1. Spirit Fanfics >
  2. The Lighthouse Adventure >
  3. Prólogo

História The Lighthouse Adventure - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Prólogo


Corro desesperadamente em um zigue-zague frenético até a porta. Desta vez eu vou conseguir. Estou sentindo. O breu ao meu redor alimenta minha sensação de imersão. A única fonte de luz vem detrás da porta. Não posso parar. Não agora.

- Não! Por Favor! - Grita uma mulher por trás da porta de carvalho, sua voz é de medo desesperado, seguido de angústia, e dor.

- AGUENTA AÍ! - Grito de volta. Preciso chegar a tempo, estou perdendo o fôlego. A porta parece nunca chegar. Ela se afasta conforme corro em sua direção. Porém, quem quer que esteja gritando, precisa saber que tentarei ajudar. É minha obrigação.

Ouço uma risada diabólica e grave que faz cada centímetro do meu corpo se arrepiar. Tenho a sensação de que já ouvi essa gargalhada antes. Muito tempo atrás...

- PEGUE ELE E CORRA! - Agora é uma voz masculina. Provavelmente há uma criança com eles. Um casal. Uma família. Família.

A criança não berra, será que tem noção do que está acontecendo? Ou simplesmente não quer reagir.

- JÁ ESTOU INDO, ACALMEM-SE! - Grito novamente. Sinto-me ridículo. Não é possível manter a calma.

- RÁPIDO! RÁPI... - Grita a agoniada voz de uma mulher. Porém o que era para ter sido um "DO" se transformou em um urro de dor. Aquilo não era bom, urros assim são sempre acompanhados de sangue, ou coisa pior...

- NÃO! - Grita o homem com uma voz chorosa e com um toque forte de raiva. Imagino ele segurando a esposa ou seja quem a mulher for, em seus braços trêmulos.

Reprimo lágrimas. Não chegarei a tempo. Mas pisco e de repente estou diante da porta. Os gritos do homem se seguem. "NÃO! NÃO! NÃO!". Pego a maçaneta e a giro, a porta não abre, está trancada. Bato os punhos furiosamente contra o carvalho. Sem reação.

Sinto o sangue subir frio pelo meu corpo. E começo a correr de costas, sem olhar para trás, pois sei que não há nada atrás de mim. Posiciono o ombro, me encho até os cabelos de determinação, e corro o mais rápido que posso, sem pensar, sem hesitar, sem medo do que vai acontecer. Preparo-me para o impacto, mas nada acontece.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...