História The legend of Korra (Korrasami) - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Avatar: A Lenda de Korra
Personagens Amon, Asami Sato, Bolin, Korra, Mako, Suyin Beifong, Tenzin
Tags Amon, Asami, Bolin, Bopal, Korra, Korrasami, Kuvira, Mako, Opal, Vaato, Zaheer
Visualizações 40
Palavras 1.587
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Luta, Policial, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Tempo e reconciliação


Fanfic / Fanfiction The legend of Korra (Korrasami) - Capítulo 11 - Tempo e reconciliação

A neve caia forte no Paulo sul,o tempo era frio de natureza,mas para Korra isso não importava,tudo que ela sentia era um vazio no peito como se algo faltasse e faltava.Korra chorava baixinho,seu peito se apertava quando lembrava que Asami não estava com ela.Naga estava deitada parcialmente em seu colo,a mascote teve que voltar para casa pois Korra achou melhor assim.As lágrimas de Korra caiam no pelo de naga,que entendia de certo modo o sofrimento de Korra.

Os pais de nossa avatar, estavam muito preocupante com a filha,pois Korra não comia a duas semanas.Katara falar com Korra e a conselhou a comer,pois Asami não gostaria de vê-la assim.Korra acordou e ficou na cama, pensando em como Asami deve estar,se ela está bem ou não.

- Eu sinto tanto sua falta amor - Korra falou baixinho,tocando a aliança em seu dedo.

[....]

- Asami filha venha comer,já faz duas semanas que você não come nada - Hiroshi falou entrando no quarto de Asami.

Asami nem se moveu,ela chorava baixinho por entre as cobertas.Ela havia recebido a notícia de que Korra voltou para o Paulo Sul, desde então ficou trancada no quarto chorando.Asami sentia um vazio no peito, doía imaginar que Korra não voltasse mais para ela.

- Filha? - Hiroshi chamou mais uma vez.

O pai de Asami senta ao seu lado na cama e acaricia os cabelos de Asami, enquanto a mesma chora baixinho.

- Porque não vai atrás dela? vocês estão sofrendo muito filha - Hiroshi Sugeriu abraçando a filha.

- E se ela não quiser falar comigo? - Asami falou entre soluços.

- Lógico que ela vai querer te ver filha,que tal você comer algo enquanto eu ligo para saber se a alguma embarcação para o Sul ? - Hiroshi falou animando um pouco Asami.

- Tudo bem - Asami falou soltando um sorriso de lado.

Hiroshi beija a testa da filha e sai do quarto,ligando para alguns amigos de embarcação.Asami levanta da cama e vai para o banheiro,ela havia cogitado essa ideia a uma semana atrás para ir ao Paulo Sul,mas não teve coragem de ir,ela já sofreu demais sem Korra e vai lutar por ela.

[....]

Bolin e Mako visitaram Asami antes dela ir para o Paulo Sul,os dois irmãos perceberam o quão mal Asami estava e Korra também,já que os mesmo a um dia atrás voltaram do Paulo Sul.

- Como ela está? - Asami perguntou assim que Mako e Bolin chegaram antes dela embarcar.

- Mal,ela não está se alimentando bem - Mako falou meio nervoso.

- Isso é culpa minha - Asami murmurou triste.

- Não,isso não é culpa de nenhuma das duas,o amor tem obstáculos e vocês passaram por esse - Bolin falou encorajando Asami.

- Bolin tem razão,vocês já provaram uma vez o quão forte e o amor, não desistam agora - Mako falou também encorajando Asami.

- Obrigada Bolin,Mako - Asami agradeceu, abraçando os dois irmãos que retribuíram o abraço.

- Boa sorte Sami - Bolin desejou.

- Que vocês fiquem bem - Mako desejou com um aceno.

Asami entra no barco sentindo seu coração bater mais rápido,ela iria ver Korra finalmente teve coragem e agora não tem volta.

[....]

- Mãe eu vou sair com a naga ok? - Korra falou, levantando da mesa.

Por algum motivo desconhecido ela sentiu a necessidade de comer bem reforçado e assim que terminou resolveu sair um pouco.Senna estranha o comportamento da filha,mas fica alegre pois é a primeira vez em duas semanas que ela sai de casa.Korra sobe em naga e as duas começam a caminhar por qualquer direção,até que Korra acha um senhor com dificuldade de levar seu balde de água para dentro de cada.

- Precisa de ajuda? - Korra perguntou descendo de naga e indo para perto do senhor.

- Sim jovem - o senhor falou sorrindo gentil.

 Korra pega o balde com facilidade e coloca na casa do senhor,que agradece pela ajuda da avatar.A nossa avatar volta a subir em naga, continuando a vagar ajudando a quem precisar dela.Um pequenino estava preso na água,entre o gelo e o buraco que caiu,ele gritava por socorro e Korra que passava perto se apressou a ajudar o menino.Puxando seu pequeno corpo para cima,Korra enrola o pequeno com seu casaco tentando esquenta-ló o mais rápido possível.

- O-Obrigado A-Avatar - o pequeno falou tremendo os lábio pelo frio.

- Não foi nada,mas aonde você mora ? - Korra perguntou andando até naga.

- A-Aqui p-perto - o pequeno falou baixinho,mas Korra pode ouvir.

- Você pode me guiar? - Korra perguntou subindo em naga, enquanto o pequeno estava em seu colo.

Com um leve aceno do pequeno,Korra começa a andar com naga até a casa do menino,que assim que a mãe o vê corre para perto de Korra, abraçando o filho com força.

- O meu amor, nunca mais saia de perto da mamãe ok? - a mulher falou preocupada e aliviada.

- S-Sim mamãe - o garotinho falou abraçando a mãe com força.

- Obrigada avatar - a mulher agradeceu Olhando para Korra.

- Não a de que - Korra falou coçando a nuca.

O frio não incomodava tanto a avatar,já que ela estava acostumada com aquele clima gelado.

- Vamos entrar,aceita um chá avatar ? - A mulher perguntou.

- Eu não quero incomodar - Korra falou acariciando naga.

- Não incomoda, eu faço questão é o mínimo que posso fazer por salvar meu filho - A mulher insistiu.

- Ok então - Korra sedeu, entrando na casa da mulher.

[....]

Asami chegou a noite no Paulo Sul e se dirigiu para a casa de Senna,ela foi levada por um guarda até lá,que observou Asami demais.Chegando na casa de Senna,Asami sentia um grande nervosismo mas respirou fundo.Bateu na porta e Senna recebe Asami.

- Você deve ser Asami? - Senna perguntou sorrindo gentil,dando passagem para Asami entrar.

- Sim - Asami respondeu corada,ela estava diante de sua sogra.

- Não precisa se envergonhar querida,se você ama minha filha e a faz feliz e o suficiente para mim - Senna falou indicando para Asami sentar.

- A Korra está ? - Asami perguntou ainda corada.

- Não,mas logo ela volta me conte como vocês se conheceram,quero saber o seu lado da história - Senna falou pegando duas chicaras de chá e ofereceu uma a Asami que aceitou.

- Então nós....

[....]

Korra voltava com naga para cada e no caminho encontra seu pai Tonraq.

- Filha como você se sente ? - Tonraq perguntou, aproximando-se de Korra.

- Bem pai,mas ainda sinto muito a falta de Asami - Korra falou olhando para o nada.

- Vocês vão se acertar filha, mais porque você não vai atrás dela ? - Tonraq sugeriu.

- E se ela não quiser me ver,eu tenho medo dela me rejeitar pai - Korra falou olhando para seu pai.

- Besteira filha se ela te ama de verdade ela vai querer te ver - Tonraq falou com confiança.

- Eu tenho medo pai - Korra confessou se aproximando de casa.

- Todos temos medo Korra,basta você superar o medo pela confiança de revê-la e tudo vai dar certo - Tonraq falou parando em frente a porta.

- Tem razão pai, obrigada - Korra falou esperançosa.

Tonraq chama sua esposa e Korra desce de naga.Senna abre a porta sorrindo e os dois entram, enquanto Korra divaga o quanto sente falta de Asami e que iria para cidade república só para encontrá-la.Korra não se deu conta que Asami estava ali,e a mesma já sorria emocionada por saber que Korra iria procurá-la.

- Eu vou embusca da minha princesa - Korra fez graça, fazendo pose de super man, arrancando risadas dos pais e Asami.

Korra ao ouvir o riso de Asami, olha para trás vendo Asami olhando-a emocionada. Lagrimas desciam dos olhos das duas ,seus corações batiam descompassados no peito,o amor voltava com força em seus corações, enquanto se olhavam.

- Korra - Asami sussurrou se jogando nos braços de Korra. 

- Sami - Korra sussurrou apertando Asami contra seu corpo.

Asami coloca a cabeça na curva do pescoço de Korra, aspirando o cheiro da noiva.Korra fez o mesmo, aspirando o cheiro doce da noiva, sentindo o quanto sentiu saudades de Asami.

- Não me deixa - Asami sussurrou chorando contra o ombro de Korra.

- Nunca Mais - Korra falou beijando o ombro de Asami.

[....]

Korra e Asami estavam deitadas na cama da avatar, Asami com a cabeça no peito de korra, enquanto a avatar faz carinho nós cabelos de Asami.Estavam num silêncio agradável, não precisavam de palavras pois seus gestos já diziam tudo.

- Amor,me faz sua - Asami susurrou beijando o pescoço de Korra.

- Sami - Korra susurrou beijando Asami, enquanto suas mãos acariciam sua cintura.

Distribuindo beijos pelo pescoço de Asami,Korra vai tirando a blusa de dormir de Asami e o pequeno short,deixando só a calcinha de Asami,já que não precisavam dormir com sutiã.Korra fez uma leve carícia nos seios de Asami,ouvindo seus gemidos doces.Asami tira a blusa de Korra e a calça se dormir, deixando só a cueca marcada pela ereção.Voltando a seção de carícias,Asami arranha de leve a barriga de Korra e com certa calma tira o resto das roupas de Korra e as suas.Com calma Korra penetra Asami, investindo lentamente contra ela,ouvindo os gemidos de Asami se misturar com os seus,eram baixinhos pois não queriam acordar os pais de Korra.Asami arranhava de leve as costas de Korra, arrancando gemidos da mesma, enquanto investia contra o centro quente de Asami.Elas estavam fazendo amor, o mais puro e lindo amor,era a fusão de seus corpos,suas almas se uniram conectando-se e se tornando um só.Os obstáculos poderiam ser fortes,mas elas seriam fortes para ultrapassar qualquer uma dificuldade.O centro de Asami apertou o membro de Korra, indicando que ela gozaria a qualquer momento e Korra também sentiu que iria gozar a qualquer momento.Chegaram ao clímax juntas e fizeram juras de amor, enquanto faziam amor novamente.


Notas Finais


Será que agora tem bebê Korrasami?😏
Comentem ai.

Até a próxima amores 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...