História The Last Whisper - (Short - Jin) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), XXXTentacion
Personagens Kim Seokjin (Jin), Personagens Originais
Tags Bts, Imagine Jin
Visualizações 12
Palavras 624
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Sadomasoquismo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaa!!! De volta com mais um capítulo... Mais uma vez, essa fanfic foi feita para ser mais subjetiva e abstrata, e não aqueles romances que estamos acostumados.

Recomendo que escutem a música Save Me - XXXTentation enquanto lêem...

Obrigada AnaCarllaChimim, AliceTammara, MichelleeHoseok, Halasca, SeuAmorVulgoEu, Juhssartae, pudim_bts12 e AlanitoAzanloka que favoritaram a fanfic!! ^^

E, bom, boa leitura 💙💙

Capítulo 2 - Save Me


Fanfic / Fanfiction The Last Whisper - (Short - Jin) - Capítulo 2 - Save Me

Estou sozinha de novo. Deitada nesse chão gelado, com as lágrimas escorrendo pelo meu rosto e depositando-se no chão... Mas essa não é a primeira vez que isso acontece, sabemos disso.
   Todos os cortes não são mais suficientes. Todos os sorrisos falsos colocados no meu rosto não conseguem mais esconder a tristeza que meus olhos carregam.
    Não me encaixo nessa merda de mundo. Não me encaixo na descrição de menina perfeita que você procura. Não me encaixo nos padrões idiotas feitos por você.
   Nunca fui suficiente e sei que nunca serei. No final, estou sempre deitada nesse maldito chão gelado do banheiro, esperando que algum dia me toque que é desperdício ouvir o que você diz aos outros.
   Sei que não sou perfeita, mas por que não poderia ser perfeita para você? Por que não poderia me encaixar na sua vida tão perfeitamente quanto seu rosto?
    Você pensa em mim quando está tudo escuro no meio da noite? Você pensa em mim quando não tem ninguém do seu lado? Você pensa em mim como penso em você? 
    Qual seria a diferença se eu simplesmente pegasse esta faca bem ao meu lado, e em vez de brincar com ela, desse um fim em todo esse sofrimento? Você sentiria falta?
    As lágrimas me sufocam, e sinto como se todo o peso do mundo estivesse em cima de mim agora. É pedir demais poder tê-lo?
     Não me olhe com esse olhar de pena, porque não preciso dele. Não quero que você tenha este sentimento em relação a mim, Jin.
   É difícil assim olhar para meus grandes olhos e perceber que não aguento mais todas as suas ironias e piadas de mal gosto feitas pelas minhas costas? Você me odeia tanto assim? Você acha que eu não sei?
    Você me olha com nojo ao notar todas as marcas que fiz pelo meu corpo, sendo que você nem ao menos sabe o motivo delas. Talvez se me deixasse tentar, mesmo que um pouco, poderia me conhecer... Poderia entender que sou muito mais que essa simples tristeza.
    As pessoas dizem que preciso me tratar, mas nenhuma delas consegue ver que eu só preciso de você. Preciso que você me salve antes que eu caia... Porque no final do dia, eu não quero morrer sozinha.
   Não consigo tirar esta dor para longe de mim, e acho que talvez agora, nem mesmo você conseguiria levá-la embora.
   Para uns, a vida parece tão fácil, que chega a ser difícil entender o porquê de tanto sentimento ruim. Mas para mim, os dias se tornam cada vez mais difíceis, e tudo ao meu redor está desmoronando.
    Será que do outro lado há alguém que realmente queira ser meu amigo? Que me ame como eu quero ser amada?
    Você irá me salvar? Ou no final das contas, quando eu não aguentar mais abrir meus olhos, só terei o céu e o inferno e mais ninguém?
   O enjôo que sinto, a dor que sinto, a tristeza que sinto, não são suficientes para você me olhar? Será que você sofre tanto quanto eu?
    Talvez seja eu quem não te conhece. Todas as vezes que você passava pelo corredor, calado, sem nem olhar para o lado como se a dor alheia não lhe dissesse respeito, era por que você também estava sofrendo?
    Seokjin, você ao menos sabe que eu existo? Talvez a culpa seja minha de nunca ter tentado chegar perto. Talvez a culpa seja minha por só ficar de longe lhe observando. Talvez a culpa seja minha, e não sua.
   Toda a raiva que eu carrego é alheia? Toda indagação feita foi em vão?
    Estou farta, mas não o suficiente. Esperarei que você me salve. Mas talvez você não queira me procurar, e eu realmente irei morrer sozinha.


Notas Finais


Então foi esse o segundo capítulo!! Espero que tenham gostado!!!!

Postarei um capítulo na sexta-feira...
Até 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...