmã.— Momo sorriu.

— O-o que?

— Nada.— A garota sorriu, estacionando no local.— Saíam logo do meu carro.

— Nossa! — Jimin riu, saindo do carro.

— Pra que lado nós vamos? — Baekhyun perguntou, totalmente perdido.

— Por aqui! — Os outros dois falaram ao mesmo tempo.

— Eu não conseguiria andar nesse lugar sozinho.— Baek suspirou.

— Por quê? — Jimin perguntou.

— Me perco dentro da minha própria casa.— Disse o garoto.

Os três riram, entrando no shopping.

— Quem vai pagar pipoca pra mim? Fui convidado, não posso pagar nada.— Jimin deu de ombros.

— Eu pago.— Chanyeol sorriu para o garoto.

— Quero pipoca doce.— Jimin sorriu, o encarando.— Sempre tão atencioso. 

— Você conhece ele só faz alguns dias.— Baekhyun revirou os olhos, cruzando os braços.

— Imagine nos próximos.— Jimin sorriu, encarando Baek.— Vocês vão desejar nunca terem falado comigo.

— Como assim? — Perguntaram.

— Você é um amor! — Chanyeol completou.

— Não, eu sou um grude, um estraga prazeres.— Jimin suspirou.— Já dizia o filósofo Byun Baekhyun, "Nos  conhecemos só faz alguns dias."

Baekhyun mostrou a língua, enquanto subiam a escada rolante.

— Yaa, não mostre a língua pra mim! — Jimin fez bico.

— Chegamos de novo! — Falou Chanyeol, indo para a fila do cinema.

— Meu Deus que fila enorme! Está parecendo fila de lotérica.— Jimin, encarou as pessoas.

Os dois riram, mas concordaram, a fila estava mesmo enorme.

— Vamos lá.— O menor disse, entrando na fila.

— Eu comprei os ingressos há dias.— Chanyeol falou.— Não precisamos de fila. 

— Então vamos logo ver o filme! — Disse o garoto.

— Vamos! — Baekhyun Sorriu, animadamente.

Ao entrarem na sala de cinema, os três sentaram nas últimas cadeiras, no meio.

— Perfeito para nós três enxergarmos.— Chanyeol sorriu.

Jimin sentou, e uma pessoa enorme e cabeçuda sentou em sua frente.

— Perfeito pra vocês, porquê eu estou vendo um quilo de cabeça.— O menor cruzou os braços.

— Pode sentar no meu lugar! — falou o maior, trocando de lugar com o loiro.

Ficaram na respectiva ordem: Baekhyun, Jimin e Chanyeol.

— Perfeito, obrigado.— Jimin sorriu.— Mas não vai te atrapalhar a enxergar?

— Nem um pouco.— O rapaz deu risada.

— Mas me atrapalha! — Baek pensou, completamente bravo.

O filme começou, e enquanto a atenção de todos estava no filme, a de Baekhyun estava nos dois ao seu lado. Ambos assistiam ao filme totalmente atentos, enquanto o garoto observava os mesmos. Conseguiu reparar no quão bonito era Park Jimin. Chanyeol jamais gostaria de si...

E ele gostava, apenas tentava um jeito para deixar o garoto enciumado.

— Aconteceu alguma coisa? — Jimin sussurrou, o encarando.

— N-não.— O rapaz voltou a olhar a tela.

Jimin assentiu com a cabeça, olhando para a tela novamente. E então, Baekhyun voltou a olhá-los novamente, e Jimin se sentia incomodado por estar sendo observado demais.

— Tem certeza de que não aconteceu nada? — Jimin perguntou novamente, o encarando.

Baekhyun desviou o olhar na hora, começando a olhar para o outro lado, onde viu um casal aos beijos.

— Estamos de vela para a sala inteira.— Baek sussurrou, totalmente nervoso.

Mas ao olhar para os outros dois novamente, eles estavam com os rostos perto. Baekhyun sentiu um nó se formar em sua garganta, e uma sensação estranha na barriga. Tossiu, fazendo a atenção dos outros dois, voltarem para a tela.

— Vou ao banheiro.— Jimin disse, levantando.

E então ficaram apenas Chanyeol e Baek.

— Acho que não foi uma boa ideia termos vindo ao cinema.— Baek sussurrou.

— Por quê? Não gostou do filme? — Perguntou o maior.

— Não curto muito esse gênero.— Baek se tocou.

— Achei que você gostasse de qualquer um... Desculpe.

— Eu disse que gostava.— Baek suspirou.— Só que...não é o filme que me incomoda, pra dizer a verdade, nem eu sei o que me incomoda!

— Baek...? — Chanyeol o encarou confuso.

— O quê? — O mais novo perguntou, o encarando.

— Eu fiz alguma coisa? — preocupou-se.

— Não. Você não fez nada.— O garoto disse.— só...estou em um péssimo dia.

Jimin voltou para seu lugar, ficando entre os dois.

— Voltei.— O garoto sorriu, os encarando.— Vocês estão tensos, aconteceu alguma coisa?

— Não sei.— Chanyeol deu de ombros.

— E...Baek? — O menor perguntou.

— Nada.— Ajeitou-se na cadeira.

— Você está com uma expressão chateada.— Jimin suspirou.

baekhyun olhou para o loiro, encarando seus olhos. Jimin percebeu um pouco o porquê da tristeza do garoto e acabou por abrir e fechar a boca algumas vezes.

— Olhem só isso! — falou o único animado.— Não acredito que ela vai matar ele!

— Eu também não acredito.— Jimin olhou para o telão, tentando disfarçar.

Baekhyun começou a tossir de novo, várias vezes, como se estivesse entalado com algo.

Não conseguia entender aquilo, ultimamente não conseguia entender absolutamente nada.

Estava gostando de um garoto que sequer o olhava...

  Era o que ele pensava...

🌹🌹🌹🌹🌹🌹🌹🌹🌹🌹🌹🌹



Notas Finais


Olá amores!

Gostaram do capítulo? Fico feliz mesmo assim, ok.

Não joguem hate no jiminzinho, nem em nenhum idol, ok? ❣️

Beijos com Nutella ❣️🌈


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...