História The Lost Daughter - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Os Vingadores (The Avengers), Pantera Negra, S.H.I.E.L.D., Viúva-Negra (Black Widow)
Personagens Natasha Romanoff, Personagens Originais, Steve Rogers
Tags Romanogers
Visualizações 33
Palavras 1.080
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Capítulo 7


Fanfic / Fanfiction The Lost Daughter - Capítulo 7 - Capítulo 7

Pov Amélia

Eu estou em Nova York receber uma condecoração é meu pai e mãe estão comigo pra também uma missão mas Fury nos liga

-Incendio rua xxxx ,Agente Romanoff sua moto já está chegando -diz pra mim -E o seus carros 

Minha moto chega ,já estava com a roupa ,os bombeiros tantavam entrar mas o fogo só aumentava 

-Quantas pessoas ?

-7 -responde -Voce consegue tirá-las de lá ?

-Ela e a Capitã Vermelha pode tudo -responde uma menina com a camiseta com uma estrela preta igual do meu escudo 

-Viuva -meus país chegam -Ja tem um plano 

-Cap pode ficar embaixo do prédio com o escudo inclinado -peco e ele faz 

Eu corro até o escudo pulo nele com a ajuda da força do Cap consigo entrar e já achei um menino com um cachorro e ele estava assustado 

-Se acalma ok ? Aperta ele pra não cair e não olha pra baixo -ele afirma e o jogo prós braços do Cap 

Em outro andar tinha uma família com 4 e são pegas pelos bombeiros ,encontro uma menina loira dentro de um armário abraçada a um urso 

-Eu estou com medo -diz e me abraça 

-Se abraça a isso ok ? A viúva negra vai estar lá embaixo 

-Voce não vai ? 

-Eu já vou -olho em seus olhinhos verdes -So não olha pra baixo -A jogo e cai nos braços de minha mãe 

Eu não conseguia achar mais ninguém até que ouço um chorro de bebê ,encontro dentro de um armário e parecia ter poucos meses ,ele se acalma no meu colo quando olha no meu olho ,eu percebo vazamento de gás e sabia que ia piorar então eu pulo de uma janela com ele no colo mas quando explodio o fogo pega nas minhas costas e eu caio e o bebê estava bem 

-Voce está bem ?-pergunta minha mãe preocupada 

-Estou ok -respondo me levanto e percebo um menino vestido de vermelho

-Hey sou Homem Aranha -diz e ergue a mão ,aperto e uma mulher vem até mim 

-Meu bebê -diz chorando ,a entrego 

-Parece que ainda vai salvar muitas vidas -diz o bombeiro 

-America você está bem ?-minhas costas ardiam muito 

-Sim mas preciso voltar pra Avengers' Tower agora -digo baixo -Eu já tive queimaduras aí e acho que piorou muito 

-Eu posso levar ela -se oferece Spiderman -Sou mais rápido 

-Ok -ele vem até mim e põe a mão na minha cintura e eu em seu ombro sai soltando teias 

Em pouco tempo chegamos na torre e estavam quase todos lá e Hill nota que não estou bem 

-O que aconteceu? -vem até mim e ponho meu braço em seu ombro pra ela poder me ajudar 

-Queimaduras em lugares já queimados -respondo 

-Pode soltar ela -diz pra ele que tirou a máscara mas nem notei muito -Vamos passar alguma coisa pra ajudar na cicatrização

Pov Narrador 

Os Avengers' encaravam o Peter e Stark percebe e se pronuncia 

-Entao galera esse é o Peter ,meu infiltrado em Nova York -diz e da uma fungada -Um Vingador em processo 

-Serio Sr Stark ?

-Shiu garoto ahn ,Peter esses são os Avengers ,Avengers esse é o Perter -Hill said da sala 

-Como ela está ?

-Bem mas ...acho melhor vocês verem 

Os levam até a sala onde a menina estava e suas costas estavam queimadas mas tinha mais cicatrizes ,facas ,balas mas o mais estranho algo na sua pele de vibranium ,era conectado 

Pov Amélia 

Eu acordo e sinto minhas costas destampadas e uma dor ,olho pro lado e minha mãe estava sentada na poltrona lendo um livro 

-Ola Bela adormecida -diz ao me ver e dá um sorriso -Como está se sentindo ?

-Bem acho que se curou rápido -respondo e ajeito a roupa 

-Vai explicar por que tem um ferro atravessado no seu corpo? -suspiro 

-Claro que vocês viram -digo baixo e me sento ,tiro o moleton vou até o espelho e encaro minhas costas toda machucada e vejo minha mãe me encarando pelo espelho e estava triste pelas cicatrizes -Eu tinha 10 anos ,estava em uma missão pela KGB e não queriam pagar pelos meus serviços 

-Qual era o serviço ?-pergunta com receio 

-Matar uma família -eu relembro a cara de misericórdia -Um dos guarda costas me jogou de um prédio de 20 andares -eu visto o moleton -Eles não queriam me perder então me mandaram pra China e pra conseguir andar de novo tenho ferros aqui é nas coxas são como fios -digo -Uma tecnologia inovadora eu diria . Muito nova pra matar alguém han 

-Quando Foi sua primeira morte ?

-Com 4 ,quando aprendi a segurar uma pistola -olho pro nada -Eu era conhecida como bailarina vermelha 

-Por que ?-ela já parecia saber 

-Porque minhas mortes eram dolorosas e sangrentas ,a sala ficava vermelha -tiro do meu guarda roupa meu caderninho preto com a palavra ASSASSINA na capa -Sao todas as minhas mortes -era bem cheio e todos os nomes eram em vermelho -Eu parei de contar aos 13 

-Me desculpa -pede -Voce não devia passar por isso -ela olha pra baixo 

-Mãe -a chama -Mamae -ela me olha -Nao é sua culpa isso é culpa de quem usa gravata não o que pega a arma -essa frase me acalmava mas em dias parou o efeito 

-Voce deve descansar -diz mas seguro sua mão 

-Fica mais um pouco ,por favor -ela afirma e se deita do meu lado ,a abraço e deito a cabeça em seu peito e pode se dizer ser um grande passo pra nós 

Dias depois 

O Peter se mudou para a Torre e a filha do Thor ,Lidyan com Lary Sif havia chegado a pouco dias. Eu estava na sala de armas com Wanda ,a ensinando algumas coisas 

-Destrava ,se prepara pro tranco é -ela atira -Isso 

-Nao achei que era assim o tranco -revela -Tem algumas armas mais leves ,outras mais pesadas só depende do seu gosto e do propósito 

-Como assim ?

-Se você quiser algo pra muitas pessoas metralhadora, só pra uma com mira ,pra perto pistola ....vai de cada um -respondo e pego uma pistola -Aqui eu mudei ela ,o tranco é menor e tem maior precisão -entrego pra ela que sorri mostrando as covinhas 

-Muito obrigada -eu sorrio -Ja decidiu o que vai usar no baile de gala de Stark ?

-Eu tinha me esquecido disso -digo e suspiro -Voce já ?

-Ainda não ,você vai comigo -diz -Nos encontramos lá em baixo em 10 minutos ?

-No carro preto do Stark ,último que ele comprou 

-Ok



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...