História The Life I Lost - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Jared Padalecki, Jensen Ackles
Personagens Jared Padalecki, Jensen Ackles, Personagens Originais
Tags Jared Padalecki, Jensen Ackles, Novela, Romance
Visualizações 76
Palavras 761
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Em busca de memórias


Fanfic / Fanfiction The Life I Lost - Capítulo 4 - Em busca de memórias

Após  o desmaio de Sam , o mesmo foi examinado por Gabriel que constatou que o moreno teve uma queda de pressão, o mesmo não  contou sobre sua pequena lembrança, preferiu guardar para sim talvez tivesse ficado impressionado com toda a história. 

-Olha ele é  o Jared, eu tenho certeza disso , não  sei como mas ele escapou do acidente e eu não  saio daqui sem levá-lo comigo!

-...O senhor não  pode fazer  isso!

-Le é  quem vai decidolir quando acordar..

-Decidir o que?     Disse o moreno abrindo os olhos e tentando se levantar.

-A ir com

- a gente papai Jey!          Disse o garotinho com olhinhos pidoes que mais parecia os de um cachorrinho que caiu da mudança, bem parecidos com os de um certo moreno.

- Eu acho que não  é  uma boa idéia  !     Tentou argumentar o médico .

-Lo e favor papai!    Não  sei porque demorou tanto mas não  quero mais que faça  isso!

Por algum motivo o rapaz achou que não  podia contrariar um pedido como esse , algo em seu peito pedia para que ficasse próximo ao garoto.Por coincidência do destino, Gerald e Sharon  estavam no hospital por conta de uma consulta de Sharon e ambos entraram na sala se deparando com o genro e o neto e as outra figuras, Jared estava de costas mas o instinto de Sharon se abalou desde que botou seu olhos em suas costas, conhecia aquele garoto até  de   olhos fechados, apemas por sentir sua presença, a mulher colocou a mão  na boca sendo seguida pelos olhares curiosos de todos que estavam presentes inclusive os do moreno  que se virava para ver quem havia chego.

- Meu filho!!!  JEY É  VOCÊ?         Sharon se jogou em seus braços  chorando , passou a mão  em todo o seu rosto o reconhecendo, beijou cada cantinho do seu rosto sem que o mesmo esboçada nenhuma reação, só  então  parou com o coração  batendo forte.

--Ele não  lembra!          Disse Jen com um nó  na garganta.

 - É  vovó, mas eu vou fazer ele lembrar! Não  é  papai Jen?

- É  meu amor! Nós  vamos!      Ele disse só  então  notou o quanto o rapaz ficara  rubro com o comentário. 

-E então  Sam, você  vai querer ir com eles?      Perguntou Gabe.

- Eu.... não  sei ...

--Querido não  tenha receio, o que estamos dizendo é  a mais  pura verdade!     Disse Sharon.A mesma estava abraçada  com o marido que ainda estava atordoado com tudo .

-papai?!!!     O garotinho olhou novamente dentro dos olhos de  Jared.

- Eu vou....            o moreno disse; então  o loiro pegou sua mão, sua expressão  ficou confusa quando este a soltou.

- Eu não  vou para a sua  casa, vou para a casa dela!          Disse Jared se referindo a Sharon, não  sabia se algum dia poderia voltar a chama-la de mãe. 

-Mas Jey?!

- Jen! De um tempo a Ele.Sei que quer estar perto dele , mas tem que respeitar sua decisão.    Disse Sharon, sabia o quanto o genro amava seu filho, mas o mesmo estava confuso e não  seria bom força-los a fazer algo de que não  deseja.Principalmente para sua mente.

Sharon e Gerald passará onde o moreno  estava morando e o ajudou a pegar suas coisas, Claro que não  abandonaria o emprego pois gostava de fazer o que fazia, além  do que não  seria sustentado por ninguém  a não  ser ele mesmo.

Entrar em seu antigo quarto de solteiro foi frustrante, achou que suas memórias  viriam como uma enchente  a encher uma represa vazia, mas não  foi isso que aconteceu, nada lhe parecia familiar. SABER QUE não  tinha a mínima  idéia de quem era achava no mínimo assustador, não devia ter aceitado  vir com eles  , mesmo QUE dissessem ser seus pais.

-Jared?

-  Sam, por favor!       Eu me sinto melhor em ser chamado assim.

-Ah  Querido!         Sharon não   se conteve e abraçou o filho. Jamais  se casaria de abraçar e beijar seu bebê, esses meses achando que o filho tivesse  morto , e agora tê-lo à  sua frente, só conseguia  querer abraça -Lo  e não soltar  nunca mais.

-- Desculpe!      Disse Jared. 

- Pelo quê  Querido?

- Por  não lembrar sabe!

- Não é  culpa sua Jey, quer dizer Sam!

- Me desculpe por isso também, pode me chamar de Jared se quizer!

- Obrigada filho.... mas é Jensen por que não  quis ficar com Ele?

- Eu ...acho que fui eu com medo dele criar expectativas sabe, e se eu nunca mais lembrar dele, e do Thom?

-  Você vai lembrar , tenho certeza que você vai conseguir Querido!

-Obrigado...mãe....    Sharon sorriu carinhosa, achou que jamais veria o filho de novo e mesmo que estivesse sem memória, tinha certeza que Deus ou algum anjo o tinha guardado do perigo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...