1. Spirit Fanfics >
  2. The Letter - Beauany >
  3. Quem é Josh?

História The Letter - Beauany - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Quem é Josh?


            Hoje completa exatamente um mês desde que voltei para o Brasil e algumas coisas mudaram bastante. Para começar: minha vó descobriu que eu saí para beber aquele dia (não é como se tivesse sido difícil pois assim que ela chegou em casa, eu mal conseguia parar em pé e, bom, eu não sei lidar muito bem com mentiras) e ela ainda ligou para a minha mãe e contou tudo. Então, conclusão da história: as duas entraram em um "acordo" onde eu só iria poder ficar no Brasil se eu arrumasse um emprego para me sustentar e voltasse a estudar.

          Então cá estou eu, esperando o ônibus que, segundo minha vó, deveria passar de quinze em quinze minutos, mas está atrasado a mais de meia hora. Já são seis e cinquenta da manhã e a aula começa às sete. Pego o celular no bolso para trocar a música e me assusto com um barulho de buzina. É Krystian no banco do carona com seu pai dirigindo.

          — Atrasado no primeiro dia de aula, Beauchamp? — Ele ri e o pai dele para o carro ao meu lado. —  Quer carona?

          — Já que você insiste... — Faço o grande "sacrifício" de entrar no carro. Poxa... Eu nem queria...

            O pai do Krys aperta o acelerador sem piedade e um trajeto que demoraria uns vinte minutos, ele fez em menos de oito. Chegamos na escola exatamente às sete horas assim que o sinal bateu.

           Não foi difícil para Krys me convencer a estudar no "Now United Education", já que ele também estuda aqui e, como estamos quase no final de agosto, ele prometeu que me ajudaria com todas as matérias que eu precisasse, e além, é claro, dessas caronas pela manhã. A escola tem até um sistema de ensino bilíngue que facilita bastante, já que eu falo inglês fluentemente pelos dois anos em LA.

           E, é claro, tinha tudo para dar certo até avistar Noah conversando com algumas pessoas logo após a entrada. 

ANY POV

           Mais uma segunda-feira e, como de costume, estou atrasada. Contando com hoje, será o terceiro atraso do mês e não estranho quando, assim que entro na escola, o coordenador pede para passar na sala dele depois da primeira aula.

          A gente sabe que o dia vai ser bom quando começa assim...

          O primeiro tempo é de química então nem me preocupo em correr pra sala, já que a professora sempre é mais atrasada do que eu. Quando chego, todos ainda estão de pé conversando em grupinhos separados.

          — Any, você chegou finalmente! — Shivani corre até mim. — Você não vai acreditar quem é o aluno novo?! — Ela diz toda desesperada e com um leve nervosismo que eu ainda não sei decifrar. — Josh Beauchamp! — Ela responde mesmo antes de mim.

          — Bom dia a todos. Sentem-se e peguem os cadernos! — Tomo um susto com a voz da professora atrás de mim, já que estou em pé perto da porta. Shivani me puxa até o final da sala onde Joalin, Lamar e Noah estão sentados e aponta para o lugar vazio atrás da mesa dela.

          — E quem é Josh, afinal? — cochicho, me arrumando em meu assento.

          — Ah não, Any! — Todos eles falam juntos e eu continuo sem entender.

          — Eu não conheço nenhum Josh! Do que vocês estão falando?

           — A gente já te contou essa história um milhão de vezes garota! — Lamar diz como se fosse óbvio, mas eu realmente não me lembro. Eu entrei na escola este ano e só sei de algumas coisas do passado, já que todos se conhecem a bastante tempo.

             — Você deve estar comendo queijo demais não é possível. — Noah zomba.

             — Ok, então vamos refrescar sua mente... — Me viro para trás para olhar para Joalin. — Josh era aquele amigo do Noah até ele...

             — Ahhh, esse Josh... ok lembrei. — Acabo falando alto demais e a professora para de escrever no quadro para olhar para o dono da voz. Todos se calam na mesma hora.

             — Senhorita Any, vai esperar até quando para abrir o caderno?

            A professora continua pegando no meu pé o resto da aula inteira mas de qualquer forma não consigo prestar atenção, se eu vejo uma poerinha caindo do chão eu já me distraio. A culpa não é minha se a aula dela não é nem um pouco interessante. Por que eu tenho que saber a massa de um átomo de fósforo em pleno primeiro tempo de segunda-feira??

            O sinal indica que a primeira aula acabou — graças a Deus — mas eu não posso seguir o mesmo caminho que os outros, já que eu tenho uma "reunião" com o coordenador.

            Irra, segundei!

            — Ei, linda! — Escuto Antonio gritar em meio à multidão tentando trafegar pelo corredor.  Ele vem em minha direção e olha em volta antes de me dar um selinho. — Sua sala não é pelo outro lado?

            — Sim, mas eu tenho que ir na coordenação antes.

            — Quem é você e o que fez com a minha namorada?

            — kkk bobo.

            — Posso ir com você? Eu realmente não quero ir pra aula de física agora.

            Podemos dizer que eu e o Antonio não estamos lá nosso melhor momento. Confiança é algo que leva tempo para conquistar e eu ainda estou tentando esquecer tudo o que aconteceu, mas eu sei que se eu quero recomeçar, não adianta nada guardar mágoas do passado.

           — Claro.

♥︎ ♥︎ ♥︎

          Simon Fuller é o coordenador do ensino médio da Now United Education. Qualquer problema que temos, ele resolve, tudo o que precisamos é só falar com ele e, sendo assim, ele conhece todos os alunos.

         Mas apesar de todas as coisas boas, Simon tem uma única regra em particular que é: "Sem relacionamentos amorosos nas dependências da escola". Então assim que ele abre a porta para me chamar e vê eu e o Antonio sentados juntos na sala de espera, eu tomo um susto e me levanto na mesma hora.

         — Não me lembro de ter chamado o senhor, Lopes. E tenho certeza de que você tem uma aula para assistir agora. — Simon fala com um tom autoritário e Antonio, que já me disse várias vezes que tem medo dele, sai da coordenação sem ao menos me dizer tchau.

          Simon faz um sinal para que eu entre na sua sala e eu sento na cadeira à minha frente enquanto ele fecha a porta.

         — Não estrague seu futuro aqui no Now United por um namoro inútil, Any. — Eu nego, porque se algum de nós assumir que estamos namorando, podemos até ser expulsos. — Eu não sou bobo e sei que rola alguma coisa entre vocês, então não vou poder deixar passar em branco se eu ver algo assim novamente, ok?  — Engulo em seco e assinto rapidamente. — Mas enfim... Este não foi o motivo pelo qual eu te chamei aqui, e, bom...

             — Eu sei que eu me atrasei de novo e deve ser a terceira vez nesse mês mas é a minha mãe que me traz para a escola e tem o meu irmão também e... — O interrompo falando tudo de uma vez mas paro quando percebo sua expressão facial, como se não estivesse entendendo nada do que eu estou falando. — ...E não era sobre isso que você queria conversar né?!

            — Não... — Ele ri do meu desespero. — Bom, eu não sei se você sabe, já que é nova na escola, mas todos os anos em dezembro, nossa escola realiza o Show de Final de Ano, onde um aluno fica responsável por toda a organização do evento.

            — Ok mas... Onde eu entro nessa história?? — Pergunto e ele apenas ergue as sobrancelhas como se fosse óbvio. Any, sua burra! — Eu?? Você quer que eu organize tudo?? — Eu não sei nem o que pensar sobre isso.

           — Eu sei que você ainda é do segundo ano, mas você só precisa criar um tema para o show deste ano e coreografar uma música para a apresentação. E além do mais, você pode pedir ajuda para alguém do terceiro ano. A Sabina foi a aluna representante do ano passado, você conhece ela, certo?

           — Sim, a Sabina é namo... — Me interrompo quando percebo que quase deixei escapar.

          — Que?

           — Nada k k — Me faço de sonsa. — Sabina é minha amiga. — Rio de nervoso.

            Sabina é namorada do Pepe, que é um grande amigo meu, já que moramos no mesmo prédio. Ele que me apresentou Antonio, por fazerem parte do time de futebol juntos, e para me redimir com ele, quando descobri que Pepe tinha uma paixão secreta pela morena da sala dele, fui até ela desenrolar meu amigo e eles estão juntos desde então, já que ela também gostava dele mas nunca teve coragem de dizer. E é isso que eu digo crianças: demonstrem seus sentimentos, sempre!

           — Hm... Mas então... O que me diz? — Simon bate seus dedos na mesa esperando a minha resposta.

           Ninguém nunca tinha me dito sobre o Show de Final de Ano então não sei o que dizer. Tenho medo de dizer que sim e me arrepender depois por não conseguir dar conta de tudo mas não quero perder a oportunidade de fazer parte de algo que me parece ser muito legal.

            — Preciso responder agora?

            — Te dou até o final da manhã para me dar uma resposta, ok?

            — Ok, obrigada.

            Ele se levanta e abre a porta para que eu saia, e assim que eu o faço, dou de cara com um garoto loiro que me parece bastante familiar.

             — Ah, e Any... — Simon me chama e me viro para olhá-lo. — Nada de chegar atrasada amanhã, hein!

             — Pode deixar! — Ele acena e eu saio do caminho para que o garoto entre na sala dele.

             — Josh, certo? Como está sendo o primeiro dia de aula? — Escuto Simon dizer ao garoto e até me viro para observar melhor o "Josh" que todos os meus amigos falam.

            O loiro percebe que eu estou olhando e me encara, dando um sorrisinho de lado antes de entrar na sala do coordenador. Eu sinto que já vi ele em algum lugar e tento me recordar no caminho até a minha aula de Geografia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...