História The Little Fairy - Imagine Jimin - - Capítulo 3


Escrita por: e Bibiisviieira

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Acidente, Asas, Exo, Fadas, Hae, Irene, Kai, Misterios, Sehun, Vale Das Fadas, Xiumin
Visualizações 20
Palavras 1.072
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Acabei voltando pra postar no mesmo dia!
Eu estava ansiosa. Saber que tem cap guardado pronto pra ser postado, e não postar me da agonia! Kjkjkj
💜💜Encontro dos dois💚💚
🍃🍃N sei se coloco nome nos cap's🌌🌌

Capítulo 3 - Chapter Three


Fanfic / Fanfiction The Little Fairy - Imagine Jimin - - Capítulo 3 - Chapter Three

Coreia do Sul. 11:30.

Voando Pelo Céu de Seoul.

Hae, Point Of View:


 Dava rodopios entre as nuvens, cambalhotas pelo ar e voava rápido, olhei pra baixo e pude ter a bela imagem da grande cidade dos maiores, vulgo humanos. Ninguém do vale ousa a se transformar em humano - sim! Podemos virar humanos, não sei quem que fez as fada mas pensou exatamente caso acontece-se alguma coisa. - é como se você virasse uma traição, ou só em caso de vida ou morte: alguém atacasse a vila.

 Continuei a olhar para baixo de braços cruzados, tudo parece ser menor que eu... Ainda não saiu da minha cabeça que minha prima poderia muito bem ir pegar essa maldita e água eu poderia estar nas minhas cobertas! Mas como a "linda filha de minha tia" não quis ir, eu vou. Como sempre foi, ela é a mimada e eu a hóspede ou intrusa... Voava cada vez mais rápido sem me preocupar com nada. Até que olho pra cima e vejo um pássaro vindo em minha direção.

-- Merda! Sai! -- Gritei já a milímetros de distância do pássaro branco. Abracei meus braços em uma forma de defesa e abaixei minha cabeça. 


 Trombei as asas umas nas outras sem conseguir voar novamente, fui caindo rapidamente. Estava desesperada, começei a gritar e a tentar a mexer minhas asas elas não estavam funcionando, apenas se debatia uma na outra. - e o casaco não ajudava muito. - Tentei voar mas foi falho, comecei a enchergar um... Prédio? Um prédio branco, pouco mais a baixo, apenas tentei não o bater, mas foi em vão. Acabei por não conseguir fazer muita coisa. Apenas senti meu pequeno corpo se colidir com algo frio fazendo um barulho imenso e eu adormecer olhando o céu com o Sol brilhando cada vez mais forte.


Jimin Point Of View.


 Estava fazendo as atividades que eu havia deixado pra outro dia, apertava o lápis cada vez mais forte descontando minha raiva nele, depois teria que passar na livraria pra pegar um novo mas eu estava precisando fazer isso, descontar minha raiva em algum lugar...

 Ouço um barulho imenso, olhei rapidamente pra trás vendo que havia um trinco no vidro da janela, provavelmente quebrou! Levantei e segui na direção da janela, coloquei minha mão onde havia a rachadura e acabou caindo um pedaço. Olho pra baixo vendo uma coisinha pequena, azul, piscava instantaneamente... Cheguei mais perto e pude ver o quão aquela coisinha pequena azul brilhava, ou melhor, piscava.

 Minha raiva havia passado por alguns segundos quando a olhei, não havia entendido o porquê. Uma menina, linda, com asas e vestindo uma coisa mais despojada, suas asas eram azuis, com mais ou menos 20cm, mesmo não dando pra ver seu pequeno rosto muito bem dava para se dizer que era linda. Por um momento mantive a calma a coloquei na cama e olhei pra minha janela me enchendo de raiva novamente.

 Uma fada? Sério isso? Deus me mandou uma fada? O que aconteceu? Nem sei se isso é uma fada mesmo! Mas chegou e simplesmente destruiu o vidro da janela... Mas que coisa! Hoje não é meu dia, com certeza!

 Me sentei na cama e fiquei a fita-la era pequena e bonita estava desmaiada, como isso pode ser possível? Um ser místico? É adorável! A balanço com o meu dedo sem resposta, está morta? Não pode ser! Afinal... Por que eu estou me preocupando com essa coisa? Ah é! Eu tenho um coração bom.

 Coloco o meu menor dedo (Mindinho do Jimin) no seu pescoço conferindo se estava viva, com o meu dedo não deu para sentir muito bem mas acho que ela está viva, espero que esteja. A deixei deitada na cama ainda desacreditado. Fada?!

 Fui fazer as atividades deixando ela para trás na cama, acabei lembrando do meu vidro, da minha nota, dos meninos e voltei a me estressar...


[...]



-- Ahn? A mas que droga! -- Ouço uma voz doce me assustando. Me viro pra trás vendo a pequena fada. - se aquilo é uma fada. -  sentada mexendo nas asas. Ela me olha e paralisa. -- Quem é você? Como eu vim parar aqui? Oque aconteceu? Minha asa! Ai minha santa Fada!


-- Bom.. Eu sou o Jimin. Você bateu na minha janela... A quebrou por sinal! -- Disse a última frase em um tom mais rude fazendo a mesma se encolher. -- Bom a sua asa, não sei... Mas agora me responda você, quem é você?... Aliás o que é você? 


-- Eu sou Hae. Sou uma fada da água, vim pegar a água do poço... Espera ai, por que eu estou te dando satisfações? -- Ela fez um bico unindo as sobrancelhas, me levantei e caminhei da sua direção vendo a mesma se levantar rápido e caminhar pra trás. -- A-ah... Sai! Contato com humano não!


-- Tecnicamente você é um humano com asas e em tamanho menor. -- Falei tentando a repreender, mas sorri largo quando a vi cruzar os braços parecendo levemente irritada; achei fofo.


-- Não ligo, apenas não encoste em mim! -- Ela diz arrumando sua roupa em batidinhas, ela fez uma posição de... Vôo? Sim. Ela foi tentar voar mas caiu rolando em cima do meu colchão. 


-- Acho melhor você ficar de repouso... -- Disse já não dando importância pra pequena fada que é de certa forma arrogante. -- Acho que eu estou ficando louco... Minha mente que fez você?  


-- Não, idiota! Sou de verdade, vou ficar de repouso porque eu quero, não porque você pediu! -- Diz emburrada se sentando na beira da cama balançando os pés. Apenas dei de ombros voltando a fazer as minhas atividades achando que eu estava louco, estou perturbado!


Hae Point Of View.


 Após o humano sevirar um completo silêncio se formou no quarto, fiquei balançando meus pés nessa coisa gigante e macia que acho ser uma cama. Senti um incomodo nas minhas costas, tirei o meu casaco com cuidado percebendo que minhas asas estavam meio... Enroladas? Uma na outra, o brilho que elas têm normalmente havia sumido, estou um pouco preocupada. Mas estou mais com esse humano! Ele não parece querer me machucar, mas é um humano, sempre foi recomendado dês de pequenos: "Nunca Acreditar Em Humanos" ou "Manter Distância, Podem Ser Perigosos". Se a rainha me vir eu estou ferrada!  Eu posso ser banida....
 Ele é realmente bonito, com os cabelos de aparência macia... Deu Hae!...



Notas Finais


Gostaram da Hae esquentadinha?
Ela vai abaixar o fogo logo, logo. E vai ficar apenas com o seu poder da água rs♡ KKK
Jimin um pouco estressado? Talvez mas ele também vai ficar suave, assim espero KKK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...